Digital Drops Blog de Brinquedo

Ataque dos Gafanhotos Retardados – Phishing nos tempos de Forrest Gump

Por em 31 de janeiro de 2007

É incrível. Antigamente admirávamos as mentes criminosas, como Lex Luthor e tantos outros. Planos elaborados, roubos magníficos, esquemas emocionantes. Hoje? A Internet está se tornando reduto dos criminosos tão incompetentes que não conseguem nem praticar um roubo de verdade, que dirá um estelionado decente.

A impressão passada é que são os losers, completos perdedores, semi-analfabetos, que foram reprovados repetidas vezes, e vivem em seus apartamentos de classe-média sustentados pelos pais enquanto tentam golpes que os deixarão ricos.

Desculpe, gente, mas vocês são patéticos. Aprendam por favor a escrever, ou irão enganar somente gente burra como vocês.

Vejam dois exemplos que chegaram em minha caixa-postal:

From: video celular <[email protected]>
To: cardoso@******
Cc: [email protected]
Date: Wed, 31 Jan 2007 02:11:18 +0100 (CET)
Subject: Cobrança TELAMAR.


From: video celular <[email protected]>
To: cardoso@******
Cc: [email protected]
Date: Tue, 30 Jan 2007 21:45:14 +0100 (CET)
Subject: Senas Inéditas.

Como demonstrado, basta BOM-SENSO e a maior parte das “ameaças virtuais” se tornará um micreiro fracassado tentando enfiar um sorvete na testa.

Sério, basta ter o primeiro grau e NINGUÉM cai em um golpe desses. “TELAMAR”? “SENAS” do Big Brother? Desculpem, caros picaretas, eu ia dizer que sou muito mais esperto que vocês, mas isso as coisas que crescem no meu umbigo também podem dizer.

emInternet

eBay fecha leilões de itens e dinheiro de World of Warcraft

Por em 31 de janeiro de 2007

Usando e abusando de trouxas, vários leilões de ítens de World of Warcraft continham trojans específicos para roubar usuários.

A prática de venda de itens é comum entre jogadores experientes, que conseguem algum retorno do investimento, depois de ter investido os últimos 3 anos da vida e algumas centenas de dólares.

Segundo a notícia, 50 gp no jogo são vendidos em média por 64 dólares no mundo real. Isso significa que o ouro fictício do jogo vale tanto quanto o Euro de verdade.

Sinceramente? Eu não tenho pena de quem tem a conta surrupiada por um pilantra, porque comprar dinheiro virtual é, em primeiro lugar, doença. O camarada está viciado. E em segundo, porque quer dar uma de espertalhão e conquistar vantagem fora do ambiente do jogo.

Fonte: Softpedia

emGames

Micro impressora USB e Bluetooth: Zink

Por em 31 de janeiro de 2007

Foi apresentada hoje uma novidade de uma empresa chamada Zink. O produto é uma impressora do tamanho de uma carteira, que dispensa tinta. Ela conecta-se via USB ou Bluetooth, e usa tecnologia térmica para imprimir. A Zink pretende disponibilizar o produto por menos de US$100.

É mais ou menos como uma Polaroid dos tempos modernos. O papel é especial, e reage formando cores diferentes de acordo com a temperatura aplicada a ele. Será que isso é algo que pega ? Imagino que será útil para vender fotos no circo, aquele tipo de coisa com revelação instantânea.

[via]

emHardware Periféricos

AdSense: Concorrência é bom e eu Gosto

Por em 30 de janeiro de 2007

Nada como uma deliciosa competição entre bancos. O Rendimento entrou jogando pesado. Enquanto bancos como o Bradesco cobram taxas de 1% do valor da operação, até R$380,00, para receber transferências via cabo, o Rendimento cobra US$20,00, mas agora está com uma promoção, durante 3 meses, durante os quais cobrará apenas US$10,00 para receber o dinheiro do Google e transferir para sua conta.

A taxa de conversão também é interessante, pois ao invés do Dólar-turismo dos cheques tradicionais, o câmbio utilizado é o Dólar-cabo, no caso R$2,10.

