Digital Drops Blog de Brinquedo

Caixas Eletrônicos: A usabilidade ainda é um lixo

Por em 27 de abril de 2006

Tentei fazer uma transferência de valores entre contas corrente no Banco Itaú hoje e depois de ter digitado a senha 2 duas vezes, passado o cartão, preenchida a confirmação, digitado o valor, a seguinte mensagem aparece:

Operação não foi realizada.
O valor é superior ao limite de transferência do dia.

Hã?! Qual é o limite de transferência do dia, então? Não foi informado em lugar algum e nem havia opção para pesquisa. Porque não informar logo ao escolher a opção de transferência de valores ou abaixo do botão com a opção desejada, evitando toda aquela digitação?

Além disso, ao fazer um DOC-C ou DOC-D, é preciso escolher o número do banco. Se você não lembra, não há uma opção de busca rápida, como as de celular. Então, se o Banco é 275 ou 356, você precisa fazer um enorme scroll até achar seu banco.

A babel de senhas: eletrônica, internet banking, cartão de crédito… será que os bancos, com seus lucros recordes de bilhões e bilhões de Reais não podem facilitar nossa vida e instalar um sistema integrado de biometria? Para eles ia custar uma pechincha e nós, mais uma facilidade.

Os sistemas precisam de uma atualização urgente, porque estamos em 2006 e eles ainda estão com cara e usabilidade de 1998.

emMiscelâneas

Seagate lança o primeiro Barracuda com 750GB

Por em 27 de abril de 2006

E o post do Cardoso sobre o servidor de arquivos com 1 TB já começa a ficar antigo. A Seagate lançou ontem o primeiro hd de 3,5″ para desktops com 750GB de capacidade de armazenamento, usando a tecnologia de gravação perpendicular. Estima-se que essa tecnologia permita uma densidade de Tb (terabit) por polegada quadrada.

A PCWorld fez um review e parece que ele só perdeu em performance para os Western Digital Raptor com 10.000 rpm, o que não é pouca coisa. Para ler todos os detalhes sobre ele, clique aqui para ler o pdf.

Especificações:
• Capacidade: 750GB
• Interfaces: SATA 3Gb/s, SATA 1.5Gb/s, ATA 100
• Transferência máxima mantida: 78 Mbytes/s
• Operating shock: 68 Gs
• Cache (MB): 8, 16
• RPM: 7200

Fonte: Seagate via DailyTech

emHardware

Nintendo DS: Segundas Impressões

Por em 26 de abril de 2006

O Nintendo DS é muito bom. Não posso fazer uma comparação com o PSP, mas acredito no que praticamente todos os editores de revistas especializadas afirmam: a Nintendo tem um console ganhador em mãos e a Sony, um player de vídeo portátil com discos de formato proprietário.

Depois de algumas semanas, posso afirmar o que estou querendo adquirir como acessório para o DS:
- Cabo de alimentação USB: hoje em dia, eu tenho mais facilidade de encontrar portas USB que tomadas.
- Tela protetora: uma tela touchscreen está sujeita a ser danificada ou gasta com o uso. Portanto, achei um protetor do fabricante Hori que me satisfez.
- Uma maleta ou mochila compacta para guardar o DS de forma segura e alguns cartuchos. Ainda estou olhando modelos.

Quem já tem o aparelho e já comprou algum acessório para o Nintendo DS poderia dividir conosco a sua experiência? Qual é o acessório “must-have” para ele?

emGames

Problemas ecológicos? A solução pode estar na evolução tecnológica

Por em 26 de abril de 2006

No artigo entitulado A Nova Revolução Verde, da revista Wired, o jornalista Alex Nikolai Steffen levanta de forma clara quais as medidas e mudança de pensamento podem nos salvar de poluição, efeito-estufa, desastres ambientais como secas ou enchentes e até mesmo guerras.

