Mario Kart nasceu como uma tentativa de multiplayer para o F-Zero

Esta semana o Switch receberá o lançamento do Mario Kart 8 Deluxe e se no Wii U o jogo já era sensacional, a expectativa é que se torne ainda melhor no novo console da Nintendo. E já que a franquia deverá estar em alta pelos próximos dias, nada melhor do que conhecermos um pouco dos bastidores da sua criação, o que a revista Retro Gamer tratou de garantir em sua última edição.

De acordo com Shigeru Miyamoto, Hideki Konno e Tadashi Sugiyama, que respondem como alguns dos principais responsáveis pela criação do Super Mario Kart para o Super Nintendo, a ideia inicial deles era bem diferente do que o jogo acabou se tornando, o que significa que por pouco uma das séries mais adoradas da empresa não existiu.

Nosso plano original não incluía o Mario ou karts. As raízes do jogo estão em um dos títulos do lançamento do SNES: F-Zero. O jogo foi desenvolvido para uma jogabilidade single-player porque o nosso foco estava na sensação de velocidade e no tamanho dos circuitos. Foi um protótipo para uma versão multiplayer do F-Zero que acabou sendo o ponto de partida para o Super Mario Kart e a partir daí passamos por um período de tentativa e erro para encontrar o que funcionava.

De acordo com Konno, que assina como co-diretor o game que veio a se tornar um tremendo sucesso, mesmo com ambos os títulos usando a famosa tecnologia Mode 7, eles encontraram muitas dificuldades para adicionar os power-ups, a inteligência artificial dos personagens e principalmente, reduzir o tamanho dos ambientes. Mesmo assim, não demorou para que percebessem o quão divertido o SMK era.

O game designer revelou que jogou muito o título enquanto ele estava em fase de testes, chegando a ficar tão empolgado que era comum vê-lo gritando enquanto participava das corridas e como ele disse que a intenção da equipe era criar algo que “fosse divertido de se jogar com a família, os amigos e qualquer pessoa”, acho que podemos dizer que o objetivo foi alcançado.

Eu pelo menos perdi a conta das horas que passei sentado diante da televisão enquanto disputava divertidas corridas contra outras pessoas no Super Mario Kart ou simplesmente tentava baixar o máximo possível o meu tempo em algumas pistas. Depois joguei quase todas os capítulos da série, tendo gostado mais de uns e menos de outros, mas o que acho mais impressionante é como a série conseguiu se manter relevante. Isso sem falar em como ela até criou um estilo que foi muitas vezes copiados, mas nunca superado.

Fonte: GamesRadar.

Relacionados: , , , ,

Autor: Dori Prata

Pai em tempo integral do pequeno Nicolas, enquanto se divide escrevendo para o Meio Bit Games, Techtudo e Vida de Gamer, tenta encontrar um tempinho para aproveitar algumas das suas paixões, os filmes, os quadrinhos, o futebol e os videogames. Acredita que um dia conseguirá jogar todos os games da sua coleção.

Compartilhar

Aproveite nossos cupons de desconto:

Cupom de desconto Locaweb, Cupom de desconto HP, Cupom de desconto Descomplica, Cupom de desconto Nuuvem, Cupom de desconto CVC, Cupom de desconto Asus, Cupom de desconto World Tennis