Digital Drops Blog de Brinquedo

Mais um bom analisador de tráfego

Por em 30 de outubro de 2008

Há alguns dias eu escrevi um texto onde dizia que o Google Analytics havia recebido um concorrente com a chegada de um serviço semelhante oferecido pelo Yahoo. Se apenas esse lançamento já não fosse suficiente para deixar a equipe do gigante das buscas com a pulga atrás da orelha, agora temos mais um na parada.

A princípio, o NuConomy pode não passar de uma cópia dos concorrentes, mas as melhorias não ficam apenas na interface do site. O serviço que vem sendo apontado como a próxima geração dos analisadores de tráfego surpreende pela quantidade de informações que pode coletar e talvez a mais importante é a capacidade de monitorar AJAX, Flash e Silverlight. Graças a este pequeno detalhe, o dono de um site será conseguirá saber se usuário assistiu um vídeo antes de mudar para outra página, ou quais animações são mais populares.

O site permite uma filtragem bastante específica sobre os visitantes do site, como exibir apenas aqueles que deixaram um comentário e que estão em um determinado país, o que sem dúvida pode ajudar muito aquelas pessoas que administram sites grandes.

 dori_nu_30.10.08

[via DownloadSquad]

emDicas

Psystar: agora, são os portáteis

Por em 30 de outubro de 2008

A Psystar quer ir mais longe que qualquer outra fabricante de clones Mac já foi: produzir notebooks.

A “saga” da fabricante-não-autorizada-rebelde já rendeu bons capítulos: um processo contra a Apple (acusando-a de “restrição anticompetitiva ao livre comércio”), um (óbvio) processo do pessoal do pomar com a acusação de violação da licença de uso do OS X, que só poderia rodar em hardware Apple e, há alguns dias, ambas as empresas decidiram tentar um acordo fora dos tribunais.

Agora aparece a notícia de que a Psystar estaria projetando um portátil capaz de rodar o sistema operacional da Apple (depois dos “patches”), “a um preço muito competitivo”.

[modo Teoria da Conspiração on] Será que o tão aguardado MacPobre virá de um acordo com a Psystar? Cobrar uma pequena “taxa de legalização” ou, melhor dizendo, licenciar o OSX para produtos que não sejam concorrentes diretos, como notebooks e desktops “populares”, permitiria um aumento da base de usuários da Apple e ainda terminaria a pendenga jurídica que, perdida, poderia abrir a porteira para um ávido contingente de fabricantes chineses.[modo Teoria da Conspiração off]

emApple e Mac

Dell lança Studio Hybrid no Brasil

Por em 30 de outubro de 2008

O ecologicamente correto Dell Studio Hybrid já está à venda no site da Dell.

desktop_studio_hybrid_design1

A empresa oferece 6 opções de cores para o Studio Hybrid e também a a opção de uma capa de madeira, que custa R$233. Ele vem com 5 portas USB, uma Firewire, Wi-Fi 802.11n, uma saída HDMI e uma DVI – é um ótimo PC para usar como Media Center, se você puder ficar sem o controle remoto ou se contentar em comprá-lo de terceiros.

Há 3 modelos à venda: o mais básico, que custa R$1.799,00, vem com um Celeron Dual Core de 1,73GHz, 2GB de RAM e HD de 160GB. O intermediário troca o Celeron por um Pentium Dual Core de 1,86GHz e vem com um monitor de 19″, por R$2.799,00. E o modelo mais avançado vem com um Core 2 Duo de 2,4GHz, HD de 250GB e leitor de Blu-ray, por R$3.899,00.

emHardware

Controle melhor sua rede

Por em 30 de outubro de 2008

É inevitável que profissionais que prestam assistência para empresas acabem tendo alguma dificuldade ao identificar certos detalhes de uma rede, principalmente quando se trata da primeira visita. O maior problema é que instalar um software para tal tarefa muitas vezes é inviável e ter um deles no pendrive seria ideal. O SoftPerfect Network Scanner faz justamente isso.

O aplicativo que tem menos de 700kB é capaz de identificar quais computadores estão ligados à rede, abrir as pastas compartilhadas ou mapeá-las de forma que se tonem um drive virtual no Windows Explorer, desligar ou mandar hibernar qualquer uma das máquinas.

