Games
Games
Digital Drops Blog de Brinquedo

Deep Silver adquire franquia Homefront

Por em 31 de julho de 2014

Homefront-The-Revolution

Há algumas semanas temos comentado aqui no blog sobre a situação financeira da Crytek, que após estar na beira do precipício, parece ter encontrado uma salvação (leia-se, um pomposo investimento), mas para evidenciar ainda mais o quão complicadas estavam as coisas por lá, eles anunciaram a venda de uma das suas principais marcas, a Homefront.

Adquirida pela Koch Media, isso dará direito ao conglomerado de controlar inclusive o novo capítulo que estava sendo produzido pela Crytek UK, o Homefront: The Revolution, que agora terá seu desenvolvimento continuado pela Deep Silver Dambuster Studios.

continue lendo

emGames Indústria

Mercado de consoles japonês caiu 16% em 2013

Por em 30 de julho de 2014

market-consoles-japan

E não é só a Nintendo que não anda muito bem das pernas, pelo menos lá no Japão. De acordo com o report anual da Japanese Computer Entertainment Supplier’s Association conseguido pelo analista Serkan Toto, o mercado de consoles em geral sofreu uma grande queda entre 2012 e 2013, enquanto que o de games mobile só cresce.

continue lendo

emGames Indústria

Inafune ajudará fundo para desenvolvedores indies japoneses

Por em 29 de julho de 2014

inafune

Depois de bater na indústria japonesa por vários anos, Keiji Inafune resolveu arregaçar as mangas e colocar todo o seu conhecimento à disposição dos desenvolvedores independentes do pais, atuando como conselheiro da Inflexion Point Capital, um fundo de investimento que pretende ajudar esses pequenos estúdios.

Baseado em Singapura, o grupo terá US$ 15 milhões para investir em equipes que estejam criando jogos para dispositivos móveis e a intenção é liberar valores entre 100 e 500 mil dólares para cada um desses projetos, preferencialmente ainda nos estágios iniciais de desenvolvimento.

continue lendo

emGames Indústria

Crytek revela detalhes da sua situação financeira

Por em 28 de julho de 2014

Homefront-The-Revolution

Depois de algumas semanas de notícias ruins e rumores em relação ao futuro da empresa, a Crytek finalmente resolveu se pronunciar sobre as especulações sobre a sua situação financeira e embora a intenção dos executivos evidentemente tenha sido acalmar os ânimos da imprensa e consequentemente dos fãs, tenho minhas duvidas se eles alcançaram este objetivo.

Alegando estar em uma fase de transição, quando deixará de ser um estúdio de desenvolvimento para se tornar uma editora online, a nota diz que isso fez com que eles mudassem as estratégias, o que por sua vez os fez sair a procura de capital.

O comunicado diz também que a demora para esse posicionamento ser emitido aconteceu porque a Crytek queria informar todos os funcionários antes de tornar a situação pública (como se um email demorasse tanto para chegar aos seus destinatários) e que infelizmente eles não poderão dar maiores detalhes sobre o negócio, como por exemplo quem está investindo na companhia ou quanto tempo demorará essa transição.

continue lendo

emGames Indústria

Daniel Matros da DICE mostra na Campus Party Recife como os games podem ensinar muita coisa

Por em 24 de julho de 2014

daniel_matros_cparty_recife

Daniel Matros, produtor da DICE e de jogos da franquia Battlefield, subiu ao palco da Campus Party ontem para mostrar sua visão sobre como os games podem revolucionar a sua vida. Para ele, os jogos ensinam muito mais do que os métodos tradicionais de educação, te tornando melhor através da persistência. “Os videogames te ensinam que você pode falhar”, diz Matros. “Depois de tentar e perder, você volta com mais experiência e recursos, e consegue vencer. Nas escolas, se você falhar em um teste, na maioria dos casos, não pode tentar novamente”.

Matros descreve os games como artefatos culturais, e diz que os desenvolvedores precisam fazer o jogador errar e falhar, para que ele consiga melhorar. Cada vez mais, os jogos são um reflexo da realidade, e todos os estereótipos estão caindo.
continue lendo

emDestaque Especial Games Indústria

Google não chamará mais os jogos F2P de gratuitos

Por em 21 de julho de 2014

caca-niqueis

Quando você ouve o termo free-to-play, qual a primeira coisa que lhe vem à cabeça? Apenas mais um caça-níqueis sem muita complexidade ou a possibilidade de jogar algo sem gastar um centavo? Embora eu acredite que de certa forma ambas as respostas estejam corretas, se pensarmos em alguém que não está muito familiarizado com a indústria, acredito que a segunda opção seja mais provável.

Pois deve ter sido para evitar que esse público seja enganado, que a Comissão Europeia dos Direitos do Consumidor resolveu atender às reclamações e pediu que tanto Apple quanto Google não chamem mais os games que contarem com microtransações de gratuitos e a gigante de Mountain View já avisou que acatará a medida.

continue lendo

emCelulares Games Google Indústria

Após cancelar jogo financiado pelo Kickstarter, envolvidos oferecem solução amarga

Por em 18 de julho de 2014

Yogventures

Ah, o financiamento coletivo e os desenvolvedores que não conseguem cumprir sua palavra… Para mostrar de uma vez por todas que devemos tomar muito cuidado com aquilo que é prometido em campanhas realizadas em sites como o Kickstarter, gostaria de lhes apresentar o caso de um jogo chamado Yogventures.

Após pedir US$ 250 mil para os jogadores e conseguir mais do que o dobro deste valor em uma campanha realizada em 2012, a Winterkewl Games parecia estar realizando um sonho. O sandbox prometido por eles deveria ter sido lançado no ano passado, mas mesmo depois de terem sido aprovados no Steam Greenlight, nos últimos dias o pior aconteceu. Todas as 13.647 pessoas que investiram no projeto foram avisadas por email que a produção havia sido cancelada e o conteúdo do comunicado fez com que muitos deles ficassem ainda mais revoltados.

continue lendo

emComputadores Games Indústria