Lord British e o perdão a um jovem pirateiro

ultima-6

E já que estamos no natal, não custa nada aproveitarmos esta data especial para contarmos mais uma bela história (aqui e aqui) envolvendo gamers e pessoas ligadas a indústria.

Tudo começou quando há vários anos um garoto foi a uma locadora e saiu da loja com o Ultima VI: The False Prophet para computador. Após se divertir com o RPG por alguns dias, ele precisou devolver a cópia, mas não sem cometer um pequeno deslize. Confira o que Joshua Dudley publicou na sua conta no Twitter:

@RichardGarriott, você me perdoará por não ter pago o preço cheio pelo Ultima VI? Eu tinha 13 anos e minha mesada de US$ 3 por semana não me permitia ir tão longe.

Resumidamente, o que o moleque fez foi não desinstalar o jogo do seu computador, tendo conseguido continuar jogando sabe-se lá por quanto tempo sem ter precisado comprar o título. Lançado lá em 1990, vale citar que na época não tínhamos sistemas de DRM tão rígidos quanto hoje (e nem o termo pirataria).

Apesar de ter sido marcado na rede social, Richard “Lord British” Garriott poderia muito bem ter simplesmente ignorado o singelo pedido do rapaz, mas ele preferiu encarnar o personagem e respondeu da seguinte forma:

Lord Dudley. Estou profundamente emocionado, aprecio sua nota enviada a mim e o absolvo totalmente de qualquer dívida ou culpa! Suas gentis palavras são mais do que o suficiente. Espero que você tenha passado um tempo em Britannia. É uma boa terra, com pessoas maravilhosas. Junte-se a nós!

Tudo bem, após ter se passado tantos anos do ocorrido, o game designer teria que ser um tremendo babaca se resolvesse criar caso por causa disso. Mas ainda assim acho bacana o gamer ter contado sua história e Garriott ter levado tudo na brincadeira.

Eu até poderia sugerir que como forma de agradecimento o ideal seria fazermos um mutirão para comprar o Ultima VI lá no GOG, sendo que ainda levaríamos o quarto e o quinto capítulo da série como brinde. No entanto, como hoje a franquia pertence à Electronic Arts, desconfio que a sugestão não seria bem aceita.

Portanto, talvez o melhor seja mesmo indicar o Shroud of the Avatar: Forsaken Virtues, título desenvolvido por Richard Garriott e que é apontado como um sucessor espiritual do Ultima Online. Saiba apenas que ele ainda se encontra como em Acesso Antecipado e as avaliações não são das melhores.

Relacionados: , , ,

Autor: Dori Prata

Pai em tempo integral do pequeno Nicolas, enquanto se divide escrevendo para o Meio Bit Games, Techtudo e Vida de Gamer, tenta encontrar um tempinho para aproveitar algumas das suas paixões, os filmes, os quadrinhos, o futebol e os videogames. Acredita que um dia conseguirá jogar todos os games da sua coleção.

Compartilhar
  • Bruno do Acre – (Etevaldo)

    Feliz natal!!!

  • Luiz

    E o cara é o proprio publisher atravez do Steam?
    nenhum $ vai para a EA ? comprado !

  • Leonan

    Quanto as criticas pelo que vi é culpa dos próprios jogadores, o jogo ta em pré-alpha e galera quer um jogo sem bugs.

  • Maom

    Ultima Online!!!! Nada mais sublime que citar UO no dia que comemoramos a chegada do Messias ou seria a chegada do papai Noel, não lembro. UO é mais nobre, puro, salvador e mágico que os dois personagens místicos citados. Feliz solstício de verão a todos do lado de baixo.

  • Marcelo Eiras

    Mais uma franquia que a EA matou =(

  • Meganegão

    Putz. Se eu for pedir desculpas por isso tem que ser uma lista. Só não é maior porque tinha muito disquete vagabundo. Arj na veia.

    • Rafael Rodrigues

      Pesadelos com o CRC error no trigésimo quinto disquete…

  • Belkar

    Estou me redimindo, comprando agora jogos que havia jogado (muitos) anos atrás. Semana retrasada comprei Ultimate DOOM e DOOM 2, entre outros, nas promoções do steam. Será Gabe Newell o novo messias, que está livrando os pecados do mundo?

    • Badbass55

      aahahhahah nem tava na vibe de pecados, mas também fiz minha parte, comprando vários clássicos, que hoje estão ao meu alcance ahhaahh

    • Guilherme Machado

      Ele está no meio de nós.

  • Diogo

    Queria saber qual seria a reação se Phil Fish tivesse recebido uma mensagem dessas…

  • VitorCruz

    Richard Garriott? (O verdadeiro Lord British)? Não jogue seu dinheiro na EA (apesar dos jogos da série ultima valerem o pecado). Aposte e incentive ele comprando Shroud of the Avatar: Forsaken Virtues.

    Depois do racha entre Richard e a EA, ele saiu e fez o Shroud of the Avatar. MMO decente em 3D criado nas mesmas fundações do Ultima online. Não é perfeito, mas a comunidade de roleplayers e fãs é algo que dá gosto de ver. Eles são bem unidos e vestem a camisa. E o Richard e os outros developers tem tido uma postura mais humana com os jogadores

    • “Eu até poderia sugerir que como forma de agradecimento o ideal seria fazermos um mutirão para comprar o Ultima VI lá no GOG, sendo que ainda levaríamos o quarto e o quinto capítulo da série como brinde. No entanto, como hoje a franquia pertence à Electronic Arts, desconfio que a sugestão não seria bem aceita.

      Portanto, talvez o melhor seja mesmo indicar o Shroud of the Avatar: Forsaken Virtues, título desenvolvido por Richard Garriott e que é apontado como um sucessor espiritual do Ultima Online. Saiba apenas que ele ainda se encontra como em Acesso Antecipado e as avaliações não são das melhores.”

  • Christiano Nascimento Amorim

    Não é muito saudável o tanto de atrizes de filmes adultos que eu teria que enviar desculpas.

  • elliot

    SDS Ultima Online

    e `Shroud of the Avatar: Forsaken Virtues` esta longe de ser sucessor espiritual. o jogo esta a quase uma decada em versao `beta`. comprei no inicio e de la para ca pouca coisa mudou =/

Aproveite nossos cupons de desconto:

Cupom de desconto Asus, Cupom de desconto Frio Peças, Cupom de desconto Mundo da Carabina, Cupom de desconto JBL, Cupom de desconto Costa Cruzeiros, Cupom de desconto Loja do Mecânico, Cupom de desconto Staples