Digital Drops Blog de Brinquedo

Não perca hoje, Hangout com expoentes da tecnologia e uns caras do MeioBit

Por em 28 de junho de 2012

googlehangout

Hoje nosso blog co-irmão Feira Moderna, do Beto Largman irá promover um Hangout com um grupo de luminares da mídia tecnológica do Brasil, e como alguns furaram, eu e o Nick fomos convidados também ;)

Falaremos sobre o mundo pós-pc, Surface e o Kindle Killer do Google, só pra começar.

Os participantes, além do supracitado Beto Largman serão:

  • Alexandre Roldão – Editor-Chefe do Espaço Aberto: Ciência e Tecnologia, da Globo News
  • Eu
  • Cristina De Luca – Diretora de Conteúdo do grupo Now!Digital
  • Elis Monteiro – jornalista, blogueira e consultora de mídias digitais
  • Henrique Martin – editor-chefe e criador do site ZTOP
  • Nick Ellis (Relações Públicas do TechTudo, blogueiro e sócio do site Meio-Bit
  • Rodrigo Bastos – Editor do site TechTudo e blogueiro

O Hangout, se tudo der certo começará 21h de hoje, para acessar e acompanhar é só entrar no perfil do Largman no Google+.

Atualização: Assista ao vídeo do Hangout.

emGoogle Internet

MIT cria sistema que promete maior imersão nos filmes

Por em 28 de junho de 2012

Você já viu uma televisão da Philips com a tecnologia Amblight? De forma resumida, a ideia desses aparelhos é aumentar a imersão do espectador ao gerar efeitos de luz ao redor da TV e que estejam relacionados ao conteúdo exibido. Talvez isto tenha acontecido porque minha experiência com ele não foi a ideal, já que vi um aparelho desses numa loja em um shopping, mas a verdade é que não vi muita vantagem no negócio.

Seja como for, os pesquisadores do MIT Media Lab, V. Michael Bove Jr. e Daniel Novy, desenvolveram um sistema muito parecido com o da Philips, mas que pode preencher toda a parede e teto do ambiente em que estivermos, mostrando imagens borradas que apelarão para nossa visão periférica.

Conhecido como Infinity-By-Nine, ele utiliza um programa criado por eles para gerar uma espécie de extensão da imagem que está sendo exibida pela TV e de acordo com os idealizadores, testes realizados mostraram que a invenção é capaz de criar a ilusão de termos outras sensações e um exemplo dado foi no caso de uma explosão, onde as pessoas podem chegar a sentir o calor.

Nada foi dito sobre quando a novidade será disponibilizada ao consumidor comum, mas como a promessa é de que ela funcione tanto em cinemas quanto em residências, será que este poderá ser o futuro da televisão? Sinceramente acho que não, mas jogar algo desta maneira poderia ser muito interessante.

continue lendo

emÁudio Vídeo Fotografia

Criadores do The Darkness 2 também lançarão jogo F2P

Por em 28 de junho de 2012

Eis que mais uma desenvolvedora se rendeu aos jogos Free-to-Play. Conhecidos por terem criado o The Darkness II e ajudado a Kaos Studios no Homefront, os canadenses da Digital Extremes anunciaram que o seu próximo lançamento será um jogo de tiro em terceira pessoa para PC e distribuído gratuitamente.

Batizado com o genérico nome Warframe, o game terá o seu período de teste iniciado durante a nossa primavera (se vocês se cadastrarem por esse link, eu tenho mais chance de ser escolhido =]) e o seu enredo falará sobre uma raça alienígena chamada Teeno e que que após ter sido escravizada por séculos, está a beira da extinção. A única saída passa a ser uma espécie de armadura que empresta o nome ao título e que só eles podem usar, deixando-os parecidos com ninjas.

O game terá missões geradas aleatoriamente que poderão ser jogadas cooperativamente por quatro pessoas e durante as fases receberemos updates para os exoesqueletos, permitindo assim que as habilidades sejam personalizadas. De acordo com Steve Sinclair, diretor criativo do estúdio, o conceito do Warframe é antigo e o modelo Free-to-play lhes permitiu arriscar com a ideia de ninja futuristas cheios de tecnologia.

Abaixo você confere um teaser do game, mas que infelizmente não revela muita coisa. Ainda assim, acredito que esta poderá ser mais uma boa opção para quem não está disposto a pagar 50, 60 dólares por um lançamento, principalmente por ele ser voltado para o co-op.

continue lendo

emComputadores

Livro mostra história da Blizzard através de artes conceituais

Por em 28 de junho de 2012

dori_d3_27.06.12

Se você gosta de artes conceituais e/ou do trabalho da Blizzard, saiba que em outubro a Insight Editions (mesma que criou o belíssimo Book Of Cain) publicará um livro de capa dura que deverá fazer a alegria dos fãs. Com 352 página e mais de 800 ilustrações, The Art of Blizzard abordará 20 anos da empresa, trazendo as séries Warcraft, Diablo e StarCraft.

