Games
Games
Digital Drops Blog de Brinquedo

Terminal Reality pode ter fechado as portas

Por em 12 de dezembro de 2013

Ghostbusters

Fundada em 1994 e sem um estrondoso sucesso desde então, parece que aquilo que se anunciava há alguns meses aconteceu, com a Terminal Reality tendo  encerrado suas atividades. Embora um comunicado oficial sobre a situação não tenha sido emitido, a possibilidade surgiu depois que Jesse Sosa, um ex-funcionário que trabalhou no estúdio publicou a informação no seu Facebook.

Aqueles que me conhecem há muito tempo sabem que estive na TRI por 10 anos e parece que eles finalmente fecharam. Muitas emoções diferentes estão passando por mim neste momento. Saí de lá quando vi que as coisas estavam indo ladeira abaixo, mas sempre estive com eles e esperava pelo melhor. Agora que se foram, estou me sentindo meio nostálgico.

O detalhe é que outros ex-membros da desenvolvedora confirmaram a história e se visitarmos o site do estúdio, podemos ver uma mensagem que diz que eles estão passando por renovações, nos direcionando para a página da empresa na rede de Mark Zuckerberg, que por sua vez não é atualizada desde outubro. Já no Twitter a situação é ainda pior, sem uma nova mensagem desde março, quando eles lançaram o criticadíssimo The Walking Dead: Survival Instinct.

Tendo desenvolvido jogos como o Ghostbusters: The Video Game, Monster Truck Madness e BloodRayne, além de ter ajudado na criação do Kinect Star Wars e trabalhado em coletâneas como o Metal Slug Anthology e The King of Fighters Collection: The Orochi Saga, é curioso perceber como nem mesmo as engines desenvolvidas internamente conseguiram um grande destaque.

Contudo, isso não torna a notícia menos triste e caso ela seja mesmo confirmada, trata-se de mais uma desenvolvedora bem antiga que não consegue se adaptar ao mercado. Veremos agora como ficará a questão das propriedades intelectuais da empresa, não que ela tivesse muitas, já que basicamente só trabalhava com marcas licenciadas.

Fonte: Gamasutra.

emRumores

The Survivor 2299 e o rei do camarote gamer

Por em 10 de dezembro de 2013

rei-do-fallout-2

Há algumas semanas começou a ganhar corpo uma possibilidade que a maioria dos fãs do Fallout tanto esperavam. O site thesurvivor2299.com começou a transmitir diversas mensagens em código Morse e desde o nome até imagens presentes mele, tudo indicava ser um teaser do próximo jogo da franquia, porém, aquilo não passava de uma brincadeira.

Mas porque alguém faria isso? Estaria o autor em busca de fama, dinheiro, mulheres, iates, dinheiro, mansões, dinheiro…? Pois o idealizador da pegadinha resolveu utilizar o Reddit para se explicar e a única coisa que consigo pensar é que ele deveria ter ficado quieto, veja só:

Alguns homens simplesmente querem ver o mundo pegar fogo. Eu queria forçar a Bethesda a revelar algo durante o VGX e trazer a comunidade do Fallout no Reddit comigo (por pelo menos três semanas). Infelizmente, o plano falhou.

Eu sou um desses ‘bastardos egoístas cheio de dinheiro’, então eu queria criar um trailer em computação gráfica, mas o Pete [Hines, responsável pela assessoria de imprensa da Bethesda] acabou com os meus planos. Talvez eu lance o roteiro, então outra pessoas poderá usá-lo… Não quero mais incomodar a Bethesda.

continue lendo

emMiscelâneas Rumores

The Last of Us poderá ser transformado em filme

Por em 2 de dezembro de 2013

the-last-of-us

Por mais que concorde que a maioria dos filmes baseados em games não passam de uma bela porcaria, não sou daqueles que defendem que eles nem deveriam existir. Talvez pense assim pela esperança de um dia vermos essas adaptações receberem o mesmo tratamento dado aos quadrinhos, mas a verdade é que há certos projetos que simplesmente não vejo razão para existirem.

Peguemos por exemplo o The Last of Us. Eu adorei o jogo, considero-o uma das melhores experiências que já tive com um videogame e mesmo com sua narrativa muito parecida com a de um filme, acho que sua grande virtude está em deixar nas nossas mãos a responsabilidade pela vida vida de Ellie, então, como não achar que um filme sobre ele não passaria de uma variação do A Estrada, de John Hillcoat?

