Digital Drops Blog de Brinquedo

A indústria de software está longe da maturidade para processadores com vários núcleos

Por em 3 de fevereiro de 2007

A indústria de software sempre corre atrás da indústria de hardware, tornando-os obsoletos em seguida. É o ciclo do “mais e mais” que tanto conhecemos. Cria-se um hardware poderoso e software básico para usá-lo. Os engenheiros de software, analistas de sistema e programadores estudam novas formas de fazer aquele mesmo hardware funcionar, melhorando o código e otimizando. Mais funcionalidades são agregadas e o hardware torna-se impróprio.

Por isso diz-se que software é muito mais complicado que o hardware, dependendo da situação. A nVidia foi uma empresa que provou como investir em drivers compensava: com 3 equipes fazendo melhorias contínuas, existem casos de melhorias de 100% ou mais em performance. Isso apenas manipulando o micro-código do processador gráfico, extraindo o máximo da arquitetura.

Mas e se o software não faz uso do que o hardware oferece? Veja o que acontece quando um programa não foi construído pensando-se em dois ou mais núcleos.

A Techsmith usa CODECs de terceiros para gerar os arquivos multimídia como o usado no primeiro screencast sobre SVS. Empresas como Real e LeadTools fornecem kits de desenvolvimento para que empresas criem soluções para seus usuários, mas sem a necessidade de criar todo o ciclo de desenvolvimento do software.

Mas estou constatando cada vez mais que ainda estamos longe do software que fará uso pleno de 4 processadores. A imagem abaixo mostra uma das minhas experiências com a conversão para FLV, usando Variable Bit Rate (VBR) com 2 passes.

Processadores como o Cell da IBM, com oito núcleos, só terão seu poder de processamento destravado quando compiladores e frameworks de programação fornecerem esse suporte de forma automática. O mesmo serve para os processadores de 4 núcleos da AMD e IBM. Simplesmente não haverá software para fazer uso eficaz do processamento.

O uso jamais passou de 53%. E a segunda CPU ficou bastante ociosa. Imagine trabalhar com 4 CPUs?

Será necessário uma nova geração de compiladores e frameworks sérias de desenvolvimento como “Java Octopussy” ou “.Net Crazy 8″ para que o desenvolvedor escreva o código e eles façam esse gerenciamento de forma automática, junto com o a micro-programação dessas CPUs para otimizar o desempenho e usar todo o potencial latente.

Se a migração do 32 bits para 64 ainda está na adolescência, saltar para 4 núcleos esse ano e 8 em dois anos, não parece ser a melhor saída. Com o aquecimento Global finalmente mostrando seus dentes e o relatório da ONU batendo o martelo, a indústria de tecnologia deveria responder com eficiência e melhoria do que já possuímos.

emHardware Indústria Software

Xbox360 fazendo propaganda de PS3…

Por em 3 de fevereiro de 2007

No mínimo engraçado, talvez essa seja a definição ideal do que pode acontecer quando o game UEFA Champions League 2006-2007 for lançado para xbox360.

Segundo uma matéria do site 360gamer, a Eletronic Arts possui os direitos da Liga dos Campeões para a criação de games utilizando a imagem dos jogadores, clubes, estádios e tudo o mais que envolve a Liga, inclusive as placas de publicidade que por contrato não podem ser removidas.

Uma vez que a Sony, com sua marca Playstation, é uma das patrocinadoras do campeonato, indiretamente o xbox360 fará propaganda de seu rival.

Confiram as imagens:

Indiretamente ou não, o fato é que por essa a Microsoft não esperava… :-)

Termino o post assim como termina o post do site 360gamer, Touché Sony, touché!

emGames

Videogame emagrece?

Por em 3 de fevereiro de 2007

Desde seu lançamento, o que mais escuto sobe o Wii é que ele provoca um cansaço nos jogadores, especialmente depois de horas jogando Wii Sports. Porém será que este cansaço todo, pode trazer algo de bom?

