Turma da Mônica na Terra dos Monstros, do Mega Drive será relançado em cartucho

turma-da-monica-na-terra-dos-monstros

Em evento realizado nesta quinta-feira (04) em São Paulo, a TecToy e a SEGA comemoraram os 30 anos de uma sólida parceria não apenas com o relançamento oficial do Mega Drive no Brasil, mas também com uma pequena surpresa: o game Turma da Mônica na Terra dos Monstros voltará a ser comercializado em mídia física, num cartucho compatível com o “novo” hardware.

O evento foi considerado muito importante para a TecToy, tanto que contou com a presença dos maiores nomes da empresa: o CEO Tomás Diettrich, o presidente do conselho de administração Stefano Arnhold, o diretor de operações Roberto Favero e o gerente de e-commerce e marketing Victor Raful. A Sega Sammy Holdings Inc. igualmente deu muita importância ao relançamento do Mega Drive em solo brasileiro pois foi representada por Naoya Tsurumi, ex-CEO das divisões norte-americana e europeia e hoje SVP da companhia.

mega-drive-001

mega-drive-box

A caixa do console é igualmente inspirada na primeira versão vendida aqui

A estrela da noite, o “novo” Mega Drive é o resultado de um esforço conjunto da TecToy em colocar no mercado um hardware o mais próximo possível da versão original do console, lançada em 1988 no Japão e que desembarcou no Brasil em 1990, após a companhia convencer a matriz SEGA de que uma fabricante de brinquedos poderia dar conta da distribuição de consoles e games após o excelente resultado do Master System (a experiência nos EUA com a local Tonka não foi das melhores, e os japoneses estavam traumatizados).

Aí começam as dificuldades: segundo a TecToy alguns componentes, como o Motorola 68000 que era a CPU do console e o Yamaha YM2612, o chip de som não são mais tão simples de serem encontrados e por conta disso o ritmo de produção não é lá essas coisas: isso posto a meta inicial é atender a demanda daqueles que adquiriram o produto durante os seis meses de pré-venda, estes começarão a recebê-lo em casa já na próxima semana. Em seguida a TecToy honrará o compromisso com aqueles que o comprarem a partir de agora no site oficial, sendo que o preço foi fixado em seu valor normal de R$ 449,00.

Segundo Diettrich, só então a empresa pensará em colocá-lo à venda na rede varejista diretamente, o que acredita-se será feito a partir de junho. Particularmente, com uma cadeia de distribuição tão reduzida não acredito que a TecToy acabe por vendê-lo de outra forma que não online mas é aguardar para ver. O Mega Drive vem com um controle de três botões clássico (há planos para relançar o de seis botões) e além de reconhecer alguns cartuchos, possui uma entrada para cartão micro-SD localizada na parte de trás, ao lado das saídas de vídeo composto (o grande calcanhar de Aquiles do hardware, por não contar com uma porta HDMI que não foi incluída para não elevar os custos e segundo a TecToy, não melhoraria em nada a qualidade de imagem pois o console é analógico). O cartão que acompanha o kit já vem com 22 jogos instalados e embora não tenha admitido, é possível que a TecToy tenha lançado um hardware plenamente compatível com ROMs disponíveis na internet. Stefano Arnhold disse no entanto que apenas “jogos testados” estão qualificados a rodar e que ambas as empresas repudiam a pirataria. Afirmação um tanto confusa, mas necessária.

No entanto a novidade da noite foi o anúncio do relançamento do game Turma da Mônica na Terra dos Monstros, localização nacional do clássico Wonder Boy in Monster World em cartucho. Arnhold comemorou a recuperação das licenças junto à Mauricio de Sousa Produções para os personagens (o nome da franquia pertence hoje à SEGA, e o produtor Ryuichi Nishizawa detém os direitos do design do game e criaturas; isso posto o lançamento de Wonder Boy: The Dragon’s Trap foi até que simples) e por enquanto o projeto ainda reside apenas no papel, embora um protótipo funcional estivesse presente para quem quisesse degustá-lo.

mega-drive-002

Note a etiqueta

A identidade visual do game foi toda modificada para se alinhar ao visual vintage do novo Mega Drive, mas por enquanto não há previsão de quando ele chegará ao mercado e nem do preço. Da mesma forma não há garantias de que outros jogos sejam relançados em mídia física no Brasil, embora a TecToy tenha tentado fazer o mesmo com Ayrton Senna’s Super Monaco GP II; enquanto os direitos do piloto junto à Fundação Ayrton Senna foram simples de garantir, o mesmo não pode ser dito dos copyrights referentes às pistas e mesmo ao uso do nome “Monaco GP”. Por conta disso o projeto foi engavetado.

Em teoria, isso significa que games que pertencem unica e exclusivamente à SEGA como os das franquias Sonic, Streets of Rage, Out RunShinning Force, Hang On, Phantasy Star, Shinobi e outros como Altered BeastAlien Storm, Comix Zone e etc. têm a chance de receber o mesmo tratamento que Turma da Mônica na Terra dos Monstros, dependendo apenas da capacidade da TecToy de fabricar os cartuchos. Porém, a ideia que a empresa passa é que sua capacidade de manufatura não é tão grande assim, logo é bom não contar tanto com isso como uma certeza para o futuro.

Relacionados: , , , , , , ,

Autor: Ronaldo Gogoni

Um cara normal até segunda ordem. Além do MeioBit dou meus pitacos eventuais como podcaster do #Scicast, no Portal Deviante.

Compartilhar

Aproveite nossos cupons de desconto:

Cupom de desconto Locaweb, Cupom de desconto HP, Cupom de desconto Descomplica, Cupom de desconto Nuuvem, Cupom de desconto CVC, Cupom de desconto Asus, Cupom de desconto World Tennis