Digital Drops Blog de Brinquedo

Blogs: Notícia quente, fontes frias. Cuidados antes de se publicar.

Por em 11 de agosto de 2006

Ao se ver um texto bem construído, criticando uma empresa, é importante fazer uma verificação das fontes da sua fonte de informação. A regra aqui no Meiobit é sempre publicar de onde tiramos a notícia, para que os leitores saibam se a fonte é boa ou ruim e possam conferir, eles mesmos, a veracidade do que foi escrito. A opinião e experiências pessoais do autor com o assunto aproximam-no da realidade do leitor, tornando a leitura mais atraente que uma “redação de jornal”.

Falar mal da Microsoft é como lutar Krav Magá com cachorro morto: ninguém resiste em bater um pouco mais no saco de pancadas predileto de 90% dos sites sobre tecnologia.
E esse foi o pecado cometido pelo DownloadSquad ao publicar uma matéria criticando ferozmente o Internet Explorer 7, citando artigos e fundamentando corretamente a opinião. Comecei a escrever um post sobre o assunto até que ao verificar as fontes dos posts, notei que a data era Agosto de 2005.

As fontes estão todas corretas, assim como as opiniões emitidas, mas os dados são TODOS com mais de 1 ano e falam do Beta 1 do programa e não do Beta 3, ou seja, completamente obsoletos. O risco de escrever algo assim sem verificação dupla é passar um mico tremendo. E com os leitores cada vez mais exigentes, não passa despercebido.

Dessa experiência, aprende-se algo positivo: verificar as fontes de nossas fontes é uma tarefa demorada, mas essencial. A recompensa é a confiança do seu público, que volta todos os dias para ler o que foi escrito, sabendo do seu cuidado e perdoando quando ocorre algum eventual deslize. A Info e o DownloadSquad caíram, por não ter verificado suas fontes. A notícia era quente, mas a fonte, uma fria. Brrr.

emBlog

Anuncio da Apple na República Tcheca

Por em 11 de agosto de 2006


ipod_czech.jpg

O "http://ekstreme.com/socializer/?url=http://www.adrants.com/2006/08/czech-apple-store-hotter-than-american.php&title=Czech%20Apple%20Store%20Hotter%20Than%20American">
blog sobre publicidade AdRants postou essa
. É um anúncio da "http://store.apple.cz/IMC-Apple-Store/WebObjects/Asto.woa">Apple Store da República Tcheca, e está deixando
muita gente de cabelo em pé. Nos EUA. No resto do mundo não-islâmico isso não é grande coisa. Bom ver como as boas
empresas se adaptam, permitindo que a publicidade local seja feita de acordo com os padrões aceitáveis no país.

Mesmo a Microsoft, mais conhecida por sua verborragia nas caixas e anúncios, quando faz propaganda na Europa muda o
tom. Quem não se recorda do anúncio do Office XP e o Sutiã?

Não me lembro de algo assim no Brasil desde o tempo da "http://www.contraditorium.com/2005/11/13/a-gostosa-da-datadisk/">modelo semi-nua dos anúncios da DataDisk. Os
anúncios nas revistas especializadas são chatos e corporativos. Será que o Brasil herdou o moralismo americano na
área de anúncios de informática?

Ou alguém se lembra de alguma peça recente que (tomara) possa me desmentir?

emApple e Mac

Você é um roteador ou um agregador?

Por em 11 de agosto de 2006

"http://www.meiobit.com/images/2006/08/reblog.JPG" width="350" />

Na matéria de Época sobre blogs,
Rosana Hermann classificou os blogueiros entre geradores de conteúdo e
roteadores de conteúdo.

Refinando um pouco a definição, eu diria que existem também os agregadores ao conteúdo, que ao invés de
apenas repassar o que recebem, acrescentam algo, devolvendo à rede mais do que receberam.

A Maldição do Reblog

Algo que chega a ser cômico é como algumas notícias são reproduzidas com qualidade xerográfica entre literalmente
milhares de blogs. Seguindo o link da fonte (assumindo que tiveram a decência de incluí-lo) chegamos ao ponto de
origem, que em alguns casos passa por muitos, muitos blogs. É o que chamamos REBLOG.

