Google vendeu mais de 55 milhões de unidades do Chromecast em quatro anos

chromecast-ultra

Além de lançar uma cacetada de novos produtos, o evento Made By Google serve para que a gigante das buscas revele alguns de seus números a parceiros, desenvolvedores e o público geral. Por exemplo é desconcertante saber que em um ano de vida, a Google Assistant já respondeu cerca de 100 milhões de perguntas dos usuários e dá a entender que ela foi bem aceita, embora sua impessoalidade ainda incomode (a mim, com certeza).

Impressionantes também são os números do Chromecast, um de seus dispositivos mais bem sucedidos: em quatro anos de estrada o Google já vendeu mais de 55 milhões de unidades, 25 milhões apenas no último ano.

O chefe de hardware do Google Rick Osterloh foi o responsável por revelar as boas notícias. O acessório da empresa, criado para inteligentificar televisores não-Smart se mostrou um dispositivo que faz muita coisa por um preço considerado irrisório (US$ 35 nos modelos de 1ª e 2ª geração, US$ 69 no Ultra que é compatível com 4K e HDR), ao ponto de mesmo donos de Smart TVs preferirem contar com um a ter que usar o sistema embarcado nos aparelhos. Isso é tão verdade que hoje fabricantes já escolhem embutir a tecnologia em seus modelos. Sony, Vizio e Toshiba estão entre os principais parceiros, enquanto LG e Samsung preferem priorizar seus sistemas webOS e Tizen respectivamente.

O impressionante nessa história é o crescimento exponencial nas vendas da linha Chromecast, considerando que o número de unidades quase dobrou no último ano. No entanto o dongle ainda não é o líder de mercado nos Estados Unidos: segundo números recentes da eMarketer, dos 168 milhões de americanos que possuem TVs conectadas quase metade deles (81,2 milhões) ainda preferem usar Smart TVs. Entre os restantes 38,9 milhões preferem o Roku, 36,9 milhões fecham com o Chromecast e 35,8 milhões utilizam um produto da linha fire TV da Amazon. Na lanterninha e longe de todo mundo está a Apple TV, com apenas 21,3 milhões de unidades.

Isso significa que embora as vendas do Chromecast tenham crescido mundo, ele ganhou bem mais espaço em outros mercados que não o norte-americano e isso inflou seus números. O que é bom, principalmente para convencer o Google a dar maior atenção ao exterior e procurar vender mais de forma direta. A provável chegada da Google Store ao Brasil é um bom indício de que as coisas podem mudar em breve.

A única coisa que desejamos é que quando o Chromecast Ultra chegar por aqui ele não custe em torno de R$ 1 mil, visto que os US$ 35 da linha Chromecast 2 viraram R$ 399…

Fonte: VentureBeat.

Relacionados: , , , , , , , , , , , , , , ,

Autor: Ronaldo Gogoni

Um cara normal até segunda ordem. Além do MeioBit dou meus pitacos eventuais como podcaster do #Scicast, no Portal Deviante.

Compartilhar

Aproveite nossos cupons de desconto:

Cupom de desconto Asus, Cupom de desconto Frio Peças, Cupom de desconto Mundo da Carabina, Cupom de desconto JBL, Cupom de desconto Costa Cruzeiros, Cupom de desconto Loja do Mecânico, Cupom de desconto Staples