Internet das Coisas Educativas: hackers invadem brinquedinho conectado pela porta dos fundos

hush-by-lovense

Conforme já explicamos, a teledildônica é o ramo (sério) do conhecimento humano que estuda novas tecnologias para promover o sexo remoto. A área não é nova mas graças à Internet das Coisas (a de verdade, explorada por companhias como SAPPTC e Nest e institutos de pesquisa como a EMBRAPA e não a galera da geladeira que tuita) novos dispositivos conectados surgiram no mercado, permitindo que pessoas possam apreciar uma diversão a dois (ou três, ou mais, a gosto do cliente) independente da distância.

O grande desafio é fazer com que esses aparelhos, bem como todos da Internet das Coisas sejam seguros. Não convém adicionar funções de conexão remota que permitam o parceiro ou parceira controlar o vibrador ou a Fleshlight a distância se os aparelhos coletam dados sem aviso; questiono inclusive por que causa, motivo, razão ou circunstância uma fabricante venha a interessar em saber como, quando e onde uma usuária atingiu o clímax. No que isso implica em melhoria para suas futuras soluções ou atualizações? Claro, posso não estar vendo o cenário total mas como visto no caso do vibrador tagarela da Standard Innovation, a corte do Canadá concordou comigo e aplicou multas e forçou a empresa a indenizar todo mundo.

Agora a Lovense, outra fabricante de brinquedos eróticos se uniu ao rol de empresas fornecedoras de acessórios eróticos não tão espertos. Ela é a responsável pelo Hush, o gadget a foto acima que como você deve ter imaginado, é um plug anal. Ele utiliza Bluetooth de Baixa Energia (BLE) e Wi-Fi para permitir tanto brincadeiras entre casais ou uso solo a curta distância como que o parceiro ou parceira o ative de longe, precisando apenas de um smartphone adicional.

hush-how-to

A gente sabe desde sempre que Bluetooth não é o método mais seguro para transmitir informação, mas o BLE é particularmente muito mais inseguro e interferir nas transmissões é bastante simples. Isso posto um profissional de Segurança da Informação chamado Giovani Mellini publicou em seu post um método detalhado para penetrar fundo no Hush através de um scanner BLE. Se um usuário do plug estiver nas proximidades o atacante poderia inserir um comando e fazê-lo se ativar, para desespero (ou deleite, cada um cada um) do desavisado transeunte plugado.

O vídeo abaixo mostra o Hush sendo ativado pela ferramenta:

Giovanni Mellini – Hacking a BT Low Energy (BLE) butt plug

Mellini explica que implementar o BLE como solução de conexão para dispositivos do tipo é a alternativa mais preguiçosa porém a mais rápida, visto que competidores do ramo estão investindo de modo a fornecer os primeiros dispositivos da teledildônica que funcionam pela rede. Nessa corrida do êxtase conectado coisas triviais como segurança de dados e privacidade ficam em segundo plano, e segundo o profissional implementar um protocolo mais seguro não é difícil; basta interesse e comprometimento.

No fim das contas, as pessoas mais do que nunca precisam tomar cuidado com o que andam inserindo em suas cavidades sob pena de ou ter dados particulares coletados ou sair vibrando sem aviso, apenas para posteriormente culpar o pobre parceiro pela pegadinha à distância em momento inoportuno.

Ou agradecer, sei lá.

Fonte: Motherboard.

Relacionados: , , , , , , , , , , , , , ,

Autor: Ronaldo Gogoni

Um cara normal até segunda ordem. Além do MeioBit dou meus pitacos eventuais como podcaster do #Scicast, no Portal Deviante.

Compartilhar
  • ….que foda…

    • Julio da Gaita ✔

      ….que se foda…²

      • Maom

        …que o hacker foda…

  • worldchanger

    “porta dos fundos” lol

  • Atrollando Natuacara

    Fabricante adiverte: Quem não instalar firewall corre risco de se queimar, ser invadido ou tomar lá onde o brinquedinho já está inserido….

