Games
Games
Digital Drops Blog de Brinquedo

Remake do Day of the Tentacle esteve muito perto de existir

Por em 30 de setembro de 2013

day-of-the-tentacle

Como eu só fui ter o meu primeiro computador lá pelo final da década de 90, infelizmente só tive contato com s adventurespara valer muito tardiamente, o que me impediu de conhecer alguns clássicos do gênero, como por exemplo o Maniac Mansion e Day of the Tentacle.

Conforme esse tipo de jogo voltou a ganhar uma certa importância, inclusive com o lançamento de versões remasterizadas dos dois primeiros The Secret of Monkey Island, sempre tive esperança de que outros clássicos recebessem o mesmo tratamento, assim eu poderia finalmente experimentá-los, mas se isso não se tornou realidade, de acordo com o Kotaku, em relação ao Day of the Tentacle esteve bem perto de acontecer.

Citando uma fonte anônima próxima ao projeto, o blog afirma que tal jogo estava sendo refeito no estúdio da LucasArts localizado em Singapura e embora o seu desenvolvimento estivesse em aproximadamente 80% quando a empresa fechou (obrigado por nada, Disney!), não havia garantia de que ele seria lançado, já que a alta cúpula não estaria interessada em continuar lançando esse tipo de produto.

Para muitos envolvidos este era um projeto dos sonhos, mas infelizmente, como muitos muitos jogos da LucasArts em desenvolvimento, este nunca viu a luz do dia,” declarou uma das pessoas que trabalhou no Day of the Tentacle HD.

Entre os tais jogos citados temos obviamente vários baseados na franquia Star Wars, um deles no estilo do FarmVille e outro onde gerenciaríamos uma Estrela da Morte, mas algo que eu realmente lamentei foi saber que a LucasArts planejava lançar seu próprio sistema de distribuição digital. Mesmo sendo mais um daqueles que preferem ter seus jogos num mesmo lugar, acho que esta seria uma excelente maneira deles disponibilizarem seus clássicos.

Agora, com o fim da empresa, a única coisa que resta é rezar para que um dia algum executivo da Disney decida que vale a pena voltar a vender alguns daqueles adventures tão elogiados, mesmo que seja com a aparência original.

emComputadores Museu Rumores

Desenvolvedores dizem que PS4 é muito mais rápido que o Xbox One

Por em 16 de setembro de 2013

xbox-one-playstation4

A nova geração de consoles nem teve início e o site da revista Edge já publicou um artigo onde diz ter ouvido diversas críticas ao Xbox One feitas por um grupo de desenvolvedores. O motivo? O desempenho consideravelmente inferior do console da Microsoft em relação ao seu principal concorrente, o PlayStation 4.

Segundos as fonte que obviamente não foram identificadas, o grande problema estaria principalmente na leitura da memória dos aparelhos, que no caso do PS4 seria algo entre 40 e 50% mais rápido e na ALU (Unidade Lógica e Aritmética), também 50% mais rápida no videogame da Sony.

Para termos uma ideia melhor do que isso representaria na prática, o texto cita como exemplo um estúdio que está trabalhando em um jogo para ambas as plataformas e que afirmou que a menos que sejam feitas otimizações para ambos os consoles, o seu título rodaria em Full HD e 30 frames por segundo no PlayStation 4, mas apenas em 1600×900 e aproximadamente 20 frames no outro console. Segundo essa empresa, o “Xbox One é mais fraco e usar sua ESRAM é um sofrimento.

Um detalhe interessante e que pode servir para nos dar esperança é que segundo uma das fonte, mesmo com a proximidade do lançamento os hadware ainda não estão prontos e embora um mudança significativa de peças a esta altura seja improvável, mesmo porque o One já está em produção, algo que pode melhorar bastante os dois videogames são novos drivers de vídeo, sendo que nesse aspecto a Microsoft estaria bem atrasada e uma pessoa chegou até a descrever o driver de vídeo do Xbox One como “horrível”.

Se juntarmos a essas reclamações o fato das empresas ainda não conhecerem os consoles muito bem, teríamos a explicação para a próxima geração ainda não parecer muito diferente da atual, principalmente se olharmos para os jogos que tem sido lançados no PC atualmente e apesar da declaração de um profissional que disse que o Xbox One se sairá melhor que o PlayStation 4 quando se tratar de jogos gerados proceduralmente ou que não exija muitas texturas, a situação não deixa de ser preocupante.

