Digital Drops Blog de Brinquedo

Quantum of the Sea — com direito a barman-robô

Por em 29 de agosto de 2014

izac

Nem mesmo Titanic conseguiu estragar o mercado de navios de cruzeiro. Enquanto o transporte comercial de passageiros foi varrido do mapa pela aviação, a indústria de turismo vai muito bem. Todo ano surgem navios maiores e mais luxuosos. Hoje os grandes são maiores que um porta-aviões nuclear classe Nimitz e botam qualquer Titanic no chinelo.

Ano passado falamos do Quantum of the Seas, da Royal Caribbean, com direito a uma varanda revolucionária. Eis que prestes a ser lançado — a expectativa é novembro de 2014 — mais detalhes aparecem e olha, o bicho está bonito. E moderno.

O Quantum of the Seas terá apps de smartphone onde você poderá acompanhar sua bagagem, via RFID, sabendo aonde cada mala está. Uma pulseira com a mesma tecnologia será usada para abrir portas, pagar por compras, etc. Tablets serão usados para reservar eventos, escolher seus pratos para o jantar e até saber que horas o standup do Rafinha Bastos começa.
continue lendo

emAcessórios Hardware Microsoft Planeta Sem Fio

Positivo apresenta novos dispositivos com processadores Atom

Por em 29 de agosto de 2014

positivo-mini-quad

Em evento realizado nesta quinta-feira, a Positivo apresentou dois novos produtos de entrada: o tablet Android Mini Quad e o híbrido com Windows 8.1 Duo ZX 3000, ambos equipados com processadores Intel Atom.

continue lendo

emComputação móvel Comunicação Digital Hardware Mercado Planeta Sem Fio

Seagate começa a produzir HDs de 8 TB, mas você não quer isso.

Por em 29 de agosto de 2014

vintage-hard-drive

Ano passado a Western Digital colocou no mercado um HD de 6 TB pressurizado com hélio, o que provavelmente fazia as vozes das atrizes nos filmes educativos ficarem bem engraçadas. Era uma capacidade de armazenamento imensa pra maioria dos mortais, mas isso não significa que a evolução havia chegado ao fim. As pesquisas continuam, e agora a Seagate respondeu com um HD de OITO terabytes.

Clientes VIP estão recebendo os equipamentos. Até o final do ano há indícios de que discos de 10 TB chegarão às lojas.

Fui fazer uma pesquisa e quase caí da cadeira. Aqui, no Brasil, um Seagate de 4TB já custa a merreca de R$ 400,00.

Ainda não há informações de quando e quanto, mas espera-se que em breve reles mortais possam usufruir desse Seagate de 8 TB, mas eu simplesmente não recomendo.
continue lendo

emHardware

SciCast #44 — O Maravilhoso Mundo de Júlio Verne

Por em 29 de agosto de 2014

SciCast_MP3Cover

O aventureiro está pronto e equipado. Ele olha pro seu objetivo, à sua frente. Ele se prepara para visitar mundos sem fim, das profundezas da Terra até as crateras da Lua. Visitando países e destruindo navios de guerra. Preparando-se para lutar pela paz mundial ou lutando contra um naufrágio.

Escrevendo cartas em bilhetes de loteria ou enfrentando monstros esquecidos, pegando carona em submarinos, naves espaciais, dirigíveis, foguetes, máquinas de guerra, veleiros, abelhas gigantes e monstros marinhos. O jovem aventureiro está ansioso por viajar por lugares, conhecer pessoas e enfrentar desafios. Ele está pronto! Ele abre o livro e mergulha, mergulha fundo.

Ele mergulha NO MARAVILHOSO MUNDO DE JÚLIO VERNE.

Carlos CardosoRoberto Pena, Eder Santana, André CarvalhoRonaldo Gogoni e Silmar Geremia compram algumas barras de chocolate Surpresa e embarcam nesta fantástica viagem rumo ao desconhecido, enfrentando perigos e desafios para falar sobre a vida e a obra deste genial escritor.

Assine o SciCast e visite o hotsite para mais informações e links relacionados. Foto da Vitrine: Pablo Rigamonti.

continue lendo

emBrasil Destaque Podcast SciCast

Um castelo impresso em 3D

Por em 28 de agosto de 2014

g2

Ok, não é um castelo casteeeelo, parece mais aquele pardieiro do Castelo de Grayskull, mas o objetivo não era competir com Minas Tirith, nem mesmo com aquela favelinha de Gondor, mas descobrir se era possível imprimir uma construção. Andrey Rudenko, que pelo nome é vilão de Call of Duty mas na vida real parece ser gente boa, teve a idéia e criou do zero uma impressora 3D de concreto.

Fazendo pessoalmente a mistura para garantir consistência, utilizando vergalhões para garantir firmeza estrutural, batendo cabeça, experimentando, recomeçando e aperfeiçoando ele levou dois anos. Aqui abaixo um vídeo do brinquedo em ação.
continue lendo

emHardware Novos Materiais

MeioBit no PTC Technology Day

Por em 28 de agosto de 2014

102407_reggie

O nome desse cidadão é Reggie Showers. Ele foi campeão de motos na categoria drag racing, pilotando uma Suzuki Hayabusa de 300 hp a mais de 320 km/h. Ele também voa aeromodelos de alto desempenho, faz alpinismo e snowboarding. Reggie faz isso tudo que você não faz, sem ter as duas pernas.

Com 14 anos ele teve uma lição de engenharia da pior forma: saltando com uma BMX chegou perto demais das linhas de alta tensão em uma ferrovia próxima de sua casa. Um arco de 13 mil volts se formou, atravessou o corpo de Reggie e saiu pelas pernas, destruindo musculatura, nervos, tendões, tudo. Só que isso não foi o fim da carreira de Reggie, foi o começo. Os cientistas puderam reconstruí-lo. Melhor, mais forte. Tudo que Reggie faz hoje ele faz com próteses mecânicas, projetadas para o frio intenso da neve, para as tensões de uma corrida a mais de 300 km/h.
continue lendo

emEspecial Indústria

Microsoft lança Lumia 530 de 50 metros de altura

Por em 28 de agosto de 2014
desafio

Imagem não-relacionada. Desafio aceito, Samsung.

Ontem (27/08) foi um dia interessante. A convite da Microsoft viajei para São Paulo, onde passei por outra daquelas experiências bizarras que só uma vida de blogueiro de tecnologia proporciona. Junto com outros blogueiros e jornalistas participamos de um almoço da Dinner In The Sky (eu sei, não faz sentido), apreciando uma seleção de pratos amazonenses em uma plataforma a 50 m de altura, suspensa por um guindaste.

A lógica era fazer uma associação com os serviços de nuvem da Microsoft. Ainda bem que não era moda quando a Apple lançou o OSX Tiger, ou o evento seria no Zoológico de Cascavel (too soon?).

A brincadeira foi interessante, a comida estava gostosa e uma moça bonita da Microsoft pegou na minha mão lá no alto, o que me qualifica pro Mile High Club, mas vamos ao que interessa: o Lumia 530 presta?

Sim. Bastante.
continue lendo

emCelular Destaque Destaque Microsoft Resenha