Digital Drops Blog de Brinquedo

Google pega fogo na Inglaterra

Por em 29 de agosto de 2009

Quinta-feira, o edifício Buckingham Palace Road, onde se localiza o quartel general do Google na Inglaterra esteve em chamas. O incidente foi reportado via Twitter pelo jornalista Jon Swaine, do jornal britânico Daily Telegraph. Swaine postou a foto abaixo em primeira mão do edifício em chamas no Twitpic, serviço para hospedagem de imagens no Twitter, no momento do ocorrido.

O motivo do incêndio: uma árvore pegou fogo no terraço do prédio, onde estavam fazendo um churrasco. Os 5 mil empregados do Google que estavam no edifício no momento não se machucaram, a brigada de incêndio foi chamada e todos viveram felizes para sempre, menos a Microsoft, que não pôde ver uma das bases de seu inimigo ir para as cucuias.

Fontes: Tech Crunch e Daily Telegraphy

emMiscelâneas

Kurt Cobain no GH5

Por em 28 de agosto de 2009

Valendo-se do prestígio alcançado por sua série (e provavelmente uma boa quantidade de dinheiro), a Actvision fechou mais um acordo para colocar outro gigante do rock no Guitar Hero 5. Depois dos lendários Johnny Cash e Carlos Santana, além de Shirley Manson do Garbage e Matt Bellamy do Muse, chegou a vez de Kurt Cobain.

Depois de longos três anos de negociação, o líder do revolucionário Nirvana fará uma participação especial, tocando as duas músicas da banda presente no jogo (Smells Like Teen Spirit e Lithium) e será um dos personagens secretos do game. No vídeo abaixo você pode ver um pequeno trailer mostrando como o cantor ficou dentro do jogo e não sei quanto a você, mas tive a sensação de que embora o sincronismo labial esteja muito bom, a sua recriação digital não ficou muito legal e a boca está um tanto estranha, porém, como o que importa aqui é música…

emVídeos

Casal de portugueses processa Google por fotografia ilícita

Por em 28 de agosto de 2009

Parece até coisa de piada, mas a situação é bem séria. Um casal de portugueses está processando o Google por causa de uma foto colocada no serviço Google Street View, do Google Maps. O casal vai ingressar com queixa no Departamento de Acção e Investigação Penal acusando o Google de fotografia ilícita e devassa da vida privada. Quem viu a imagem, garante que o casal está com o rosto meio desfocado, mas os reclamantes afirmam que foram reconhecidos por vários parentes e amigos. Juntamente com a queixa, o casal está entrando com um pedido e indenização de 200 mil euros, sendo 100mil para cada um. O Google, em sua defesa, alega que o serviço possui ferramentas de fácil utilização que garantem a retirada de qualquer foto considerada inapropriada.

Embora já tenham existido reclamações dessa natureza envolvendo o serviço do Google, a discussão ainda vai render muitos argumentos de ambas as partes. Alguns podem até acusar o casal de serem oportunistas, mas o que importa mesmo é o que diz a lei. As pessoas tem o direito de manter a sua privacidade e, mais importante o que isso, possuem o direito de não terem a sua imagem vinculada a qualquer serviço sem sua prévia autorização. A Legislação de Direitos Autorais é bem clara nisso e, nesse ponto específico, ela é bem parecida em todos os países. Trocando em miúdos, se o Google quer colocar minha imagem em um de seus produtos, vai ter que me pagar. Apenas apresentar desculpas e retirar a foto do ar não é suficiente.

Temos que ver como o Google vai se virar com essa nova realidade.

Fonte: A Bola

emNotícias

Sony Alpha 850 – anúncio e imagens

Por em 28 de agosto de 2009

A Sony divulgou de forma oficial o que todo mundo já sabia. Ou quase. Em vez de duas novas DSLR a empresa está colocando no mercado três. A Sony Alpha 850 e Alpha 500 já eram de conhecimento do público, mas também temos no pacote a Alpha 550. Isso eleva o número de câmeras reflex que a empresa tem a venda a um patamar considerável.

A Sony Alpha 850, como muitos já estavam esperando, é equipada com um sensor CMOS Full Frame de 24,6 megapixels, visor LCD de 3 polegadas com 921 mil pixels de resolução e cobertura ótica de 98% do view finder. No mais, a câmera pode fazer 3 fotos por segundo no modo contínuo, tem velocidade ISO variando de 100 a 6400, compatibilidade com cartões Compact Flash e Memory Stick Duo e obturador com velocidade de 30 a 1/8000. Equipamento que deve agradar a fotógrafos mais exigentes e que gostem de um design baseado nas câmeras reflex do passado. A surpresa aqui fica por conta do preço. Ao contrário do que se esperava, a câmera vai custar mais barato. Ela deve chegar ao consumidor em setembro custando US$ 2.000,00.

