Digital Drops Blog de Brinquedo

O Celular Invisível de Kim Jong Il

Por em 21 de junho de 2010

Se cuida, Steve Jobs! O Amado Líder norte-coreano resolveu invadir o território da Apple, e não vai ter iPhone que segure!

Kim Jon Il (segundo fontes oficiais) é um gênio multidisciplinar, predestinado a ser o Salvador do povo coreano. Seu nascimento foi marcado pelo surgimento de um arco-íris duplo e uma estrela brilhante. Chupa, Obama!

O Valoroso Comandante é especialista em Internet, compôs várias óperas e um atleta nato, o que explica em seu primeiro jogo de golfe ter acertado 11 holes-in-one.

Ele também parece ter poderes de controlar o clima. Ah, a Coréia do Norte recentemente anunciou ter desenvolvido tecnologia de fusão nuclear para geração de energia, além de uma super-bebida que regenera neurônios, trata doenças cardíacas e remove rugas.

Como não podia deixar de ser Kim Jon Il também entende tudo de futebol, passando instruções detalhadas para o técnico da esquadra coreana. Como? Fácil. Segundo o próprio treinador, utilizando telefones celulares invisíveis a olho nu, criados pelo próprio Kim Jon Il.

OK, Amado Líder, acredito em tudo. Mas só no dia em que você conseguir produzir em massa torcedoras como a japinha coreana da copa pasada…

emCelular

DirectX9, breve em seu celular

Por em 18 de junho de 2010

imagination_powervr5xt_block-250x155

A Imagination Technologies é uma empresa especializada em hardware… especializado. Seu mais recente produto é o núcleo gráfico PowerVR SGX544, último de uma série já utilizada em um monte de processadores, especialmente da família ARM.

O SGX544 foi projetado para trabalhar com processadores single core, entregando 4 pipes gráficos de alta performance, ou multicore, chegando a 15 núcleos e 64 pipes. Além disso ele é totalmente compatível com DirectX9, OpenGL 2.1, OpenGL ES 1.1 e 2.0, OpenVG 1.1 e OpenCL 1.1 Embedded Profile.

Ele já sai com configurações de software para Linux, Android, MeeGo, Palm’s WebOS,  Maemo, Symbian, Windows Mobile, Samsung’s Bada Nucleus e outros.

continue lendo

emComputação móvel Hardware Mercado Mobile

Swipe — Outro dia, outro Input para seu celular

Por em 18 de junho de 2010

Desde o advento do primeiro Palm surgiram alternativas de entrada de dados. Das 10000 aplicações para a plataforma 7000 eram blocos de notas, 3000 eram teclados alternativos.

Ninguém nunca chegou a uma killer app, as várias alternativas sobreviviam com suas bases de fãs. O único consenso era que o sistema nativo era o pior de todos. Digo, consenso exceto entre os que preferiam o sistema nativo.

Por isso é divertido ver o Android passar pela mesma fase. Desenvolvedores cheios de certezas prometem soluções definitivas para combater a praga do horrível teclado virtual nativo.

Não, não fiquem nervosos, não é nada pessoal, sempre há um grupo que odeia o teclado virtual nativo dos celulares. Sejam eles os modelos que forem.

Se você odiar o teclado virtual de seu Android pode tentar a alternativa definitiva da semana, o Swype:

Ou então você pode simplesmente comprar um Android com teclado de verdade.

Fonte: Download Squad.

emAndroid e Linux Google Mobile Software Software

Polícia usa celular com câmera na caça a maus elementos

Por em 18 de junho de 2010

O nome do sistema é MORIS (Mobile Offender Recognition and Identification System), está sendo testado pela polícia de Brockton, Massachusetts. Se der certo, tem tudo pra ser adotado nacionalmente.

O modelo demonstrado vem com uma capa reforçada, uma bateria externa pesada (afinal ficará horas e horas na rua) e com entrada para sensores externos. Inicialmente funcionará com reconhecimento facial, mas já estão sendo desenvolvidos detectores de digitais e íris.

