Mobile
Mobile
Digital Drops Blog de Brinquedo

Hemingwrite, a máquina de escrever hipster com tela e-ink

Por em 12 de dezembro de 2014

hemingwrite-001

Eu tenho uma máquina de escrever em casa. Meu pai me deu uma Olivetti College quando eu tinha uns 11 anos, na esperança de que eu pudesse aprender a datilografar por conta própria. Numa época em que cursos de informática já estavam suplantando as escolinhas de datilografia, desnecessário dizer que em poucos anos ela foi encostada, porém eu a guardo muito bem e está praticamente impecável.

Embora máquinas de escrever tenham lá seu charme, elas pertencem a um tempo que passou, não possuem mais lugar no mundo de hoje. Claro, a não ser para os hipsters que acham um PC muito mainstream, mas mesmo eles reconhecem que depender de papel e Liquid Paper é um saco. E talvez para eles a Hemingwrite seja uma opção interessante, embora eu continue de nariz torcido.

continue lendo

emComputação móvel Hardware Internet Miscelâneas Mundo Estranho Planeta Sem Fio Web 2.0

Andando pra trás — YouTube testando criador de GIFs

Por em 12 de dezembro de 2014

gif

Juro que não entendo o Google. Todo mundo está finalmente percebendo que GIFs são nefastos. Sites como o IMGUR e o Twitter estão convertendo GIFs para MP4 e salvando milhões de quiloquads de banda. Aí vem o YouTube e começa a testar um… criador de GIFs.

Por enquanto só está disponível em alguns canais, como esse da PBS. Clicando em SHARE/COMPARTILHAR aparece a opção GIF. Nela você pode escolher um trecho de até 6 segundos, criar textos de cabeçalho e rodapé e depois de criado o GIF fica até hospedado no YouTube, se você quiser.

Não tenho dúvidas de que vai ser disponibilizado para todos os vídeos em breve, para desespero de quem acessa por 3G.

Estejam avisados.

Fonte: TC.

emInternet Software Web 2.0

Da série “só agora?” DeviantArt lança app para iOS e Android

Por em 11 de dezembro de 2014

deviantart-001

O DeviantArt é sem dúvida a maior comunidade online de artistas visuais que existe. Desenhistas, fotógrafos, animadores, cosplayers… você encontra portfólios dos mais diversos tipos e de diversos temas (pr0n inclusive). Só há um problema: por algum motivo inexplicável o site não possuía apps mobile, sua navegação só era possível através de browsers. Porém antes tarde do que nunca isso está sendo remediado agora.

continue lendo

emÁudio Vídeo Fotografia Computação móvel Internet Miscelâneas Planeta Sem Fio Software Web 2.0

HBO prepara seu serviço de streaming livre para abril

Por em 10 de dezembro de 2014

tyrion-like-a-boss

A HBO pelo visto vai mesmo entrar com os dois pés no mercado de streaming de conteúdo, graças a seu excelente acervo. E a data para a possível estreia do que pode ser ou não uma versão desmembrada da assinatura de TV do HBO Go não poderia ser mais providencial: se tudo correr bem ele será disponibilizado em abril de 2015, junto com a estreia da próxima temporada de Game of Thrones.

continue lendo

emÁudio Vídeo Fotografia Destaques Entretenimento Internet Miscelâneas Planeta Sem Fio Web 2.0

Grooveshark anuncia rádio online e tenta andar na linha

Por em 9 de dezembro de 2014

grooveshark

Vocês se lembram do Grooveshark? O serviço pago de streaming de músicas foi bastante popular há alguns anos atrás principalmente por permitir algo muito legal: a possibilidade dos usuários subirem seus próprios MP3s. E não é preciso ser um gênio para entender que isso causou um problemão gigante com a indústria da música.

continue lendo

emÁudio Vídeo Fotografia Computação móvel Entretenimento Internet Miscelâneas Planeta Sem Fio Software Web 2.0

