Amazon finalmente começa a vender eletrônicos no Brasil

amazon-001

Os rumores eram verdadeiros: a Amazon iniciou à meia-noite desta quarta-feira (18) a venda de dispositivos eletrônicos no Brasil, de smartphones a tablets, computadores, câmeras, TVs, dispositivos de som e acessórios diversos, que chegam para fazer companhia aos Kindles, livros e e-books da lojinha de Jeff Bezos.

A nova empreitada da Amazon Brasil confirma tudo o que já vinha sendo aventado desde maio: a empresa não irá num primeiro momento vender nada diretamente além do que ela já vinha comercializando, os eletrônicos serão oferecidos por parceiros da rede varejista através do já conhecido sistema de Marketplace: os vendedores terão um canal dentro do site da Amazon em que poderão vender seus itens e mediante pagamento de comissão, poderão fazer uso das ferramentas da gigante. Por outro lado os consumidores poderão usufruir da segurança provida pelo site, já conhecendo a má fama que o Marketplace tem entre os consumidores.

A distribuição dos produtos, por conta do Marketplace não é centralizada, logo os valores de frete podem variar muito. Há produtos com taxas de envio particularmente altas, o que deixa claro que alguns vendedores praticam importação e não contam com depósitos próprios. Já os preços oscilam: há itens com condições bem interessantes mas boa parte deles podem apresentar valores iguais ou até mesmo maiores que os concorrentes. Uma busca rápida por um modelo de TV específico revelou um valor até 20% mais caro que em outras lojas.

amazon-002

A Amazon também resolveu ousar nas condições de pagamento: contrariando a prática mais comum de compra do brasileiro o Marketplace ao menos por enquanto não aceita boleto bancário, oferecendo unicamente as opções de compra via cartão de débito ou de crédito; no caso desse último o comprador poderá parcelar o valor em até dez vezes sem juros. Como incentivo, a Amazon oferece um e-book gratuito para quem comprar qualquer eletrônico até o dia 25/10.

Embora haja uma grande quantidade de ofertas no momento (ao todo são 110.000 itens de dezenas de lojistas), os grandes players do mercado não estão presentes e já vinham mexendo seus pauzinhos para tratar a Amazon como uma concorrente; por outro lado muitas delas já estão presentes no Marketplace do real rival da gigante no Brasil, o Mercado Livre; ela ao menos hoje é bem mais Amazon que a própria Amazon e conta com um sistema logístico muito forte, embora mudanças recentes tenham privilegiado muito o comprador e depreciado o vendedor (lembrando que picaretas existem dos dois lados).

Se a Amazon oferecer um sistema de Marketplace melhor que o do Mercado Livre, que ofereça condições justas e preços competitivos as chances de que essa iniciativa deslanche são grandes, mas isso só o tempo dirá.

Dica: busque Cupom de Desconto Amazon no Ofertas

Relacionados: , , , , , , ,

Autor: Ronaldo Gogoni

Um cara normal até segunda ordem. Além do MeioBit dou meus pitacos eventuais como podcaster do #Scicast, no Portal Deviante.

Compartilhar

Aproveite nossos cupons de desconto:

Cupom de desconto Asus, Cupom de desconto Frio Peças, Cupom de desconto Mundo da Carabina, Cupom de desconto JBL, Cupom de desconto Costa Cruzeiros, Cupom de desconto Loja do Mecânico, Cupom de desconto Staples