TVs OLED: agora vai?

Para encurtar a história: não, não vai.

Marcellus_OLED_15_pol

TV AMOLED de 15 polegadas (Crédito: TechOn)

Há anos tenho uma Sony WEGA de 21″. Ótima imagem, ótimo som… mas usá-la para assistir “O Senhor dos Anéis” é, no mínimo, frustrante. Por muito tempo, repeti como um mantra aos amigos que compravam TVs de plasma ou LCD: “…bobagem… em poucos anos as TVs OLED estarão no mercado, a um preço muito competitivo, com qualidade de imagem incomparável e vocês terão que jogar fora as que comprarem hoje…”.

Um adendo: se você esteve em Marte nos últimos anos, não sabe que telas OLED (Organic Light-Emitting Diode) consomem pouco, são finíssimas e permitem um nível de contraste (a diferença de brilho entre o preto e o branco) elevadíssimo.

Como paciência tem limite, a minha se esgotou. Apesar de promissora, a tecnologia tem se mostrado mais complexa (de se produzir) que o esperado, para telas grandes (uma TV de 11’’ custando US$ 2.500,00; ? Não, obrigado).

oled-tv-vs-lcd-tv-8x6

Para piorar, a estimativa da indústria é que telas OLED só serão mais baratas que as de LCD daqui a uns sete anos! Nem os maias aguardariam tanto. Enquanto a data não chega, a LG planeja colocar à venda para o Natal deste ano um modelo de 15″, com resolução de 1366 × 768 pixels e brilho de 450 cd/m². Para 2011, a previsão é colocar à venda modelos de 30″, chegando às 40″ no ano seguinte. No entanto, as palavras do Vice-Presidente de Marketing, Won Kin alertam: “…painéis OLED de 40″ serão muito caros em 2012, mas os colocaremos no mercado…”.

Com a evolução das vendas e da tecnologia, em 2016 o custo de uma TV OLED deverá, finalmente, chegar ao patamar de uma TV LCD.

Entretanto, como já disse, minha paciência se esgotou. Com a tecnologia de “LED Backlight” da Samsung, as TVs de LCD chegaram a um nível de contraste/brilho/gama de cores muito bom, compensando o investimento. Só não confunda “OLED” com “LED Backlight” (ou simplesmente “LED”, que é como o Departamento de Marketing gosta de chamá-las): são TVs LCD, mas o que produz o brilho para a tela são diodos LED, que consomem menos energia que a tecnologia anterior (CCFL) e produzem uma luz mais branca.

Fonte: TechOn.

Autor: Marcellus Pereira

Compartilhar
  • DSousa

    Essas imagens comparativas da qualidade de imagem entra uma tecnologia e outra são sempre assim. A tecnologia imediatamente anterior sempre tem uma qualidade ridícula. Parece que foi filmada com uma Tekpix.

  • 1366 x 768 não é nem FullHD. Piada lançar algo assim hoje em dia.

    • criscmaia

      Vim para comentar exatamente isso, e acrescentar que notebooks com simplorias 15” ja tem fullHD.

       

      ah, e o link ” “, nao esta acessivel no momento, o cachorro comeu a pagina.

      • nem a pág da foto hospedada…

      • maiconfaria

        É ? E vocês acham que LG não sabe disso ? Provavelmente eles querem fazer testes de mercado.

        • Ou seja, mais uma vez confundem early adopter com beta tester. Fica difícil assim, viu 🙁 …

          []’s!

          • robson_franca

            Eu diria besta tester… 😛

            As telas OLED ainda vão demorar muuuito para chegar ao mercado com preços competitivos. Se até algumas empresas estão conseguindo “empurrar” o Plasma, até o mercado ficar saturado dos LCD’s tem muito chão pela frente.

