Comércio de jogos ofensivos poderá ser crime

Há pouco saiu no site do Senado uma notícia dizendo que foi aprovado um projeto de autoria do senador Valdir Raupp (PMDB-RO) que classifica como crime distribuir, fabricar ou importar jogos ofensivos.

Desta forma, quem adquirir um título que vá contra “os costumes e às tradições dos povos, aos seus cultos, credos, religiões e símbolos“, estará cometendo um crime equivalente ao de preconceito, podendo cumprir pena de um a três anos de reclusão.

Segundo o relator Valter Pereira (PMDB-MS), “alguns jogos têm passado de brincadeiras de mau gosto, sendo arsenal de propaganda e doutrinação contra determinadas culturas, não sendo possível confundir liberdade de expressão dos jogos com culto à anarquia, desrespeito à imagem e honra das pessoas e aos cultos com suas liturgias.”

Fico me perguntando quem decidirá se o jogo que importei, por exemplo, é ofensivo (e a quem?) e juro que tentei encontrar palavras decentes para dizer o que penso, mas não consegui, então deixo os comentários para vocês, mas veja lá o que vai dizer, hein?

dori_pre_01,12,09

[via Twitter da Suzana Bueno]

Autor: Dori Prata

Pai em tempo integral do pequeno Nicolas, enquanto se divide escrevendo para o Meio Bit Games, Techtudo e Vida de Gamer, tenta encontrar um tempinho para aproveitar algumas das suas paixões, os filmes, os quadrinhos, o futebol e os videogames. Acredita que um dia conseguirá jogar todos os games da sua coleção.

Compartilhar

Aproveite nossos cupons de desconto:

Cupom de desconto Asus, Cupom de desconto Frio Peças, Cupom de desconto Mundo da Carabina, Cupom de desconto JBL, Cupom de desconto Costa Cruzeiros, Cupom de desconto Loja do Mecânico, Cupom de desconto Staples