Isso é ruim, só gera repetição de informação. Muito melhor montar um site de links para isso, como o ótimo "http://www.ueba.com.br/">UEBA, ou o Digg. "gastar" um blog para
isso? Que tal dar algo mais que uma mera repetição?

Não é complicado. Peguemos o exemplo deste post sobre o concurso
da Verizon. Uma nota curta, de 6 ou 7 linhas no "http://www.techeblog.com/index.php/tech-gadget/gamer-takes-home-100000-check">Techblog, repetida á exaustão em
outros blogs. Interessante o bastante para ser publicada, mas que tal ACRESCENTAR ao invés de só REPASSAR?

Uma lida rápida fala sobre o produto, um serviço de banda ultra-larga. Uma busca no Google retorna o "http://www.verizonfios.com/">site do produto. Dois minutos no site, e temos o que é e quanto custa.

Menos de cinco minutos e podemos postar uma nota com MAIS informação do que as do post de origem. Quem ganha com
isso? Todo mundo. O leitor, pois obtém mais informação, o produto, por ser melhor divulgado, e o blog, que ganha mais
um pontinho de credibilidade.

Experimente fazer isso da próxima vez que pensar em repassar algo interessante em seu blog. Verá que é tão simples
quanto gratificante.

emBlog

Intel Abre o Código-Fonte do seu Chipset Gráfico para Linux

Por em 11 de agosto de 2006

Seguindo sua linha de investimentos e compromisso com o software livre, os drivers estão disponíveis para download. Segundo a Intel, os drivers ainda não estão prontos para produção, pois precisam passar por testes, melhorias e depuração de erros.

Segundo o TGDaily e confirmado na página de documentação, o suporte agora vai desde a família 810 até as mais novas, incluindo a 965G. Essa notícia não poderia ser melhor, já que 40% do mercado de chipsets gráficos pertence à Intel, sendo sua fatia no mercado de notebooks (plataforma integrada Centrino) de 55%.

Nada mal ver o suporte direto da Intel, abrindo portas para que notebooks possam ter todos os recursos gráficos tanto do Windows quanto no Linux. Para os interessados em testar e ajudar a equipe de engenheiros, siga esse link. Além disso, eles estão preparando pacotes para testes e detecção de erros que será lançado em breve.

Fonte: TGDaily

emOpen-Source

Falha Crítica Semelhante ao Blaster, Slammer e Sasser

Por em 11 de agosto de 2006

Essa notícia é curta, mas de extrema importância. Uma falha crítica e com código malicioso disponível na Internet explora um buffer overun em todos os sistemas operacionais Windows.

Siga esse link e faça o download da correção.

Mais detalhes sobre as formas de ataque e outras 11 correções, sendo 8 delas (excluindo essa acima, considerada a mais grave) críticas, consulte o eWeek.

emSegurança

Codeplex: O Sourceforge da Microsoft

Por em 11 de agosto de 2006

Codeplex: an online collaborative software development portal for community-oriented Shared Source and open source project

Não, você não leu errado. O Codeplex é isso mesmo. Um portal onde você pode hospedar, gratuitamente seus projetos de software, gerenciar grupos de desenvolvimento, acompanhar problemas e tudo mais que envolve a criação de uma aplicação.

Depois do Google ter lançado algo parecido, parece que virou moda. No caso da MS, temos alguns projetos de peso, como o IronPython. O dever de casa foi feito, há feeds RSS à vontade, o que facilita o acompanhamento de vários projetos simultaneamente. Destaque para o sistema de acompanhamento de bugs.

emSoftware

Phalanger – compilador PHP para plataforma .NET

Por em 11 de agosto de 2006

Chegou na versão Beta 2 o Phalanger, um projeto que adiciona à plataforma .NET os recursos do PHP. Com ele é possível criar versões compiladas de seus scripts, com integração total ao ambiente Visual Studio 2005. Além da vantagem da compilação, por estar integrado ao .NET o PHP passa a acessar classes disponíveis em C#, Python, C++ ou qualquer outra linguagem.

O ganho de produtividade é excelente, se suas regras de negócios já estão definidas em outra linguagem, não é necessário reescrevê-las para criar uma versão online de seus sistemas.

Como o Phalanger é plenamente compatível com o Mono, será possível desenvolver em PHP/Windows e executar em Linux. Imagino o ganho de performance, quando compilar o WordPress.


Fonte: InfoWorld TechWatch

emSoftware