CEO explica por que o Razer Phone não possui entrada para fone de ouvido

O Razer Phone, o “smartphone gamer” da fabricante de dispositivos e acessórios voltados para Glorious PC Gamer Master Race é um aparelho de ponta com especificações poderosas, decisões de design curiosas para agradar seu público cativo e um preço agressivo, considerando o cenário atual com iPhones e Androids chegando a mil dólares ou quase isso.

Só que nem tudo é festa, e os potenciais consumidores estão criticando duramente a decisão de remover o conector P2 para fone de ouvido.

Se considerarmos a razão de ser do Razer Phone, que é um smartphone voltado para o cliente cativo da Razer que não abre mão de qualidade extrema na hora de jogar soa como um contra-senso não oferecer a entrada legada para seus poderosos fones que já fabrica, e qualquer gamer sabe muito bem que a fidelidade de som e delay presente em fones Bluetooth os tornam a pior solução possível para quem jogar com o máximo de imersão sonora. Isso posto porque diabos a companhia, que utilizou a tecnologia do Nextbit Robin (que possuía a entrada) faria tal qual Apple e Google? Seria um movimento para seguir a tendência dos rivais ou de grandes fabricantes como a Intel, que aposta no USB-C como a conexão do futuro para todas as situações?

Não necessariamente, segundo o CEO da Razer Min-Liang Tan.

I see a lot of feedback on the removal of the headphone jack on the Razer Phone – and I wanted to share some of the…

Posted by Min-Liang Tan on Sunday, November 26, 2017

Em uma postagem no Facebook o executivo esclareceu que a decisão de matar o conector P2 se deu única e exclusivamente por questões técnicas, em especial para liberar espaço interno de modo a acrescentar mais 500 mAh à bateria; esta acabou com consideráveis 4.000 mAh e se observarmos concorrente que prezam por um design mais fino, a declaração faz sentido. Tan acrescentou que a remoção da conexão também serviu para melhorar a dissipação de calor dentro do Razer Phone, mas não explicou como isso funciona.

Isso posto, de modo a garantir ainda uma qualidade de som à altura da performance dos fones de ouvido que a Razer fabrica o CEO lembrou da decisão de incluir um adaptador P2/USB-C como a maioria dos fabricantes que adotam tal estratégia fazem, porém com detalhe: cada dongle é equipado com um DAC de 24 bits certificado pela THX, assim qualquer saída de som conectada fisicamente fará uso do conversor.

De qualquer forma a desculpa não colou: muitas respostas na postagem original acusam Tan de estar mentindo, simplesmente para mascarar o pouco comprometimento com o design de modo a acomodar uma bateria maior e o plugue, ainda que isso o deixasse mais gordo e pesado. Sobre isso o executivo jogou (com certa razão) a carta do “nunca satisfeitos” ao dizer que a reclamação passaria a ser “o Razer Phone é pesado”.

Claro que não dá para agradar todo mundo, e há a preocupação acerca da durabilidade do dongle por ser mais uma peça móvel, contrariando as Leis de Clarke ao adicionar mais um elemento para dar defeito mas apesar disso, o Razer Phone ainda é um senhor smartphone mesmo para quem não é gamer. Se vai emplacar são outros quinhentos.

Relacionados: , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Autor: Ronaldo Gogoni

Um cara normal até segunda ordem. Além do MeioBit dou meus pitacos eventuais como podcaster do #Scicast, no Portal Deviante.

Compartilhar
  • Não quer tijolo, não compre.

    A declaração sobre “o cliente nunca estar satisfeito” é verdade, sempre achamos pêlo em ovo… mas visto o hardware (ahhh… não vivo mais sem bateria menor que 4000mAh) e as vantagens que ele teoricamente fornece, não me incomoda ter um dongle filhodaputa pendurado no USB….

    • Alvaro Carneiro

      amperagem de bateria não quer dizer nada, se o aparelho não souber gerenciar a energia, já era.

      • Bruno Renostro

        me dói os olhos ler amperagem…use capacidade, nao faça um eng eletricista sofrer hehe

        edit:ler não ouvir kkk

        • O pior que já ouvi foi “miliamperagem”, quase bati no cidadão. “Ué, se é miliampere é miliamperagem”

          • Dá pra derivar essa conversa pra KVA, ou “quilovoltamperagem”, hahahaha

          • “quilovoltagemamperagem”… ta bom, vamos parar que eu to começando a ter uns treco kkkkkk

      • Mas faz diferença num monstro gastador….

        • Guilherme

          Ainda mais para jogos.

  • Yskar

    Acho imbecil eliminarem a entrada P2, mas pelo andar da carruagem o melhor vai ser comprar um receiver bluetooth para plugar os fones de ouvido, por que nem a caraio vou gastar um USB do meu desktop para plugar um dongle bluetooth.
    Ai ai, mais um troço para carregar as baterias…

    • Essa onda de eliminar o P2 é pra vender os caros fones bluetooth.

      • Yskar

        Com certeza, fora que bons fones analógicos são bem mais baratos que bons fones bluetooth.
        Tenho é de procurar um receptor bluetooth com plug P2 e encomendar uma vez.

  • Alvaro Carneiro

    – “CEO explica por que o Razer Phone não possui entrada para fone de ouvido”

    porque é algo impossível.

    existe entrada para microfone e saída para fone de ouvido.

    o áudio sai do aparelho para o fone de ouvido.

    poderia ter sim uma saída para fone de ouvido.

    • Diego

      O fone de ouvido entra, o que sai é o sinal de áudio.

    • Oberaldo Gilmentoo

      Leia-se: “entrada para o plug do fone de ouvido”
      Que chatice, larga de ser “pelinha”. V. entendeu muito bem. 😉
      Todo mundo comete esse tipo de erro, a ponto de serem só os malas percebem.
      V. também reclama quando usam os termos “bateria” e “pilha” incorretamente?

