Ciência
Ciência
Digital Drops Blog de Brinquedo

OK, AGORA tenho certeza que os robôs nos exterminarão

Por em 2 de novembro de 2011

A gente costuma brincar a cada avanço, dizendo que é um passo para a rebelião robótica, a Segunda Renascença e a ascenção de Skynet, mas raramente sentimos isso.

Dessa vez é diferente. A Boston Dynamics, criadora do BigDog divulgou a existência do PETMAN. A história de acobertamento é que seria uma espécie de manequim animado, de 1m75cm que executaria movimentos típicos de um soldado e simularia respiração, transpiração, etc.

Seria usado para testar uniformes contra guerra química. Lembra alguma coisa? É, o programa T1000, eu sei, mas calma que piora.

A Cyberdyne Systems Boston Dynamics resolveu criar um robô humanóide autônomo capaz de andar, correr e se movimentar como um humano. Seu formato C3PO pelado deveria mantê-lo dentro do campo de “máquina”, mas sua movimentação é tão desconcertantemente humana que ele cai dentro do chamado Vale da Estranheza,  gerando aquela sensação esquisita de algo que parte do cérebro entende como humano e outra parte sabe que não é.

Para dar uma idéia da encrenca em que estamos nos metendo, ESTA é a cena de Caprica onde é apresentado o protótipo do primeiro Cilônio, assista:

Agora veja o vídeo da Boston Dynamics:

Quanto tempo até descendentes do PETMAN patrulharem as ruas de Mogadício, controladas remotamente por soldados a milhares de Km de distância, e quanto tempo depois até se tornarem 100% autônomos?

Fonte: Gizmag

emCiência Hardware

DC Universe Online já pode ser jogado gratuitamente

Por em 2 de novembro de 2011

dori_dcu_02.02.11

O feriado chegou, você está aí sem nada para fazer e se não ligou o seu Playstation 3 desde ontem, sabe o que achegou à PS Store (dos EUA)? Além dos vários novos games e conteúdos adicionais, que podem ser conferidos aqui, um dos principais destaques é o início do período gratuito do DC Universe Online (também disponível para PC), algo que vinha sendo aguardado por muita gente.

Há alguns dias me disseram que o jogo só poderia ser jogado gratuitamente por quem possuísse o disco, mas após ver esta página no site oficial, acho que ele estará mesmo disponível para todos. Nela diz que no console primeiro teremos que fazer o download do instalador, que tem pouco mais de 120MB, para depois baixar o game propriamente dito, o que certamente levará algumas horas, nunca mencionando a necessidade do Blu-ray.

Mesmo sabendo que no PC eu conseguiria gráficos mais bonitos e obteria o jogo com mais velocidade, já que a PSN é terrivelmente lenta, este é um que eu gostaria de jogar no console e acho que o ideal seria se pudéssemos começar uma partida numa plataforma e continuar na outra, o que não sei se pode ser feito.

Mesmo não sendo um grande apaixonado pelos MMOs, estou curioso para ver como é um envolvendo super-heróis, portanto, não estranhe se você encontrar um Dori Prata socando vilões ou espalhando o caos pelo mundo virtual do game nos próximos dias.

emComputadores MMO Sony

Polaroid PL 160 e PL 150 – Flash externo de baixo custo

Por em 1 de novembro de 2011

Um dos grandes passos na evolução de um fotógrafo amador (e até de alguns profissionais) é comprar um flash externo. Pode parecer uma coisa mística a forma de utilizar estes equipamentos, e existem até livros inteiros dedicados a este assunto, mas no fundo é uma coisa que a prática demonstra como se adaptar. No Brasil não temos muitas opções. A maioria das pessoas acaba se decidindo por um flash TTL da marca da câmera (Canon, Nikon, Sony) ou apela para os genéricos da Sigma. Porém, existem muitas outras marcas de flash TTL e manuais que encontramos no mundo civilizado. É só procurar na Amazon e você vai ver do que estou falando.

Agora, quem coloca no mercado novos equipamentos é a Polaroid. Nem só de fabricação de câmeras instantâneas vive a empresa. As duas novidades que estão chegando ao mercado são o PL 160 e o PL 150. O primeiro é mais parrudo e possui comunicação TTL com a câmera. Ele nos traz número guia 148, o que equivale a uma abrangência de 45 metros utilizando ISO 100 e a lente na distância focal de 85mm. O zoom da cabeça cobre as distâncias focais de 24-85mm e o tempo de reciclagem varia de 0,5 a 9s (vai depender da carga da bateria). A fonte de energia são 4 pilhas AA alcalinas ou recarregáveis.

Já o PL 150 também é TTL, mas parece que o zoom da cabeça é manual. Já tive um flash eletrônico com zoom manual e não recomendo. O número guia dele é 137 e o zoom da cabeça engloba a distância focal de 28-90mm. Como a potência do flash é um pouco menor então o tempo de reciclagem também, ficando em torno de 0,3 a 8 segundos. A fonte de energia também são 4 pilhas alcalinas AA ou recarregáveis. Um ponto importante nos dois equipamentos é que fora o disparo do flash eles também possuem um iluminador led na parte da frente do corpo. Esse iluminador providencia uma luz contínua para câmeras que possuem o recurso de filmagem.

Os dois acessórios já estão à venda e o PL 160 está custando US$ 199,99 e o PL 150 sai por US$ 110,10.

Fonte: Pop Photo

emAcessórios Áudio Vídeo Fotografia

Jogos de zumbis movimentam 2,5 bilhões de dólares

Por em 1 de novembro de 2011

dori_reo_11.11

Você já está cansado dos jogos de zumbis? Pois saiba que a moda ainda deverá demorar bastante para passar, já que de acordo com um relatório publicado pelo WallStreet 24/7, este é um gênero responsável por um mercado avaliado em dois bilhões e meio de dólares, com potencial para crescer muito mais.

