Testes revelam que o iPhone 7 é ligeiramente mais rápido que o Galaxy S8

galaxy-s8-iphone-7

Todo ano é a mesma coisa: assim que a Samsung lança um novo Samsung Galaxy S o pessoal quer saber se ele enfim é capaz de enfrentar o atual iPhone de igual para igual, quando exposto às mesmas situações de uso.

No ano passado vimos que o 6s continuava à frente do S7 e de outros concorrentes mas com o Galaxy S8 na área, um smartphone realmente poderoso e que incorporou as melhores decisões de design do finado Note7, ignorando as explosivas novamente os curiosos se questionaram: será que desta vez a companhia sul-coreana acertou e deixou o iPhone 7 para trás?

O que sabemos até agora: o iPhone 7 e seu irmão superdesenvolvido 7 lus possuem o novo processador Apple A10 Fusion, um SoC pela primeira vez quad-core com dois núcleos de alta performance, que chegam a um clock de 2,34 GHz e dois de economia de energia, os que ficam ativos a maior parte do tempo e cuja velocidade não foi informada pela maçã. Ele segue o mesmo esquema big.LITTLE da ARM e é produzido pela TSMC, que ganhou a disputa com a Samsung e também produzirá o Apple A11. A GPU é uma PowerVR Series7XT Plus, com seis núcleos.

Digamos assim, em testes preliminares ele se mostrou mais potente que muitos processadores Intel para notebooks. O ganho em performance para o iPhone 7, em relação ao 6s foi de 40% em geral. Junta-se ao A10 3 GB de RAM, com a Apple enfim resolvendo dedicar mais memória a seus iGadgets (talvez por exigência da própria CPU).

Por outro lado o Galaxy S8 chega em dois sabores: a versão global conta com o poderoso Exynos 8895, octa-core proprietário da Samsung com quatro núcleos de 2,3 GHz, quatro de 1,7 GHz e GPU Mali Mali-G71 de 20 núcleos enquanto o dispositivo norte-americano, o demonstrado no teste é equipado com o novo queridinho da Qualcomm: o Snapdragon 835, octa-core Kryo com quatro núcleos de 2,35 GHz, quatro de 1,9 GHz e GPU Adreno 540; ambos possuem 4 GB de RAM e a fabricante da pior Coreia garante que ele é capaz de executar softwares verdadeiramente pesados, graças à compatibilidade com DirectX 12 e Vulkan.

Isso não é um blefe, usuários conseguiram rodar games do GameCube com perfeição e embora o console de 128 bits seja hoje bastante antiquado, ele nunca foi muito amigo dos emuladores móveis para Android.

Sendo assim, restava colocar ambos para brigar mas com regras bem claras: medir sua capacidade de abrir apps rapidamente, de multitarefa e de renderizar vídeos em tempo real, com soluções presentes em ambos sistemas móveis e sem fazer uso de características exclusivas. O resultado?


EverythingApplePro — Samsung Galaxy S8 vs iPhone 7 Plus Speed Test

De novo a Apple deu um banho na Samsung em uma situação de stress, com abertura intensa de apps. Mesmo com 1 GB a mais de memória RAM o S8 é incapaz de manter aplicativos abertos em segundo plano após a execução de uma tarefa pesada como renderização de vídeo, e fechou todos os softwares suspensos. Independente disso o iPhone 7 Plus conseguiu deixar o vídeo pronto para ser executado com quase três minutos de diferença. Em uma situação de uso mais comedida, a performance de ambos é bem parecida com vantagens de um e de outro ocasionalmente.

O caso é o mesmo do ano passado: o iPhone 7 acaba sendo ligeiramente mais rápido que o Galaxy S8 principalmente por conta da otimização de sistema, sendo que o iOS é escrito especificamente para aquele hardware e diferente do Android, ele não precisa dar suporte em uma infinidade de dispositivos de terceiros e por isso mesmo não precisa rodar uma camada de virtualização ou rodar “na média”. Um software bem escrito consegue extrair mais do hardware e isso era algo que a Microsoft também conseguia com o Windows 10 Mobile em seus dispositivos próprios.