WedPics — fotografia Crowdsourced se popularizando

Por em 9 de dezembro de 2014

wedpics

Essa é para você, fotógrafo profissional, que trabalha em casamentos. Uma das grandes reclamações que tenho visto dos colegas que estão na luta é a inconveniência dos convidados de casamentos, e festas em geral, que entram no frente do fotógrafo oficial do evento para registrar um momento com o seu celular ou tablet (sim meus amigos, o hábito de fotografar com tablet não começou na última conferência da Apple, isso já existe no Brasil há muito tempo). São momentos importantes do casamento que perdemos por conta destas intromissões. Eu costumo não reclamar, pois é uma realidade que vai se consolidar cada vez mais, então nos resta apenas a adaptação. Porém, uma coisa interessante em tempos de mídias sociais é que na mesma noite do casamento e no dia posterior, o Facebook é invadido por centenas (ou milhares) de fotos do evento (algumas boas e outras toscas) e que vão ser o primeiro registro que os noivos vão ver de seu casamento, já que o fotógrafo vai entregar o trabalho muito tempo depois.

Já que isso é uma corrente sem volta, então o melhor é capitalizar com essa característica. Foi o que o WedPics fez. A idéia aqui é simples. Eles criaram um aplicativo que permite o compartilhamento  das fotos que você fizer de um casamento com o seu Smartphone. Os noivos criam um cadastro e depois divulgam para os convidados a novidade. No dia seguinte, todas aquelas fotos que estariam espalhadas em vários perfis do facebook estarão disponíveis em um único lugar. A popularidade do serviço está tão grande que a empresa conseguiu um financiamento de US$ 4,25 milhões para investir em seu crescimento. E os números mostram que esse pode ser um investimento certeiro. O WedPics está adicionando entre 25 mil e 30 mil novas noivas por mês. No último verão (hemisfério norte), os 175 mil convidados dos 6 mil casamentos cadastrados compartilharam uma média de 1 foto por segundo. Atualmente o serviço conta com 400 mil casais cadastrados e um total de 2,5 milhões de usuários. Esses números não são pouca coisa.

Cadastro e compartilhamento de fotos no aplicativo são gratuitos, o que explica essa forte adesão ao produto. O WedPics tem a sua monetização ao vender cópias impressas para os noivos. Segundo Justin Miller, CEO da empresa, eles estão vendendo uma média de 20 mil cópias impressas por semana. Dois pontos interessantes aqui. Eles estão ganhando dinheiro com as fotos feitas por outras pessoas. Deve rolar um termo de cessão de direitos patrimoniais da foto na hora do cadastro no aplicativo (que pouca gente deve ler). O segundo ponto é que um serviço nascido da Era Digital e do compartilhamento de imagens turbinado pelas mídias sociais, tem como sua única fonte de renda a impressão de fotos em papel, uma prática que quase desapareceu com a fotografia digital e que agora vem ganhando força novamente. Embora o WedPics trabalhe exclusivamente com casamentos, a empresa não descarta entrar no ramos de outros eventos no futuro. Fico pensando quando uma empresa brasileira vai entrar nesse ramo.

Vejam abaixo um vídeo do produto oferecido pela empresa.

Fonte: Petapixel.

emÁudio Vídeo Fotografia Notícias Web 2.0

Hackers estão agora ameaçando funcionários da Sony

Por em 8 de dezembro de 2014

 

20141208img_0297.jpg

O vazamento da Sony Pictures por um grupo hacker que até então desconfia-se estar ligado ao governo da Coreia do Norte foi muito, mas muito pior do que se imaginou no início. Não foram apenas filmes, mas uma série de informações pessoais e estratégicas foram jogadas no ventilador: registros criminais, prontuários médicos, negociações de salários, planilhas com os registros salariais de todos os 6.700 colaboradores da divisão e documentos detalhando o MO, entre outras coisas. O grupo denominado GOP (Guardians of Peace, não são republicanos até onde se sabe) teria em mãos 100 TB de dados que pretende usar para destruir a empresa.

E agora a coisa começou a ficar feia de verdade: funcionários que tiveram seus dados comprometidos começaram a ser ameaçados pelos hackers: ou endossam sua cruzada ou eles – e suas famílias – sofrerão.

continue lendo

emÁudio Vídeo Fotografia Computação móvel Entretenimento Indústria Internet Segurança Software Web 2.0