Digital Drops Blog de Brinquedo

Relógio sob medida

Por em 7 de novembro de 2007

A fabricante suiça 121Time lançou um serviço em seu site que possibilita ao visitante criar seus próprios relógios. Como a empresa não possui lojas de vendas, a personalização dos produtos através do site vem chamando a atenção, além do belo design disponível.

Mas leve em consideração que a exclusividade sempre tem sem preço. O modelo da foto abaixo por exemplo, sai por US$ 517,90. A entrega pode ser feita em qualquer país e fica por conta da fabricante.

emMiscelâneas

Depois do Iphone…

Por em 7 de novembro de 2007

lighter_06112007.jpgO primeiro posto já tem seu ocupante, desde que a revista TIME decretou. A melhor invenção do ano, o produto de 2007 é o iPhone. Ok. Mas o escritório americano de registro de patentes tem outras sugestões que, pelo menos no quesito curiosidade, não ficam tão distantes.

As seis invenções mais estranhas de 2007 nos ajudam a entender que tem muita gente pensando…besteira por aí. Tem para todo os gostos. Até para os mais duvidosos. Vamos desde um isqueiro em formato de biscoito até um método para bloquear a pornografia na internet que segundo seu inventor é infalível.

Pra quê falhar na hora de inventar o insuperável, não é?


Fonte: Doubleviking.com


emAnúncios

Políticos monitorados pelo Google Earth

Por em 7 de novembro de 2007

pinpoliticos_06112007.jpg

Interessada em promover a transparência nos gastos públicos, a instituição americana Sunlight Foundation lançou um layer para o Google Earth que monitora cerca de 1.500 projetos de políticos americanos cujas verbas foram recentemente liberadas.

Cada pin na figura acima representa um destes projetos. Uma vez clicado conduz você até uma página no site Earmarkwatch.org, um banco de dados completo que entrega…quer dizer…conta tudo sobre o que, quanto e como o dinheiro do imposto do contribuinte foi utilizado.

Achei a idéia ótima e até ia sugerir algo aqui em nossa terra. Já pensou se pudéssemos monitorar quanto cada pequeno gabinete de senador ou deputado levou de nossa CPMF?

Ahn? Como? Roubaram o CPD inteiro? Levaram todos os micros do gabinete na maior cara dura?

É, também não vi nada.

Fonte: C|Net

emGoogle

Crime hediondo na blogosfera!

Por em 6 de novembro de 2007

Um crime cada vez mais comum na Internet é o sequestro de blog. A vítima dessa vez foi o John Cow, um sujeito pacato que ganha a vida ensinando truques para ganhar dinheiro com a Internet. Porém, o John se descuidou com a senha de administração do serviço de hospedagem e um hacker sequestrou todo o conteúdo dele, deixando apenas o bilhete de resgate com a frase “This Blog is Hacked! If we do not receive $100 in 24 hrs cow gets well done!!!”.




Se ele quiser ter o blog de volta (imagem abaixo) vai ter que desembolsar 100 doletas via PayPal. Ironicamente, agora ele descobriu uma nova forma de ganhar dinheiro com a Internet.



Espero que essa prática fique longe da blogosfera brasileira! Já pensou se um dia sequestrassem o Blog do Cardoso?

[Via: Everybody Go To]

emBlog Miscelâneas

Novo rumor da Apple: Tablet Mac

Por em 6 de novembro de 2007

Este é tão antigo quanto o do iPhone. Desde 2003 se fala no tal do Tablet Mac (ou Apple Tablet), que a Apple estaria desenvolvendo, mas este rumor em especial está ficando cada dia mais forte. Isso porque a bola da vez é que a Asus estaria como parceira da Apple no desenvolvimento do dispositivo – a Asus é uma das fornecedoras da empresa de Steve Jobs.

Segundo uma fonte da Cnet na Asus, o Apple Tablet não será baseado em nada já existente na Asus, mas num projeto completamente novo. Já fizeram até um mock-up pro bicho, no estilão do iPhone, embora eu não desconsidere o modelo de Rainer Brockerhoff que apareceu na Mac+ número 16 (que ilustra este texto).