A tela também precisa ser levada em conta: como o S8 conta com um display Quad HD ele precisa renderizar mais pixels que o iPhone 7, que possui resolução apenas Full HD. O TouchWiz, embora muita gente ainda deteste não teve muita influência desta vez.

A verdade é que o Galaxy S8 e o iPhone 7 são excelentes dispositivos, os mais poderosos em seus respectivos sistemas móveis e dificilmente alguém vá decidir por um ou por outro apenas por esse vídeo quando já é usuário de uma determinada plataforma, mas é sempre bom ver que a otimização de código, algo que muitos desenvolvedores relegam pela “era de fartura” do armazenamento (ninguém mais precisa medir memória em KBs) ainda faz muita diferença em situações extremas de uso.

Relacionados: , , , , , , , , , , , , ,

Autor: Ronaldo Gogoni

Um cara normal até segunda ordem. Além do MeioBit dou meus pitacos eventuais como podcaster do #Scicast, no Portal Deviante.

Compartilhar
  • Pedro Neto

    Não precisamos, num celular, metade da potência existente hoje. No momento estou mais interessado do design externo, software…..e preço…. lógico!!!

    • Deni Carson de Souza

      E bateria…

      • Lucas Timm

        Moto Z Play. 😉

    • Nilton Pedrett Neto

      Lenovo Zuk 2 ou o pro.

  • Vinicio A S Liuti

    Touchwiz foi deixada pra trás para dar lugar a Grace UI, que o S7 recebeu já no update Nougat desse ano.

    Uma coisa que se deve levar em consideração é o software, o S8 está rodando uma versão muito nova do seu software já o iPhone tem alguns meses de estrada recebendo update para melhorar performance

    • ricms

      Aham. Senta lá Cláudia.

  • Ed. Blake

    A única vantagem real pra mim é que o Iphone 7 é mais barato (preço retail nos EUA) e seu software tem suporte por uns 4 anos a mais que qualquer android.

    Estes minutos de disparidade do teste dificilmente farão diferença no uso real do dia a dia.

    Acredito ser dispensável falar sobre o design das peças aqui.

    • E o modelo de iPhone desse ano ainda não figurou…
      E vai vir puro 64 bits, sem arrego pra apps 32 bits…
      E vai ser uma arquitetura mais fechada e integrada ainda…
      E vai ser 10 anos de iPhone…
      E vai ter biometria na tela, e vai ter biometria 3D, e vai ter borderless, e a SIRI vai dirigir o carro pra ti…
      E vai no final das contas ser mais um normal e bom aparelho do mercado.
      Ou não…

      • Saulo Benigno

        Ele vai ser mágico 🙂

  • … graças à compatibilidade com DirectX 12 e Vulkan…

    Já perguntei isso num outro post, mas… Oi???

    … consegue extrair mais do hardware e isso era algo que a Microsoft também conseguia com o Windows 10 Mobile em seus dispositivos próprios.

    Nunca conseguiu, pois W10M é uma bosta mal otimizada. Os Windows Phone 7.5/8/8.1, no entanto, era show.

    • Alexandre Machado

      Verdade absoluta.
      Minha namorada tem um Lumia 520 (Snap. S4 dual 1 GHz, 512 MB RAM) que é uma fluidez só com o Windows 8.1, e eu tenho um Lumia 930 (Snap. 800 quad 2.2 GHz, 2 GB RAM) com Win10M RS2 (pelo Insider) que ainda não atingiu o mesmo nível de fluidez e leveza na interface proporcionada pelo Windows 8.1, que veio de fábrica.

      Triste, mas a MS perdeu a mão no quesito otimização no Win10M, além de perder vários recursos massa que o 8.1 tinha, como um discador muito mais intuitivo, fixar contatos na tela, Here+…

  • Vin Diesel

    Mas no meio do dia o usuário de iPhone ta lá procurando onde carregar…

    • Lenda

      • Lucas Timm

        Not really

      • Maom

        Lenda mesmo… Minha mulher não espera chegar no meio do dia… Passa o tempo inteiro com ele plugado no fio, e isso que ela nem joga. Tenho mais cabos de iphone pendurado nas tomadas em todos os cômodos do que habitantes lá em casa. E não é um defeito do sistema, pelo contrário ele é bem econômico, mas o departamento de design ta superando o de nerds da apple ao forçar cada vez mais um celular mais fino e com menos bateria. Deveria ao menos ter uma versão mais rechonchuda deles com 2 milímetros mais gordo e muito mais autonomia.

