Digital Drops Blog de Brinquedo

Entenda o que é esse tal de Heartbleed e saiba quais senhas você deve trocar

Por em 10 de abril de 2014

Heartbleed_N670

A essa altura do campeonato você já deve ter ouvido falar do bug chamado Heartbleed, certo? Ele é um bug de computador que, com ondas magnéticas, causa hemorragia em seres humanos. Mentira.

O negócio é muito sério e eu, como um dos autores mais sérios do Meio Bit, vou explicar aqui porque é que essa porcaria é de fato um dos piores pesadelos que a internet já passou — e está passando.

Long story short: o Heartbleed é como ficou conhecida uma vulnerabilidade do OpenSSL que atinge, portanto, milhares de servidores do mundo todo, inclusive de serviços que você usa todos os dias, como Facebook, Instagram, Pinterest, Tumblr e Google.
continue lendo

emComunicação Digital Destaques Dicas Internet Linux Open-Source Produtividade Segurança

Google estaria exigindo o logo do Android nos novos smartphones

Por em 30 de março de 2014
Laguna_Galaxy_S5_Android_Splashscreen

Galaxy S5 na MWC 2014 (Crédito: Android Central)

O que faz de um smartphone um Android? Bom, é óbvio que ele tem que usar no mínimo o AOSP, os drivers do hardware propriamente dito e os aplicativos compatíveis com o tal kernel.

Um smartphone Nexus, por exemplo, serve de vitrine para o GMS — Google Mobile Services — pacote de aplicativos e APIs do Google, sendo o Google Play Store o de maior destaque e interesse entre os desenvolvedores Android.

A maioria dos fabricantes de smartphones Android incluem modificações e aplicativos próprios, além de crapware software das operadoras de telefonia celular, mas não deixam de incluir o GMS por acordos com o Google. Amazon e Nokia, pelo contrário, preferem trocar os serviços Google por pacotes que incluam suas lojas e serviços exclusivos de seus aparelhos.

A mais recente novidade entre os dispositivos Android foi notada graças à splash screen de novos smartphones como Nexus 5, HTC One M8 e Galaxy S5. É o clássico logotipo “Powered by Android” lá do Nexus One, que agora é exigido das fabricantes de novos smartphones Android que queiram ter acesso a serviços Google como a lojinha de aplicativos.

Tal inclusão do logotipo tem seu próprio conjunto de diretrizes do Google e o “Powered by Android” deve estar presente na tela de boot para que os fabricantes tenham acesso ao Google Play Store em novos dispositivos.
continue lendo

emDestaques Google Linux Mercado Open-Source Software

NatGeo sai na frente da Wikipedia e já incorpora a Crimeia ao território russo

Por em 19 de março de 2014
Laguna_Russian_Federation_with_Crimea

Federação Russa disputa a Crimeia até na internet (Crédito: Wikipedia)

Enquanto a crise na Ucrânia vai terminando com a “pacíficaanexação da Crimeia pela Rússia, outra guerra vem ocorrendo no principal ícone da internet colaborativa: uma verdadeira “batalha dos mapas” continua viva na Wikipedia (a de verdade, não a em português).

Inúmeros contribuidores têm colocado e tirado (uy) a ex-Autônoma República Ucraniana da Crimeia no (ou do) mapa russo. No momento, o mais recente mapa da Rússia na Wikipedia inclui a Crimeia com uma cor em destaque em respeito ao litígio, mas versões mais antigas já davam como certa a incorporação da República da Crimeia à Federação Russa.

Tudo bem que os Estados Unidos e outros governos ocidentais se recusam a reconhecer a anexação da Crimeia pela Federação Russa, mas a maior e mais famosa empresa de cartografia do mundo, a norte-americana National Geographic, já avisa que vai incluir de facto a antiga península ucraniana como território russo.
continue lendo

emDestaque Geologia Open-Source Web 2.0

Kickstarter pretende criar uma Máquina Enigma

Por em 13 de março de 2014

enigma

Criptografia está longe de ser algo novo. Claro, as técnicas usadas pelos romanos são consideradas brincadeira de criança hoje em dia, mas ajudaram a erguer e derrubar impérios. Como a Enigma. Na verdade uma linha de vários modelos de equipamentos criptográficos, deram bastante trabalho aos aliados, até que com ajuda de matemáticos poloneses, engenheiros, cientistas e um ou outro Mestre Jedi, os ingleses conseguiram montar uma estrutura de monitoração e decodificação das mensagens nazistas.

