Fotografia
Fotografia
Digital Drops Blog de Brinquedo

Instagram está habilitando a visualização de fotos em 1080px

Por em 6 de julho de 2015 - Nenhum Comentário

instagram_1080px

Quando o Instagram surgiu eu não fiquei muito animado com a ideia. Quando entrei para dar uma olhada vi um monte de fotos com filtros estranhos e com as mais esquisitas temáticas. Meio que deixei esquecido no fundo do baú mental. Um tempo depois voltei a dar uma olhada. Percebi que tinha muita gente fazendo fotografia de qualidade por lá e que a ferramenta poderia ser utilizada como uma forma de exercício fotográfico. Sim, exercício. Fotografar é igual a escrever. Para ser bom é necessário treinar diariamente. Escritores dizem que é necessário escrever uma página por dia sobre qualquer assunto. Fazer uma foto por dia, de qualquer assunto, também é uma boa pedida. Já que os celulares se tornaram onipresentes em nossa vida, então o mais certo seria utilizar esse pequeno aparelho para treinar.

Porém, uma coisa sempre me deixou chateado com relação a fotografia mobile: a baixa resolução das imagens. Baixa resolução quer dizer que não existe muitas possibilidades de impressão, e para mim fotografia boa é fotografia no papel. O próprio Instagram exibe a imagem em uma resolução muito baixa, apenas 640×640 pixels (essa era a resolução de minha primeira câmera digital, a Sony Mavica). É uma resolução ótima para visualizar no celular, mas péssima para qualquer tipo de outro uso. Levando em conta que a maioria dos smartphones também está evoluindo em relação a sua resolução de tela, então 640 pixels é muito pobre. Porém, isso está em vias de mudar.

O The Verge descobriu que nesta última semana os servidores do Instagram estão armazenando as imagens enviadas ao serviço com a resolução de 1080×1080 pixels. Sim, um bom upgrade na possibilidade de visualização desta imagem. As fotografias enviadas ainda estão sendo visualizadas em 640 pixels tanto na internet quanto no celular, mas já estão armazenadas na nova resolução.

Depois que o The Verge lançou essa descoberta um porta voz do Instagram anunciou que gradualmente estão implementando a visualização de 1080 pixels para iOS e Android. Ou seja, alguns de vocês já podem estar vendo as imagens com uma qualidade melhor em seu celular. Infelizmente, segundo esse porta voz, no computador as imagens vão continuar com a baixa resolução. O foco da empresa é nos celulares.

Bem, já é uma melhora significativa.

Fonte: Petapixel

 

emFotografia Notícias

Nikon P900 — dando uma olhadinha na Lua

Por em 1 de julho de 2015 - 48 Comentários

nikon_P900_ultrazoom

Todo mundo que me conhece sabe que eu sou absolutamente contra as câmeras ultrazoom. Principalmente as que apareceram nos últimos anos. Os fabricantes entraram em uma disputa maluca sobre quem fazia a câmera com mais distância focal e acabamos esquecendo que a quantidade exagerada de elementos óticos acabam afetando consideravelmente a qualidade da imagem, ainda mais quando sabemos que essas câmeras se utilizam dos menores sensores fabricados. Para quem está chegando agora fica o alerta, quanto menor o sensor, pior a qualidade de imagem.

A brincadeira chegou a um nível absurdo agora que a Nikon lançou a Coolpix P900. A câmera é equipada com um sensor CMOS de 16 megapixels e uma lente com distância focal equivalente a uma 24-2000mm com abertura máxima de diafragma em f/2,8-6,5. Fora a parte da qualidade da imagem, também temos a questão da estabilização. Mesmo com a tecnologia VR da Nikon que garante (segundo a empresa) um ganho de 5 f/stops, é quase impossível um ser humano segurar uma câmera dessas em zoom máximo sem a necessidade de um tripé ou monopé. Mas, existe público para esse tipo de equipamento, pois todos os fabricantes possuem uma câmera desta categoria.

Para termos ideia da potência da coisa temos um exemplo do uso da P900 em vídeo que correu a internet nesta semana. O usuário do YouTube Naturbeobachtungen von Lothar Lenz publicou um vídeo feito com a Nikon P900 onde é mostrado um pouco do alcance da câmera ao filmar a Lua. O vídeo já teve mais de 2 milhões de visualizações e mostra bem o movimento da Lua no céu. Em algumas partes tenho quase certeza que o vídeo foi cropado, pois a câmera também possuí um zoom digital bem forçado, mas mesmo assim é interessante. Notem que a câmera deve estar em um tripé, e mesmo assim ela não está totalmente estabilizada. Em certo momento temos uma rajada de vento e a imagem treme toda. Ou seja, qualquer coisa em 2.000 mm, mesmo a respiração do fotógrafo, pode tremer a foto.

