Digital Drops Blog de Brinquedo

O PS2 da Maldade contra o Usuário Guerreiro (e ingrato)

Por em 15 de maio de 2007

 

Gary Wells comprou um PS3. Deu uma festa, com 20 amigos para comemorar a chegada do novo game. Só que Gary era um ingrato. Depois de anos de bons serviços prestados, ele não aposentou com honras seu PS2, ou doou-o para um pobre membro do MSC – Movimento dos Sem-Console, como eu.

Gary resolveu ser espertão. Para mostrar o quanto o o PS2 não significava mais nada para ele, fez um sorteio. O vencedor teria a honra de… urinar no console.

Cachaça vai, cachaça vem, quando já nem se aguentava em pé é sorteado o vencedor, Mike Post. Sem pensar duas vezes, mike botou seu Wii pra fora (linguagem figurada, claro) e mandou ver. No meio da sala.

Com o PS2 ligado na tomada e na TV.

Mike foi deixado inconsciente com o choque, foi levado para o hospital e liberado na manhã seguinte.

Bem Feito.

Fonte: Fun Tech Talk

PS: Se você acha essa história legal, não deixem de ler este clássico dos clássicos, a história do guri que, digamos assim… estava praticando a boa e velha covardia do 5×1 quando sofreu um acidente de trabalho (ou de lazer) e (digamos assim de novo) conseguiu respingar… DNA na lente do leitor de CDs do Dreamcast. É maravilhoso.

emGames

O Bill fumou o cigarrinho do Stallman

Por em 14 de maio de 2007

Que o Stallman vive fora da realidade não é novidade, com sua cara de quem espera que lancem um GPS open source pra ele poder chegar em Woodstock, mas pelo visto ele anda dividindo seu cigarrinho do mal com o Bill Gates.

Segundo o Engadget, a Microsoft está abrindo uma fábrica na China, exclusivamente dedicada ao Zune.

Sim, o Zune. Force a memória. Aquele iPod killer que seria o Media Player definitivo, com WIFI, laser, gerador antigravidade, etc, etc.

Aquele mesmo que só existe hoje como brinde, que embora tivesse um hardware excelente o software (principalmente no PC) deixava muito a desejar.

Eu acho válido que você acredite e defenda seus produtos, mas quando ele se torna motivo de chacota, fica complicado. Vide aquele Oracle com uma interface em java que era, literalmente, um câncer, e quase afundou o produto. Ou o Microsoft Bob.

Fazer uma fábrica e dizer que ela é voltada para um produto cuja percepção popular é que ninguém compra é pedir para ser sacaneado.

E aqui no MeioBit, pediu a gente atende ;)

emIndústria

Joguinho do dia: Vamos todos brincar de médico

Por em 14 de maio de 2007

Calma, não é brincar de médico do jeito que você está pensando. Dada a baixa frequência de entidades mulheres do sexo feminino no MeioBit não seria prudente. É com um coelhinho, chamado Fred. Ele tem um piripaque. Você deve seguir as instruções e operá-lo, antes que seja tarde demais. Será que consegue? Tem um minuto.

 

Via: www.boingboing.net

emGames

Você é um Geek?

Por em 14 de maio de 2007

Lendo hoje o Ueba, encontrei mais uma dessas listas que correm pela internet para saber se uma pessoa é realmente um GEEK ou não. Selecionei algumas das que gostei para o pessoal os geeks do Meio Bit:

  • Você não tem absolutamente nenhum bronzeado;
  • Você considera ‘Geek’ um elogio;
  • Suas senhas tem 16 caracteres, misturam letras, número e símbolos. Mesmo assim você lembra de todas;
  • Quando alguém fala de “esporte organizado” você lembra de “LAN Party”;
  • Acampar em uma floresta, sem eletricidade ou acesso à internet, lhe parece um pesadelo e não um passeio de férias;

E a que mais gostei:

  • Você entende a piada: “Existem 10 tipos de pessoas, as que entendem sistemas binários e as que não entendem”;

Vocês ainda tem amigo não-geeks?

