Snapdragon 670 suportará especificações de ponta em smartphones intermediários premium

qualcomm-snapdragon-8

A Qualcomm está determinada a permitir que os smartphones intermediários de 2018 sejam tão poderosos quanto os top de linha de 2017: vazaram as primeiras especificações do Snapdragon 670, seu próximo SoC para modelos mid-high e suas capacidades são impressionantes, dando suporte a telas Quad HD, mais memória RAM e câmeras mais potentes.

O primeiro a compartilhar as informações acerca do novo chip de meio-termo da Qualcomm, destinado a suceder o Snapdragon 660 foi o blogueiro e YouTuber alemão Roland Quandt, que assim como nosso velho conhecido Evan “evleaks” Blass costuma soltar informes precisos, provavelmente por ter contatos privilegiados junto aos fabricantes. O que surpreendeu todo mundo foi a possibilidade da Qualcomm ter chutado bastante alto com um SoC voltado para aparelhos que não são premium, visto que a plataforma SDM670 trará suporte a displays com resolução Quad HD (2560 × 1440 pixels), de 4 a 6 GB de RAM LPDDR4X, 64 GB de armazenamento via memórias Flash eMMC 5.1 e câmeras de até 22,6 megapixels (principal) e 13 MP (selfie).

Em suma, há o potencial de vermos monstrinhos de bolso (não Pokémons) bastante potentes no mercado a partir de 2018 com preços convidativos. Sabe-se que ele será um hexa-core com dois núcleos Kryo 360 de alto desempenho e quatro de melhor eficiência e segundo rumores, será fabricado seguindo o novo processo de litografia de 10 nanômetros da Samsung.

Vale lembrar que o Snapdragon 670 chega para substituir o chip embarcado no suposto sucessor do BlackBerry KEYone, no Mi Note 3 e nas versões mais potentes do ZenFone 4, e suas características o posicionaram como um Snapdragon 835 de entrada; logo teremos a mesma relação entre o novo chip e o poderoso Snapdragon 845, que deverá equipar os principais Androids de ponta em 2018, como o LG G7 (contamos com isso) e versões dos Galaxies S9 e Note9; este inclusive suportará telas com resolução 4K.

Claro que é preciso ir devagar com o andor: não há garantias de que os fabricantes farão uso de tais componentes em modelos mais modestos, mesmo adotando o Snapdragon 670 e caso o façam, as chances destes smartphones acabarem chegando mais caros às lojas são grandes (acredito neste como o cenário mais provável); ainda assim é bom saber que temos a chance de ver os modelos mais modestos cada vez mais potentes, algo muito longe da performance pífia dos dispositivos mais modestos de outrora.

Relacionados: , , , , , , , , , , , ,

Autor: Ronaldo Gogoni

Um cara normal até segunda ordem. Além do MeioBit dou meus pitacos eventuais como podcaster do #Scicast, no Portal Deviante.

Compartilhar
  • Anayran Pinheiro

    Existe algum chipset 6xx melhor que os velhos 80x? Estou doido para trocar meu Z3 mas não consigo achar algum telefone com o mesmo tamanho e potência, e os que vejo eu desconfio. =|

    • Olha, eu saí de um 808 e fui pra um 625 e vi uma notável diferença!

      • LV

        O 808 eh ainda ligeiramente melhor que o 625.
        Em aplicações de multicores bem feitas e sem muita exigências de GPU o 625 pode até ganhar
        A grande Vantagem do 625 eh o consumo frente ao 808. Deve consumir metade da energia e entregar 90% do desempenho

  • Vin Diesel

    Ronaldo, não rola uma matéria sobre esse Android One que está vindo no Xiaomi Mi A1?

    • Inclusive, já pegando o gancho, verificar o pq da demora para atualização do 8.0. Vi relatos no XDA que seria somente em Fevereiro de 2018!!!

      • João Ribeiro

        já tem uma galera recebendo

        • stable?

          • João Ribeiro

            acredito que sim

          • Acredita? Kd a fonte disso?

          • João Ribeiro

            sei n, só vi no grupo, procura ai

    • João Ribeiro

      po, é igual qualquer nexus, tirando o app da camera que é da xiaomi e tem um péssimo processamento de imagem, caindo bastante a qualidade das fotos, da para resolver fazendo root e instalando a API do google e colocando o app do pixel 2

      • Vin Diesel

        quanto ao sistema em si eu sei João, o que gostaria de uma boa materia é sobre o futuro desse one, ele poderia nivelar os aparelhos de baixo e medio custo para melhorar essa questão de fragmentação? quais outras empresas estão de olho? quem já vai soltar essa versão nos proximos smarts? Enfim, tudo que conseguir sobre.

        • João Ribeiro

          saquei, por enquanto acho que as únicas empresas de peso no mercado que aderiram foram a xiaomi e a motorola com o moto x4, além disso n sei muito

  • Jairo 😎🍺

    Bela evolução , vamos aguardar o que vem por aí

  • Rodolfo

    Smartphones com processador 660 lançados aqui:
    Sony Xperia Z2………………………..R$ 2.299,00
    Asus Zenfone 4 (6GB RAM)………R$ 2.599,00

  • Thiago

    Justificativa para QuadHD: VR. Os intermediários de 2018 não poderão ficar fora dessa nova moda

  • Mirai Densetsu

    Ronaldo, tem um erro no primeiro parágrafo.

    Onde diz “A Snapdragon está determinada a permitir que (…)” devia estar escrito “A Qualcomm está determinada a permitir que (…)”. Snapdragon não é uma empresa, mas sim uma linha de produtos da Qualcomm, essa sim uma empresa.

  • Joao Holanda

    Que se foda suporte a tela 4k, câmera melhor e mais memória RAM, a gente quer mesmo é um espertofone que fique dois dias ou mais fora da tomada eu já possuo um, mas já não tá aguentando o tranco

  • Wall_Kinho

    Espero que já role dos próximos Xperias conter uma belezinha dessas e chegar aqui mais em conta.

Aproveite nossos cupons de desconto:

Cupom de desconto Asus, Cupom de desconto Frio Peças, Cupom de desconto Mundo da Carabina, Cupom de desconto JBL, Cupom de desconto Costa Cruzeiros, Cupom de desconto Loja do Mecânico, Cupom de desconto Staples