             

            Abraços

             

          • 😉

            Em minha opinião, as TVs de plasma têm imagem muito melhor que as LCDs. 8)

            A vantagem do LCD para os fabricantes é a maior variedade de tamanhos, já que a densidade dos pixels no LCD é maior que na tecnologia plasma. Não por acaso, as menores, eu disse menores, telas de plasma têm diagonal por volta de um pouco menos que trinta polegadas. 27″, se não me engano. :O

            Telas de plasma menores que isso têm resolução muitíssimo baixa, inútil para muitos consumidores atuais.

            😛

          • criscmaia

            Sr. Laguna, voce esqueceu os links.

             

            😛

          • colision

            [quote=Max_Laguna]

            😉

            Em minha opinião, as TVs de plasma têm imagem muito melhor que as LCDs. 8)

            A vantagem do LCD para os fabricantes é a maior variedade de tamanhos, já que a densidade dos pixels no LCD é maior que na tecnologia plasma. Não por acaso, as menores, eu disse menores, telas de plasma têm diagonal por volta de um pouco menos que trinta polegadas. 27″, se não me engano. :O

            Telas de plasma menores que isso têm resolução muitíssimo baixa, inútil para muitos consumidores atuais.

            😛

            [/quote]

             

            De acordo.

            Depois de passar pela mesma situação do Marcellus, fui de plasma.

            Mais especificamente Samsung 50″ full HD.

            Maravilhosa.

  • Sukavog

    Como eu poso comprar a imagem de uma OLED e de um LCD se estou vendo as iamgens comarativas em um LCD?

    • Keyo

      Bom argumento.

       

      Essa foto comparativa me lembra aquela foto da microsoft no Flight Simulator X comparando DX9 com DX10 toda photoshopada.

    • EuTambem

      Hahaah, tabmém me faso eta pegnuta. Sem chance de eu comprar algo sem antes ver o produto funcionando ao vivo 😀 .

      Mas no meu caso, que vejo as imagens em um CRT (não-fósforo verde), será que tenho uma ideía mais próxima, ou continuo vendo apenas uma imagem photoshopada?

      [quote=Sukavog]Como eu poso comprar a imagem de uma OLED e de um LCD se estou vendo as iamgens comarativas em um LCD?[/quote]

    • Marcellus Pereira

      Captando as imagens com um dispositivo qualitativamente superior à melhor delas e ajustando até que a diferença (mostrada em qualquer tela) seja mais próxima da diferença vista a olho nu.

  • Eu gostaria de ver um comparativo entre as telas LED e OLED. Ambas são muito finas, melhores que LCD mas com a vantagem da LED já estar disponível no mercado com um preço competitivo.

    Aliás, aqui em Brasilia, na loja da Sony tem uma TV OLED de 11″ de demonstração: a qualidade da imagem é excepcional. Porém a olho nu não consegui ver diferença na imagem de uma LED…

    • Marcellus Pereira

      A grande diferença é a forma como a imagem é gerada.

      Nas telas de LCD, há uma fonte de luz externa (CCFL, parecida com as lâmpadas fluorescentes das casas e escritórios ou LEDs, como os que mostram a atividade do HD, só que brancos). Entre a fonte de luz e o espectador, há uma “camada” de um tipo de “gel”, que pode controlar quanto de luz passa por cada “pixel”, além de outra “camada” de um polarizador. Óbvio que estou sacrificando os detalhes em prol da simplicidade.

      Acontece que no mundo real, sempre “vaza” alguma luminosidade e é por isso que quando vemos uma imagem escura, o preto parece “cinza”. Isso varia com a tecnologia de construção e com técnicas de controle de intensidade do “backligh” (o chamado “Contraste Dinâmico”). Além disso, o polarizador absorve alguma radiação luminosa, por melhor que ele seja. Um ótimo tutorial (em português) pode ser visto aqui.

      Já as telas OLED não têm tantas “camadas” de material entre a fonte de luz e o espectador. Cada “pixel” é formado por um LED (“Diodo Emissor de Luz”, da sigla em inglês). Portanto, imagens escuras são realmente escuras, já que o LED estará desligado (e, portanto, não emitirá luz alguma). Daí a alta taxa de constraste e as cores mais “vivas”.

