Digital Drops Blog de Brinquedo

Resumindo a Ópera para a LG

Por em 23 de agosto de 2010

Pois é. A Lady Gaga Lucky Goldstar vai lançar um tablet. Não surpreende. Todo mundo vai lançar um tablet. Até o Marcellus se a gente deixar lança o MeioBitPad, isso se não lançar antes o MeioBitReader e o nosso filme 3D.

Modinhas são modinhas, mesmo quando há um mercado legítimo por trás, como é o caso dos eReaders e Pads. Não duvido da competência da LG, em pouquíssimo tempo seus telefones, que eram manuseados com o entusiasmo com que pegaríamos amostras do T-Virus passaram a ser respeitados como equipamentos decentes, graças a um hardware honesto e um Android bem azeitado.

Só que isso não qualifica seu Vice-Presidente de Marketing a declarar:

“Nosso tablet será melhor que o iPad”

Isso não se faz. Simples assim. Isso é matar o produto. É criar uma expectativa impossível de ser atingida. Para dar uma idéia do perigo dessa afirmação, nem Steve Jobs faz esse tipo de promessa. Nem ELE usa essas bravatas. A Apple aliás não faz teaser NENHUM de seus novos produtos, por mais que os teóricos da conspiração insistam que há lógica na teoria de que a empresa vazou propositalmente o iPhone 4 para em seguida invadir com a polícia a casa do blogueiro que divulgou o vazamento. continue lendo

emApple e Mac

Finalmente um uso incontestável do iPad

Por em 22 de agosto de 2010


O Yelp é um mega-diretório de serviços que como todo grande site que não tem uma gerência nazista desenvolve uma cultura própria. Essa cultura, como boa levedura rendem produtos finais deliciosos.

O grupo de engenheiros do Yelp mostrou isso quando criou o projeto KegMate.

O que fizeram: É um iPad, jailbreakado, com uma interface customizada. Essa interface fala com uma placa Arduíno, que está ligada a sensores de temperatura, pressão e fluxo. Esses sensores monitoram um barril de chopp e chopeira associada.

Junto há um sensor RFID que lê cartões individuais.

O iPad controla quem está bebendo o quê, quanto está bebendo, a marca do chopp, você pode dar nota em seu último chopp e até acessar remotamente.

O vídeo é muito mais explicativo. É um projetinho dos mais simpáticos, eu só acrescentaria uma caixa de Adamantium Transparente para evitar que algum filho de uma dama que troca favores por dinheiro derrubasse chopp no iPad.

Melhor de tudo: O projeto é Open Source, liberado, aberto, código, esquemas, tudo. É só visitar o site dos caras e pegar os links.

emApple e Mac

Advinhe pra quê serve isso. Acertou.

Por em 22 de agosto de 2010


A sacanagem é a mola-mestra da Humanidade. Por mais que os pseudomoralistas finjam que não é, a maior parte do nosso esforço intelectual é dedicado em desenvolver técnicas para sobreviver. Por sobreviver entenda-se comer. E comer. Por isso não é de se admirar que enquanto há gente que acha que o mundo tem 6 mil anos de idade, cientistas acham um artefato provando que já existiam viúvas 30 mil anos atrás.

Toda nova tecnologia mesmo quando não é inventada tendo a sacanagem como objetivo, é apropriada por esta. Reza a lenda que Gutemberg publicava livros pornográficos, arte erótica está entre as mais primitivas pinturas rupestres e o VHS não existiria se não tivesse recebido de braços (e pernas) abertos a indústria pornô. Já a Internet, bem…

Os games não ficam atrás. Digamos que um dos motivos que me levaram a aprender Assembler Z80 foi para hackear o Samantha Fox Strip Poker (não sabe quem é Samantha Fox? Google Images com Safe Search desligado é seu amigo) no TK90X. Era mais simples do que aprender a jogar Pôker E vencer o algoritmo trapaceiro. Para dar uma idéia de como foi miserável ser geek no começo dos anos 80, esta é uma tela original do programa no ZX Spectrum, em toda sua exuberância de 8 cores e 256×192 pixels de resolução. FML.

Hoje a coisa mudou. Temos webcams, Twitcams, sexting, vídeos HD, bukkake, todas as variações possíveis e imagináveis para todos os fetiches que a mais doentia mente pode conceber.

Existe um ramo inteiro que desenvolve tecnologia envolvendo internet, apetrechos sexuais e acesso remoto, é a (não riam) teledildônica. Essa nova Ciência desenvolveu o… Mojowijo, talvez o uso mais não-autorizado da história para um controle de Wii.