Com o MORIS o policial não precisa recolher o elemento ao distrito para proceder com uma identificação, nem precisa confiar em documentos muitas vezes falsos. Uma foto feita na hora, uma busca rápida no banco de dados e já se sabe se o sujeito tem culpa no cartório.

Claro, sistemas de reconhecimento facial ainda apresentam um número alto de falsos-positivos. Aí que entra o intermediário humano (e não um ED-209): A ficha do suspeito é exibida, o policial pode usar seus próprios olhos e cérebro para determinar se o sujeito é o mesmo da foto. Pode até consultar o 02, se for o caso.

Há dois ganhos principais aqui: agilidade, poupando toda uma viagem ao Distrito, e responsabilidade, pois uma prisão ilegal é sempre uma dor de cabeça para todos os envolvidos.

Fonte: PopSci.

emCelular Meio Bit Mobile Segurança

Melhor browser que ninguém usa faz acordo com 2o melhor buscador que ninguém usa

Por em 18 de junho de 2010

Essa ninguém esperava. O Bing, buscador da Microsoft que se ainda é fraco em resultados orgânicos dá show na área de imagem, já deu um susto ao aparecer no Safari 5, mas agora pegou todo mundo de calças arriadas:

Está no Opera 10.60.

Depois de toda a briga e mimimi feito pela Opera Soft, é quase impossível acreditar que tenham topado um acordo desses.

Sim, óbvio que rolou uma grana considerável. É assim que o Google foi parar no Firefox, mas para quem deu tanto show defendendo ética moral e bons costumes, o pessoal do Opera cedeu facinho facinho.

Quem ganha? Ninguém. Se fosse o Firefox ainda vá lá, mas o que a Microsoft espera conseguir com um navegador cujo market share fica na faixa de margem de erro?

Fonte: The Register.

emInternet Meio Bit Software

Pendrive/Chaveiro USB que faz juz ao nome

Por em 17 de junho de 2010

Essa é rápida e direta: Talvez seja o pendrive mais simples e não-intrusivo que já vi. Não pisca, não tem detector de digitais, não é à prova d’água, não é o menor pendrive do mundo mas também é o que menos tem chance de se perder ou ser roubado.

É o que considero um triunfo da tecnologia, se adaptando perfeitamente ao mundo já existente, como as lâmpadas de LED que usam os mesmos soquetes e a mesma fiação das incandescentes de 100 anos atrás.

Não tem mais “cadê o pendrive”.  Está no chaveiro. Ponto.

Vem em modelos de 4 GB e 8 GB, custando US$ 12,95 e US$ 21,95. Aqui. Em breve na DealExtreme pela metade do preço, claro.

Fonte: Techfresh.

emHardware Meio Bit

Nokia X5. Sim, lembra o Kin

Por em 17 de junho de 2010

Pelo visto a Microsoft acertou quando mirou no público tween com o KIN. Ao menos é o que a Nokia dá a entender, ao lançar o X5, um smartphone Symbian com pretensões Messenger / Social.

O X5 vem com câmera de 5 MP, flash de LED, 200 MB de memória e cartão MicroSD de 2 GB, aceitando cartões de até 32 GB. O teclado QWERTY faz o aparelho ideal para escrevinhadores compulsivos, as pequenas dimensões 74x66x17mm) cabem em qualquer lugar.

Outro foco é o áudio, os alto-falantes são potentes e há controles de música atrelados ao acelerômetro.

O bichinho vem com um ARM11 de 600 MHz. Pelo visto a Nokia aprendeu depois do anêmico e patético processador de 400 MHz do N97.

A bateria, é Nokia. 16 dias de stand by, 24h de playback de música, 3,5h de conversação. O preço fica na faixa de US$ 200,00.

Fonte: Symbian Freak.

emCelular Meio Bit Mercado