        • Nada de anormal. Lenda é falar como se fosse um defeito que destoa do resto do mercado.

          As versões Plus não sofrem desse mal. Só carrego o meu pra dormir, desde o 6+. É outra vida. Na versão menor realmente, tem que carregar durante o dia, mas como disse, nada de aberração.

          A versão 6SE de fato não faço o ideia. O povo elogia. Mas acho que a bateria não deve durar o dia todo.

          O Apple Watch a mesma coisa. Estou com ele aqui, usando desde domingo o dia todo, está com 58%, acho que não dura até o final do dia, mas dura tranquilamente 24hs. Não fica-se escravo da bateria. Normal pro tipo de device e pra quem se propões a usar.

          • Gaius Baltar

            Uma coisa que eu noto sempre que vou ao Brasil é que a bateria do meu iPhone 5s sempre dura menos que o habitual. Já o iPad tem a mesma duração, mesmo que eu use muito mais o tablet que o smartphone (ler, ver vídeos e tudo aquilo que só dá pra fazer com clama nas férias), visto que evito andar com o celular de um lado para outro. Um amigo que trabalha na área de TI refere o mesmo com seu aparelho. A melhor hipótese é que se deve à parca cobertura de rede, que força o aparelho a estar sempre à procura de conexão. Não tenho conhecimentos técnicos na área para dizer se isso procede ou não.

          • Procede completamente. A oscilação de 3G/4G, a variação do sinal forte/fraco, é um terror pra bateria, aqui no Brasil, procede completamente o que tu falou, a bateria arrega.

            WiFi come menos bateria, 4G come, 3G come, EDGE come mais ainda é um terror.

            O WiFi só vai comer mais bateria, se de fato tu usar toda largura de banda do 80.11 baixando algo pesado, daí obviamente ele vai ser o sugador de energia, mas senão, só pra ler email, whats e facebook, o WiFi é a melhor opção pra economizar bateria.

          • Maom

            Minha mulher tem o plus, e sim ela carrega inúmeras vezes ao longo do dia, obviamente pequenas cargas e não cargas completas. Eu trabalho o dia todo e não carrego o celular nunca. Nos finais de semana idem. Só carrego pra dormir e uso meu smartwatch todo dia. Ela nem usa mais o applewatch pq perdeu o interesse, se não era mais um consumindo a bateria do iphone com o BT. Eu acho q a bateria do iphone não é de hj é muito pequena para ele e para o uso que as pessoas fazem dele. E acho besteira tendo em vista o motivo de ela ser tão pequena. 1 milimetro a menos de espessura no seu bolso? 10 gramas a menos?
            Não sei de todos os androids, aliás nem deus é capaz disso. Mas pelo menos comparado ao meu sony xperia o iphone plus da minha mulher perde feio em autonomia.

          • Mas tem algo errado com o Plus que ela usa. Outro dia ainda falamos aqui, uso até dentro do chuveiro, e só preciso carregar de noite. A grande diferença do 7 pro 7+, além da câmera e do tamanho, obviamente, é a bateria que dura. Tua mulher passa grudada no aparelho 😀

          • Maom

            Qual mulher não fica grudada com o aparelho? Snapchat, instagram 24h por dia. Mulher não sabe mais pensar sozinha… O consciente da mulher é coletivo compartilhado com outras pela rede o tempo todo. A verdadeira skynet é a mente das mulheres conectadas nas redes sociais.

          • kkkk Minha mulher passa olhando como as outras estão vestidas pelo Facebook, o guia de moda delas…

          • Christian Oliveira

            tem um zenfone 3 zoom com 5000 mah, é bateria bagaraio.

