Motorola Xoom: mais rumores, Honeycomb "puro" e preço salgado

Xoom, primeiro tablet com Honeycomb.

Motorola Xoom.

O início das vendas do Motorola Xoom, supostamente no dia 17 de fevereiro, vem sendo antecedido de um bom número de rumores. O primeiro deles diz respeito ao preço do tablet, que poderá ficar em torno de US$ 700, segundo o Engadget. Outras fontes levantaram que o preço poderia chegar a US$ 800 na Verizon. A própria data para o início das vendas é fruto de especulação.

O Xoom certamente é um produto interessante, que traz configurações de hardware muito robustas e é primeiro tablet anunciado com o Android 3.0 “Honeycomb”, nova versão do sistema operacional da Google pensada especialmente para esse form factor.

O sistema operacional também não ficou livre dos rumores, que giraram em torno da inclusão ou não do MOTOBLUR, a customização da Motorola sobre o Android. O que há de mais recente sobre esse detalhe é a última declaração da Motorola, divulgada pelo Techradar, segundo a qual o tablet virá efetivamente com o Android puro, portanto, sem MOTOBLUR.

Ainda de acordo com o TechRadar, os desenvolvedores da empresa trabalharam juntamente com o time da Google para que o Honeycomb pudesse se adequar da melhor maneira possível ao tablet e não há motivos para inclusão do MOTOBLUR. Essa notícia soa como um grande alívio para aqueles que pretendem adquirir o tablet e não são assim tão “fãs” das customizações da Motorola.

Tive a oportunidade de usar, por algum tempo, um dispositivo com o MOTOBLUR e compreendo perfeitamente as ressalvas feitas sobre ele por muitos usuários. Trata-se de uma customização muito invasiva, que não altera o Android apenas em nível de launcher/interface, mas que inclui também mudanças profundas até mesmo na maneira  como o sistema salva online informações de contatos. A agenda e o livro de contatos do Android foram feitos para funcionar em sincronia com o Gmail e tudo funciona perfeitamente assim. Não há motivos para que os fabricantes designem um banco de dados alternativo para o armazenamento dessas informações. Pior ainda quando o sistema alternativo sofre com uma grande multiplicidade de bugs que apenas infernizam a vida do usuário.

Dessa  maneira, acredito que a ausência do MOTOBLUR é uma ótima notícia para qualquer um que esteja disposto a investir uma boa grana no Xoom.

Relacionados: , , , , ,

Autor: Ticiano Sampaio

Formado em direito, especialista em direito constitucional, curioso compulsivo por tópicos de ciência e tecnologia, geek desde os tempos do MSX.

Compartilhar
  • m4rcos

    US$ 800 ?
    Próximo…

  • O produto da Apple é mais barato que os concorrentes… alguma coisa está errada, muuuito errada.

    Melhor juntar água, comida e munição de grosso calibre (sem esquecer da arma!) e esperar pelo apocalipse zumbi.

    • Ticiano Sampaio

      @livio, Realmente… a Apple é que sempre foi tida como careira. Quando o assunto é tablet, ela tá dando lição.

      No dia em que eu me convencer de que preciso ou de que desejo um tablet, talvez seja o dia em que eu irei dar uma chance ao iOS.

      Para mim seria muito interessante, inclusive. Renderia muito mais assunto para postagens. Quem sabe… Uma só um primeiro motivo surgindo: 1- ter mais assunto para blogar. 😀

  • Andei brincando muito com um iPad e hoje fiz um pequeno test drive num Galaxy Tab.
    SInceramente o Galaxy não deve em nada para o iPad.

    Deste contato cheguei a duas simples conclusões:

    1. Não preciso de um tablet
    2. quero um tablet

    • rafah

      @HeryckDM, Inventaram uma solução pra um problema que não existia?rs
      Eu acho que o preço mais caro do Xoom se deve ao hardware. Parece que o iPad já está ficando defasado. Mas o principal do iPad é o software.

      • omine

        @rafah, exatamente o que iria comentar

  • anedox

    Repetindo o que já disse:
    Não compre nada da 1ª versão e nisso ficam o iPad (tela ruim, não tem càmara, não admite software que não seja um app) e o Xoom (mesmo com Android 3).

  • cmbotelho

    Concordo com voce sobre a questão de ser o primeiro a comprar um novo produto, ainda mais se tratando do primeiro Tablet com o novo sistema Android. Em relação ao IPAD eu arrisquei e comprei. Sim, a tela dele chega a ser decepcionante no PRIMEIRO momento pra quem está acostumado com a tela do Iphone 4, mas é um produto fantástico, vale a pena a compra.

    Pra quem tem dúvida entre mundo Android ou IOS, opinião rápida:
    IOS!

    Apple Store é infinitamente maior que o Market da Google;
    Apps nacionais são desenvolvidos para IOS, depois, algum dia, pra google ??
    A sensibilidade da tela dos IOS é insuperável. e NÃO, nenhum Android tem a mesma resposta que os IOS.

    Minha lista de gadgets: Iphone 4 / Ipad / Samsung Galaxy S / HTC G1

    • gugaime

      @cmbotelho, Eu tenho um iphone e um nexus, sinceramente não vejo diferença na sensibilidade da tela. Em termos de market pra mim não faz diferença, uma tem 99 milhoes de app ( 0,5% presta ) e a outra 50 milhoes ( e 0,7% presta )….nao faz diferença pra mim.
      As diferenças pra mim é que as app nacionais sao feitas principalmente pra iOS ( ponto pro iOS ) e que eu já perdi a paciencia com o mundo apple, esse negocio de sincronizar com itunes, nao transferir arquivos…. por isso o nexus ( ponto pro android.
      No final das contas pra mim é quase tudo a mesma coisa.