  • Rolando

    “Porta dos fundos”, esse sujeito que hackeou deve ser mesmo nerd, por isso não hackeou o produto da Lovense destinado a porta da frente, a perseguida, na qual ele nunca deve ter tido contato.

  • Cocainum

    Não sei se quero saber quais “dados particulares” poderiam ser obtidos por alguém que hackear esse dispositivo…

  • Xultz

    “questiono inclusive por que causa, motivo, razão ou circunstância uma fabricante venha a interessar em saber como, quando e onde uma usuária atingiu o clímax. ”

    Essa informação vale ouro, o objetivo do brinquedo é esse, porém sexo não é uma ciência exata (já chegaram a uma conclusão se o ponto G existe ou não?). Assim, a coleta desse big data pode fornecer insights para se produzir brinquedos que atinjam esse objetivo com mais chance de êxito, o que consequentemente tende a melhorar as vendas. Sob o ponto de vista comercial, faz todo o sentido.

    • SomeReader

      Concordo plenamente. Quando fazia jogos web (jogos em flash), eu coletava todas as informações possíveis, como quanto tempo a pessoa passou em tal nível, em que nível ela chegou, quantas vezes morreu, etc. Era muito bom para entender o jogador, com que tipo de jogar vc está lidando. Claro que sou só um amador que fazia jogos, então só era curioso só… Mas se eu fosse profissional usaria estes dados para fazer um produto melhor da outra vez. Acho que a analogia vale para qualquer produto, de qualquer ramo, entender o usuário para saber como utiliza e quais funções do seu produto ele usa… Enfim…

      • Rodrigo de Melo

        E jogos usam muito isso hoje em dia. As próprias engines como a Unity já vem com módulos que fornecem esses tipos de análise.

        Tanto joguinhos mobile quanto os AAA de hoje sabem exatamente quantos pulos você, quantas balas gastou, quantas vezes morreu e todo o contexto onde cada coisa aconteceu.

    • Maom

      Ou para direcionar o “profissional” do call center a ligar exatamente depois do climax da mulher pra vender coisas… Ligar pra uma mulher estressada vai ter 0% de chance de sucesso na venda. Ligar para uma mulher ofegante e de sorriso na cara para vender uma meia calça vivarina deve ser outra dinâmica.

  • major505

    Engraçado é o desenho do solo que o cara tá de terno ainda.

    • enfiou na bunda e ficou curtindo no almoçod o trabalho lol

    • Ed. Blake

      Referência discreta aos políticos da bancada tradicionalista conservadora do congresso?
      Quem sabe…

      • major505

        ou zoeira com Jean Willis… vai saber. Hoje em dia…

        • Ed. Blake

          Com o Jean Willys não seria zoeira, só um fato conhecido haha.

      • Dou uma e se for bom dou mais

        Pra ver como a esquerda precisa trocar de cérebro… gostam de atacar justamente a quem eles defendem…

        • Maom
        • Ed. Blake

          Volta pro G1.

          • Dou uma e se for bom dou mais

            aeuaeheauhae coisa mais fácil do mundo dar tilt num esquerdista! Os caras nem conseguem ser coerentes uaheuaehaeuhae. olha isso criticando conservadores e direita mas quando zoam ele já entra em modo full sem cérebro total auheuaeheau… “Volta pro G1” vindo do cara criticando político da direita auheuhaeuaehaeuheauaehuaeheau
            Velho eu amo a esquerda nunca mudem auheuheauaehuaeheauheaueaea

          • Ed. Blake

            Eu não disse direita ou esquerda em nenhum comentário anterior.

            Seu intelecto superior que assumiu imediatamente que sou ‘esquerdista’ baseado em não sei o que precisa de revisão. Procure ajuda profissional.