          • Lucas Timm

            Nem precisa ir tão longe… Troquei meu Moto X Play por um Moto Z Play, e é a primeira vez em todos esses anos nessa indústria vital que eu não levo mais um carregador na mochila.

            Faço uso pesado, o dia todo no 4G, e to chegando em casa com 35-40% de bateria disponível.

      • Rapaz, aqui no trabalho a empresa dá um iPhone pra cada funcionário (com caixa e demais acessórios).

        Todo dia tem uma dúzia de pessoas desesperadas atrás de um carregador emprestado.

        Por que será?

        • Microsoft é uma empresa que fornece iPhone aos funcionário. É nela que tu trabalha ?

          Mas é só os iphones que o povo carrega ? Os outros smartphones dos outros fabricantes não tem essa demanda toda de gente carregando ? Só dá iphone em cima das mesas ligado nas tomadas ? 🙂

          • Flávio Pedroza

            “Microsoft é uma empresa que fornece iPhone aos funcionário”. É sério?

          • Sim, a bastante tempo. IBM também. Isso é fato.

          • Maom

            Tenho um amigo q trabalha na MS e tem o iphone da empresa… E ainda por cima mete o pau no W10 mobile. Não no sistema propriamente dito, mas no uso geral já que ele é completamente abandonado e ignorado por todo o mercado de desenvolvedores à usuários.

          • Flávio Pedroza

            Pois é, se a própria empresa que desenvolveu o negócio menospreza, que dirá terceiros de fora (desenvolvedores/usuários)…

          • Maom

            Mas se não me engano tinha uma época que a Google forçava os empregados a usar iphone pra melhorar seus apps pra ele tb… Alguma coisa assim.
            Mas, concordo que os funcionários BR da MS não tem nada a ver com isso.

          • Tenho amigos que trabalham na Samsung e usam iPhone e detonam a TouchWiz.

            O detalhe mais engraçado: Os caras “ajudam” a produzir/testar a TouchWiz (risos).

          • Não, infelizmente não é a Microsoft.

            Mas é uma política de segurança, só podemos usar ayphones!
            Sim, alguém do time de digital security deve ser fã da apple, logo os únicos celulares que vemos durante o expediente é iPhone mesmo.

          • Tu deve trabalhar em banco ou adquirente/processadora de cartões. Mas isso é inegável, quer segurança, tem que ser iOS.

          • Rafael Rodrigues

            Cara, aceita, a bateria é uma merda. 100% dos meus conhecidos usuários de iPhone têm problemas com carga.

            Será que é todo mundo retardado que não sabe usar telefone?

            Desde que peguei o Moto X force, aposentei powerbank e a bateria dura entre um dia e meio e dois.

          • Não radicaliza. Não é 100%, que drama se faz pra qq coisa relacionada a iPhone

      • Christian Oliveira

        as vezes penso que meu 5s é telefone fixo.
        bateria que vale alguma coisa só nas versões plus.

    • Daniel Tiecher

      Lies, damn lies. Eu tenho um iPhone 6 e carrego ele à noite, tirando ele do carregador lá pelas 23h quando chega em 100%, pois não gosto de deixar carregando enquanto eu durmo. Meu uso diário é intenso, sempre tenho 3G, Wifi e Bluetooth ligado. Uso um headphone bluetooth pelo menos 8h por dia, escutando podcasts ou atendendo ligações e quando coloco ele pra carregar à noite (lá pelas 21h) eu ainda tenho pelo menos uns 30% de bateria.

      • 6 ou 6 Plus ?
        Na versão Plus, de fato, dura tranquilo, dependendo do uso, até 2 dias.

        • Daniel Tiecher

          É um 6, não um 6 Plus. Tenho ele desde o lançamento e meu único “segredo” é não ter o Facebook instalado.

          • ricms

            Sei q isso pro androido é algo q da uma nova vida pro aparelho. Mas no iPhone não tinha ouvido falar…

      • Saulo Benigno

        Qual problema em carregar enquanto dorme?

