Games
Games
Digital Drops Blog de Brinquedo

Mirror’s Edge 2 ainda não foi descartado pela EA

Por em 5 de março de 2011
emMiscelâneas relacionados  
Mais textos de:

Site | Twitter
  • http://frankcastiglione.wordpress.com/ FrankCastle

    Apesar de amar o primeiro jogo, não consigo imaginar uma continuação. Assim como não conseguia enxergar uma continuação para Portal. Em ambos os casos, vamos ver se sai coisa boa.

    No mais, gostei de jogar a versão de Mirror’s Edge para Ipod Touch / Iphone. Bem simples, mas muito legalzinho. Consegui pegar ele de graça na App Store, depois ficou um tempo por US$ 0.99. Está por US$ 4.99 agora, mas se pintar alguma promoção, recomendo!

  • http://nada-aqui.posterous.com Marcio Neves

    Há uma luz no fim do túnel. Oremos :D

  • nemorendil

    A notícia me deixa bastante feliz, quando dizem que estão buscando uma solução para o jogo. Mesmo com o baixo rendimento nas lojas, é sempre legal ver uma produtora reconhecendo que tem uma propriedade interessante na mão, mas que talvez a aplicação das idéias no game não tenha sido a melhor possível (ao menos no que tange a atingir o público).
    Seria uma solução interessante para uma porrada de novas franquias, muito interessantes, mas que foram praticamente enterradas no primeiro jogo, por falta de adequação ao mercado (só para citar: Enslaved, Vanquish, Darksiders…)

  • LoonySilva

    Às vezes a luz no fim do túnel é o trem. Golden Axe remake, jogos do Sonic…

  • hEaD_cRaB

    Q: “O que precisamos fazer para que a sequência seja um sucesso?”
    A: Colocar um protagonista machâo com varias armas :)
    Falando serio, sempre achei que esse jogo tinha um estilo meio valve , talvez se tivesse sido feito por ela não estaria prestes a ser jogado lixo pq o publisher acha que qualquer franquia precisa vender horrores pra existir.

  • FPViper

    Concordo hEaD_cRaB, Portal não deveria ter vendido o que vendeu… foi a proficiência da Valve em experiência do usuário que fez ele chegar nesse ponto. Não adianta o jogo ser muito legal e muito bonito…
    Tem de ter adicionais… assim como foi o sarcasmo da Glados e todo os comentários dispersos no jogo, a música dos créditos (que devem ter sido os créditos mais revistos inteiros no mundo dos jogos) e o fator fun…

    Mirror’s Edge… foi um jogo todo Straight Foward… De adicional, só as malinhas pra pegar… O fator replay é fraco. Então basicamente é só a dificuldade de se andar pelo cenário e de fugir/matar os inimigos.

    Não digo que não me diverti… mas não consigo jogar denovo… logo o usado é revendido e a EA fica puta mais uma vz pq não previu isso… Ah vá