Mobile
Mobile
Digital Drops Blog de Brinquedo

Na guerra contra o WhatsApp, Telegram passa a aceitar username

Por em 15 de outubro de 2014

telegram

Eu poderia começar este texto falando sobre a fragmentação da comunicação instantânea nos dias de hoje, mas acredito que seja um tema interessante para um texto exclusivamente sobre o assunto. O que me levou a escrever este texto foi uma rasteira muito interessante que o Telegram passou no WhatsApp e, de quebra, no Viber.

No início da noite desta quarta-feira, o pessoal do Telegram anunciou, através do Twitter, duas excelentes novidades aos usuários. A primeira delas foi a disponibilização de uma interface web do serviço. Assim, passa a ser possível utilizar o Telegram sem ter que fazer a instalação de nenhum programa (computador) ou app (mobile).
continue lendo

emDestaques Internet Software Telecom Web 2.0

Poki — cliente Pocket para Windows Phone

Por em 15 de outubro de 2014

poki

O Pocket é uma daquelas aplicações multiplataformas essenciais, desde quando se chamava Read It Later. Permite que mesmo gente beirando níveis patológicos de déficit de atenção consiga coletar e organizar informação sem parar de se dispersar, que é quando estamos realmente felizes.

Ele é ferramenta auxiliar essencial de aplicações como o Flipboard e o Feedly. Você vê uma notícia, passa os olhos, acha que há mérito e marca para leitura posterior. Se quiser acrescenta uma tag organizacional. Quando o depois chegar, seus links estarão todos lá.

Presente em todas as principais plataformas, o Pocket fazia falta no Windows Phone, mas aí surge outro fenômeno curioso: o WP já chegou a um ponto onde é interessante desenvolver para ele, então se o autor do software original não quer, tem quem queira. No caso do Pocket, surgiu o Poki, tanto para Windows Phone quanto para Windows Windows.
continue lendo

emCelular Computação móvel Resenha Software

App promete transformar smartphone em detector de raios cósmicos

Por em 14 de outubro de 2014
cosmic rays illustration

Concepção artística de raios cósmicos atingindo a terra.

Quer transformar seu smartphone em um detector de raios cósmicos? Bem, existe um app para isso. O Cosmic Rays Found in Smartphones, CRAYFIS para os íntimos, usa a câmera padrão dos telefones espertos e tablets para detectar alguma das partículas super-raras que chovem na Terra quando raios cósmicos de alta energia atingem a atmosfera. O CRAYFIS coleta as informações e as envia aos físicos da Universidade da Califórnia para serem analisadas.

Você realmente não precisa fazer nada além de baixar o aplicativo que deve funcionar um pouco como o  SETI@Home ou o Folding@Home, dois programas que permitem que pessoas comuns doem o poder computacional dos seus computadores pessoais a projetos de processamento massivo para a Ciência. No caso do CRAYFIS, ele é programado para começar a funcionar quando o telefone estiver sendo carregado e sem uso durante algum tempo.
continue lendo

emAstronomia Dicas Software

Adobe demonstra outro demo do Demo

Por em 14 de outubro de 2014

lizhurley_1885140i

Quando a gente vê as mágicas que o pessoal faz com o Photoshop começa a achar que a Adobe é uma empresa do cão, do tinhoso, do tranca-rua. Aí vemos coisas como o Adobe Creative Cloud rodando no Surface, e chegamos perto de ter certeza dessa associação com o Maléfico. Sério, as coisas que são feitas com esses softwares são sinistras, no melhor dos sentidos.

Agora, dando continuidade ao Adobe Max 2014 e à nossa desconfiança de que há um pacto com as trevas envolvido, eles demonstraram outra daquelas coisas que qualquer cristão diz ser impossível: mudança de iluminação de acordo com a hora do dia.
continue lendo

emÁudio Vídeo Fotografia Manipulação digital Software

Wololo! Imgur também converterá GIFs em vídeos

Por em 10 de outubro de 2014

perry

O GIF, você sabe, é aquela desgraça que veio para ficar, mas tem muita gente fazendo de tudo pra se livrar dele. É chato, feio, bobo, tem zero de compressão e só suporta 256 cores. Dispositivos móveis sofrem para exibir GIFs que eu alguns casos passam de 200 MB (sim há corno que sobe isso). Planos de dados são consumidos, páginas que poderiam ser muito mais leves demoram a carregar. Um inferno.
continue lendo

emÁudio Vídeo Fotografia Destaques Software Web 2.0

Google+ finalmente ganha opção nativa de enquetes

Por em 9 de outubro de 2014

google_plus_enquetes

Quando um novo serviço é lançado e, em sua área, já existe uma referência, o mínimo que espero é que o novato conte com os melhores recursos do serviço velho de guerra, além, é claro, de trazer aprimoramentos do que já existe. Afinal, se for apenas uma cópia do antigo, será mais do mesmo e a probabilidade de não me agradar será gigante.

Lá em meados de 2011, quando o Google lançou o Google+, pude verificar, no novo serviço, algumas melhorias em relação ao Facebook, mas ele veio sem muitas coisas que eu achava muito legal, como, por exemplo, as enquetes. Para suprir a falta delas, eu fazia algo extremamente português e que me dava o maior trabalho, mas, ao menos, quebrava o galho.
continue lendo

emGoogle Internet Software Web 2.0

O lugar do Office na nova Microsoft

Por em 9 de outubro de 2014
screen-shot-2014-10-08-at-3-49-00-pm

Tio Bill sabe muito…

Em uma recente peça da Microsoft publicada pela Vanity Fair, um comentário do ex-CEO Bill Gates se sobressaiu:

A ideia original de ter grandes desenvolvedores, produzindo software abrangente e o Office como sendo a primeira ferramenta que as pessoas usam em todos os seus dispositivos é tão verdadeira e forte hoje quanto sempre foi.” — Bill Gates

O interessante na citação de Gates é o quão correta e cheia de significado histórico ela é. A Microsoft já produz o Office para Mac por anos, mas quando chegou a hora de lançar a sua suite de produtividade para iPad e Android eles pareceram patinar e correr atrás da máquina por muito tempo. Até que o novo CEO Satya Nadella pegou o leme.
continue lendo

emIndústria Microsoft Software Software