Fotografia
Fotografia
Digital Drops Blog de Brinquedo

Sanyo VPC-E1403

Por em 30 de junho de 2010

Mais uma compacta chega para fazer a festa dos consumidores domésticos. Não diria que a Sanyo é uma fabricante com tradição no mundo da fotografia, mas a pequena câmera que está colocando agora no mercado tem dois pontos muito atrativos. O primeiro é o design (uma câmera bonita) e o segundo é o baixo preço do equipamento, que vai ser comercializado por €129,00.

A câmera é construída com uma caixa de metal, possui 14 megapixels de resolução máxima e é capaz de fazer filmes em alta definição com 1280×720 pixels e com 30 fotogramas por segundo. Sempre imagino como deve ser a estabilidade ao se fazer gravações com um equipamento tão pequeno, mas nada que um tripé não possa resolver. Outro atrativo para quem quer apenas uma pequena câmera para levar na bolsa é o visor LCD TFT de 3 polegadas, garantindo uma boa visualização das fotos e dos menus internos da câmera.

Claro que não adianta ser bonita, tem que apresentar qualidade. Infelizmente, esse tipo de equipamento nunca é objeto de testes práticos. O que podemos fazer é procurar nas estatísticas do flickr pela câmera e ver a qualidade através da produção dos usuários. Mas, alguns pontos me preocupam seriamente. O primeiro é o tal de estabilizador de imagem digital. Já disse que me preocupo muito com a estabilidade de gravação em câmeras pequenas, e o interessante seria um estabilizador ótico. O segundo é a possibilidade de ter uma velocidade ISO de 6400. Se nem câmeras DSLR de entrada conseguem produzir algo decente nessa sensibilidade (a maioria nem chega até esse número), imagine uma compacta com sensor minúsculo. Eu encaro isso como propaganda enganosa.

Independente disso é uma câmera com alguns atrativos interessantes. Mais uma que duvido que chegue ao Brasil, pelo menos não de forma oficial.

SANYO_E1403

Fonte: Photography Blog

emEquipamentos

Oh my God, they killed KINny!!!

Por em 30 de junho de 2010

Segundo uma nota do Engadget, a linha de celulares voltados para o público tweem (pós-adolescentes na casa dos vinte anos), KIN One e KIN Two será descontinuada pela Microsoft, a dona da marca.

Kin Message

O KIN foi produto do chamado Project Pink, da Microsoft, que gerou muitas especulações, até mesmo chegou a ser chamado de Zune Phone, mas na verdade era fruto da compra da Danger, que já fabricava celulares da série Sidekick, voltada ao publico jovem, que não tem interesse em smartphones, nem poder aquisitivo para bancar os caros planos de dados. Com este alvo, KIN foi lançado com um apelo social: um visual bem similar ao futuro Windows Phone 7, possibilidade de compartilhar fotos videos e mensagens pelo Twitter e Facebook, lista de contatos agregada ao Facebook, updates dos seus amigos direto na bela tela principal e até um leitor de RSS nativo. continue lendo

emArtigo Celular Meio Bit Mercado Mobile

Final Fantasy XIV ganha data de lançamento

Por em 30 de junho de 2010

dori_ff14_30.06.10 E então fãs de um bom e viciante MMO, estão prontos para o segundo capítulo da série Final Fantasy no gênero? Então é bom começar a juntar as moedinhas pois a Square Enix revelou que a edição de colecionador, cuja capa pode ser vista aí do lado, chegará a Europa no dia 22 de setembro para PC, já a versão normal, esta será lançada no dia 30 do mesmo mês. A mã notícia ficou por conta do jogo para Playstation 3, que só será lançado em algum dia de março do ano que vem.

Quem quiser investir na edição mais incrementada levará junto com o Final Fantasy XIV um DVD com o making-of do jogo, um mapa, um guia de viagem com artes conceituais, 30 dias de acesso gratuito, um convite para outra pessoa poder testar o jogo e alguns itens ingame exclusivos.

Lá no velho continente, o valor da mensalidade será de € 12,99, o que provavelmente significa que nos EUA custará US$ 14,99 e assim como no FFXI, a mensaliadde dá direito a usarmos apenas um personagem, com os adicionais custando € 3,00 por mês. Além disso, teremos a nossa disposição um personagem não controlável que poderá armazenar nossos itens e caso queria mais, será cobrado mais € 1,00 todos os meses.

Para rodar o FFXIV será preciso um PC com no mínimo um processador Intel Core 2 Duo 2GHz ou AMD Athlon X2 2GHz, 2GB de RAM, 15GB de espaço no HD e uma placa de vídeo GeForce 9600 com 512MB ou uma Radeon HD 2900 também com 512MB. Um beta deverá ser iniciado ainda em julho.