Desconfianças a parte, as chances de o game da Naughty Dog aparecer nas telonas ganhou força nos últimos dias, tudo porque a Sony Pictures pediu o registro de dois domínios bastante sugestivos, o TheLastOfUsMovie.net e o TheLastOfUs-Movie.com.

É claro que isso pode significar apenas uma maneira da empresa proteger a marca, com a adaptação nunca sendo feita, mas foi o suficiente para fazer com que muitos fãs ficassem ouriçados – e tantos outros preocupados.

Particularmente estou muito mais interessado em saber o que eles farão com a franquia no mundo dos games, começando pelo DLC Left Behind e não penso assim por achar que o longa-metragem não tem chance de ficar bom, mas sim porque o jogo já é um ótimo “filme”.

Fonte: IGN.

emCultura Gamer Rumores Sony

Custo de produção do Xbox One seria de US$ 471

Por em 27 de novembro de 2013

xbox-oneHá poucos dias a empresa IHS divulgou um relatório onde listava as peças utilizadas na montagem do PlayStation 4, desta forma chegando ao valor aproximado que a Sony gastaria para fabricar cada unidade do console e como era de se imaginar, agora eles fazem o mesmo com o Xbox One.

Se os dados coletados estiverem corretos, o valor necessário para produzir o aparelho seria US$ 471, sendo que US$ 14 seria gasto na montagem e fabricação, e o interessante é que assim como acontece com a concorrência, a Microsoft também não estaria tendo prejuízo com a venda de cada unidade.

Quanto aos componentes utilizados, US$ 75 seriam gastos apenas na produção do novo Kinect, já o processador, que neste caso é combinado com a GPU, seria a parte mais cara, custando US$ 110. De acordo com o analista Andrew Rassweiler, que comandou o processo de desmontagem do console, tanto a CPU do Xbox One quanto a do PS4 são muito poderosas, ficando responsáveis por todo o poder de computação dos videogames.

Já em relação às memórias, elas são produzidas pela SK Hynix e custam US$ 60, cerca de US$ 28 menos do que as encontradas no PlayStation 4, mas com a desvantagem de não serem GDDR5, o que no futuro poderá ter um impacto significativo no desempenho do aparelho

Temos então os US$ 15 gastos na fabricação do controle e eles ainda citam que o Kinect utiliza peças fornecidas pela Samsung, Texas Instruments e STMicroelectronics, mas não conseguiram identificar a fabricante do chip responsável por emitir as luzes visíveis e infravermelhas do acessório.

Agora, um detalhe que achei curioso é a fonte externa que acompanha o Xbox One, que segundo o pessoal da IHS custa salgados US$ 25 para ser fabricada, o que significa que se a nossa queimar, provavelmente teremos que pagar uma pequena fortuna em uma nova.

Fonte: AllThingsD.

emMicrosoft Rumores

PlayStation 4 deverá ganhar novo Siren

Por em 26 de novembro de 2013

siren-blood-curse

A indústria de games não costuma ser muito boa em guardar segredos e por isso sempre ficou meio desconfiado quando alguma produção é revelada apenas perto do seu lançamento, como pode ser o caso de um novo capítulo da franquia Siren.

O interessante é que quem levantou a bola dessa vez não foi nenhuma loja ou site especializado citando apenas fontes anônimas, mas sim a divisão romena responsável pela marca PlayStation, que através de um comunicado para a imprensa afirmou que o game deverá ser lançado para o PS4 no dia 29 de janeiro. Veja o trecho:

Além disso, os estúdios da Sony Computer Entertainment ao redor do mundo estão trabalhando no desenvolvimento de mais de 30 títulos, como o inFAMOUS: Second Son, The Order: 1886, Siren, Helldivers, Shadow of the Beast e Everybody’s Gone to The Rapture. Desses, 20 serão lançados no primeiro anos após a chegada do console e 12 não fazem parte de uma série existente.

Teria sido apenas um equívoco da pessoa que escreveu o comunicado? Acho um pouco difícil por não se tratar de uma série muito popular, mas vale lembrar que no início de novembro foi comemorado o décimo aniversário da franquia, então pode ser mesmo que a Sony esteja estudando trazê-la de volta.