Vejam abaixo e tirem suas conclusões.
continue lendo

emAstronomia Destaques Equipamentos Fotografia

Angra — Secret Garden

Por em 27 de junho de 2015 - 33 Comentários

angra

O Angra é o verdadeiro Backstreet Boys do Heavy Metal brasileiro. Foi formado com músicos escolhidos a dedo e teve como empresário o dono de uma das mais importantes revistas de Metal da década de 80 e 90 e, cujas páginas, nunca falaram mal da banda. Ou seja, desde o começo tudo foi Business. Mas, não se enganem. Os meninos eram bons. Mesmo que os outros músicos fossem muito competentes em suas partes, quem foi a mola que impulsionou o sucesso no início da carreira foi o vocalista André Matos, que já tinha uma grande bagagem na música pesada e uma moral conseguida em seus anos a frente da banda Viper. O primeiro disco, Angels Cry (1993), foi bonitinho e tinha um monte de músicas fofas. Legal para ouvir em um sábado parado (esse eu comprei ainda em formato vinil). O segundo disco, Holy Land (1996), foi uma verdadeira obra prima. Uma mistura maravilhosa de rock, progressivo, clássico e influências de músicas brasileiras. Se tivessem parado por ai, já estariam com seus nomes na história. Mas, a banda continuou.

continue lendo

emÁudio Destaque Música Resenhas

Time-Lapse — Arte da Tempestade

Por em 26 de junho de 2015 - 12 Comentários

time-lapse

Eu adoro time-lapses. Existem pessoas que possuem o olhar e a paciência para produzirem trabalhos magníficos. Alguns duram anos, outros apenas alguns minutos, mas o que importa é o impacto visual.

Para quem não sabe do que estou falando, o Time-Lapse é um conjunto de fotografias feitas em espaço de tempo determinado que registram um local ou fenômeno. Quando colocadas em sequência, geralmente em um vídeo musicado, trazem para o espectador a noção acelerada de passagem do tempo.

Foi o que aconteceu com o fotógrafo, e caçador de tempestades, Nicolaus Wegner que estava em campo quando percebeu a formação de uma tempestade estacionária ao longo das Black Hills de Dakota do Sul, perto da cidade de Rapid City. Sem duvidar ele montou sua Canon 5D Mark III com uma lente grande angular e executou uma foto por segundo do fenômeno meteorológico. Foram horas de fotografia que foram transformadas no vídeo de 2 minutos abaixo e que foi batizado sugestivamente de Art of the Storm.

Não sei vocês, mas eu poderia assistir isso o dia todo. Confiram abaixo.
continue lendo

emDestaques Fotografia Notícias

Taylor Swift é acusada de hipocrisia por fotógrafos

Por em 25 de junho de 2015 - 32 Comentários

taylor-swift

Notícia idiota do dia. Acho que todo mundo ficou sabendo do rolo de Taylor Swift ao defender os frascos e comprimidos contra a toda poderosa e malvada Apple. A menina bateu o é e fez pirraça em defesa dos artistas que teriam seus direitos ignorados pela Apple em seu novo sistema de músicas. Se você não sabe do que estou falando então recomendo a leitura do texto do Cardoso sobre o assunto.

Pois bem, depois que a menina publicou sua carta aberta contra a Apple, alguns fotógrafos decidiram fazer a mesma coisa contra ela denunciando os termos absurdos do contrato de autorização para fotografar os seus shows. Uma pequena observação antes de continuar. Todo Pop Star possui normas bem rígidas para que profissionais registem os Shows. Alguns permitem que fotógrafos trabalhem nos primeiros 30 minutos, alguns permitem que as primeiras duas músicas sejam fotografadas e outros, mais loucos, permitem fotos apenas nos 10 primeiros segundos. Porém, Taylor Swift parece ter exagerado em outros quesitos também.

continue lendo

emDestaques Fotografia Notícias

Nike ganha disputa sobre direito autoral de foto icônica

Por em 24 de junho de 2015 - 53 Comentários

Lembram do fotógrafo que estava processando a Nike por quebra de direitos autorais? A história é mais ou menos assim. Em 1984 Jacobus Rentmeester registrou uma das primeiras fotos de Jordan fazendo seu famoso salto para a revista Life. A foto foi publicada em uma página dupla e, para realizá-a, o fotógrafo se utilizou de uma Hasselblad e flash estroboscópico. A foto, do jeito que foi publicada na revista, está representada abaixo. Aproveitando a incrível qualidade da foto, a Nike pagou em agosto de 1984 para o fotógrafo a quantia de US$ 150,00 para utilização temporária da imagem em suas campanhas publicitárias.

nike_direito_autoral1

continue lendo

emDestaque Destaques Fotografia Notícias

Família é ameaçada após ensaio fotográfico em linha de trem

Por em 22 de junho de 2015 - 112 Comentários

batman_ensaio_fotografico (1)

Olha ai mais uma notícia que só é possível em tempos de internet e do fenômenos dos linchamentos virtuais (o efeito é devastador e você não precisa sair de casa e nem enforcar ninguém em uma árvore). O fotógrafo Eric Thiele decidiu montar um ensaio fotográfico diferente para comemorar o dia dos pais (que aconteceu ontem nos Estados Unidos). Tudo partiu da vontade do casal Mike e Roxanne Daly de Hartford, Wisconsin em fotografar algo especial junto com seu filho para guardar de recordação.

continue lendo

emDestaques Fotografia Notícias Web 2.0