Digital Drops Blog de Brinquedo

Os animais também amam

Por em 14 de abril de 2007

petkut.jpgAgora, só falta a Lua ficar vermelha para o Apocalipse começar de vez… me disseram que havia por aí um site para relacionamentos entre… animais de estimação!

Por mais cético que eu seja quanto ao futuro da raça humana, não pude acreditar até que vi o Petkut. Pelo nome, já dá pra entender que é algo ao estilo Orkut. Você cadastra o seu bichinho e “ele” encontra amigos e parceiros para atividades.

O mais bizarro de toda a história é ler os comentários, deixados pelos próprios bichos, em primeira pessoa! Pensando bem… em tempos de banho de ofurô para animais ao preço de R$ 100,00, esse pode ser o início de um grande faturamento na internet brasileira.

emInternet

Nova legislação para robôs guerreiros assassinos

Por em 14 de abril de 2007

O campo de batalha está se tornando cada vez mais próximo dos filmes de ficção científica. Hoje drones disparam mísseis comandados por operadores do outro lado do mundo. Robôs fazem reconhecimento avançado, e se publicações dizem que robôs armados estão prontos para ser usados no Iraque, muito provavelmente estão na terceira geração já.

Só que há um problema legal. A Lei do Conflito Armado, em vigor nos EUA, exige que um operador humano comande qualquer ato de disparo de arma de fogo feito por um robô.

Isto é: Mesmo que um robô tenha autonomia para identificar um atacante armado, ou um alvo válido, como um tanque ou blindado, ele não pode disparar.

Para contornar isso, foi proposta uma interpretação legal que não deixa de ter seus méritos: Robôs são coisas. Coisas podem atirar em outras coisas. Assim se o robô identificar uma AK-47 dentro de seu raio de ação, irá atirar, de forma autônoma, para inutilizar aquela AK-47. Se tiver algum humano segurando a AK-47, bem… azar. São danos colaterais.

Claro que a proposta de John S. Canning, engenheiro-chefe do Naval Surface Warfare Center é bem mais complexa do que isso, mas a base é essa. Coisas atirando em coisas, discriminando e evitando alvos ilegítimos.

Pelo vista a arte da guerra está cada vez mais próxima do excelente Ender’s Game, de Orson Scott Card. Com certeza é bem mais divertido do que ficar fazendo migração de folha de pagamento.

PS: Notem que em nenhum momento citei as 3 Leis da Robótica, essas já foram pro ralo faz tempo.

Fonte: Defense Tech

emHardware

Vírus de Celular matando gente no Paquistão?

Por em 14 de abril de 2007

Pois é. Um palhaço espalhou uma história dessas, de que um vírus de celular teria matado 20 pessoas, no melhor estilo daquele filme, The Ring. Obviamente a população acreditou e se apavorou.

Com 160 milhões de habitantes, o Paquistão tem 52 milhões de usuários de celular (se isso não é inclusão digital…) e um bom percentual deles ligou para os call centres das operadoras, que tiveram até que soltar comunicado na mídia acalmando a população.

E antes que alguém comece a chamar os caras de burros, gostaria de lembrar que nos anos 90 o Caderno de Informática do Globo publicou uma notícia de Primeiro de Abril sobre um vírus de computador que infectava humanos. No dia 2 de Abril publicaram uma retratação, pois um monte de gente escreveu e telefonou assustado querendo mais informações.

Via Reuters

emCelular

HP é engraçadinha: Recomenda atirar as câmeras pro alto

Por em 14 de abril de 2007

Surgiu algum tempo atrás um experimento interessante. Você configura a câmera pra uma longa exposição, geralmente à noite, e atira a danada pro alto. Os efeitos são muito interessantes, bonitos mesmo. O risco, claro, é você não conseguir pegar a câmera quando ela estiver caindo. De uma forma geral atirar sua câmera para o alto não é uma boa idéia.