          • Dou uma e se for bom dou mais

            Claro porque afinal é pessoal da direita que costumam zuar com tradicionalistas e conservadores, aham. Cara agora diz ai, Aécio apenas pegou os 2 milhões de empréstimo para pagar um advogado e que o apê do Lula era de um amigo que amava muito ele. auheuaehaeuheaueahueaheaueahueaheauheaeaheaueaheueauheaueaheauheaueaheauheaueaheau… vou morrer… auheuaehuaeheauehaueaheuheue

          • Jailson

            Nem vale a pena debater, cara. O perturbado só quer atenção.

          • Rodrigo

            Baseado em você criticar os conservadores hipócritas. Vira automaticamente um esquerdista bolivariano socialista.

          • Ed. Blake

            Pois é! hahaha As mentes bitoladas agregam conceitos uns nos outros sem considerar que a vista é maior que a janelinha delas alcança e assumem a falácia lógica que todo conservador é de direita assim como toda esquerda é libertina liberal.

            O bom é que se uma pessoa entendeu as entrelinhas da piada ela já não foi em vão.

  • Lui Spin

    Na primeira foto o cara está de terno e gravata, sapato social, sentado numa cadeira tipo escritório. Ficou estranho isso.

  • SomeReader

    Ler esta reportagem no no trabalho… pode não ser uma boa ideia. Deixe para lá.

  • É isso que os hackers chamam de acesso na backdoor?

    /ba dum tss

  • elliot

    os boomboons gulosos do meiobit vao adorar

  • Lucas Timm

    questiono inclusive por que causa, motivo, razão ou circunstância uma fabricante venha a interessar em saber como, quando e onde uma usuária atingiu o clímax.

    Simples: desenvolver um produto 2.0 (versão, não tamanho).
    Digamos que vendam um tele-dildo com machine learning. Aí ele vai ver que, dependendo da idade, perfil, peso, tamanho do fiofó, etc, o uso do dildo começa em velocidade 1, 3 minutos depois tá em velocidade 5, com o cliente movimentando ele em diferentes posições.

    Esses dados, aliados a um machine learning, poderiam explorar bem a sexualidade do comprador (ou compradora). Aí, a próxima versão já pode ter um modo automático…

  • “Isso posto um profissional de Segurança da Informação chamado Giovani Mellini publicou em seu post um método detalhado para penetrar fundo no Hush através de um scanner BLE. Se um usuário do plug estiver nas proximidades o atacante poderia inserir um comando e fazê-lo se ativar, para desespero(…)”

    Eu ví, viu! Eu vi!
    Vou contar!
    Aí, aí, aí!
    Vou contar!

  • Vin Diesel

    ele senta. eu sei q senta…

  • Theuer

    Bicho, esse troço tem mesmo o tamanho de um celular?
    Alguém põe isso no tóbas e sai de casa andando tranquilão?
    Que fase…

  • Adriano

    Lembram da época que todo mundo era ráquer usando programinhas tipo netbus e backorifice? Então… este último nunca foi tão literal.

    • DanielBastos

      Saudades do tempo que eu “raqueava” computadores pra….. abrir a tampa do CD.

      Hahahahahahahhahah

      Bons tempos de internet muleque.

  • Marcelo Rodrigo Gadelha

    Hackear uma pessoa que está usando o plug anal, contaria como crime, uma vez que a pessoa já estava tomando no cu?

    Agora sério: em vias da nova brecha encontrada nos sistemas WPA2, é difícil pensar em qualquer conexão wireless como ‘segura’ (não que isso justifique a atitude de não tomar medidas seguras AT ALL)

  • Edmilson_Junior

    Imagina alguém vai dar uma zuada dessas e o colega de trabalho da um pulo com a vibração. Climão no escritório.

  • Igor Alves

    Mandar o outro tomar no cu nunca foi tão simples.

  • Julio Verner

    Quem compra isso tem mais é que tomar no cu! 😀

Aproveite nossos cupons de desconto:

Cupom de desconto Locaweb, Cupom de desconto HP, Cupom de desconto Descomplica, Cupom de desconto Nuuvem, Cupom de desconto CVC, Cupom de desconto Asus, Cupom de desconto World Tennis