  • Maom

    Otimização de sistema ou não, acho q o calcanhar de aquiles desses galaxys aí é a tela com definição tão alta e desnecessária.
    One plus 5 vem aí com tela full hd e esmaga.
    Ah mas 2k e 4k são ótimos para as mascaras de VR que ninguém usa.

    • Block Black

      Que devem cozinhar o globo ocular, imagina esses celulares processando duas imagens em 2k deve ficar quentinho…

      • Zalla

        não fica tão quente assim, realmente se vc usar no verão o proprio calor gerado pela tela faz vocÊ transpirar e embaça a tela, mas agora vai de boa…vou te dizer, assistir netflix é muito legal…

        • André Maia S. Costa

          Assistir netflix no VR, é MUITO DIVERTIDO!

    • notuenmc

      Eles mudaram isso no S8 (E no S7 via atualização para Android 7). Agora o aparelho roda em 1080p por padrão e só usa a resolução full quando vc ativa o modo desempenho. Eu não notei muita diferença e só ativo o modo desempenho quando quero muito ver parte da diferença num vídeo 4k.

  • Erik Morelli

    Fazem alguns anos que tenho um “mini-game” interno toda vez que vejo um post no meio bit; eu mentalmente digo “-Esse post é/não é do Gogoni.”

    A maior das dicas é sentar piroca na Samsung, até hoje tenho 85% de acerto devido ao caos que foi o alahu note onde o cardoso e o Mister Link falaram bastante sobre.

    • ricms

      Xora mais.

      • Heisenbeck

        Acho engraçado esses “chora mais”, “se ferrou”, etc. Ridícula essa adoração pela marca X ou Y. Principal ponto disso ser ridículo e coisa de “guri de prédio” é o ponto que quanto mais competidores de alto nível a industria tiver, melhor pro consumidor. Mas geral prefere raciocinar apenas com o próprio umbigo e viver numa bolha…

  • Acho que o WP e o IOS rodam apps através de VMs também.

    Pelo que eu entendo, o Android é mais pesado porque a VM não foi criada do zero pela google, e se trata de uma versão menos otimizada. Agora com a google utilizando o Open Java a partir do Android 7, já estão começando a melhorar a performance e otimização de memória. Parece que no Android 8 ficará ainda melhor.

    Outra coisa é que os Android da Samsung são mais pesados. Eu mesmo tenho um S4 com um android LineageOS Nougat, e roda melhor que muitos aparelhos mais novos por aí. Inclusive, é melhor que o 4.4 nativo que tinha nele.

    • Lucas Timm

      Uso Android desde sempre, e tive algumas issues com ele desde então. No entanto, e particularmente, nunca tive problema de performance com ele. E olha que os meus aparelhos oficiais foram:

      – Galaxy 5 (2.1, 2.2 e 2.3 com uma ROM modificada por mim mesmo)
      – Nexus 4 (4.2, 4.3, 4.4, 5.0 e 5.1)
      – Moto X Play (Android 5.1.1, 6 e 6.0.1)
      E agora, Moto Z Play (6.0.1, 7).

      Fora isso, também usei em carater semi-definitivo:
      – Galaxy S3
      – Galaxy Note 2
      – Moto X 2
      – Incontáveis Moto G (G, G2, G3)
      – Aliás ainda tenho um Galaxy S5 de trabalho, da empresa
      – LG G3

      Cheguei a conclusão que, quem reclama de performance no Android, tem telefone lixo. 😛

      • Zalla

        eczato..estou usando um S6 e um note 4…ambos sao excelentes

        • ricms

          Quem diz q compra uma bosta?

      • ricms

        Quem diz q compra uma bosta? x2

  • OverlordBR

    Imagina o iPhone 8 entonces….

    • 8 ou X, seja como for chamado… eu cago e ando para rumores nestes anos todos, mas agora, com o fato dos 10 anos e tudo mais, acho que dá pra dar uma expectativa do que está por vir. Acredito que está caindo de maduro uma revolucionada a lá Apple no mercado.

  • LV

    A Samsung teve que renderizar 4x mais pontos
    A diferença foi até pequena.
    Coloca ambos pra renderizar na mesma resolução e mostra o resultado

    • ricms

      Xola mais.

