Xbox 360 é usado mais para entretenimento do que para partidas online

dori_xbo_28.03.12

A Microsoft conseguiu alcançar a meta de transformar o seu console em uma central de entretenimento e segundo Yusuf Mehdi, responsável pela parte de estratégia e marketing da plataforma, a quantidade de tempo gasto pelos donos de um Xbox 360 em aplicativos de entretenimento usados para assistirmos filmes, programas de TV e ouvirmos música já é maior do que o período em que eles passam jogando online.

A companhia afirma que a utilização do console para esse fim mais do que dobrou no último ano, fazendo com que o tempo total gasto na Xbox Live tenha aumentado em 30%. Eles revelaram também que os assinantes de conta Gold gastam em média 84 horas conectados ao serviço e em comparação, a estimativa é de que a média de tempo gasto assistindo televisão é de 150 horas.

Não foi dito no entanto como esse uso fica se comparado ao tempo total de jogo, nem se tal aumento tem ligação com a mudança imposta à dashboard, que facilitou a utilização com o Kinect. Porém, o mais provável é que o aumento do interesse dos usuários esteja relacionado a adição de vários novos canais, algo em que a Microsoft tem investido pesadamente há vários meses.

Eu ainda uso meus videogames basicamente para jogar, mas acho que ainda faço isso por não termos uma oferta de conteúdo no Brasil como a que vemos nos Estados Unidos. A situação aos poucos tem melhorado, com os parelhos podendo ser utilizados, por exemplo, para vermos filmes no Netflix, mas de qualquer forma é bom saber que um Xbox 360 ou Playstation 3 podem ser utilizados por mais pessoas do que apenas aquelas que gostam de jogar.

[via Joystiq]

Relacionados: , ,

Autor: Dori Prata

Pai em tempo integral do pequeno Nicolas, enquanto se divide escrevendo para o Meio Bit Games, Techtudo e Vida de Gamer, tenta encontrar um tempinho para aproveitar algumas das suas paixões, os filmes, os quadrinhos, o futebol e os videogames. Acredita que um dia conseguirá jogar todos os games da sua coleção.

Compartilhar
  • brenopeck

    Se a MS já tivesse se comprometido com o marketplace no Brasil como ela se compromete no varejo com o XBox 360, possivelmente eu não estaria nem um pouco interessado em uma Apple TV e talvez até cogitasse migrar pro WP7 (que é sensacional).

    O problema é que uma vez que você investe num ecossistema, mudar de plataforma significa perder dinheiro.