Vale lembrar que a Microsoft já encarou essa desvantagem técnica na atual geração, mas será interessante ver como eles se sairão caso o mesmo aconteça dessa vez, sendo que não terão tempo para formar uma base enquanto estão sozinhos no mercado e ainda possível vendendo um aparelho que custa US$ 100 mais caro.

emMicrosoft Rumores Sony

Rumor diz que PS4 ganhará óculos de realidade virtual

Por em 3 de setembro de 2013

hmz-t2

Acho que nunca pensei que diria isso, mas aos poucos estou me convencendo de que os óculos de realidade virtual para games podem mesmo dar certo. Primeiro tivemos o Oculus Rift, que deverá chegar ao mercado em 2014 e depois da Sony ter anunciado em 2011 um HDM que segundo um executivo da SCE Studios poderia ser o início da investida da empresa na área, surge um rumor de que o dispositivo pode ser anunciado oficialmente para o PlayStation 4 até o ano que vem.

Se as fontes ouvidas pelo site Eurogamer estiverem corretas, na verdade o óculos deveria ter sido apresentado já na Gamescom, mas o anunciou acabou sendo cancelado em cima da hora e no momento a fabricante estaria estudando se o melhor seria apresentá-lo apenas como algo opcional ou que terá grande importância na experiência que o console quer passar.

Para termos ideia do estado em que o desenvolvimento se encontra, o pessoal da Evolution Studios já estaria testando a tecnologia no DriveClub, jogo de corrida que deverá ser disponibilizado no lançamento do PS4 e que graças ao dispositivo de realidade virtual, poderemos visualizar todo o interior dos veículos apenas ao movermos a cabeça.

Para torna o rumor mais plausível, vale citar que este mesmo estúdio é o principal responsável pela parte de 3D estereoscópico nos jogos do PlayStation 3 e um desenvolvedor que afirma ter tido contato com o HDM garante que ele se parece bastante com o HMZ-T2, acessório que a empresa japonesa vende em diversos países da Europa pelo preço de € 699.

Como entre os dias 19 e 22 deste mês acontecerá a Tokyo Game Show, pode ser que a Sony esteja preparando o anúncio para a feira, mas se eles realmente estiverem desenvolvendo algo assim, não me surpreenderei se for organizado um evento exclusivo para mostrar ao mundo o quanto estão dispostos a tentar mudar a maneira como jogamos.

Fonte: Eurogamer.

emRumores Sony

Disney Infinity, o jogo que poderá mudar a companhia

Por em 23 de agosto de 2013

disney-infinity

Há alguns anos a Disney vem tentando se infiltrar para valer na indústria de games e depois de ter adquirido vários estúdios e fechado alguns deles, além de ter anunciado que voltaria sua atenção para os jogos casuais, uma das grandes apostas da empresa passou a ser o Disney Infinity, título que tentará aproveitar o sucesso do Skylanders para fazer dinheiro.

É claro que as inúmeras marcas extremamente populares da Disneys podem fazer com que os cofres sejam entupidos rapidamente, mas em relação ao investimento feito na criação, será que ele foi muito alto? Pois de acordo com o relato dado ao Wall Street Journal por um ex-funcionário do estúdio, o gasto foi tão exorbitante que o jogo poderá servir como um divisor de águas na companhia.

A fonte alega que hoje o Disney Infinity carrega consigo uma enorme pressão para se tornar um sucesso comercial, já que que só no seu desenvolvimento foram gastos mais de US$ 100 milhões e como esse valor não inclui o custo de divulgação do jogo, é de se imaginar a fortuna que ele terá que fazer para dar algum lucro.

Ainda segundo a pessoa não identificada, corre pelos corredores da empresa o comentário que caso o título não se saia bem, é muito provável que a Disney mude sua política na indústria de games, passando a licenciar suas marcas para outras empresas, assim como fez com o Star Wars, cujos próximos títulos serão produzidos pela EA.

O fato é que somente o tempo poderá nos dizer se a informação está correta, mas caso os valores envolvidos sejam estes mesmos, será que fui o único a achar que os caras colocaram fichas demais na mesa?

emIndústria Rumores

Rumor: Pacote com PS4 e Vita poderá custar US$ 500

Por em 5 de agosto de 2013

playstation-vita

Parece bom demais para ser verdade, mas se a informação obtida pelo pessoal do Inside Gaming Daily estiver correta, em breve adquirir um PlayStation 4 e um PS Vita poderá custar muito menos do que poderíamos imaginar.

Alegando terem conseguido o furo junto a “uma fonte anônima bem posicionada”, os caras afirmam que quando o novo console da Sony for lançado teremos a possibilidade de comprar um bundle que custaria somente US$ 500, um valor que seria bem inferior aos US$ 650 necessários para adquirirmos o console e o portátil separadamente.