Sony Alpha 850

Já as novas Alpha 500 e Alpha 550 são quase irmãs gêmeas. Porém, as poucas características divergentes entre as duas são suficientes para causar uma diferença de US$ 200,00 no preço. Infelizmente, a Sony não especificou se os sensores CMOS dos equipamentos são os novos EXMOR R retroiluminados, mas essas dúvidas devem ser sanadas com a aproximação da data de venda. De igual, as duas câmeras possuem o design, a estabilização de imagem no sensor, velocidade de obturador em 30-1/4000, 9 pontos de autofocus, monitor LCD articulado e compatibilidade com cartões SD/SDHC e Memory Sticks. A Sony Alpha 500 possui 12,3 megapixels de resolução máxima, LCD de 3 polegadas com 230 mil pixels de resolução e faz 4 fotos por segundo no modo contínuo. Ela vai estar disponível em outubro ao preço de US$ 750,00 (só o corpo). A Alpha 550 possui 14,2 megapixels de resolução máxima, LCD de 3 polegadas com 921 mil pixels de resolução e faz 7 fotos por segundo no modo contínuo. Vai estar disponível em outubro ao preço de US$ 950,00 (só o corpo).

Sony Alpha 550

O Imaging Resource já teve acesso a nova Alpha 850 e publicou um teste de comparação de ruído. É possível fazer o download dos arquivos originais para comprovar a qualidade. Só não assustem com o tamanho do arquivo. O sensor de 24 megapixels gera um JPEG de 18 MB (em média). Todo mundo sabe que o forte da Sony não são os ISOs altos, mas o ISO 6400 está muito bom perto das primeiras câmeras da empresa.

emEquipamentos

360 com HD de 250GB a caminho

Por em 28 de agosto de 2009

Bastou a Microsoft confirmar a redução no preço do Xbox 360 Elite para US$ 299 para que alguns anúncios ao redor do mundo fizesse o negócio não parecer tão vantajoso. O primeiro deles foi revelado pela Amazon alemã. Lá o Super Elite (como alguns o estão chamando) acompanharia dois controles sem fio, o jogo Forza 3 e a principal mudança, um HD de 250GB. Tudo isso custaria módicos €280, ou seja, apenas 80 dólares há mais que o atual modelo.

Para deixar o rumor ainda mais forte, a rede de lojas BT Games localizada na África do Sul divulgou um panfleto onde o aparelho também é anunciado, por lá custando R4699, o que daria cerca de US$ 644 (ouch!). Pelo visto não é só o Brasil que sofre com os altíssimos impostos em relação aos videogames.

Acredito que todos os donos de um Xbox 360, principalmente os dos modelos mais antigos e que utiliza HD de 20GB, gostariam que a empresa liberasse o uso de qualquer HD no videogame, ou pelo menos os vendessem com um preço menos extorsivo.

dori_360_28.08.09

[via Joystiq]

emMicrosoft Rumores

Indústria cada vez menos inovadora

Por em 28 de agosto de 2009

Esta é daquelas notícias que não gosto de dar, mas que infelizmente sou obrigado a comentar. De acordo com um relatório emitido pela NESTA (National Endowment for Science, Technology and the Arts), 60% das empresas entrevistadas interromperam ou diminuíram o desenvolvimento de novas propriedades intelectuais nos últimos 5 anos, ou em português claro, prepare-se para mais e mais sequências de franquias famosas.

Embora o estudo aborde principalmente o mercado britânico, a explicação seria os impostos altos (ah se conhecessem o Brasil), além do risco de não obterem o investimento no desenvolvimento de uma nova marca.

Essa situação é claramente preocupante para aqueles que gostam de inovação e não aguentam mais comprar/jogar a enésima geração daquela surrada série que praticamente só evoluiu a parte gráfica durante as últimas décadas (sim Nintendo, mesmo sendo fã, estou olhando para o The Legend of Zelda nesse momento). Acredito que isso também reforça a ideia de que um bom jogo não precisa ter dezenas de milhões de dólares investido para ser bom e mesmo não sendo um primor em se tratando de originalidade, acho que o Shadow Complex se encaixa nesta categoria.

dori_sc_27.08.09

[via Develop]

emIndústria

Heavy Rain terá muita história

Por em 28 de agosto de 2009

Ao conceder uma entrevista ao blog europeu do Playstation, David Cage, roteirista do jogo Heavy Rain, falou sobre o quanto a história do jogo será complexa. Para tentar impressionar os jogadores, o sujeito afirmou que ao todo o enredo ocupará cerca de 2000 páginas. Se o número não quer dizer muita coisa para você, saiba que um filme utiliza, aproximadamente 120 páginas.

É óbvio que quantidade nunca é sinônimo de qualidade, porém, esse simples comentário me fez pensar em duas coisas: Primeiro que a equipe de produção está mesmo dedicada a proporcionar ao jogador uma experiência poucas vezes vista e segundo que isso mostra o motivo pelo qual a maioria dos filmes baseados em jogos são uma bela de uma porcaria. Não adianta, a quantidade de conteúdo mostrado em muitos jogos é grande demais para ser condensado em 1 hora e meia, duas no máximo. Agora é só torcer para nenhum gênio resolver levar essa aparente jóia para a telona.

Também me chamou a atenção a declaração de que o PS3 é capaz de fazer gráficos ainda melhores que esses mostrados na imagem abaixo. A justificativa de Cage é que o Heavy Rain ainda é o primeiro títulos deles para o console, portanto ainda há muito a ser melhorado.

dori_hr_24.08.09

[via VG247]

emCultura Gamer Sony