Alphabet Inc. vende a Boston Dynamics para o grupo SoftBank

A futura Skynet acaba de trocar de mãos. A Alphabet Inc., holding proprietária do Google fechou um negócio de valor não revelado com o grupo japonês SoftBank para a venda da Boston Dynamics, a companhia de robótica avançada e inteligência artificial que tem sido fonte de pesadelos de muita gente nos últimos anos.

O Google estava sofrendo alguns problemas com a divisão de robótica. A compra realizada em 2013, que por um lado mostrou que empresas grandes estavam dispostas a investir grandes quantias em P&D voltados a essa área nos fez vislumbrar um futuro onde teríamos mais e melhores sistemas inteligentes e quem sabe, droides auxiliares realmente acessíveis que custariam alguns milhares de dólares e não milhões. Tecnologia militar nem é onde o ouro está, vale muito mais a pena explorar o consumidor com soluções cotidianas.

Só que a realidade bateu na porta: a Boston Dynamics não foi a aquisição em robótica feita pelo Google ao longo dos anos (ela foi apenas a oitava), e a companhia não demonstrou o menor interesse em manter os contratos militares que sua nova aquisição mantinha com o DARPA. Sendo assim o sonho (ou pesadelo) de vermos robôs combatentes foi pelo ralo ou adiado indefinidamente. O grande problema é que Mountain View não conseguiu vender suas soluções para ninguém mais além dos militares, sem falar que a saída de Andy Rubin do Google desestabilizou produndamente a divisão, conhecida internamente como “Replicant”: ela já tinha dificuldades de integrar seu trabalho com outros setores da gigante (aparentemente seu know-how sequer foi emprestado à DeepMind, a responsável pelo AlphaGo) e os desenvolvedores, a mercadoria mais valiosa adquirida pelo Google nessa negociação estavam desmotivados e desanimados, e ficaram ainda mais perdidos depois que o pai do Android deu adeus, falando bem mal da experiência de liderar a divisão.

O Google então chegou à conclusão que a Boston Dynamics não era uma solução e sim um problema, e tratou de coloca-la à venda. A compradora, o grupo SoftBank não é estranho a robótica: o Pepper, aquele simpático droide companheiro de 1,20 m de altura que foi centro de uma história no mínimo curiosa e vale dizer que ela também não anda com medo de gastar, visto que em 2016 ela desembolsou R$ 32 bilhões pela ARM em dinheiro vivo. O movimento foi um passo importante para a empresa se posicionar solidamente no mercado da Internet das Coisas, e agora com a Boston Dynamics eles apostam firmemente em robótica e ampliar suas ambições.

O presidente do SoftBank Masayoshi Son deu a seguinte declaração:

“Hoje existem muitas questões que não podem ser resolvidas por nós, apenas como nossas capacidades humanas. A robótica inteligente será a chave para próxima fase da Revolução da Informação e Marc (Ralbert, presidente da divisão) e sua equipe da Boston Dynamics são claramente os líderes pioneiros em tecnologia de robótica dinâmica.”

A aquisição também inclui outra pequena divisão de robótica: a japonesa Schaft, fundada por pesquisadores da Universidade de Tóquio em 2012 e que pesquisa robôs humanoides; ela fora adquirida pelo Google antes da Boston Dynamics. E embora o valor do negócio não tenha sido revelado é certeza que não foram quaisquer dois tostões.

O que o futuro reserva? Considerando o Pepper, que é vendido a consumidores finais no Japão é possível que o SoftBank tenha dinheiro e contatos suficientes para fomentar o desenvolvimento e produção de unidades robóticas para diversos fins, sejam comerciais ou industriais; é possível também que o conglomerado retome contratos militares com a DARPA e outros governos, ao menos para garantir um fluxo de investimento constante e certo para manter os trabalhos em diversas frentes, embora saibamos que dinheiro não é problemas para os japoneses.

Por outro lado, o sonho do Google dele próprio lançar androides inteligentes foi indefinidamente postergado.

Fonte: BusinessWire.

Relacionados: , , , , , , , ,

Autor: Ronaldo Gogoni

Um cara normal até segunda ordem. Além do MeioBit dou meus pitacos eventuais como podcaster do #Scicast, no Portal Deviante.

Compartilhar

Aproveite nossos cupons de desconto:

Cupom de desconto Locaweb, Cupom de desconto HP, Cupom de desconto Descomplica, Cupom de desconto Nuuvem, Cupom de desconto CVC, Cupom de desconto Asus, Cupom de desconto World Tennis