Por mais absurdo que o rumor possa parecer, lançar um pacote como esse seria um movimento natural, até porque a fabricante disse anteriormente que quase todos os jogos do PlayStation 4 terão suporte ao recurso Remote Play, o que basicamente significa que poderemos jogar os títulos do console no Vita e esta seria obviamente uma excelente maneira de colocar o portátil na mãos de mais consumidores.

Porém, não nos esqueçamos que mesmo com as vendas abaixo do esperado a própria Sony já avisou que não pretende baixar o preço do PSV tão cedo, portanto uma oferta como esta parece improvável, mas caso eles realmente decidam adotar uma investida tão agressiva, as chances de venderem muito mais que a concorrência é gigantesca, afinal, pelo preço de um Xbox One você levaria o PS4 e seu irmão menor, algo que sem dúvida seria fantástico para as desenvolvedoras e consequentemente para quem já investiu no portátil, pois as chances de mais jogos aumentaria.

Minha aposta? Essa valor não será alcançado, talvez US$ 600, mas como espero estar enganado.

[via Videogamer]

emPortáteis Rumores Sony

Sega estaria entre as interessadas em comprar a Atlus

Por em 5 de agosto de 2013

persona-3

Há exato um mês surgiu a notícia de que a empresa que comanda a Atlus estava abrindo falência, o que obviamente deixou muitos fãs preocupados com o futuro das franquias criadas por eles. Agora, num processo bastante parecido com aquele que desmembrou a THQ no início deste ano, o site Bloomberg Japan informa que algo em torno de 20 empresas estão de olho nos espólios do estúdio japonês, entre elas a Sega.

A informação teria sido passada por pessoas ligadas à negociação, que especula-se, deverá eliminar alguns candidatos ainda esta semana e sua conclusão acontecendo até o final desse mês. As fontes revelaram ainda que para a Index Corporation a negociação pode ser muito melhor do que esperavam, pois se a ideia era conseguir ¥15 bilhões (US$ 121 milhões) com a venda, os lances já teriam alcançado uma marca ¥5 bilhões mais alta, ou aproximadamente US$ 201 milhões no total.

Sendo assim, eu não me surpreenderia se acontecesse o mesmo que vimos com  a THQ, onde suas marcas acabaram nas mãos de diversas outras empresas e caso isso se torne realidade, aquela promessa de que as franquias da Atlus não seriam afetadas se torna difícil de acreditar, afinal, quem pode garantir a continuidade de um Shin Megami Tensei, Etrian Odyssey ou Persona e ainda mais importante, que os novos donos manterão seus estilos?

Em todo caso, acho que seria muito bom se a desenvovledora permanecesse sobre o controle de uma companhia japonesa e como a Sega possui uma relação com eles, já que são os responsáveis por distribuir seus jogos no arquipélago, penso que essa poderia ser uma boa para ambos os lados. Porém, será que a Nintendo também não está de olho no negócio? Para eles seria uma ótima maneira de conseguir alguns exclusivos de peso.

[via Gematsu]

emIndústria Rumores

E se o suposto Left 4 Dead 3 for um F2P?

Por em 30 de julho de 2013

left-4-dead

Nos últimos dias começou a circular pela internet um rumor apontando para um possível anuncio do Left 4 Dead 3 e como era de se esperar, aquilo deixou em polvorosa todos os fãs da franquia da Valve. O primeiro e mais evidente indício de que o jogo estaria perto de ser revelado foi a descoberta de um site com o endereço l4d3.ru e ao acessá-lo vemos uma página com um contador que zerará daqui a 22 dias, exatamente na data marcada para o início da Gamecom, mas não foi só.

Algumas pessoas também ficaram intrigadas com um breve vídeo intitulado “Eu deveria?” e que foi publicado por Marc Laidlaw, designer da Valve e nele vemos o rapaz dentro de um elevador quando está prestes a escolher o terceiro andar, mas acaba apertando a letra L. Um detalhe: Este vídeo foi publicado no mesmo dia em que o supracitado site apareceu na web. Coincidência?

Porém, o que explicaria o site ter sido registrado com um domínio russo? Bom, alguns estão defendendo a teoria de que isso seria uam dica de que a série pela primeira vez deixará os Estados Unidos, mas estejam todas essas especulações corretas ou não, uma coisa passou pela minha cabeça assim que fiquei sabendo da possibilidade de um novo Left 4 Dead: E se o jogo for distribuído como um free-to-play?

continue lendo

emRumores