      • Certo, mas um LCD com LED backlight tem cores tão “vivas” quanto um OLED e custa BEM menos. OLED só será vantagem mesmo se trouxer tempos de resposta menores e um painel mais uniforme, que são os principais problemas do LCD.

        • Marcellus Pereira

          Eu achei as cores do OLED mais vivas e naturais, sem contar o nível de preto. Mas isso é subjetivo.

      • Marcellus,

        Muito obrigado pela explicação. Mas, ou entendi errado, ou no seu texto você quis dizer que essas TVs vendidas pela Samsung como LED são na verdade um “tipo de LCD”?

        A diferença entre a LCD da própria Samsung e a TV LED dela é facilmente visualizável, porém entre LED e OLED (da Sony) é que não consegui diferenciar a olho nu…

        • Marcellus Pereira

          Exatamente isso: as telas “LED” da Samsung deveriam se chamar “LCD LED Backlight”. São telas LCD mas com o backlight, ou seja, a fonte traseira de luz, feita com LEDs e não lâmpadas CCFL, como a maioria.

          Os LEDs, além de consumirem menos energia, têm um espectro de frequência maior, ou seja, geram um “branco” mais uniforme. Para melhorar (e encarecer), ainda há um tipo de “LED Backlight” feito com LEDs verdes, vermelhos e azuis, o que aumenta ainda mais o espectro gerado.

          Colocando uma tela LCD (mesmo que seja “LED Backligh”) ao lado de uma OLED, a diferença é bastante perceptível, da mesma forma que uma “LED Backlight” ao lado de uma LCD “comum”.

  • TxaiDw

    baah! e agora?

  • luizfelipestang

    nada supera o brilho ultraverde do monitor de fosforo verde

  • jbvsmo

    Não consigo me acostumar com os tons de verde e azul que se confundem nos monitores LCD. No trabalho eu os uso, mas em casa continuo com CRT. Usando RDP e VNC, vejo que as cores que vejo no monitor do trabalho não são as cores que eu achava que via.

    Até as telas OLED ficarem com preço razoável, já vai ter e-paper com mais contraste que elas…. 😛

  • Bruno Gama

    É f***, eu passei pelo mesmo problema… esperar o OLED se tornou torturante demais, eu comprei uma samsung (LN32A550) full hd 32″ e não foi tão frustrante assim, aliás para quem sai da televisão normal e compra uma fullhd para ligar o notebook, ver séries e conteúdo de fora full hd vale muito a pena. Eu não me arrependo. O problema maior é que no interior do RS ainda não chegaram transmirssões de televisão aberta em hd então é um lixo tudo que passa na tv. Pelo menos ela tem uns filtros que fazem um “blur” no ruído que a uma distância de ~2m torna a imagem satisfatória.

     

  • As empresas vão ter que baratear o custo de produção das oleds para ter uma venda no mercado mais presente.

    • EuTambem

      UAU !!!!!!!!!!  :jawdrop:

      [quote=H123er] As empresas vão ter que baratear o custo de produção das oleds para ter uma venda no mercado mais presente. [/quote]

  • lookez

    Isso se não chegar um chinês e otimizar o processo de fabricação.

    assim como esse cara falou, bill gates também falou que 600k era o sulficiente para cada usuário xD

    • luizfelipestang

      nao foi culpa dele, foi culpa de um engenheiro da intel que colocou um barramento de 20bits no 8086, que gerou um problema de retrocompatibilidade que somente foi superado pelo A20 no 386 com seu modo real / protegido.

      corrijam-me se eu estiver errado.

    • luizfelipestang

    • luizfelipestang

  • Joseph Guillotin

    Essa imagem de exemplo é muito sacana porque 1) eu estou vendo-a de um LCD (como já astuciosamente apontado por um dos nobres colegas) e; 2) as imagens não são iguais, não se pode estabelecer um referencial visual e, consequentemente, não há comparação justa.

