Nissan vai tentar reduzir o hábito de cozinhar crianças

michael_jackson_with_baby

Tecnologia é ótimo mas também é excelente para desenvolver novas e criativas formas de criar cordas pra gente se enforcar. Gente distraída acaba sofrendo mais: seus erros idiotas tendem a ter consequências mais graves. Antigamente esquecer o filho na floresta aumentava as chances do pimpolho ser comido por um leão, mas não era certeza. Hoje muitas crianças morrem, sem dó, quando são esquecidas nos bancos traseiros dos carros e deixadas ao sol.

Nem eu que não sou o sujeito mais kid-friendly do mundo (Team Herodes, com orgulho) acho meio over a idéia de crianças morrendo assadas. A maioria dos fabricantes de carros concorda, em especial Elsa Foley e Marlene Mendoza, duas engenheiras da Nissan.

Mendoza teve a grande sacada para tentar combater esse problema depois que esqueceu uma lasanha no carro e ele ficou cheirando a almoço por dias. Ela se perguntou o que teria acontecido se junto tivesse trancado seus três filhos.

Fácil, querida, sua lasanha teria sido devorada.

As duas resolveram escrever uma sub-rotina para alertar o motorista se tem alguém ou alguma coisa no banco traseiro, e a beleza de tudo é a simplicidade da solução.

Você deve estar se perguntando se usaram um sistema de Inteligência Artificial baseado em deep learning, se o sistema identifica crianças automaticamente, usa câmeras estereográficas, LIDARs, Kinect, etc.

Nada disso.

O bacalhauzinho que as duas escreveram é brilhantemente simples.

Quando a jornada começa, com o carro sendo aberto, o software registra se a porta traseira foi aberta e fechada. Quando a corrida termina, ele verifica se a porta traseira foi de novo aberta e fechada. Caso não tenha sido, ele pisca um alarme no painel, e em seguida toca a buzina.

download

O alarme vai estar disponível nas versões 2018 da Nissan Pathfinder, mas é algo tão simples que qualquer hobbysta de eletrônica cria uma versão própria em minutos. Olha a oportunidade de produto!

Fonte: The Drive.

Relacionados: , , , , ,

Autor: Carlos Cardoso

Entusiasta de tecnologia, tiete de Sagan e Clarke, micreiro, hobbysta de eletrônica pré-pic, analista de sistemas e contínuo high-tech. Cardoso escreve sobre informática desde antes da Internet, tendo publicado mais de 10 livros cobrindo de PDAs e Flash até Linux. Divide seu tempo entre escrever para o MeioBIt e promover seus últimos best-sellers O Buraco da Beatriz e Calcinhas no Espaço.

Compartilhar
  • César Rodrigues

    Ainda bem que existem pessoas que continuam procurando as soluções mais simples e elegantes.

  • Rodrigo Primon Savazzi

    Taí algo que deveria se tornar obrigatório, se não por legislação, por livre iniciativa dos fabricantes. Simples, fácil de implementar e extremamente barato.

    • gfg

      Desde que tenha a opção de desativar, que ninguém merece alarme apitando toda parada porque colocou bugigangas atrás.

      • Lê o artigo de novo. Presta atenção nas imagens.
        De nada.

        • Aquele ”Off” é para borrifar repelente de mosquitos dentro do carro? QUE LEGAL!

          • Dou uma e se for bom dou mais

            Ufa, deu tempo de engolir o café.

          • Lucas Linki

            Não. É pra ajudar na organização de sessões de RPG dentro do veículo.

  • James Ocelot

    Anarco-comunismo cancelado

  • Diogo

    E se acontecer da mãe ou do pai colocar a criança na cadeirinha estando no banco da frente (sem abrir a porta de trás)? E aí, como proceder?

    • Abraão Caldas

      Eu me pergunto…. Porque alguém faria algo assim?
      Ai eu lembro que eu vi uma mãe dirigindo amamentando…

    • Lucas Martins Silva

      E se o carro só tiver 2 portas?

  • Felipe Braz

    Pensei também em algo na suspensão que calcule o peso do carro, se tiver diferença de peso alerta. Mas essa da porta é mais simples ainda.

    • gfg

      Por mim, implementaria nos cintos de segurança.

    • Alvaro Carneiro

      isso já existe nos bancos dos carros. meu carro “apita” se alguém não estiver usando o cinto, e isso vale para os 5 passageiros, se tem peso na posição do banco, então o cinto tem que estar em uso.

      e se nao colocar o cinto aquela merda fica apitando para sempre.

      ah sim, europa.

      • Felipe Braz

        O máximo que vi aqui pela banânia foi apitar quando o motorista está sem cinto, provavelmente é algum switch na trava do cinto.

        • Roberto

          Sim, no hb20 fica um chicote solto embaixo do banco

        • Omena

          O Toyota Etios tem no banco do passageiro dianteiro tbm, foi o único que vi, mas com certeza é pra ganhar algum ponto na avaliação de segurança, já que na batida todos vão pro saco mesmo.