Exceto para a HP. Segundo o Engadget, a HP estaria recomendando, em sua página de dicas e truques, essa técnica. Não achei, muito provavelmente já retiraram a sugestão.

Convenhamos, uma coisa é um desocupado sugerir isso em um blog. Outra é um fabricante, que tem interesse em vender câmeras, de preferência para substituir vítimas de terríveis acidentes. Eu dou nota 8 para a HP, pela cara-de-pau.

emÁudio Vídeo Fotografia

NAS com cliente BitTorrent. Mas só; no Japão.

Por em 14 de abril de 2007

O Jack in the Box é um NAS – Network Attached Storage, um tipo de equipamento comum em ambiente corporativo mas que agora chegou ao mercado doméstico. A idéia é excelente. Ao invés de ter uma máquina velha (geralmente rodando Linux, mas já vi gente fazendo até com 98) sem monitor compartilhando HDs, o NAS é um equipamento compacto, dedicado (também geralmente rodando Linux) cuja única função é compartilhar arquivos.

Quer dizer, se for um NAS do Bem. Um NAS do Mal, como o Jack in the Box vem com algumas surpresas. Este bichinho, que infelizmente só está à venda no Japão custa US$333,00 e aceita dois HDs SATA, até um total de 1.5TB. Possúi uma interface web onde você pode administrar o equipamento, inclusive o cliente bit torrent interno.

Gostou, né? Só que ele também tem um leitor de cartões e uma porta USB. Caso algum amigo chegue com um HD externo cheio de filmes educativos, é só espetar, apertar o botão e esperar a cópia. 

Via Gizmodo

emWireless e Redes

Google compra DoubleClick por US$ 3.1 Bilhões

Por em 14 de abril de 2007

Pelo valor de dois YouTubes o Google comprou a DoubleClick, empresa de
anúncios na web. A disputa estava acirrada e fontes indicam que a Microsoft
também tinha interesse na aquisição. Para o Google, ganhar o leilão fortalece sua
posição, já dominante, no mundo da publicidade on-line.

O negócio da DoubleClick é diferente do Google. Enquanto a gigante das
buscas vende anúncios contextuais de texto através de leilões de palavras on-line, a
DoubleClick mantém relacionamento mais próximo com anunciantes e publicadores.
O formato dos anúncios é diferente e talvez esteja aí o interesse do
Google. A gigante de Montain View tem expandido seus horizontes no mercado
publicitário. Testes de anúncios em rádio, TV e outdoor já foram relatados.

A compra pode parecer não fazer sentido já que a receita anual da DoubleClick
é de aproximadamente 300 milhões de dólares. Mas o Google sabe como
transformar suas propriedades em dinheiro. Não é à toa que tem gente chamando
o
Google
de máquina de fazer dinheiro
.

[Via
New
York Times
]

emGoogle

Samsung vai lançar combo HD-DVD e Blu-Ray

Por em 13 de abril de 2007

Depois de muito pensar a Samsung finalmente resolveu que vai lançar um player
compatível com os dois formatos de alta definição. Será chamado de Duo HD e estará disponível para venda nas festas de final de ano.

Este player, ao contrário do
concorrente da LG, terá suporte completo tanto ao HD-DVD quanto ao Blu-Ray. No player da LG o suporte é completo apenas para Blu-Ray, como toda a
interatividade que o formato proporciona. Para HD-DVD só possui função simples de
reprodução dos filmes.

As vendas dos formatos de alta definição ainda não decolaram. Para se ter uma
idéia, na lista dos 10 mais vendidos (EUA) de um período de uma semana do mês de Março,
3 títulos de HD-DVD não tiveram nem mil unidades vendidas.

Consumidores estão esperando para ver qual dos formatos vencerá a guerra. O
problema é que esta espera tem feito as vendas de cada lado andarem a passos
de tartaruga. Enquanto isso o
Joost
faz acordos com emissoras de TV
e não duvido nada saírem acordos diretamente com estúdios de cinema em um futuro próximo.

[via
ArsTechnica
e
RegHardware
]

emIndústria