O jogador hey_suburbia resolveu na sua página Wii Sports Experience publicar os dados de uma vida normal, sem mudança alimentar, simplesmente adicionada de 30min de Wii Sports por dia. Resultado: perdeu 4Kg em menos de 2 meses… Ele mediu por exemplo, quantas calorias gastam cada modalidade, a que gasta mais é o Boxe. Com gráficos de índice de massa corporal, fotos e vídeos, ele demonstra como o Wii o fez entrar em forma.

Além disso o governo do estado da West Virginia, está pensando em utilizar a máquina Dance Dance Revolution da Konami, para diminuir a obesidade infantil, que neste estado é uma das piores do país. Maiores detalhes aqui

emGames

A AMD vai morrer na praia?

Por em 3 de fevereiro de 2007

[img_assist|nid=10218|link=none|align=right|width=400|height=381] A AMD comemorou o resultado do último ano: conquistou 25,3% do mercado de desktops e impressionantes 65,5 de servidores x86 multi-processados. Recorde histórico.

No entanto, teve um prejuízo de US$ 574 milhões. Desse valor, US$ 550 milhões estão relacionados diretamente à compra da ATI, mas, de qualquer forma, sangrou.

Agora, vejamos: o lucro da Intel foi de US$ 1,5 bilhão. E isso, apesar de uma leve perda na participação de desktops ( ficou com 74,4% do mercado ). Hoje, a Intel tem o melhor processador, o melhor processo produtivo e gera lucro. A AMD depende de parceiros como a IBM para produzir seus chips em 45nm.

A Intel planeja produzir seus chips com transistores de 32nm em 2009. A AMD não tem previsão. Ambas estão numa guerra acirrada de preços e os antigos parceiros fiéis ( Dell e Sun, por exemplo ), estão jogando dos dois lados, barganhando por ofertas.

O ponto é o seguinte: a Intel está longe de dar prejuízo, tem o melhor processador hoje, já tem três fábricas prontas para produzir chips em 45nm ( mais baratos e rápidos ) e prevê para daqui a dois anos outro salto no seu processo de produção. A AMD deu prejuízo este ano, depende de parceiros ( onde se divide o lucro ) para produzir chips menores, ainda não lançou uma resposta aos “Conroe” e nem tem previsão de melhorar seu processo de fabricação. Sem contar que tem um décimo do tamanho da gigante.

Quem terá mais fôlego?

[via TGDaily]

emIndústria

Dell: O Império Contra-Ataca

Por em 3 de fevereiro de 2007

Depois de perder a liderança do mercado americano para a HP e avisar que não atingirá as metas de lucratividade no ano fiscal que vai encerrar, a Dell terá como comandante, seu fundador Michael Dell.

Num retorno ao estilo “Steve Jobs”, ele disse estar muito empolgado com a “Dell 2.0″… é esperar para ver.

[via BetaNews]

emIndústria

Um revolucionário cortador de manteiga

Por em 2 de fevereiro de 2007

Você não gosta de colocar manteiga no pão toda a manhã, tem pregüiça ou seu tempo é tão precioso? Até nisso já pensaram: um cortador de manteiga para pão. Com um simples aperto se tem uma fatia padrão de manteiga para o seu pão. Tudo para aumentar a sua produtividade, não?

Por 19 dólares você pode ganhar vários segundos por dia e ter mais um “gadget”(?!) :)

[via]

emMiscelâneas Produtividade

Jesus eletrônico te guia?

Por em 2 de fevereiro de 2007

A fé é uma coisa muito delicada para se lidar, principalmente se for contrária a sua. Lendo o Repórter Net, vi que até Jesus eletrônico estão vendendo para enganar salvar as pessoas do pecado. Por sinal, o slogan é “Carregue a sabedoria do Senhor em suas mãos. E deixe que Ele o guie através das incertezas de sua vida”.

Se quiser experimentar, o demo (digo a demonstração, não o demônio :) está disponível para testes, porém acho que ninguém duvidaria das palavras de Jesus eletrônico?! Alguém?

Bom, agora falando sério o que o pessoal não inventa para ganhar dinheiro, hein?

Mais detalhes aqui

emInternet Miscelâneas