      • LV

        Chorar? Kkk isso eh celukar colega.
        Tenho pena de fanboy

  • Christian Oliveira

    Chegamos numa época que hardware e OS são commodities, o que realmente faz diferença são os aplicativos universais.
    O design se tornou um fator mais subjetivo que nunca, a usabilidade é praticamente igual em ambos os sistemad.

    • Mas o povo ainda se preocupa com CPU/RAM/MEGAPIXEL na hora da compra… é bizarro, mas o povo ainda discute isso.

      • Maom

        É pq no mercado de androids isso faz todo o sentido… Uma vez que vc vê uma sony, uma lg, uma samsung cobrando tão caro e uma chinesa tipo a one+ e xiaomi com qualidade tão boa oferecendo até mais ram, a mesma cpu, os mesmos megapixel por quase metade do preço.
        A apple cobra caro por um hardware teoricamente mais barato já que tem tb bem menos na tabelinha de specs… Mas tem que colocar no custo do iphone o sistema operacional exclusivo q no fim das contas entrega o mesmo rendimento. Mas que eu gostaria de ver um iphone com 6gb de ram, e um processador de sei lá quantos cores e afins só pra ver como ficaria o desempenho do ios, ah eu gostaria.

  • Bruno Costa

    Parece aquelas discussões infindáveis de se vale ou não a pena trocar o i5 da geração passada pelo i5 da geração atual. A diferença de 0,00005% de performance é destrinchada ao limite, para numa situação específica de probabilidade 0,00005% de ocorrer dizerem que um é melhor que o outro

    • Pois é ! Mas os fabricantes tendem a fugir disso ! Quando Apple ou Samsung entram nesse tipo de briga ou argumento pra tentar vender mais ?? Pelo contrário, o apelo é experiência do usuário, qualidade dos aplicativos, acervo de aplicativos, recursos de vídeo, de foto… qualquer coisa, menos configuração de hardware !

      Quem apela pra configuração de hardware é site especializado e um grupo pequeno de gente de TI que se preocupa com isso.

      As vezes ainda tem empresa com pensamento 90´s falando nisso. Ontem no Faustão (estava chovendo, feriado de páscoa e eu em casa de cueca). E vem duas gostosas fazer uma SELFIE com um celular LG numa baita promoção da CLARO. Sabe o que elas destacaram ??? O Celular vem com 2GB de RAM !!! P Q P !!!! Quem se interessa por quantidade de RAM em 2017 !?!? O que o público leigo do Faustão quer saber de GB DE RAM…. que desastre de propaganda.

      • Eu fui no supermercado e estava acontecendo uma promoção “RELÂMPAGO”…

        A moça estava anunciando um telefone, mas não dizia o nome de jeito nenhum, então ela começava a soltar as specs do aparelho:

        – PROCESSADOR O-C-T-A-C-O-R-E, GENTE SÃO 08 NÚCLEOS, EU DISSE O-I-T-O NÚCLEOS
        – O ANDROID DELE JÁ É ATUALIZADO PRA VERSÃO 7.0.1 É A ÚLTIMA VERSÃO
        – SÃO 32 GIGAS DE MEMÓRIA INTERNA PRA VOCÊ GUARDAR SUAS FOTOS
        – CORRA, SÃO POUCAS UNIDADES

        Realmente era uma boa promoção, um Moto G5 Plus por R$ 999 podendo parcelar em até 10x no cartão Carrefour (jabá!), mas o que mais me chamou a atenção foi o destaque para as specs do celular.

        • Flávio Pedroza

          desses 32, de início só tem disponível 24…

  • Block Black

    taí um tipo de teste inútil só pra encher linguiça… obvio que o Iphone vai se sair melhor.

  • Zalla

    Decida-se ou ele “dá um banhou” ou é “ligeiramente superior”

Aproveite nossos cupons de desconto:

Cupom de desconto Locaweb, Cupom de desconto HP, Cupom de desconto Descomplica, Cupom de desconto Nuuvem, Cupom de desconto CVC, Cupom de desconto Asus, Cupom de desconto World Tennis