          • arakawa

            No banco do passageiro tb serve pra não ativar o airbag se não tiver ninguém lá. Em carros q tem airbag, pelo menos…

      • ochateador

        civic v9 aqui no brasil é igual…

      • Dandalo Gabrielli

        Eu sempre pensei que o sensor ficava na trava no cinto. Se tem esse de peso, é meio chato mesmo. Colocou mala ou alguma coisa e bi bi bi…

        • ElGloriosoRangerRojo™

          A maioria é na trava do cinto. Trabalhei uma vez numa empresa em que o cara da entrega não gostava de usar cinto. Ele puxava o cinto do banco do carona e espetava na trava do cinto dele pro furgão parar de apitar…

  • Alvaro

    Da para fazer com Arduíno!!! Olha o próximo post/projeto aí!

    • E nisso a bateria vai pro saco. A solução da Nissan é muito mais prática.

      • Nah, saporra roda 400km com uma carga. Fosse um Nissan Leaf, que roda 135, dava pra se preocupar ¯_(ツ)_/¯

        • Dou uma e se for bom dou mais

          400km isso se o cara gosta de pisar. Um maluco fez mais de 700km andando a 40kph (em uma estrada isso pode ser ridículo mas numa cidade já não é tanto).

      • Errrr… TESLA… Carro Elétrico… Baterias MEGA POWER SUPRA! Não é a porcaria das Baterias Moura que vc tem no seu Celta 1.0.

      • Saul Goodman

        Falsos positivos é que serão um saco.

  • Só eu acho o cúmulo esquecer a prole no banco traseiro de um carro?

    O Waze também permite programar o aviso.

    • Daniel Silva

      aqui em bh perto do estadio mineirão eu quebrei um vidro de uma parati pois a fdp deixou o moleque que nem andava no caro e saiu.

      • Devia ter quebrado o retrovisor, lanternas, para-brisa dianteiro e furado os pneus.

    • André Melo

      Eu levava minha filha todo dia para a escolinha antes de ir para o trabalho. Eu ia conversando com ela, mas nem sempre ela respondia, tinha dias animados e dias completamente calados. Num desses dias fui conversando com ela o caminho todo sem ela responder, quando cheguei na escolinha, estacionei e olhei para traz e ela não estava no banco. só então eu lembrei que ela tinha ficado e casa nesse dia porque estava gripada. Quando você está acostumado a uma rotina e algo muda, as vezes o celebro não acompanha. Imagine o contrário, você acostumado a ir de carro sozinho todo dia a um lugar. Num dia específico o filho pede para ir junto mais dorme assim que o carro sai. Você, acostumado a ir sozinho, simplesmente estaciona e sai, sem nem olhar o banco de traz.

    • Saul Goodman

      Talvez seja o cúmulo, mas eu me vejo facilmente nessa situação. Quando dirijo entro em modo automático, nem sei como nunca bati. Várias vezes cheguei perto do trabalho ou de casa e me dei conta de que não é pra onde eu deveria ir. Felizmente não tenho e não quero ter filhos.

      • Felipe Lino

        Até hj eu n sei como eu paro nos sinais quando vou para o trabalho.

    • Marombert Einstein

      Sou pai de duas CRIONÇAS (acho que o CARDOSO vai adorar esse termo) e digo: é perfeitamente possível se esquecer, basta uma falha na Matrix (quebra de rotina) e putz: você se esquece dos muleki. Quem anda armado a paisana tb tem esse problema (de se esquecer da arma) principalmente na hora do nº.2: põe a arma de lado e depois esquece ela no banheiro…

      • Então eu devo ser o único anormal e concentrado pois não precisei disto para cuidar de 2 filhos.

        Ainda: Existem formas de lembrar-se das coisas: Coloque uma chupeta na porta do motorista, uma fralda amarrada no volante, um CD da galinha pintadinha tocando em looping.

    • arakawa

      Americano gosta de dirigir van, quase um onibus, cheio de lixo dentro. Não é nada difícil perder uma criança lá dentro.

  • Realmente BEM simples – como nunca pensaram nisso antes?

    Muitos carros mais novos (e não tão – pense em algo de 2014 para frente…) já alertam se a porta não estava fechada direito. Realmente o meio já existia, só faltava alguém ter a ideia de implementar.

    Parabéns para elas!

  • cesar m

    Eu já tendei deixar meu filho de 7 anos no carro e não consegui kkkkkkk.
    Não, não tava tentando um infanticidio, eu esqueci uma coisa dentro de casa quando já tinha colocado o carro na rua, aí eu estacionei na rua e falei pro meu filho: quenta aí que eu vou lá buscar e já volto, aí sai do carro e travei as portas pela controle remoto, não dei dois passos e o alarme do carro tocou, desliquei e parou de tocar, travei as portas de novo e depois de uns 10s começou a tocar, aí me toquei que o alarme tinha um sensor de som ou de movimento, eu não sei, mas, que fica sobre o painel, que tocava o alarme sempre que meu filho se mexia dentro do carro. Portanto acho eu que já exista algo que resolve o problema apontado, no caso de alguns alarmes que detectam presença no interior do veículo.

    • cesar m

      Ps: O alarme não é feito pra detectar criança dentro do carro, mas, ladrao, só que ele não sabe a diferença.