Se você tem US$1000,00 para receber, no modelo do cheque você teria:

$15 de taxa: 2,02 * 15 = R$30,30

$1000: 2,02 * 1000 = R$2020,00

total recebido: R$1989,70

No modelo via cabo temos:

$10 de taxa: 2,10 * 10 = R$21,00

$1000: 2,10 * 1000: 2100,00

total recebido: R$2079,00

Após o break, um mini-tutorial do Rendimento explicando os procedimentos, bem como telefones de contato:

Procedimento para recebimento dos pagamentos do Google através do

Banco Rendimento

Quando mandar as informações para o Google, você irá informar o seguinte:

  1. Nome do titular da conta bancária – deve ser o mesmo nome que consta em sua conta do AdSense

  2. Número de Identificação do Editor do AdSense:

  3. Seu CPF ou CNPJ

  4. Informar que quer receber pelo Banco Rendimento ( Eles já tem nossos dados lá)

  5. Numero do banco – 633

  6. Ag. 001

  7. Conta Corrente: “SEFI-XXXXXXXX-XX” – aonde o XXXX é o seu CPF ou CNPJ – importante informar o “SEFI-” antes


Depois vocês devem mandar um e-mail para [email protected] com as seguintes informações


  • Nome Completo / Razão Social
  • CPF ou CNPJ
  • Endereço Completo
  • Data de nascimento
  • E-mail para contato
  • Telefone para contato
  • Dados bancários de sua conta corrente no Brasil
  • 1 – Banco
  • 2 – Agência
  • 3 - Conta
  • Tipo de conta (conta corrente ou conta poupança)

Em no máximo 1 dia após a chegada da ordem de pagamento do Google, estaremos entrando em contato para informar sobre a disponibilidade da ordem, e a taxa de câmbio do dia. Estando tudo correto, para operações fechadas até as 15:00 hrs faremos a transferência para sua conta no mesmo dia.

Nossa tarifa para recebimento de ordens de pagamento é de US$ 20,00. Estamos oferecendo um desconto para os próximos 3 meses, aonde estaremos cobrando apenas

US$ 10,00 por ordem, independente do valor.

Além disso, a taxa de câmbio para ordens de pagamento é bem melhor do que a taxa para a compra de cheques (em 30-01-2007 por exemplo, a taxa de câmbio para cheques é de 2,03 e para ordens de pagamento 2,10).

Em caso de duvidas, por favor entrar em contato pelo (11) 3817-0750


emBlog Indústria Internet

Desktop 3D por padrão? Se você possui uma placa ATI, não.

Por em 30 de janeiro de 2007

A próxima versão do Ubuntu (Feisty Faw), que será lançada em Abril, contará com o desktop 3D ativado por padrão, caso a placa de vídeo detectada na instalação suporte tal recurso.

No momento da instalação, o Ubuntu usará os drivers proprietários das placas de vídeo, permitindo, assim a utilização do composite.

Apesar de ter a aceleração 3D habilitada por padrão para qualquer placa, o desktop 3D real, só acontece com o composite (poderá ser usado o Compiz ou Beryl), ou seja, só ter o 3D habilitado não muda nada em relação ao Ubuntu atual (que também já vem assim).

Porém, o driver da proprietário da ATI não possui suporte ao composite e as novas placas da empresa só funcionam com o mesmo.

Para obter os efeitos do composite, pode ser usado o driver open source, mas o mesmo não funciona com as placas mais recentes.

Na tentativa de ajudar os usuários que possuem as placas mais recentes, será incluída uma terceira opção de driver (open source) que está em fase de desenvolvimento, mas que tem funcionado nos testes com placas recentes da ATI.

É uma pena ver uma empresa deste porte não dar a atenção merecida aos seus clientes, por isso só compro placas da nVidia.

Mais detalhes

emLinux

Tem Internet Explorer 7 pra vender?

Por em 30 de janeiro de 2007

Frase ouvida hoje, na Carioca, Centro do Rio de Janeiro. Como o primeiro pirata não tinha, gritou para o outro:

“Tem Internet Explorer 7 sozinho?” Nãããão.

“Ei, tem Internet Explorer 7 aê?” Teeenho.

Bicalho, pensando: “Meu Deus… ele só pode estar brincando. Material de post!” (e finjo ler um jornal perto da banca, quase em frente ao Bob´s)

Ou seja, a cultura de pirataria do brasileiro é tão forte que um cidadão está disposto a pagar 10 reais pelo Internet Explorer 7 “crackeado”. :-/

Quero ver alguém defender a teoria ridícula de que a pirataria acontece por causa do salário mínimo também ridículo. :-P

Fonte: Bicalho, testemunha ocular do ocorrido.

emSoftware

Gafanhotos digitais: Brasil é vice-campeão mundial na produção de malware

Por em 30 de janeiro de 2007

Com 14,2% da produção mundial de malwares, o Brasil levou a medalha de prata na produção de software-lixo. O primeiro lugar ficou com a China, responsável por 30%.

Segundo a pesquisa, a maioria dos malwares brasileiros foi criada para roubar dados bancários. Não estamos mais falando de nerds que gostram de mostrar suas habilidades, mas quadrilhas de bandidos mesmo.

Viva o Brasil! Agora sim. Perdemos a pirataria, mas pelo menos ficamos em segundão na produção de lixo em forma de zeros e uns.

Fonte: Módulo Security

emSegurança