Junto com as pinturas, esboços e artes conceituais, ainda teremos comentários feitos por figuras importantes da empresa, como Chris Metzen, vice-presidente sênior de história e desenvolvimento de franquia; o diretor de arte Sam Didier e Nick Carpenter, vice-presidente de arte e desenvolvimento de cenas não-interativas.

Os interessados já podem fazer a reserva do livro no site da Amazon e o preço cobrado por ele é de US$ 45,88, um valor que pode ser considerado um pouco alto por alguns, mas por se tratar de um produto de alta qualidade, que serve como um belo registro histórico de uma das mais adoradas desenvolvedoras e voltado para fãs, acho que o investimento valerá a pena.

Só é uma pena que títulos mais antigos da Blizzard como o Rock n’ Roll Racing e The Lost Vikings não estejam presentes.

[via Destructoid]

emCultura Gamer

Google Lança Nexus 7, o tablet “to rule them all”

Por em 28 de junho de 2012

E então saiu a esperada novidade. Ontem, no evento Google I/O (transmitido ao vivo pelo YouTube e acompanhado em tempo real pelo Facebook do Meio Bit), a gigante da internet anunciou o Nexus 7, tablet Android da nave-mãe.

Custando atraentes US$199, ele não é pouca coisa. Com 340 gramas, são 7 polegadas IPS com resolução 1280 x 800 pixels e vidro Corning Gorilla, processador NVIDIA quad-core Tegra 3 de 1.3GHz com 1GB de RAM, 8GB de armazenamento interno, câmera frontal de 1.2 megapixels e Android 4.1 Jelly Bean purinho. Ah, e a Google também promete 10 horas de bateria.

Vem com as conexões de sempre: Bluetooth, WiFi, GPS e até NFC. Tem todos os sensores esperados em um tablet – incluindo um magnetômetro. Há também uma versão com 16GB por US$249 (como todo Nexus, ele provavelmente não terá entrada para microSD). Como desvantagens ficam a falta de uma boa câmera traseira e a falta do 3G/4G.

continue lendo

emArtigo Meio Bit

Motorola traz RAZR MAXX ao Brasil

Por em 28 de junho de 2012

O RAZR MAXX – versão do “novo RAZR” que troca a espessura por uma bateria de longa duração – foi hoje anunciado oficialmente no Brasil.

As especificações são as mesmas do irmão mais fino: Processador dual-core de 1.2GHz, tela de 4,3″ com 960×540 pixels e 1GB de RAM. A câmera é de 8MP e ele conta com 16GB de armazenamento interno.

Além disso, o RAZR MAXX já vem com o Ice Cream Sandwich – segundo a Motorola, a única coisa que impediu o aparelho de chegar mais rápido ao Brasil foi a liberação da última versão do Android.
Mas por enquanto nada da atualização para o RAZR tradicional….

A grande mudança aqui é a bateria, que passa de 1780mAh para 3300mAh.
Mesmo com toda essa capacidade, o MAXX continua mais fino que alguns smartphones recentes, como o Lumia 800 ou o iPhone 4S.
Os reviews da versão americana, com LTE, dizem chegar em cerca de 6 horas de uso pesado usando a rede 4G e cerca de dois dias em “uso normal”, com consultas periódicas a redes sociais e navegação leve.
Como o modelo nacional não possui 4G, é bem provável que a autonomia dele seja ainda melhor por aqui.
Já estamos com uma unidade para review e logo poderemos saber isso.

Nem a data nem o preço de lançamento do RAZR MAXX foram anunciados hoje, mas sabemos que ele deve chegar primeiro na Vivo.

emCelular Meio Bit Mobile

Laboratório Atômico desenvolve Ventoinha Futurista

Por em 28 de junho de 2012

Nos meses de Inverno nem reclamo muito do meu Athlon II X2 ou do Macbook, mas no verão o calor começa a se tornar um problema. Idealmente eu teria um daqueles sistemas de refrigeração líquida, mas com minha sorte de aranha tenho CERTEZA que a catástrofe seria inevitável.

O uso de ventoinhas convencionais resolve mas sendo realista elas fazem um barulho infernal e acumulam poeira. Como fugir disso sem arriscar a integridade e a secura do meu PC?

SEUS PROBLEMAS ACABARAM! O pessoal do Sandia National Labs tirou uma folga da quesitonável atividade de projetar armas nucleares e desenvolveu um design ultra-eficiente de ventoinhas, baseado em um conceito obscuro descoberto nos anos 50, que determina que uma ventoinha em alta velocidade crua uma camada de ar estática em sua superfície.

O design deles também gera sustentação, erguendo-se da base e só mantendo contato através do eixo. De brinde a força centrífuga faz com que partículas de poeira sejam expelidas, mantendo as superfícies limpas e eficientes;

Agora o melhor de tudo: O projeto foi licenciado para uma grande empresa e provavelmente veremos coolers com esse design em breve.

Fonte: PopSci

emHardware