Fonte: Cybervida

emInternet

iTunes morreu? Antes ele do que eu

Por em 14 de maio de 2007

Com um faturamento previsto de 279 milhões de Dólares, eu diria que os boatos de sua morte são um tanto exagerados, mas a longo prazo é o que vai acontecer com a loja online da Apple.

A culpa é de uma mudança de paradigma; as pessoas estão deixando para trás o hype de consumir mídia no PC. Os vídeos do YouTube já não são lá grande coisa em termos de qualidade, mas os do iTunes, a 640×480 possuem qualidade quase DVD. A AppleTV provê conteúdo em alta definição. As TVs de todas as polegadas se espalham pelas casas (menos a minha).

Mais ainda: O consumidor acha legal poder pagar por conteúdo on demand, mas acha mais legal ainda ter esse conteúdo de graça, e aceita de bom grado trocar esse conteúdo por seu tempo, visualizando publicidade. Sites como a ABC e serviços como o Joost seguem essa linha. Blogs literalmente vivem desse modelo. Aparentemente os grandes produtores de conteúdo, as emissoras de TV e estúdios estão acordando pra isso. A ironia é que deu-se a volta completa, retornamos ao modelo mais tradicional possível de rentabilização de conteúdo, não importando se a programação chega via cabo, via antena DTH ou via Internet.

 

 

Fonte: CrunchGear

emApple e Mac

“Windows nem de graça”

Por em 14 de maio de 2007

O Governo vetou explicitamente a participação do Windows nos projetos de inclusão digital nas escolas. Nas palavras de José Luiz de Aquino, da Assessoria Especial da Presidência da república, “Vieram aqui e chegaram a oferecer o Windows até de graça. Mas essa possibilidade nao existe. Só usaremos software livre”.

Perfeito. Mas não estamos falando de sistemas estratégicos ou de sistemas dedicados do Governo, onde faz sentido ter o grau de autonomia oferecido pelo SL. Estamos falando de Inclusão Digital. Transformaram requisitos que deveriam ser baseados nas demandas de mercado em mais uma patacada ideológica. E ideologia é algo que o Governo adora, lembra de sua juventude. Só que ideologia não enche barriga.

Linux é ótimo pro OLPC? Sim. Linux é ótimo pro estudante de segundo grau que quer arrumar um emprego? Não. Uma pesquisa no www.timaster.com.br procurando por “Linux” retorna 85 vagas, no Brasil inteiro. De um total de 1034 vagas. É inclusão preparar um jovem para menos de 10% das vagas disponíveis?

A oferta do pacote Windows de $3 é excelente, pois daria a possibilidade desse jovem se adestrar no que o mercado efetivamente usa – Windows – e não impediria um dual boot, adestrando-o para o que nichos de mercado usam -e pagam bem- Linux. Seria uma postura racional e pragmática, mas estamos falando de Governos, afinal.

Do contrário teremos uma geração inteira incapaz de atender as demandas do mercado, continuarão excluídos e em desvantagem diante do pessoal que compra seus micros da Dell ou quem quer que seja, com Windows incluso. Ironicamente o que salvará esses jovens da alienação será a pirataria.

Fonte: BlueBus

emIndústria

Revista NetBeans

Por em 14 de maio de 2007
revista Net Beans

Está disponível para a 3ª edição da revista NetBeans.

São 84 páginas que podem ser baixadas ou lidas on-line com excelente material sobre a nova versão (6.0) de uma das melhores IDEs para java no mercado.

Os assuntos tratados são:

  • Novas funcionalidades do NetBeans
  • Integrando linguagens de scripts
  • Desenho de interface para o usuário
  • Escreva uma vez distribua em todos os lugares
  • Swing e Netbeans no mundo real
  • Introdução do pacote C/C++
  • Integração com o OppenOffice.org
  • Desenho visual de aplicações web

A revista é disponibilizada em vários formatos, incluindo um em alta resolução para impressão de maior qualidade.

Pena que esta revista só seja publicada a cada 6 meses, pois é um excelente material e poderia ajudar a aumentar a adoção do Netbeans.

emSoftware