A coisa chegou a um ponto onde os ingleses captavam as mensagens alemãs antes das unidades às quais elas se destinavam, e o grande drama era não deixar que o inimigo percebesse que tudo estava sendo monitorado.
continue lendo

emHardware Open-Source Segurança

Curso introdutório da Linux Foundation será disponibilizado online gratuitamente

Por em 10 de março de 2014

tux-family

A Linux Foundation, a organização que promove o crescimento do SO do pinguim tomou uma atitude interessante no que diz respeito a atrair curiosos a conhecer a plataforma, principalmente àqueles que não queriam pagar por algumas horas de curso e ter um certificado original. Neste verão (no hemisfério norte, ou seja no meio do ano) entrará em vigor uma parceria com a edX, um site de cursos online gratuitos mantido pelo MIT e a Universidade de Harvard. O plano é oferecer uma versão online de seu curso básico “Introdução ao linux” totalmente de graça.

continue lendo

emComunicação Digital Internet Linux Open-Source Software Web 2.0

Mozilla acusa Dell de cobrar pela instalação prévia do Firefox

Por em 6 de março de 2014

dell_uk_firefox

Se há uma coisa que me divertia, era ficar olhando o simulador da Dell para montar equipamentos absurdamente potentes e, claro, muito caros. Apesar de eu achar muito pouco provável que um leitor do MB nunca tenha simulado nada lá, para quem não conhece, o sistema permite que o usuário personalize quase que completamente um computador do processador ao teclado, passando pela memória, HD e mouse. A cada novo item, o valor subia. Subia. Subia. Subia. Essa era a diversão: ver como eu era pobre e nunca poderia comprar um equipamento daqueles.

Voltando ao simulador e deixando a minha situação financeira de lado, ele é, de fato, muito interessante. Comprar por lá (cheguei a comprar alguns servidores para a empresa na qual trabalhava) era completamente diferente de pegar uma máquina pronta, de uma marca pseudo-conhecida, em um varejista desses da vida. A Dell permitia que os usuários comprassem, junto com o equipamento, o próprio OS, antivírus, suítes de produtividade, até navegadores. Mas hein?

continue lendo

emIndústria Internet Open-Source Software Web 2.0

Arduboy, um cartão de visita no qual você pode jogar Tetris

Por em 6 de março de 2014

arduboy_bateske

Existem cartões de visitas de todos os tipos, formatos e materiais, mas esta é a primeira vez que vejo um no qual dá pra jogar Tetris. O Arduboy é um protótipo de cartão de visita feito por Kevin Bates, que conseguiu colocar um cartão processador Arduino, uma pequena tela OLED,  uma micro caixa de som e pontos sensíveis ao toque, que funcionam como os botões. Por enquanto o único jogo disponível é Tetris, mas na teoria qualquer game disponível para a plataforma Arduino pode ser portado para o Arduboy. Se o nome soa familiar, o motivo é simples, e a imagem abaixo mostra de onde veio a inspiração, o velho Nintendo Gameboy.

arduboy_vs_gameboy

Kevin Bates disse no Twitter que está tentando obter os direitos oficiais do Tetris, e já está vendendo seu cartão por preços que garantem para pessoas realmente importante e especiais, pois o kit para montar uma unidade deve custar US$ 30, e uma versão já montada, US$ 50. Estes custos podem ser reduzidos com uma produção maior, caso Kevin consiga um financiamento no Kickstarter, onde ele pretende lançar uma campanha em breve. Ele também planeja uma versão melhorada, capaz de rodar jogos do Gameboy.

Confira todo o processo de produção do Arduboy.

Fonte: TC.

Clique abaixo para ver os vídeos.
continue lendo

emGames Open-Source Portáteis