Digital Drops Blog de Brinquedo

Desempregados do Yahoo: Contratamos vocês

Por em 18 de fevereiro de 2008

O mamífero acaba de receber a notificação do seu desligamento do Yahoo!, mas isso não é exatamente uma má notícia… para as centenas de empresas no Vale do Silício, sedentas por profissionais experientes e capacitados. O processo seletivo, entrevistas com o RH, entrevista técnica e provinhas? Uma outra empresa, conhecida no mundo inteiro já fez o trabalho.

Parece que os funcionários da empresa já estavam sendo assediados antes mesmo das demissões, então, a perda de capital intelectual de um é ganho de vários outros. Executivos, gerentes, analistas, desenvolvedores, especialistas em web e interfaces. Há uma forte demanda e isso numa economia ameaçada de recessão. Quem dera o Brasil ter uma recessão como essa.

Uma empresa mais espertinha é capaz de contratar pequenas equipes inteiras, outras irão atrás dos gerentes e diretores, que provavelmente tinham acesso a informações estratégicas da empresa. Um detalhe interessante é que a empresa pode perder ainda mais funcionários baseado no fato de que existem pessoas que não querem trabalhar para a Microsoft. Deve ser chato poder escolher.

Fonte: eWeek

emIndústria Internet

Microsoft e Yahoo: Grandes investidores podem apoiar Redmond

Por em 18 de fevereiro de 2008

O mundo dos negócios é interessante. Enquanto ovelhas fanboys torcem por um time ou outro como uma partida de futebol, os que possuem real interesse mostram como funciona o mundo.

Os 20 maiores investidores do Yahoo não querem que a Microsoft gaste dinheiro demais comprando a empresa por um motivo simples: eles também investiram – muito mais – na Microsoft. Ou seja, não é interessante receber dinheiro demais pelas ações do Yahoo!. Uma eventual descapitalização e fragilização da compradora não é um bom investimento.

Analistas especulam que a oferta de 31 dólares por ação será aumentada para algo em torno de 35 dólares por ação. E no caso de uma contra-oferta, a diretoria do Yahoo! é obrigada a analisar a proposta, já que a sua principal função, como empresa de capital aberto não é fazer tudo pelo social, mas sim garantir o melhor negócio para os acionistas.

Fonte: Reuters

emIndústria

Divulgando seu produto em blogs, da maneira certa

Por em 18 de fevereiro de 2008

Algo que recebemos com bastante freqüencia no Meio Bit são anúncios de novos produtos, sites e serviços, principalmente online. Mas uma tendência que vejo acontecendo mais e mais são os pedidos de divulgação disfarçados.

Chegam emails por exemplo, de uma pessoa com um email genérico, dizendo que “achou” o site X, que é muito legal, que mudou sua vida, etc. Suspeito ? Talvez. Mas a intenção errada é o que faz a pessoa fazer com que nós sequer avaliaemos seu produto, pois ao invés de pedir educadamente, se apresentar como parte do projeto, e se oferecer para responder perguntas sobre o produto, prefere mandar um testemunho forçado, como se fosse de um usuário satisfeito.

Vejam um exemplo do que fazer:

From: <xxxxxx@xxxxxx.com.br>
Date: 2008/2/18
Subject: [Bits] Vôos Mobile
Caros,Escrevo para indicar um serviço interessante lançado na semana passada,chamado Vôos Mobile (www.voosmobile.com.br), que provê acesso pelo telefone celular em tempo real aos horários e status dos vôos dos principais aeroportos do Brasil. O serviço é gratuito para os usuários.

Neste link também há um vídeo explicativo sobre o serviço:http://www.youtube.com/watch?v=CNdWnLFAFs4

Fico à disposição para maiores informações.
Abraços,Eric

Ou seja, o cara mostrou o serviço, sem enrolação, apresentando inclusive um video de demonstração, e um email da própria empresa e com o seu nome real. Resultado ? Ganhou um post no Meio Bit, de um serviço útil.

Observação final: claro que o exemplo acima mostra uma empresa que tem um bom produto, portanto se você tem aquele “saite” Digg-like que você fez em um final de semana, nem sendo muito educado….

emMiscelâneas

Missão Geminis – concurso de desenvolvimento em PHP e .Net

Por em 18 de fevereiro de 2008

A idéia aqui é a seguinte: No concurso online Missão Geminis, da Microsoft, você responde a um quiz, para testar seus conhecimentos de PHP e .Net. Se passar, na segunda etapa do concurso você recebe as especificações e tem 48 horas para desenvolver uma aplicação de controle epidemiológico em PHP. Feito isso, deve migrá-la para .Net.

Um juri de especialistas irá escolher os três ganhadores. O primeiro lugar levará US$1000, o segundo US$800 e o terceiro US$400.

E você não gasta um centavo, pois PHP e MySQL são gratuitos, assim como o Visual Studio 2008 Express Edition e o SQL Server Express Edition. No Centro de Migração de Tecnologias da Microsoft há toda a documentação para portar aplicações PHP para .Net.