[via MCV]

emComputadores MMO Sony

Comercial da Panasonic G2 gravado com a Canon 5D Mark II?

Por em 30 de junho de 2010

epic fail

Essa é muito engraçada e está gerando certa polêmica no mundo da fotografia. A Panasonic G2 é a mais nova representante do sistema micro-quatro-terços com gravação de vídeos em alta definição. Nada mais justo do que fazer um comercial mostrando todas as qualidades do equipamento (normal nas sociedades de consumo as câmeras fotográficas também terem toda uma campanha publicitária). O problema é que surgiu o boato de que o comercial da Lumix G2 tinha sido filmado com uma Canon EOS 5D Mark II.

Sinceramente, eu não vejo problema nenhum nisso, mas está rolando a discussão de que a Panasonic G2 seria câmera suficiente para ter feito todas as filmagens do comercial. A Panasonic tentou negar, dizendo que eram intrigas e que o comercial possui 100% de cenas filmadas com a sua câmera. Mas, agora temos um pequeno vídeo que está no Youtube mostrando os bastidores das filmagens do comercial. Além de mostrar como é dinâmica a gravação de um comercial, também podemos ver em várias cenas o aparecimento da câmera da Canon.

Pode ter sido um EPIC FAIL gigante da Panasonic o fato de que a câmera usada para filmar o seu comercial chamar mais a atenção do que o seu próprio equipamento, mas temos cada vez mais certeza da importância e qualidade da 5D Mark II, principalmente quando utilizada com as lentes da série L. Vejam abaixo os bastidores do comercial da Panasonic G2.

emNotícias

Além do FUD — Um raro vislumbre da mente da Microsoft

Por em 30 de junho de 2010

Há uma impressão lendo os fóruns de tecnologia de que o Mercado é extremamente estúpido. Por algum motivo místico a Microsoft consegue ser uma das maiores empresas do mundo apenas vendo o que outros fizeram e kibando. Um modelo tão simples quando inviável na escala em que trabalham.

Apesar dos bilhões de dólares gastos em Pesquisa e Desenvolvimento, os nerds assumem que “apenas copiam”. É, empresas como IBM, Novell, Ford são muito burras, pois bastaria ler os fóruns OpenSource e implementar as geniais idéias que existem por lá, ao invés de se associar à Microsoft e outras “copiadoras”.

Na prática não é assim que funciona. Ninguém bate a mão na mesa e diz “vamos lançar um navegador” e sai com algo em 15 dias. O projeto de criar um Facebook OpenSource via US$100 mil em doações é uma grande piada para qualquer um que já participou de um projeto de gente grande.

Para nossa sorte agora é possível ver como a coisa realmente funciona. Entre os milhares de documentos sigilosos disponibilizados publicamente durante o julgamento da ação antitruste que a Microsoft sofreu nos anos 90 há um em especial: O Planejamento de Produto do Windows Cairo, Sistema Operacional de nova geração anunciado pela Microsoft em 1991 mas nunca finalizado. Os planos tornados públicos pela Justiça dos EUA são de 1993. Lembre-se, isso é do tempo em que todo mundo ainda usava Windows 3.11.

continue lendo

emMeio Bit

A arte da computação analógica

Por em 30 de junho de 2010

Que tal computar sem computador? O vídeo acima mostra as atividades que realizamos computadoralmente, mas representadas de forma física. Destaque para os “followers do Twitter” e o Photoshop.

O vídeo é criação da Meltmedia, e no site oficial há fotos e making-ofs, para os interessados.

PS: Só eu fiquei o resto do dia assoviando a musiquinha?

emApple e Mac Áudio Vídeo Fotografia Meio Bit

Não haverá recall, não importa o que o Twitter diga…

Por em 30 de junho de 2010

iphone-4-g.jpg

O The Daily Mail relatou faz alguns dias que um recall do iPhone 4 estaria sendo encaminhado. Lorota. A publicação britânica utilizou uma fonte originada no Twitter que é tão verdadeira quanto uma nota de R$ 30,00.

O twitterer @ceoSteveJobs é um fake-paródia (inclusive diz isso em sua bio). Mesmo que você seja displicente o bastante para não ler o perfil dele, deve rapidamente perceber que não se trata do CEO da Apple pelos seus tweets, que incluem pérolas cômicas como ‘Ouvi dizer que o CEO da AT&T se casou recentemente. O serviço foi ótimo, mas a recepção foi terrível’.

Mesmo que você ache um absurdo um grande comunicador publicar algo sem verificar direito as suas fontes antes, isso acontece com uma frequência mais indigesta do que se imagina. Por essa razão que o twitter acabou tendo que re-implementar diversas medidas de segurança para revalidação de contas e perfis em sua base.

Agora, até os fakes fazem parte do tecido que enrola a comunicação da rede…

emApple e Mac Internet Meio Bit