Uma das maiores vantagens do Network Scanner é que ele é de fácil manuseio para usuários comuns, mas não deixa de ser uma bela ferramenta para aqueles que precisam de um software capaz de identificar quais portas do modem estão abertas, identificar serviços SNMP e inicializar programas de outras máquinas.

dori_ns_27.10.08

[via LifeHacker]

emDicas

MTV disponibiliza clipes na web

Por em 29 de outubro de 2008

Eu gosto de videoclipes. Acho legal como os diretores conseguem transformar algumas músicas em curta-metragens e já perdi horas e horas assistindo essas produções na TV, mais precisamente na MTV. O maior problema é que assim como em qualquer outro canal de televisão, nele nós estamos à mercê da programação é não podemos ver aquele clipe favorito quando temos vontade.

Depois que o Youtube se popularizou, ficou fácil encontrar videoclipes no site e por muito tempo as pessoas se perguntavam por que a MTV não entrava logo nesse mercado. Isso aconteceu com o lançamento do site MTV Music.

Nele, o canal disponibiliza quase todo o seu acervo e mais de 16 mil vídeos já podem ser encontrados no site. Além de permitir que assistamos aos clipes na integra, o serviço ainda disponibiliza um código para que possamos incluir o vídeo em sites ou blogs e permite que sejam feitos comentários em cada um deles.

Mesmo não sendo nada inovador, é bom ficar de olho no site já que a proprietária da MTV é a Viacom, mesma empresa que move uma ação de um bilhão de dólares contra o Youtube por quebra de direitos autorais, portanto não é difícil que alguns clipes “sumam” do serviço da Google.

[via ArsTechnica]

emÁudio Vídeo Fotografia

Rede de dados para celular perto de colapso

Por em 29 de outubro de 2008

Segundo o levantamento realizado pela Nokia Siemens Networks, o tráfego de dados através das redes de celulares deve crescer 90% até 2011 e com isso esgotar a capacidade de espectro disponível. A quantidade de usuários das redes 3G, que tem previsão de fechar 2008 em 3,5 milhões de pessoas, deve chegar a 100 milhões até 2013. A partir do momento em que o usuário tiver aceso a uma rede que lhe permita tráfego de dados, ele passará a usar cada vez mais seu celular para acessar a internet.

Atualmente são utilizados menos de 5MHz dos 115MHz da banda disponível no país, porém toda essa capacidade deve ser atingida até 2011 e até 2013 precisará de mais do que o dobro do que é disponibilizado hoje, cerca de 250MHz aproximadamente. A previsão de tráfego de dados para este ano através das redes dos celulares é de 35Gb por segundo e em 5 anos deve chegar aos 1700Gb.

Esses cálculos não levam em conta nenhuma diminuição no consumo devido a atual crise, segundo o presidente da companhia, Armando Almeida, ainda é cedo para avaliar os efeitos da crise sobre a demanda e a empresa não vê como ela afetaria o tráfego, disse também que a empresa não prevê nenhum aumento de custo dos serviços.

Outro que manifestou sua preocupação com esse aumento de tráfego foi o presidente da Vivo Roberto Lima que disse que não só os recursos financeiros são limitados, mas também o espectro e que se a questão não for resolvida como deve pode acabar inibindo a oferta do serviço. Segundo ele a empresa não pode oferecer um serviço e depois limita-lo, é para ser consumido mesmo e por isso o espectro precisa ser corrigido.

De acordo com a Nokia Siemens é necessário um estudo em parceria com o governo, as operadoras e fornecedores para procurar uma solução que não interfira no consumo ou prejudique a qualidade dos serviço oferecido, a empresa aponta para a utilização de tecnologias mais eficazes por parte das operadoras citando como exemplo as baseadas em IP para aproveitar da melhor forma a capacidade oferecida.

[via Reuters]

emCelular

MeioBit entrevista – Silvio Genesini

Por em 29 de outubro de 2008

Durante o almoço batemos um papo com o Silvio Genesini, ex-Accenture e Andersen Consulting, com muito know-how na Área de Tele. Hoje ele é Managing Director da Oracle Brasil e Presidente da Oracle Brasil.

Na entrevista ele fala da estratégia da Oracle para o mercado de Telecom, disponibilizando soluções para todos os passos do processo, o que garante uma integração completa e custos menores.

Só que essa integração não é às custas de nada fechado. A Oracle se compromete com padrões abertos, disponibilizando APIs e documentação.

Aliás, todas as soluções Oracle rodam em Linux e a maioria utiliza Java, como você vai descobrir assistindo ao vídeo. Agora eu pergunto: O que vale mais: um freetard falando da “filosofia” do Linux ou um Diretor da Oracle dizendo:

“Suportamos Linux como sistema operacional, e acreditamos que você ter uma infraestrutura única de Linux é muito mais barato, e economizar na infraestrutura é muito difícil”


emDestaque Entrevista