O artigo cita como os principais colaboradores para tamanho sucesso marcas como Resident Evil, cuja série já vendeu mais de 46 milhões de cópias e diversas expansões que levaram os mortos-vivos a franquias “normais”, como Call of Duty e Red Dead Redemption, sem falar em jogos para celulares e tablets como Plants vs. Zombies.

Segundo o autor, chegar aos valores exatos é algo bastante difícil, já que muitas empresas não gostam de revelar os lucros, mas ele afirma que a quantia movimentada pelos games de zumbis pode ser bem maior que a do cinema, também avaliada em 2,5 bilhões de dólares e faz um cálculo jogando o valor de cada Resident Evil vendido como sendo de US$ 29,99, o que daria 1,3 bilhões de dólares, que segundo ele é um chute baixo e representaria apenas uma série.

Como pode ver, depois dos títulos sobre a Segunda Guerra e os jogos musicais, parece que o que dá dinheiro atualmente é colocar os jogadores para combater zumbis e enquanto o gênero estiver dando lucro, pode esperar pois muitos outros jogos serão feitos.

[via Gamepro]

emIndústria

Who is Nikon?

Por em 1 de novembro de 2011

Marketing e propaganda definem bem nossa sociedade capitalista. A propaganda tem por objetivo convencer você da necessidade de possuir um produto ou serviço. Porém, algumas vezes, temos a oportunidade de ver uma propaganda que além de angariar novos consumidores, também possui o objetivo de enaltecer quem já comprou o produto.

No final do mês de outubro a Nikon começou a exibir sua nova propaganda com a continuidade da campanha I Am Nikon. O que vemos é uma peça publicitária simples, com trilha sonora bem escolhida e que foi feita para emocionar. Eu fiquei com vontade de comprar uma Nikon. Vejam abaixo do que estou falando.

 

emNotícias

Battlefield 3 vendeu 5 milhões de cópias em uma semana

Por em 1 de novembro de 2011

dori_bat3_01.11.11

As chances do Battlefield 3, megaprodução da Electronic Arts se tornar o jogo mais vendido do ano são muito pequenas, afinal, esta tem sido uma temporada fantástica para os jogos eletrônicos, cheia de títulos fantásticos e ainda por cima teremos a chegada na semana que vem do Call of Duty: Modern Warfare 3, que provavelmente venderá horrores. Mesmo assim, o pessoal da EA não deve estar nem um pouco insatisfeito com as vendas e a revelação dos números atingidos pelo FPS impressiona.

De acordo com um levantamento interno, este já é o maior lançamento da companhia e das 10 milhões de cópias enviadas paras as lojas, metade foi vendida apenas na primeira semana, fazendo com que o título vendesse mais do que a maior parte dos games consegue em meses, anos. A empresa afirma ainda que os jogadores já executaram mais de 73 milhões de savior kills (quando matamos um inimigo antes dele matar alguém da nossa equipe), reviveram 48 milhões de companheiros e destruíram mais de 67 milhões de veículos.

É extremamente gratificante entregar uma experiência que agrade nossos fãs e ter a oportunidade de introduzir novas pessoas à franquia,” afirmou Patrick Soderlund, executivo da EA, que concluiu, “Já estamos vendo tempos de jogo e atividade online sem precedente, o que é muito recompensador. Esse lançamento solidifica o Battlefield como uma marca líder de entretenimento.

Mesmo com tudo isso, as análises que tenho lido por aí tem me desanimado bastante por dizerem que a campanha singleplayer é bastante sem graça e entediante. Como praticamente não jogo as porções online dos games, acho que deixarei para adquirir o Battlefield 3 quando ele estiver mais barato.

[via VG247]

emIndústria Meio Bit

Angry Birds, a marca mais copiada na China

Por em 1 de novembro de 2011

dori_ang_01.11

É difícil imaginarmos que exista alguma empresa envolvida com games que fique feliz em saber que suas marcas estão sendo vastamente utilizadas ilegalmente, mas durante uma visita à China, Peter Vesterbacka, CEO da Rovio, afirmou que a pirataria está ajudando a marca Angry Birds a se tornar mais popular.

Há muitos produtos do Angry Birds por aqui, mas a maioria deles não são licenciados oficialmente. O Angry Birds é no momento a marca mais copiada da China e obtivemos muita inspiração dos produtores locais.

A maneira que olhamos para isso é, claro que queremos vender produtos licenciados, com boa qualidade, mas ao mesmo tempo temos que ficar feliz em relação ao fato de que a marca é tão adorada que se tornou a mais copiada na China. É ótimo para nós ver a demanda e é por isso que estamos construindo nossas próprias lojas por aqui. E na verdade estamos construindo nossa primeira loja aqui e não em Helsinki… Esperamos ter algumas lojas ao longo dos próximos 12 meses.

É claro que isso só ajuda os finlandeses a se tornar mais prepotentes, afirmando que deixaram para traz alguns nomes como Facebook, Skype e Google para se tonarem “a marca com o maior crescimento de todos os tempos,” além de ter declarado que eles “provavelmente possuem mais poder de distribuição do que qualquer estúdio de Hoolywood.

Mas espere aí um pouquinho. Alguém poderia me explicar como é possível o Angry Birds ter alcançado tamanho sucesso? Será que essa informação é mesmo verdadeira, de que eles possuem a marca mais copiada da China? Mais do que uma Fony, Abibas e Mike? Sinceramente, o mundo está perdido mesmo…

[via Gamepro]

emCelulares Indústria Jogos