Digital Drops Blog de Brinquedo

Novo menu KDE no SuSe Linux

Por em 30 de agosto de 2006

Bem antes de ser adquirida pela Novell a distribuição SuSe Linux já se preocupava bastante com usabilidade. Agora, após anos de estudos e aproveitando o esforço da equipe da interface gráfica KDE a próxima versão do sistema operacional do lagartinho será equipada com um novo menu inicial de contexto que busca facilitar a vida do usuário pela aplicação de novos conceitos.O novo menu usa uma estrutura de fluxo para apresentar as opções de programas, é sensível à contexto, completamente configurável e integrado ao sistema de busca. Para quem usa Windows XP é uma tremenda novidade, para quem usa MacOS nem tanto. Mas para quem usa Linux é uma já aguardada e bem-vinda reformulação no conceito de menu. Como uma imagem vale por mil palavras e um vídeo vale por mil imagens, acompanhe aqui como será o novo menu do KDE no SuSe Linux:

O vídeo pode ser baixado em mpg ou ogg a partir da página original.

emOpen-Source

Amazon fazendo pré-venda do Vista

Por em 30 de agosto de 2006

Será uma repetição do fenômeno do Windows 98? Chegou a ser ridículo, gente fazendo fila na porta das revendas, esperando o horário de abertura para poder comprar sua cópia, nerds na Austrália se gabando de poder comprar o programa antes, briga nas lojas…

Agora a Amazon colocou o Vista em pré-venda, com preços de US$100 a US$399. Qual exatamente a lógica de empatar o dinheiro agora, para um produto que está com entrega prevista para 30 de janeiro do ano que vem?

A pré-venda, a reserva, funciona quando falamos de produtos com fabricação complicada. O ágio na indústria automobilística decorre das montadoras não conseguirem suprir a demanda. Faz sentido. Mas no caso de software, o custo apreciável é todo gasto no desenvolvimento, depois de tudo pronto, é sair queimando DVD, imprimindo etiqueta com holograma e botar na prateleira. Não há risco (para a tristeza dos pinguins) de um “desabastecimento de Windows”.

Eu acho que esse dinheiro seria melhor investido no inevitável upgrade de hardware que esse usuário vai querer fazer, dia 31/1/2007.


Fontes: Reuters

emSoftware

Teste o Windows Vista

Por em 29 de agosto de 2006

vista_paciencia.jpg Para quem não conseguiu baixar o último beta do Windows Vista, a Microsoft vai dar outra oportunidade aos cem mil primeiros que apontarem seus navegadores para este link.

Preparem-se para 2.6GB de uma imagem iso… e, se quiserem saber se suas máquinas estão prontas para novo S.O., dêem uma olhada neste outro link.

Para evitar os comentários de sempre, um aviso: este é um sistema para testes. Não usem em máquinas que tenham informações importantes!

emAnúncios

Bittorrent simplificado

Por em 29 de agosto de 2006

Para simplificar a vida de quem quer compartilhar arquivos via Bittorrent, o pessoal da Universidade do Texas, dentro do programa “Google Summer of Code” lançou o Snakebite. Com ele, basta arrastar seus arquivos para uma pasta e pronto. O software até fornece uma URL “amigável” para simplificar a vida dos leechers.

Se você quiser testar, precisa ter o debian instalado. A instalação e configuração são bem simples, basta ler a página do projeto. E não esqueça de comentar aqui.

[via Slashdot]

emSoftware

Atualização de Sistema Operacional gera bug na parte gráfica e termina em tela azul

Por em 29 de agosto de 2006

Imagine a situação: Você está todo feliz, descobre que há atualizações para seu Sistema Operacional. Como bom e consciente usuário, elas estão inclusive no automático. Ao final, você descobre que não está com seu sistema azeitado e funcionando com a última versão, e sim detonou totalmente a parte gráfica, não consegue abrir suas amadas janelas e tudo que resta é uma horrível tela azul.

Antes que comece o coro “Maldita Microsoft”, o esclarecimento: O Sistema em questão foi o Linux Ubuntu.

De 17:30 de 21/8 às 10:00 de 22/8 ficou disponível uma atualização indevida, que detonou o servidor gráfico do Ubuntu, com os sintomas descritos acima. Um número indeterminado de usuários foi afetado. Quando o problema foi percebido, os mirrors foram atualizados, a atualização removida e uma solução postada. Embora isso não resolva os problemas dos usuários que não tem a menor idéia do que fazer com uma janela de terminal, muito menos iniciar o X manualmente.

Foi iniciada uma investigação interna e uma revisão formal dos processos de qualidade, para entender o quê aconteceu e corrigir as falhas do processo.

A posição de quem está de fora mas trabalha com TI é ficar em cima do muro, pois da mesma forma que entendemos perfeitamente que essas coisas acontecem, sabemos que elas não podem acontecer. Do episódio, que fique a lição: Erros acontecem. Com todo mundo.


Fonte: Ubuntu

emSem categoria

Sony avisa: não haverá mais ‘recalls’

Por em 28 de agosto de 2006

vaio.jpg Depois de perder algo em torno de US$ 258 milhões, a Sony avisou que não haverá mais ‘recalls’ de baterias. Seis milhões delas foram ou serão trocadas e, curiosamente, nenhuma sairá de um notebook Vaio.

A pergunta que não quer calar: a Sony fornece aos concorrentes componentes de qualidade inferior?

[via Dailytech]

emIndústria

Orkut, Google e o Ministério Público

Por em 28 de agosto de 2006

Lendo sobre o imbróglio entre o Google, o Orkut e o Ministério Público, minha primeira reação foi de total apoio. A característica anárquica do sistema de relacionamento o transformou em um antro.

Existe o bom uso, é claro. Milhões de brasileiros usam o sistema para manter contatos, nem que seja o equivalente moderno ao “sinal de fumaça”. Entretanto as redes de prostituição, tráfico de drogas, contrabando e quadrilhas de bandidos usam o Orkut como rede de comunicação. Da mesma forma que uma escuta telefônica autorizada pela justiça serve como base de investigação, os dados de quem fez o quê dentro do Orkut são importantes e o Google tem essas informações.
O Google, assim como a Microsoft, a IBM, Oracle, SAP, entre outras grandes empresas são alvos grandes e FÁCEIS. O Google tem pessoa jurídica no Brasil, um rosto e é fácil ir atrás de um alvo com residência fixa e representação legal.

Mas eu esperava um esforço semelhante do Ministério Público para ir atrás dos spammers brasileiros também. Os provedores tem as informações, mas é mais complicado ir atrás de gente assim. Mesmo que não exista base legal para colocar esses safados na cadeia e aplicar uma gorda multa, apenas ter a justiça sabendo exatamente quem faz isso e causar ao menos um incômodo, já seria melhor que nada.

Estelionatários têm usado o spam como arma de divulgação de trojans que roubam dados financeiros. Vendas de remédios mais baratos e medicação controlada (de tarja preta) são sistematicamente anunciados e isso tem um nome: tráfico de drogas. E eles agora possuem mercado nacional, impulsionado pelo spam. Nunca foi tão fácil comprar anabolizantes, anfetaminas, barbitúricos e opióides.

Mas esses alvos são mais difíceis de ser encontrados e investigados. Não existe “um gigante” por trás deles e são ratazanas que fogem ao menor sinal de luz. Ainda assim, seria bom ter notícias de que algo está sendo feito a respeito.

emArtigo