Como cereja do bolo, se um dos ganhadores for leitor do MeioBit (com cadastro anterior a este post, claro) levará uma camiseta e um pendrive de 2GB.

emMiscelâneas Software

Vôos Mobile – excelente serviço para quem viaja

Por em 18 de fevereiro de 2008

Saber o status de um vôo pode ser problemático, ainda mais com linhas 0300 e call centres congestionados. Poder consultar essas e outras informações pode significar a diferença entre vida e morte, ou entre mais um chopp ou a conta, enquanto esperamos a Luciana Vendramini chegar no aeroporto. O Vöos Mobile é um serviço muito legal, que atende essa necessidade de informação.

voosmobile2.jpg voosmobile15.jpg

Desenvolvido pela Praesto, é uma ferramenta agnóstica. Tanto pode ser acessado via HTML, de qualquer browser, no endereço m.voosmobile.com.br como pode ser acessado via uma midlet Java, que é mais rápida e consome menos dados do que a aplicação puramente HTML.

voosmobile16.jpg

No início da aplicação temos, além da consulta de vôos, uma opção para indicar a aplicação a um amigo (viralização, muito bem, fizeram o dever de casa) e um Guia do Passageiro, que não é só para encher linguiça. Vejam as opções deste:

voosmobile17.jpg

Na parte de telefones úteis vemos que estão atualizados. Não há a BRA na lista.

voosmobile21.jpg

É possível navegar por Companhia Aérea, número do vôo ou aeroportos. Buscando por aeroportos, escolhemos origem, destino e recebemos rapidamente os resultados:


voosmobile25.jpg

Cada vôo tem informações definidas em tempo real, como na tela abaixo:


voosmobile28.jpg

O Vôos Online é um serviço gratuito, com modelo de rentabilização baseado em publicidade. Espero que faça sucesso, é um pequeno grande serviço que já ganhou residência no meu PDA.

emComputação móvel

Missile Commander de verdade: Satélite-espião será derrubado

Por em 18 de fevereiro de 2008

Em uma história que traz paralelos com videogames e até com o filme Cowboys do Espaço, o Pentágono decidiu explodir o satélite-espião USA-193.

Do tamanho de um ônibus, o bicho foi lançado em 14 de dezembro de 2006, e obviamente algo deu errado. Ele está em uma órbita que decai 700m por dia. Deve reentrar de vez na atmosfera no começo de Março.

Só que dadas suas características orbitais, ele passa muito tempo sob território, err… inadequado. Leia-se Índia, Paquistão, China e URSS Rússia. Não seria bom se recuperassem o satélite, examinando detalhes de sua construção, etc.

Por isso foi criado um hype em torno da hidrazina, combustível usado para manobras orbitais, tóxico e que ainda haveria 450Kg [do combustível] a bordo. Oh, fujam todos, quem poderá nos ajudar?

Chapolim Colorado a Marinha dos Estados Unidos, que em um gesto altruísta vai salvar o mundo, como nos filmes, usando seu convenientemente posicionado sistema antibalístico, lançando um míssil SM-3 modificado para interceptar o satélite a 190Km de altitude.

Como ele está reentrando sozinho, qualquer destroço fatalmente (talvez essa não seja a palavra certa) atingirá a atmosfera em no máximo alguns dias, não aumentando o risco de lixo orbital.

Por outro lado os russos e indianos não ficarão muito felizes, terão que recorrer a métodos mais tradicionais (espionagem, Discovery Channel) para estudar satélites americanos.

Para uma visão em tempo real da posição do satélite, visite este link. Note que não há chances de ele cair em Buenos Aires. É a vida.

O curioso é que um MONTE de gente vai comprar a história da hidrazina, e que por motivos diplomáticos não se possa jogar “limpo”, dizendo “vamos explodir porque não queremos que ninguém pegue’.

O mundo das Relações Internacionais é no mínimo… estranho.

Fonte: Bad Astronomy

emHardware Miscelâneas

iPhone assusta até o Google – no bom sentido

Por em 18 de fevereiro de 2008

A Fabiane já explicou um monte de vezes: Design não é só um rostinho bonito. Tem a ver com usabilidade, e uma prova esmagadora de como isso funciona de verdade veio direto de Deus:

Os acessos via iPhone ao Google são CINQUENTA VEZES o número de acessos feitos por qualquer outro dispositivo móvel. nas palavras do imortal prisioneiro do curta “O Dia em que Dorival Encarou a Guarda”, de Jorge Furtado, “Windows Mobile? Symbian? Tuxphone? Isso é me<PIII!!!> pra mim!”

A coisa foi tão assustadora que Vic Gundotra, chefe de operações mobile do Google disse:

Pensamos que tivesse sido um erro e fizemos um de nossos engenheiros checar os logs de novo

O número exagerado de acessos via iPhones NÃO vem da quantidade vendida. Vem principalmente da facilidade de uso. Não há a sensação de aperto das outras experiências de navegação móvel. E a navegação móvel é a grande tendência dos próximos anos. É bom que Opera, Mozilla e Microsoft mexam seus traseiros gordos, antes que a Apple lance um “Web Mobile Navigator” ou outro Touch mais barato com outro nome e coma 100% desse mercado.

Fonte: World of Apple

emApple e Mac Computação móvel