ad

Capcom relançará Street Fighter II para o Super Nintendo

street-fighter-2

Aproveitando o aniversário de 30 anos da série Street Fighter e o crescente interesse das pessoas por jogos antigos, a Capcom fez uma parceria com a loja iam8bit para lançar uma cópia funcional do segundo jogo para o Super Nintendo.

Nas cores Opaque Ryu Headband Red e Glow-in-the-Dark Blanka Green, os compradores não poderiam escolher qual versão receberiam, com os cartuchos sendo enviados aleatoriamente e com apenas 5.500 unidades tendo sido colocadas à venda. Mesmo assim, o estoque acabou rapidamente. O detalhe é que cada cópia estava custando salgados US$ 100, mas por se tratar de uma edição para colecionador e com uma tiragem tão baixa, era de se esperar que a procura fosse alta.

Contudo, por mais que a ideia fosse bem interessante e digna de atenção, um aviso na página do produto acabou ganhando destaque na imprensa especializada. Veja o que ele diz:

ATENÇÃO: o uso deste cartucho (o ‘Produto’) no SNES pode fazer o console superaquecer ou pegar fogo. O SNES é considerado um colecionável vintage, então por favor tenha extremo cuidado quando usar o Produto e tenha certeza de possuir um extintor de incêndios por perto. O uso do Produto é de risco exclusivo do usuário.

O comunicado ainda diz que nem a loja nem a Capcom podem garantir que o cartucho seja seguro ou se responsabilizar por eventuais incêndios causado pelo jogo, algo que convenhamos, é no mínimo inusitado. A loja então tratou de se defender, dizendo que por mais que o aviso pareça extremo, eles não podem garantir o estado do console em que o cartucho será utilizado e no fim das contas provavelmente seja apenas isso, uma empresa tentando se precaver contra possíveis espertinhos.

street-fighter-2-green

Enfim, talvez em outra época eu tivesse ficado eufórico com tal anúncio, mas hoje só consigo olhar para este cartucho e pensar que o único motivo que me faria comprá-lo seria para revender por um valor bem superior depois. Daqui algum tempo uma cópia desta edição valerá uma pequena fortuna, ainda mais aquelas verdes que brilham no escuro, já que apenas 1.000 unidades dela serão produzidas. Mas como não é o caso, continuarei por aqui com o meu cartucho do Street Fighter II para o Mega Drive e assistindo esse brilhante comercial.


Linisinaru — Street Fighter II Commercial (US)

Fonte: Videogamer.

Relacionados: , , , ,

Autor: Dori Prata

Pai em tempo integral do pequeno Nicolas, enquanto se divide escrevendo para o Meio Bit Games, Techtudo e Vida de Gamer, tenta encontrar um tempinho para aproveitar algumas das suas paixões, os filmes, os quadrinhos, o futebol e os videogames. Acredita que um dia conseguirá jogar todos os games da sua coleção.

Compartilhar
  • ricms

    Street do Mega… Os lutadores pegaram muito sereno durante a noite, e foram lutar roucos…

    • Rodrigo Justi

      Ficaram até sem slowdown por causa disso! XD

      • Flávio Pedroza
      • Felipe Braz

        Briga! Briga! Briga!

      • Nícolas Wildner

        E sereno também aumenta a resolução… olha só. Malditos efeitos colaterais.

        • Maom

          kkkkkk SEGA vs NINTENDO isso sim era briga das boas!
          Xbox vs Playstation não é briga, é capoeira.

          • cloverfield

            A porradaria ia até nas propagandas uma zuando a cara da outra… bons tempos.

          • Nícolas Wildner

            É engraçado como que na época eles usavam os termos “Mode 7” e “Blast Processing” pra empurrar engodos de fórmulas matemáticas e clock de processador goela abaixo… E gerava um fuzuê tremendo

            Hoje em dia a gente leva na zoeira, mas na época era “risca faca” mesmo…heheheheheheh.

            Naquela época falar que quem jogava Mega Drive era “pobre” e quem jogava Snes “não era gamera hardcore” era o que de mais leve tinha no marketing.

        • ricms

          Sim, com uma paleta de 64 cores roda até em HD.

      • O Snes não tem slowdown. Tem bullet-time! A Nintendo sempre inovando. Chupa, Sega!

        Quando enche de inimigos na tela, o jogador precisa de tempo para analisar a situação, daí o bullet-time implementado por hardware.

        • Humberto Jorge

          Sega does Nintendon’t.

    • Eles pegaram sereno porque ficaram observando aquela bela lua no cenário do Ryu. No Super Nintendo não tem esse problema porque não tem lua. 🙂

  • Nícolas Wildner

    E como fica a questão da Nintendo ter o controle da emissão dos cartuchos físicos? Será que não cabe um “processinho” por parte da Nintendo, que quase não gosta de dar strike nos outros?

    Até onde eu sei, na época áurea do Snes as produtoras contratualmente tinham que pagar ADIANTADO o número de cartuchos físicos a serem emitidos(na época, 10 dólares cada) e a própria Nintendo criava a escassez de mercado, entregando os cartuchos a conta gotas, quebrando as que tinham menos dinheiro.

    Exclusivamente a Nintendo podia emitir os cartuchos, e todos que tentaram fazer por fora ou que tentaram burlar a criptografia do Snes(cof, cof, Tengen…) tiveram problemas.

    • cloverfield

      Nintendo e Apple tem muito em comum mesmo.

    • O contrato não deve valer mais.

      • Nícolas Wildner

        Já atualiza a notícia aí Dori. Sold Out segundo a iam8bit

        • 640k is enough

          Só na iam8bit, logo mais deve aparecer como “Único no Mercado Livre”

        • Isso está no texto desde que foi publicado =/
          “Mesmo assim, o estoque acabou rapidamente”

    • Ivan

      Caralho, não sabia que a Nintendo era tão fdp. assim.

  • A Capcom tinha mesmo é que pegar as versões antigas do Street Fighter e relançar numa versão atualizada para as plataformas atuais, principalmente PC. Adoraria ter o Super Street Fighter 2 Turbo, Alpha 3, 3 Third Strike, no PC, no estilo KOF 2002 UM.

    • Ela já fez isso recentemente com o Super Street Fighter II Turbo HD Remix, que saiu para Playstation 3 e XBOX 360.

  • Maom

    Essa moda de retrôs caríssimos já passou dos limites.

    • Jaffy

      Esse cartucho custava US$50,00 em 1996. Se pensar… até que não é tanto para investir em um negócio que realmente tende a valorizar com o tempo…. considerando que vem material extra ainda (que não sei porque o @doriprata:disqus não mencionou)

      • Ivan

        Essa é uma tiragem nova, não tem como comparar com o preço da epoca, vai valorizar mas não como um cartucho original.

  • DiGamer80

    Pega trouxa.

  • Pior versão pra se lançar, se o jogo fosse refeito como versão Champion Edition. Ainda prefiro o Super Street Fighter do SNES ou o Street Fighter 2 de Mega.

  • Julio Verner

    Aquele SF2 todo capado e World Warriors, sem os Bosses? Só pra retardado.

Aproveite nossos cupons de desconto:

Cupom de desconto Locaweb, Cupom de desconto HP, Cupom de desconto Descomplica, Cupom de desconto Nuuvem, Cupom de desconto CVC, Cupom de desconto Asus, Cupom de desconto World Tennis