O conceito é espantosamente simples. O Wiimote é um dispositivo Bluetooth. Pode ser emparelhado com qualquer computador. Então você e uma parceira (não vamos complicar isso com diversidade) instalam um software, cada um em sua máquina. Via Internet seus computadores se conectam (epa!).

Os Wiimotes de cada um são presos aos suportes de látex higienicamente concebidos pela empresa, estriados para seu maior prazer.

Acionados os Wiimotes, eles se conectam via Bluetooth com os PCs, que por sua vez estão sicronizados remotamente. Graças aos acelerômetros, é possível gravar os movimentos rítmicos, ofegantes e sensuais de um Wiimote e enviá-los para o computador distante. Lá esses movimentos são recebidos transformados e traduzidos pelo… tcharam… dispositivo vibrador que todo Wiimote tem.

Basicamente, você balança aqui, o Wiimote balança lá. Não é algo que proporcione uma movimentação suficiente para empurrar um caminhão, mas estamos trabalhando em pequena escala.

O produto está em beta fechado por enquanto, mas já dá pra seguir o fabricante no Twitter.

emAcessórios Games Hardware Meio Bit

Nokia Pesquisa: O quê é mais importante que bateria?

Por em 22 de agosto de 2010

Segundo os usuários consultados pela Nokia, nada.

Em uma pesquisa informal no blog da empresa, visitantes foram consultados para determinar qual característica é mais importante em um celular, se uma grande velocidade 3G superava uma bateria fraca, se uma tela grande e bons recursos multimídia importavam mais do que conectividade, etc.

O resultado nem foi surpreendente. Tirando as respostas sortidas, temos:

  • 13% preferiram uma tela grande
  • 17% priorizavam multimídia
  • 25% escolheram conectividade como fator primordial
  • 38% ficaram com autonomia como o ponto decisivo

Eu não imagino que os que não escolheram bateria entendam a depreciação da mesma em prol dos outros pontos como qualquer coisa acima de alguns pontos percentuais. A situação atual já é periclitante, o fogo dos fabricantes de PC em lançar toda semana processadores mais rápidos chegou nos celulares, 1GHz já é quase padrão de mercado. Pombas, já há Androids com clock mais rápido que netbooks. continue lendo

emArtigo Celular

App do Dia: Speedtest.net

Por em 22 de agosto de 2010

Todo mundo tem um site de estimação para medir velocidade de conexão. Assim como eu o site está certo e o resto do planeta está errado e isso não é negociável. Perfeito, mas quando acessamos do iPhone, às vezes o site é cheio de penduricalhos que nem penteadeira de damas que trocam favores por dinheiro ou -horror!- é feito em Flash.

O melhor é otimizar nosso tempo com uma aplicação que verifique a velocidade e pronto. O Speedtest.net é um site que faz isso, e bem. Tem servidores espalhados pelo mundo inteiro, o que uma degradação nos resultadas causada por excesso de hops. continue lendo

emApple e Mac Resenha Software

Concurso de Tradução valendo um iPad Imaginário

Por em 22 de agosto de 2010

Aquela emissora de Taiwan que usa o auge da computação gráfica de 1996 e o auge das drogas no sangue de Ozzy Osbourne semana passada para produzir dramáticas reconstituições de eventos da atualidade fez de novo.

Em alguns casos dá até para entender o que querem dizer, mas hoje exageraram. Eu ACHO que tem até Steve Jobs no meio da história.

Por isso e como acreditamos em ferramentas colaborativas, convocamos você, leitor do MeioBit a dar sua versão. Assista a insanidade acima e tente -não seja tímido- imaginar o quê querem dizer.

A explicação mais criativa ganhará um iPad imaginário autografado pelo Fake Steve Jobs.

emGoogle

Justin Bieber e o Faz-Caquinha da Estrela

Por em 19 de agosto de 2010

Ontem a cavalgadura que vos escreve começou a escrever um texto para o MeioBit. Em um raro momento de lucidez percebi que o conteúdo era impróprio para o site e em nada acrescentaria para o desenvolvimento desta nobre comunidade. Diante disso fiz o que se deve fazer com lixo, removi para o aterro sanitário mais próximo, um de meus blogs pessoais.

ÓBVIO que como todo porco não limpei direito, anos de consumo de álcool em quantidades industriais tornaram meus reflexos lentos inexistentes e acabei clicando no botão errado. O post que deveria ter sido apagado no MeioBit acabou indo pro ar.

Peço profundas desculpas, o mesmo já foi removido. Assumo total responsabilidade pela caca, com garantias de que isso tornará a acontecer (ao menos sou sincero).

Estou pronto para receber minha punição, que provavelmente envolverá ouvir vários discos do Justin Bieber. Se serve de consolo, em todos esses anos nessa indústria vital, é a primeira vez que isso me acontece.

emMiscelâneas