Games
Games
Digital Drops Blog de Brinquedo

Facebook compra Oculus VR, empresa criadora do Oculus Rift

Por em 25 de março de 2014

oculus-rift

Há pouco mais de uma semana os óculos de realidade virtual pareciam apenas uma tecnologia que lutava para conquistar a atenção dos jogadores, mas além da Sony entrar de cabeça na brincadeira e da Microsoft dar indícios de que também se arriscará nesta área, Mark Zuckerberg mostrou que também aposta nessa promissora tendência, ao comprar a empresa mais importante do ramo.

Com um investimento na casa de US$ 2 bilhões, sendo US$ 400 milhões em dinheiro e o restante em ações do Facebook, a gigante das redes sociais anunciou a aquisição da Oculus VR, empresa que deu início a esta onda com o Oculus Rift e que inclusive conseguiu conquistar profissionais renomados da indústria de games, como John Carmack.

O mobile é a plataforma do presente e agora estamos nos preparando para as plataformas do futuro,” declarou Zuckerberg em uma nota. “O Oculus é a chance de criarmos a plataforma mais social de todos os tempos e de mudar a maneira como trabalhamos, jogamos e nos comunicamos.

continue lendo

emAcessórios Destaque Destaque Destaques Entretenimento Games Indústria Internet Web 2.0

SciCast 020 – Entrevista: Natália Dörr

Por em 14 de março de 2014

SciCast_MP3Cover

No episódio desta semana do podcast sobre ciência mais divertido da internet brasileira, Silmar, Jorge, Ronaldo e Carol estreiam um novo formato de programa, o #SciCast Entrevista, onde serão entrevistados cientistas de verdade, que nos contarão um pouco sobre a realidade da pesquisa no Brasil.

A convidada especial deste programa é a bióloga Natália Dörr (@NataliaDorr), mestranda em Genética e Biologia Molecular pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), que escreve também no Crônica das Moscas do Science Blogs. Atualmente a Natália trabalha no Laboratório de Drosophila, do Departamento de Genética da UFRGS, onde desenvolve sua pesquisa sobre a relação simbiótica estabelecida entre a bactéria Endossibionte Wolbachia e as moscas do subgrupo Willistoni de Drosophila (aquela com olhos vermelhos). Aproveitem e conheçam um pouco sobre as bactérias feminazi.

Você pode assinar o #SciCast através do iTunes ou usar o Feed RSS no seu agregador preferido. Visite o hotsite deste post para ver outros conteúdos relacionados, a página da equipe para saber quem somos e dos convidados para ver os perfis de cientistas mais zoados da internet. Nós adoramos receber seu feedback, a melhor forma para conversar conosco é através do formulário de contatos no site.

continue lendo

emBiologia Destaque Destaque Destaques Podcast SciCast

Electrolux Design Lab 2013 e as belas ideias dos latino-americanos

Por em 4 de setembro de 2013

Para mostrar a importância do design para a empresa e o respeito pelos profissionais da área, anualmente a Electrolux realiza o Design Lab, uma conceituada competição onde estudantes de todo o mundo enviam seus projetos de conceitos de eletrodomésticos que um dia poderão mudar a vida dos consumidores e ontem tive a oportunidade de conhecer os três latino-americanos que estão entre os 20 semifinalistas, sendo que um deles é uma brasileira.

Antes de falar um pouco sobre os projetos que foram apresentado no Centro de Design da Electrolux localizado em Curitiba, gostaria de passar alguns detalhes do concurso. Conforme foi explicado aos presentes, a edição 2013 registrou 1700 ideias vindas de 60 países e que deveriam se enquadrar no tema ‘Vida Urbana Inspirada’, que por sua vez foi divido em três categorias, Cozinha Social, Ar Natural e Limpeza Sem Esforço.

Após passarem por uma série de etapas, o número de projetos foi diminuindo até chegar aos 20 últimos e além da catarinense radicada em Curitiba, Luiza Silva, a América Latina ainda está representada pelo colombiano Adrian Perez Zapata e o mexicano Jorge Alberto Treviño Blanco. Como gostei muito de suas propostas, tentarei explicar cada uma delas.

continue lendo

emDestaque Miscelâneas

Controlando um drone com o Google Glass

Por em 20 de agosto de 2013

drnglss9870afd

O Google Glass é um daqueles gadgets que prometem revolucionar o mundo e a forma como levemos nas atividades diárias. Já existem muitos projetos, dos que proporcionam entretenimento aos que proporcionam, bem… entretenimento. Muitas são as ideias que envolvem o futuro dispositivo.