Taí mais uma coisa bacanuda, de causar inveja e polêmica, e que só vai chegar aqui quando… bom, deixa pra lá.

Fonte: Cnet e Gizmodo [1] [2].

emApple e Mac

RFID e uma solução interessante para a área de Saúde

Por em 6 de novembro de 2007

FeverPatch07_06112007.pngO pessoal da Gentag está trabalhando numa nova tecnologia de adesivos capazes de modificar significativamente o tratamento de pacientes nos hospitais. A idéia é reduzir os erros médicos através do uso combinado de um pequeno band-aid com um dispositivo RFID que se comunica com celulares, smartphones, PDA´s e outros dispositivos do gênero.

Através da comunicação do adesivo com as bases de dados dos hospitais, médicos e enfermeiras poderão sincronizar prontuários com maior precisão, evitando assim trocas de medicamentos, interpretações errôneas de exames etc.

Por ser não invasivo (além de não sair com água), ter baixo custo e garantir sincronia constante com a base (celulares e que tais) o band-aid com o chip RFID deverá ter uma aceitação muito maior.

Uma ajuda e tanto para o pessoal da área de saúde, que vive virando plantões e pulando de uma clínica para outra.

Fonte: Ubergizmo

emComputação móvel

O que falta para o Google Apps decolar?

Por em 6 de novembro de 2007

Há poucas semanas, o Google Apps lançou outros serviços em sua evolução para se tornar uma opção cada vez mais atraente para as empresas. A suite agora traz a possibilidade de criar e compartilhar apresentações online; traz ainda filtros de spam para o e-mail, bem como a recuperação de e-mails arquivados. Esta tem uma configuração com muitos passos, porém simples. Os filtros de e-mail ainda mostram as estatísticas de tráfego do domínio. Por último, e não menos importante, o e-mail agora tem 25 GB. Isso mesmo, 25 (vinte e cinco) GB.

Até o momento, apenas Universidades e pequenas empresas – isso quando ajudadas por consultorias menores, implantaram a suite Google Apps para fornecer um ambiente de trabalho e colaboração para seus funcionários. Já faz meses que o Google lançou a suite Google Apps como uma alternativa para prover aplicações de processador de texto, planilhas etc, porém ela ainda não desperta o interesse das grandes empresas. Por quê?

É bom que se diga primeiramente que a evolução da suite é espantosa; não lembro nenhuma empresa que tenha evoluído tanto uma suite em tão pouco tempo. Nem a Microsoft quando entrou na batalha com o Lotus 123 & Word Perfect, com sua suite Office.

Porém, a suite Google Apps tem um bom caminho a percorrer. Aqui nos EUA, as grandes empresas têm que obedecer a “Sarbanes-Oxley Act of 2002”, criada depois do episódio Enron, algo que o Google Apps ainda não está 100% compatível. Por exemplo: o usuário tem total controle de onde guardar seus documentos, com quem compartilhar, e para completar não existe a possibilidade de guardar os documentos em outro local que não seja o Google (fora o seu disco rígido com uma copia offline, claro).

Boa parte das grandes empresas nos EUA não utiliza "secure POP", nem POP para transmissão de e-mail para Outlook ou Notes, o que faz do e-mail uma opção pouco atraente para a maioria delas. Também o Google Talk não permite que você restrinja a rede de contatos ao domínio da sua empresa, como você pode fazer com o MSN interno do Microsoft Exchange, ou o antigo Sametime do Notes. Vídeo conferência ainda não apareceu como opção no Google Talk e é algo que as grandes empresas já estão de olho, pois diminui o custo de viagens e melhora a colaboração entre funcionários.

Estes são alguns exemplos do que a suite ainda tem que evoluir, e pelo que tenho acompanhado, creio que vai acontecer. Enquanto isso, ficamos no aguardo de novos serviços e opções.

emGoogle Produtividade