  • Vin Diesel

    hoje é o dia que estão todos explicando?

  • Felipe Lino

    Eu acho burrice já que os possíveis compradores desses produtos são gamers que adoram fones Hig end, todos na sua maioria P2.

  • tryedge

    Fone de ouvido USB-C existe gente! Não sei para que tanto ódio no coração para com uma entrada, a Apple faz isso e não vejo ninguém reclamar. sinceramente, prefiro sem a entrada de fone.

    • Rodrigo M

      A Apple fez isso e muita gente reclamou.

      • tryedge

        teve aqueles mimimi no lançamento, mas os novos iphone 8 e X isso nem foi o foco da questão do aparelho. Agora é só piadas da quantidade de adaptadores que é preciso gastar com o aparelho kkkk
        Não li nenhum review atual que menciona isso como ponto negativo!

        • grande_dino_2

          Os pontos negativos que me parecem mais óbvios são o fato de que não dá pra recarregar a bateria enquanto se usa o fone de ouvido USB (a não ser que seja carregamento sem fio) e, caso se opte pelo bluetooth, o fato de que é mais um dispositivo com bateria pra se preocupar (o fone em si) e o suposto gasto extra de bateria no celular por ter que manter o BT ligado.
          Ah sim, e o fato de que o plug USB-C ser mais frágil do que o plug P2, além do que, se o usb-c for pro saco (o que pode acontecer mais fácilmente se você ficar plugando e desplugando com mais frequência, o que vai acontecer se você tiver fone USB), seu aparelho fica basicamente inútil, já que o plug P2 for pro saco, não.

          Eu, como não uso celular pra ouvir música, pouco me importo. Só quero aparelho mais em conta. 😛

          • tryedge

            Entendo seus pontos, mas a questão da durabilidade achei estranho, pelo que ouvi o USB-C possui uma durabilidade maior que da USB convencional, não que seja inquebrável, pois qualquer hardware dá problemas, já tive 2 celulares em que a conexão usb deu problema (entrada micro).
            Conectores P2 para mim nunca deu problema pois não usava constantemente, bem pouco para variar, porém também não são resistentes tanto.
            Mas o fato de não poder carregar e utilizar o fone ao mesmo tempo é problemático mesmo, sendo a solução bluetooth a mais viável.
            Mas eu possuo a convicção de que remover a entrada P2 dos celulares como um Upgrade, celulares com maior autonomia o bluetooth não seria um grande vilão, e carregamento sem fio também pode solucionar alguns problemas!

          • grande_dino_2

            Bom, o agravante da durabilidade é que você passa a usar uma entrada para duas (ou três) coisas (fone, carregamento e conexão para dados). Aumenta a frequência de uso, faz com que ele dê problema mais rápido.
            Claro, fone BT e carregamento sem fio diminui esse agravante ao reduzir o uso, mas daí são mais custos também.
            Enfim, eu mesmo não uso nada disso então não ligo, mas também não vejo como “avanços”, muito menos “necessários”.

          • The xD

            Então, tudo isso está sendo solução para resolver um problema que não existia antes. O momento do dia que eu mais uso os fones no celular coincide com o horário que ele está carregando. Opções mais comuns: fones bluetooth, são legais até o momento que você percebe que acabou a bateria. Se for usar fones normais é mais um adaptador no caminho, mais chances de dar algo errado.

            O plug P2 é um plug perfeito, é funcional, simples, é quase impossível colocá-lo de forma errada, qualquer coisa pode ter um plug desses, seja o rádio AM velho de décadas atrás até sistemas de áudio profissionais atuais.

    • Theuer

      Cara, tenho ao meu redor fones Sony Studio, Sure 215, Bose… Eu trabalho com cinema, mas muito usuário comum que se importa com um bom áudio tem algum desses ou alguns ótimos modelos acessíveis AKG, Senheiser…
      Sabe quando iremos comprar um algum beats ou porcaria similar com plug USB-C para substituir esses???

      Ps: Ainda por cima para usar só no celular!

  • Unfear

    Que saco ter que ficar explicando e dando resposta hehehe

  • Cristiano Borges Milhomem

    Aumentem a bateria, esse negócio de smart super fino é um desastre pra quem precisa de autonomia de battery (e virou tendência), tem problema nenhum o aparelho ser um pouco mais pesado ou não ser slim, ter uma bateria maior é um benefício que compensa qualquer dessas coisas.

  • Theuer

    Seria mais honesto se desculpar pelo vacilo®.

  • Tiago

    Design e papel de parede plagea…, “inspirados” na Sony.

  • arakawa

    As reclamações que eu tenho visto em comum dos reviewers é a tela LCD em vez de OLED e o motor de vibração fraco. Galera já se conformou que flagships não vem mais com conector p2.

  • Luiz Augusto

    Querendo copiar o iphone no design e no preço.

  • Ué, tenho iPhone com um BeatsX ( bluetooth ) e delay é zero ou imperceptível.

    Bluetooth 4.2 LE ai e os caras reclamando.

    Já joguei até fps por bluetooth no note. Só reclamam 😂😂😂🙌🏻🙌🏻🙌🏻

  • Julio Verner

    TODAS as montadoras então contrariam Clarke. Só DLC, só coisa a mais pra estragar. Fora o precinho de Tesla…

Aproveite nossos cupons de desconto:

Cupom de desconto Locaweb, Cupom de desconto HP, Cupom de desconto Descomplica, Cupom de desconto Nuuvem, Cupom de desconto CVC, Cupom de desconto Asus, Cupom de desconto World Tennis