      • alexandre

        Ou o alarme também detecta crianças ou o filho dele é ladrão

    • Lucas Linki

      Simples, amigo. Seu filho estava tentando roubar seu carro.

    • arakawa

      Alguns carros tem um botão perto do sensor interno, justamente pra isso. Vc aperta o botão, dai qdo ligar o alarme a próxima vez ele não dispara se alguma coisa se mexer lá dentro. Justamente pra poder deixar criança e animais dentro.

  • cesar m

    Agora que me toquei que o maluco da foto é Michel Jackson.

  • FSilva

    O Waze já avisa. Quando chega no destino o meu diz “Lucas no carro”. Pronto. Simples. Basta configurar a mensagem.

  • O maU elementaU

    Brasileiros nao sao TAO idiotas. Quantas ocorrencias de crianças assadas (sem batatas) no banco traseiro há nos ultimos 10 anos no pt-br?

    • Dou uma e se for bom dou mais

      Desculpe acho que faltou a tag sarcasmo no seu post. Se você está falando sério eu dei uma olhada no google notícias e teve pelo menos 3 casos esse ano.

    • Reinaldo Matos

      O verão aqui na região sul acontece um fenômeno interessante.

      Há uma migração de hermanos para as praias Catarinenses, e tá ficando relativamente comum aparecer no jornal, noticias de argentinos que param para abastecer, e esquecem algum parente no posto de gasolina (Sogra, filho, cachorro, etc)…

      Dois exemplos:

      http://g1.globo.com/rs/rio-grande-do-sul/noticia/2016/01/argentino-esquece-mulher-em-posto-de-combustiveis-apos-abastecer-carro.html

      http://g1.globo.com/rs/rio-grande-do-sul/noticia/2016/12/familia-de-argentinos-esquece-filha-em-posto-de-combustivel-no-rs.html

  • Deckard

    Pior que depois vendem por uma pequena fortuna esse “opcional”, afinal é a vida de seus filhos, ou pets.. da no mesmo…

  • 640k is enough

    Aí vai uma toupeira e desabilita a opção.

    Darwin Awards agradece.

  • Dandalo Gabrielli

    Ao melhor estilo da Caneta vs o lápis… Eu colocaria um adesivo, não esqueça de olhar o espelho retrovisor

    • Saul Goodman

      E um alerta no celular: “não esqueça de ler o adesivo”.

  • Como ninguém fez isso antes. É tão simples.

  • David Rodrigues

    Não sei bem se funcionará na prática. Se a criança entrar pela porta da frente, por exemplo, é depois ir para trás? Quando eu era criança adorava fazer isso. Me sentia um aventureiro tendo que “escalar” o banco para ir para trás. Acho que seria melhor ter uma espécie de balança para identificar um peso adicional nos bancos de trás. Fora os falsos positivos.

  • Minha solução [e mais simples ainda. Cada pai que esquecer seu filho no carro, independente se acontecer algo com a criança ou não, será arrastado pelo seu próprio carro a uma velocidade de 80km/h (ter um celta ao lado é opcional) por 10 km, depois o que sobrar será moído de porrada.

    Tudo isso televisionado.

    • Papel Aluminio

      E aí se o mlk esquecido tinha irmãos, eles viram órfãos e sem a provável única fonte de renda da casa q era o pai. Solução jenial

      • Melhor deixar solto, que aí todo mundo vira assado e não terão mais problemas com renda

    • Flávio Pedroza

      Celta? Creio que nao.

  • Se eu abrir a porta de trás pra jogar um casaco no banco, caso faça frio, o carro vai ficar buzinando dizendo que esqueci a parada? Q solução meia boca

  • Bruno Castro Alves

    Dá pra fazer um sistema com um sensor de pressão e um Arduino, menos elegante, mas mais divertido. Só dando a dica. 🙂

  • Felipe Torrezini

    A tecnologia já existe: os alarmes dos carros já contam com sensor de movimento. Mas como tem gente que consegue a façanha de trancar o carro com a chave dentro, nenhum invento é capaz de superar a estupidez humana.

  • tiago

    Muito bom, as ideias mais simples são as mais geniais.

  • Fernando Vieira

    Uma vez eu estava em Paris com um carro alugado todo tecnológico. Querendo sair do estacionamento do hotel, ele começou a dar um aviso no painel: “Impossível movimentar”. Eu fiquei injuriado com o porque era impossível movimentar, eu colocava o câmbio em Drive e ele andava, que raio de aviso era aquele. Depois de um tempo e vários liga/desliga, descubro que tinha esquecido de fechar a porta do motorista.
    Nem é exclusividade, meu carro atual fica apitando “transmissão fora de Park” quando quero andar e esqueci alguma porta aberta. Não seria tão mais simples se eles avisassem “porta aberta”?

  • Jorge Dondeo

    Show!

Aproveite nossos cupons de desconto:

Cupom de desconto Locaweb, Cupom de desconto HP, Cupom de desconto Descomplica, Cupom de desconto Nuuvem, Cupom de desconto CVC, Cupom de desconto Asus, Cupom de desconto World Tennis