Linus anuncia versão estável do Linux 3.0

Para celebrar os 20 anos do Linux, no final de maio Linus Torvalds, o pai da criança, anunciou que a próxima versão do kernel seria a 3.0. Motivo? Só a celebração mesmo já que, de features novas que a “versão arredondada” poderia dar a entender que traria, não há muita coisa.

Na ocasião, escreveu ele numa lista de discussão do sistema:

“Então, quais as grandes mudanças?

NADA. Absolutamente nada. Claro, teremos as usuais mudanças em 2/3 dos drivers e um punhado de correções de bugs, mas o ponto da questão é que a [versão] 3.0 é *só* uma renumeração, não estamos fazendo um KDE-4 ou um GNOME-3 aqui. Nada de quebras, nenhum receio especial sobre novos recursos, nada parecido com isso. Estamos fazendo lançamentos baseados em datas há muitos anos, não tem nada a ver com recursos. Se você quer uma desculpa para a renumeração, deveria mesmo atentar para a da data (“20 anos”).”

Anúncio da versão estável do Linux 3.0.

Pelo Google+, Torvalds anunciou que o Linux 3.0 chegou ao estado de estável após um pequeno atraso de uma semana em relação à data original.

Apesar do tom displicente, existem sim algumas novidades dignas de nota, como suporte ao Kinect (da Microsoft), suporte ao CleanCache, melhorias em drivers abertos de equipamentos AMD (Radeon), Intel e Nouveau, suporte básico para a arquitetura Ivy Bridge, da Intel, além da remoção de recursos em desuso, como o formato de arquivos Reiser4.

Espera-se que as grandes atualizações das principais distros Linux, como Ubuntu, passem a utilizar o Linux 3.0 já nas próximas atualizações — no caso da distro da Canonical, na versão 11.10.

Via OMG! Ubuntu!

Relacionados: , , , ,

Autor: Rodrigo Ghedin

Blogger, bacharel em Direito e acadêmico de Sistemas de Informação.

Compartilhar

Aproveite nossos cupons de desconto:

Cupom de desconto Asus, Cupom de desconto Frio Peças, Cupom de desconto Mundo da Carabina, Cupom de desconto JBL, Cupom de desconto Costa Cruzeiros, Cupom de desconto Loja do Mecânico, Cupom de desconto Staples