Caso nunca tenha jogado um Siren, ou Forbidden Siren, como é conhecido fora dos Estados Unidos, trata-se de uma série de terror que nasceu no PlayStation 2 e que recebeu três capítulos, sendo que o último deles, o Siren: Blood Curse, apareceu no PS3 em 2008, mas infelizmente a versão física dele só existe na Europa, Austrália e Ásia.

Com um enredo instigante, gráficos muito bons e uma jogabilidade que nos incentiva a fugir dos confrontos, além de uma atmosfera pesadíssima que nos deixa tenso durante todo o game, encarar um Siren é tarefa para poucos e se o rumor for confirmado, esta poderá ser uma ótima adição à biblioteca do PlayStation 4.

Fonte: Gematsu.

emRumores Sony

Denúncia: o Microsoft Kinect 2 do XBox One estaria filmando o pênis dos usuários?

Por em 23 de novembro de 2013

bilau3d

Mesmo entre os pacientes mal-medicados que compõe o grupo de teóricos da conspiração há uma hierarquia. Alguns se dedicam a denunciar que o ex-presidente Lula é um alien reptiliano infiltrado, e faz parte da Nova Ordem Mundial, que Dilma faz parte dos Illuminati, que o pouso na Lua foi uma farsa e que vamos todos morrer em 2012. Outros, menos ambiciosos se preocupam com algo mais… ao alcance das mãos. No caso, com o próprio bilau, que curiosamente fica a alguns centímetros de onde surgem a maior parte das teorias conspiratórias.

A atual diz que o Kinect 2, do XBox One tem muito mais resolução, o que é verdade, e consegue… identificar o pênis do usuário. Muito compreensivelmente há gente preocupada, ainda mais em temos pós-Snowden, onde toda informação é filtrada pela NSA. Imagine as maldades que vão fazer com essa informação.

A história já chegou a sites como o Geekologie e o Machinima, e não faz o menor sentido. O laser do Kinect não trabalha assim, para tristeza dos jogadores japoneses ele não mapeia esse tipo de apêndice. Na pior das hipóteses a câmera poderia estar captando os contornos do supracitado órgão, lembrando um dos virais mais clássicos e antigos, que você não deve clicar por ser NSFW, cuidado, etc. Se for isso, azar do jogador, quem mandou ele gostar TANTO assim do Forza? O Kinect seria tão culpado quanto uma câmera fotografando uma praia de nudismo da vida real.

Na verdade, nem chegou a ser isso. O Kinect fotografou uma dobra na calça do sujeito, e nada mais. Mesmo assim em meio a uma semana de lançamento, a Microsoft tem que parar para explicar que focinho de porco não é tomada, e que algumas vezes um charuto é só um charuto, e que ela não tem NENHUMA utilidade em dados escaneados de 100 milhões de pintos. Até a Lindsay Lohan dos bons tempos acharia isso excessivo.

emHardware Microsoft Rumores

Telltale Games pode estar criando jogo do Game of Thrones

Por em 22 de novembro de 2013

khaleesi

Depois de ter trabalhado na adaptação de diversas marcas famosas, como De Volta Para o Futuro, Jurassic Park e Wallace & Gromit,  tornado-se a queridinha dos games principalmente devido ao jogo baseado na franquia The Walking Dead, a Telltale Games pode estar trabalhando em outro título com enorme potencial para o sucesso, o Game of Thrones.

Quem deu início ao rumor foi o pessoal do IGN, que alega ter ouvido a história de diversas fontes, mas não soube precisar se o jogo será inspirado nos livros de George R.R. Martin, que vale lembrar, são conhecidos como A Song of Ice and Fire, sendo que apenas o primeiro foi sub-intitulado A Game of Thrones, ou na série para TV, esta sim com nome que se tornou mais popular.

O site também não esclareceu se o suposto jogo seria baseado em alguma dessas obras ou se teria uma história inédita e ao ser questionado sobre o assunto, o vice-presidente de publicação da Telltale, Steve Allison, limitou-se a dizer que rumores sobre o que eles estão criando surgem a todo momento e que por enquanto o estúdio não tem nada a declarar.

Caso a produção seja mesmo confirmada, a esperança dos fãs do Game of Thrones é de que dessa vez o trabalho seja bem feito, afinal tanto o RPG quanto o jogo de estratégia baseados na marca foram bastante criticados, mas depois de questionar a qualidade do The Walking Dead enquanto estava em produção e constatar que se tratava de um dos melhores títulos dos últimos anos, eu não ousarei duvidar da Telltale novamente.

emRumores