    O mais engraçado dessa história é que o OLED era pra ser barato, mais especificamente o AMOLED, porque ele pode ser “impresso” com uma impressora semelhante às jato de tinta, e isso diminuiria os custos e blablablablablapapodemarketeiroblablabla. Pelo jeito não é bem assim.

    • [quote]1) eu estou vendo-a de um LCD (como já astuciosamente apontado por um dos nobres colegas[/quote]

      Não dá para ser pela foto, mas normalmente essas fotos comparativas são mostradas em Zoom, logo daria para ver a diferença mesmo numa tela inferior.

      [quote]2) as imagens não são iguais, não se pode estabelecer um referencial visual e, consequentemente, não há comparação justa.[/quote]

      Realmente seria uma boa idéia as comparações espelharem as imagens, mas você tem que admitir que há uma quebra de continuidade lá pelo meio da foto, a diferença é gritante exceto para quem tem visão 20/200.

      • Joseph Guillotin

        A diferença nos tons escuros diminui o impacto da comparação, mas anyway, você está certo.

  • Joseph Guillotin

    dupe.

  • O celular Alcatel tem uma tela externa de OLED. Pude ver e é um espetáculo. Acho que se pusessem o OLED muito barato agora, acabariam com os fabricantes de LCD e plasma.

    • rafael.lehmkuhl

      Sério mesmo que achou um espetáculo?

      É uma telinha de uma linha que diz se chegou uma mensagem.

      😕

      • romano444

        Sim, é uma linha mas a cor é primorosa e o contraste absoluto (infinito:1) pois é feito de micro LEDs e não tem luz trazeira. Você é um ignorante do tema.

         

        • rafael.lehmkuhl

          [quote=romano444]Você é um ignorante do tema.[/quote]

          Antes não concordava com você, mas agora, com esse argumento forte, me convenceu.

           

          Aliás, porque trocar de usuário?

          • 😛

            Ele trocou de usuário por causa da fama.

            🙂 😀

          • rafael.lehmkuhl

            E trocou de foto, olha só, não é mais o Bahuan }:)

            Será que é ele mesmo na foto?Não imagino uma pessoa da idade dele com tamanha imaturidade.

  • Eu ainda tenho muita paciência.

    Minha TV de 29” CRT ainda vai durar pelo menos 1 ano.

    Sem grana tem q ter paci~encia mesmo…

  • Rodrigo8

    enquanto as cameras nao gravarem no formato de saida da tv para min de nada adianta…

  • zephiros

    Aproveitadores, é muito mais barato construir uma tela de OLED do que uma LCD.

    • DSousa

      :jawdrop:

  • clwatan

    É, pelo jeito a minha próxima tv será LCD mesmo. Na boa, esperar a popularização/baixa de preços de produtos de informática/eletrônicos é uma frustração sem fim, provavelmente em 2016 já haverá uma nova tecnologia que fará as TVs OLED parecerem obsoletas.

  • thE Masterkey Blaster

    Só troquei meu monitor por um lcd pq não encontrei um outro CRT novo. argh!!

    Vou ficar aguardando ansiosamente um novo padrão que satisfaça a busca pelas cores perdidas… e que seja compatível com o meu bolso 🙂

    • EuTambem

      D’accord. No que depender de mim e da saúde do meu CRT LG F700P, monitor LCD será uma tecnologia que não tomarei conhecimento enquanto proprietário.

  • zephiros

    O pior é que a tecnologia OLED foi criada em 1980.

  • Pingback: Como iluminar sua noitada no DealExtreme()

Aproveite nossos cupons de desconto:

Cupom de desconto Walmart, Cupom de desconto Ricardo Eletro, Cupom de desconto Extra, Cupom de desconto Adidas, Cupom de desconto Submarino, Cupom de desconto Americanas, Cupom de desconto Casas Bahia