      • rafael.lage

        @gugaime, 0,5% de 99 milhões é muito mais que 0,7% de 50 milhões, seu argumento não foi legal. Cara, você está é com preconceito de IOS, ou você está com um iphone (1ª versão) ou você realmente não soube explicar direito seus motivos por não gostar de um IOS. Já tive contato com vários celulares touch, a sensibilidade das telas dos produtos Apple é inigualável.

        • @rafael.lage, Eu não consigo entender oque é essa “sensibilidade inigualável” que várias pessoas falam que o iOS tem.
          Tenho um iOS 4 e um Android 2.1 e não vejo a menor diferença.

          Sobre as apps, não tem o que dizer, o android não tem jogo.
          Mas como eu quase não jogo e não uso nenhuma app nacional, não vejo diferença entre os apps de android e iOS. Praticamente tudo que um tem, o outro também tem.

          Enquanto que a apple incomoda com as regras do iTunes, o google incomoda com outros problemas do android.

          No fim, tá tudo equilibrado. Cabe a cada um decidir quais problemas pode tolerar e quais recursos não pode deixar de ter.

      • cmbotelho

        @gugaime, Sim, a Apple peca em fechar demais o sistema, com itunes e tal mas as coisas simplesmente funcionam.

        Em relação aos apps, mesmo os games que tem para o IOS e Android, o IOS da show. Ex: Angry Birds, no galaxy fica um @#$%¨%

  • anedox

    Eu tenho um iPod Touch e fico impressionado até hoje. A tela é super sensível e a definição Retina só vendo para acreditar. A mim pouco se me dá se é iOS ou outro sistema qualquer. Tirando fora o baixar filme etc., o fato é que clicando no mesmo link eu vejo o filme. Por exemplo, se pegar o app da Deutche Welle (grátis) vai poder ver os clips em HD assim como a TV ao vivo numa qualidade impressionante.
    Depois de tanto elogio, a Apple deveria me premiar.

  • Ticiano Sampaio

    Acho que é uma questão de perfil de usuário. Eu gosto mais do Android, nunca suportei a idéia de ter que passar pelo iTunes para tudo o que eu quisesse fazer num dispositivo, por exemplo. Apesar de que existem maneiras de contornar isso, mas mesmo assim.

    Se eu quero levar um vídeo para ver por aí, eu puxo o MKV de uma pasta compartilhada na minha rede diretamente pra memória interna do Galaxy S e vou embora com meu vídeo. Sem passar por qualquer conversão de formato ou de container e sem usar qualquer gerenciador. Eu gosto muito disso.

    Ademais, me amarro em customização. A Samsung já liberou ROM com o Froyo 2.2.1 para o meu modelo, o i9000, numa versão bastante amadurecida e otimizada que é fantástica do jeito que vem… quando instalei, jurei que ia largar essa mania de custom ROMs, mas não durou muito.

    Hoje uso uma ROM que é praticamente feita por mim, escolhendo um kernel daqui, um modem dali, umas customizações de interface “dacolá”… e por aí vai. Eu curto mesmo a coisa de customizar. Mesmo quando tudo parece perfeito, eu gosto da possibilidade de, quando quiser, mudar.

    Depois dessa ROM que eu montei aqui estou bem mais quieto. Vez por outra atualizo a versão do kernel, mas nada muito profundo.

    Eu tenho amigos que dizem “ah… mas o iPhone já vem funcionando perfeito e você não precisa disso”… a questão é que eu curto a coisa mesmo quando não preciso. 😉 Alguns usuários de iPhone, se tivessem para os seus aparelhos um suporte independente como o Android recebe no XDA Developers, talvez passassem a curtir, outros não.

    Eu recomendo iPhone para usuário não-geek que quer investir de verdade num smartphone caro. Recomendo Android para usuários não-geeks que buscam modelos de entrada, porque não existe iPhone de entrada, mas tem um perfil de usuário que, quando vem falar comigo, eu aconselho Android e aconselho dar uma olhada, antes, de o modelo pretendido recebe um bom suporte no XDA Developers. É uma questão de reconhecer o tipo de usuário que certamente vai curtir essa coisa de deixar o SO com a cara dele.

    • @Ticiano Sampaio, Eu tenho vontade de fazer isso com o meu, mas não sei nem por onde começar.
      Muito antes do iPhone e android surgirem, eu cheguei a fazer modificações em um dumb-phone que tinha, modificando completamente o menu do sistema. Era legal 🙂

  • Shokewave

    Que droga, eu tava confiando no Xoom pra derrubar o Ipad, mas com esse preço ai eh derrota na certa? Tem nem o que discutir.

  • antoniogu

    Hoje ainda é cedo para comparar o iPad com seu concorrentes, já que o iPad 1G dominou o ano de 2010 e esta no fim de seu ciclo, os concorrentes que surgirem tem que se preocupar com o iPad 2G , tirar vantagem do iPad 1G não tem mérito nenhum é obrigação

    • Shokewave

      @antoniogu, Correto. E quando estes tablets forem lançados, o Ipad 2 ja vai ta no mercado. A Apple realmente fez a diferença com seu pioneirismo, essa que eh a verdade.