Enquanto cientistas dão duro nos laboratórios e centros de estudo para criar a habilidade de controlar objetos inanimados com a força do pensamento (além das ideias malucas de telecinesia), a gente pode achar aí um meio termo com o acessório do Google, já com resultados satisfatórios. Por exemplo, para controlar um drone.

continue lendo

emComputação móvel Comunicação Digital Destaque Geral Google Meio Bit

Exoesqueleto transforma você no homem de aço. Ou quase.

Por em 9 de julho de 2013

wk_130708pj01a

No Japão, a forma mais simples, rápida e eficiente de se vender alguma coisa é utilizando colegiais japonesas. É mais ou menos como algumas empresas brasileiras de cerveja (não todas) que colocam garotas bonitas de biquíni para fazer a propaganda de seus produtos. Uma prática que eu acho nociva de várias formas, mas não vou entrar nestes méritos.

Em um comercial pra lá de bizarro, uma suposta empresa real chamada Sagawa Electronics (que milagrosamente tem o mesmo nome da empresa Sagawa Electronics do mangá Ghost in the Shell, mas puxa vida…), está vendendo um exoesqueleto que promete transformar a pessoa em alguém mais forte e mais alto.

O vídeo é apresentado pelo personagem “Scarface Santaro“, e conduz o espectador através de uma demonstração do projeto, que recebeu o nome de Powered Jacket MK3. No estúdio, o robô-vestível é utilizado por uma menina, mas um outro rapaz leva a armadura para as ruas do Japão, que mostra que é possível subir e descer escadas, correr e até mesmo realizar movimentos mais precisos, como segurar um ovo sem quebrá-lo. Algo que, certamente, um ser humano comum jamais vai conseguir fazer sem utilizar um robô-mecha assim.

continue lendo

emCiência Destaque Destaques Geral Hardware Indústria Meio Bit

A Revolução não será televisionada: Emissoras japonesas se recusam a veicular comercial de SmartTV

Por em 8 de julho de 2013

Panasonic-Viera-SmartTV-Features-2013

Um vídeo promocional da IPTV Viera, da Panasonic, foi recusado por diversas emissoras de TV do Japão. A alegação de todas elas é que o comercial pode “confundir a audiência por causa da mistura de TV convencional e Internet“. Aham. Ok, televisões com acesso à Internet não são lá uma novidade, mas acontece que a interface deste modelo permite dividir a tela entre canais tradicionais e YouTube, por exemplo.

Obviamente isso deu início a várias especulações sobre a real intenção por trás desta atitude. Para muitos, este é mais um ato das empresas na tentativa de desacelerar a entrada de IPTVs no país. A verdade é que, apesar da reputação de magos da inovação tecnológica, muitos segmentos do Japão freiam a adoção de novas tecnologias para o uso de consumidores em geral. Algumas das empresas são criticadas por não se atualizarem no que tange os bens de consumo desta área.

continue lendo

emComunicação Digital Destaque Geral Internet Meio Bit Propaganda & Marketing Web 2.0

Coréia do Norte vai ter seu próprio tablet. Sem Internet, claro.

Por em 27 de junho de 2013

1000w

Após ser invadida por dispositivos com Android, a República Democrática Popular da Coreia (afinal, nada mais democrático, popular e republicano que este agradável território), apresentou nesta semana sua própria versão de um tablet: O Samjiyon. Só que, ao contrário de um iPad ou Galaxy Note, feitos para acessar filmes, livros, músicas e outras interações online, o Samjiyon não possui nenhum tipo de rede, nem 2G/3G/4G, nem Wi-Fi. Ele é basicamente um dispositivo com tela sensível ao toque, focado exclusivamente em divulgação de propagandas do Governo.

E veja que sensacional: Mesmo sem Internet, você pode se deliciar com o conteúdo que vem embarcado no sistema operacional, que gira em torno da adoração por Kim Jong Un como um grande general. Ele ensina às crianças as importantes habilidades patrióticas, como se colocar em formação de maneira apropriada, desenhar uma bandeira vermelha e oferecer apoio inquestionável ao vosso Glorioso Líder.

Existem joguinhos também: Por exemplo, uma “adaptação” de um certo jogo de estilingue, mas no qual você joga pássaros libertários em porcos capitalistas. Além de títulos de guerra e esportes, como um game de basquete estrelado por Dennis Rodman, que tem feito constantes visitas ao país e se tornou o melhor amigo do ditador. Afinal de contas, qual a necessidade de se fazer sentido na vida?

continue lendo

emComputação móvel Comunicação Digital Destaque Games Mobile Mundo Estranho