O mais interessante é que o nosso Brasil está na vanguarda de uma delas, que é o uso de combustíveis renováveis como o etanol. Ontem fui perguntado por dois amigos americanos, que nunca pagaram tanto pelo galão de gasolina, como funciona o carro com motor Flex. Ponto para nós. Imagine meu orgulho em informá-los que usamos automóveis abastecidos com álcool desde o final dos anos 70. Sim, há um interesse enorme em substitutos e o Brasil é não só pioneiro e o maior produtor do mundo, mas também é o melhor nessa área.

Ecologistas estão evoluindo também. Entenderam que as pessoas não irão desistir de seus gadgets eletrônicos e modo de vida moderno para viver em fazendas e andar de bicicleta. Então entra em cena a Toyota, por exemplo, com seu modelo Prius, que faz 800 km com um tanque cheio.

Os quatro pilares da vida moderna que poderão salvar o nosso planeta são:
- Fontes de energia renovável.
- Eficiência de consumo. As baterias duram mais não apenas porque elas evoluíram, mas aprendemos como fazer as mesmas tarefas consumindo menos energia. E desperdiçar menos, significa ganhar dinheiro.
- Qualidade é riqueza. Monitores TFT consomem menos energia, menos material e são menos poluentes. Lâmpadas fluorescentes e LEDs custam mais, mas sua durabilidade é muito maior e compensa o custo em baixo consumo também.
- Planejamento urbano. Cidades com um bom planejamento facilitam a vida dos moradores, o transporte e fazem bom uso do espaço, preservando o ecossistema.

Para quem achava que o nosso futuro era Blade Runner, há uma luz no fim do túnel e ela se chama evolução tecnológica.

Fonte: Wired

emMiscelâneas

Briga de cachorro grande: Google anuncia Firefox

Por em 26 de abril de 2006

O Google está recomendando explicitamente o Firefox em sua página inicial. Uma enorme chamada para a Google Toolbar, rodando no Firefox aparece, quando alguém acessa o site, estando no Estados Unidos e usando Internet Explorer.

google.jpg

Não é nada, não é nada, são alguns milhões de dólares de publicidade grátis.

emInternet

Esqueça o Joystick, use a Força

Por em 26 de abril de 2006

yoda.jpg

Duas empresas, a NeuroSky e a CyberLearning estão desenvolvendo tecnologias de biofeedback baseadas na captação de ondas cerebrais, que poderão ser utilizadas em videogames, entre outras aplicações.

Fora as aplicações médicas, ambas as empresas esperam que suas ferramentas um dia sejam usadas para criar verdadeiros efeitos “Jedi” em jogos no universo de Star Wars. O jogador pode usar o controle mental para erguer objetos nos videogames e atirá-los em inimigos, de uma forma muito semelhante ao visto nos filmes de George Lucas.

Em matéria no jornal Mercury News, explicam que o objetivo é criar controles de menos de US$100,00 com possibilidade de controle consciente – o jogador se concentra e atira um objeto em um inimigo – ou subconsciente – o jogo detecta o nível de stress e ansiedade e se adapta.

Ainda vai levar alguns anos, mas esperar por esse brinquedo, vale a pena.

emGames

Yahoo Go: TV, música, vídeo, fotos…e DVR

Por em 26 de abril de 2006

ma_y_go_tvbeta.gifImportante novidade do Yahoo à vista: entrou em fase beta o Yahoo Go, que promete levar à sala de estar e ao celular todo o conteúdo multimídia que esta no PC. Basta ter um PC conectado à um aparelho de televisão, o que não é nada novo. O que é interessante para as grandes massas é a opção de ter um serviço de DVR (Digital Video Recorder) diretamente no PC (nota: já há outras soluções de DVR para PC, porém nada disponível gratuitamente e orientado para o consumidor médio). Para o DVR funcionar, é necessário uma placa de vídeo com sintonizador de TV, o que é relativamente comum e barato hoje em dia.

Por enquanto, o sistema só está disponível para sistemas rodando Windows, e para usuários nos EUA.

Outras opções para ter um DVR no PC:
Linux: Freevo, MythTV
Windows: Windows XP Media Center Edition, SageTV

emIndústria