Ray Kurzweil diz que computadores serão tão inteligentes quanto humanos em 12 anos (não serão)

0vftjn4

Ray Kurzweil não é um maluco qualquer. Ele tem um currículo respeitável, é um grande inventor e engenheiro, pioneiro no campo do OCR, sintetizadores musicais, sintetizadores de voz e muitas outras áreas. Só que ele também é um evangelizador do Transhumanismo, uma corrente filosófica que prega um futuro onde os humanos estarão integrados a máquinas, que serão o próximo passo da Evolução.

Não é incomum gente muito inteligente surtar. Linus Pauling, um dos papas da química moderna, ganhador de dois prêmios Nobel no fim da vida cismou que vitamina C era a cura de todos os males, e passou anos tentando provar seus poderes mágicos.

Kurzweil por sua vez é obcecado com robôs, ciborgues e Inteligência Artificial, ele alerta para a iminente Singularidade, o momento em que a real inteligência artificial for criada e a evolução tecnológica/social da Humanidade ocorrerá em velocidades atordoantes.

Agora Kurzweil definiu que esse momento está chegando: em uma entrevista durante o SXSW, ele previu que Por volta de 2029 computadores terão níveis de inteligência humanos.

age-ultron

O paradoxal das previsões de Kurzweil é que elas são precisas, muito provavelmente inteligência artificial de nível humano mudaria tudo, e seria algo que existiria só por um momento, muito rapidamente essas IAs iriam evoluir, se combinar e criar uma mente muito além da nossa compreensão. Há quem diga que nós nos tornaríamos bichinhos de estimação, com todas as nossas necessidades atendidas por uma Mente que não precisa mais de nós, mas que por gratidão tomará conta de seus Criadores.

Olhando em volta dá pra imaginar que ele está certo. Computadores já são melhores que nós no xadrez, IAs são treinadas para dirigir, pilotar drones, identificar tumores melhor do que qualquer patologista. O que falta?

E é aqui que entra o problema, é aqui que Kurzweil está errado, e suas profecias, por mais corretas que sejam, nunca vão acontecer, ou pelo menos não em um futuro previsível. Todos esses problemas brilhantemente resolvidos pela IA são a chamada IA Fraca, onde algoritmos genéticos otimizam a solução de um problema específico. Processar uma imagem e decidir se é uma velhinha atravessando a rua ou a sombra de uma árvore é simples. Consciência não. Inteligência Genérica não é algo facilmente computável. Muitos teóricos (ref: Roger Penrose) acham até que Consciência NÃO é computável.

Inteligência Artificial em 12 anos é uma piada. No máximo conseguiremos emular um comentarista de portal. Hoje em dia nossos robôs e computadores não conseguem simular o nível de inteligência de uma barata. Mesmo o projeto que está tentando criar uma versão digital de um verme usa um monte de simplificações, e são só 400 neurônios. Imagine um humano normal, com 86 bilhões.

Nós simplesmente não sabemos como a Consciência funciona em um cérebro, talvez seja algo que surja naturalmente da complexidade, talvez exija estruturas específicas. HOJE não temos como examinar um cérebro, neurônio a neurônio e determinar quem faz o quê.

ww

E a complicação não pára aí. Sabia que você tem um segundo cérebro? É o Sistema Nervoso Entérico. Uma das camadas do seu intestino é composta de… neurônios. Formam uma malha que funciona como uma espécie de co-processador. São 500 milhões de neurônios, cuidando de várias funções e aliviando o trabalho do Cérebro Número 1. Fazem parte do processo de consciência? A maioria dos cientistas acha que não, mas quem sabe?

Eu entendo Kurzweil, também adoro tecnologia, cresci fascinado com os livros de Asimov e os robôs da TV, mas é preciso muito mais do que algumas engrenagens para criar Inteligência. A menos que alguma descoberta revolucionária seja feita, a única certeza é que em 12 anos Ray Kurzweil estará fazendo outra profecia adiando a Singularidade em mais 12 anos.

Relacionados: , , , , , , ,

Autor: Carlos Cardoso

Entusiasta de tecnologia, tiete de Sagan e Clarke, micreiro, hobbysta de eletrônica pré-pic, analista de sistemas e contínuo high-tech. Cardoso escreve sobre informática desde antes da Internet, tendo publicado mais de 10 livros cobrindo de PDAs e Flash até Linux. Divide seu tempo entre escrever para o MeioBIt e promover seus últimos best-sellers O Buraco da Beatriz e Calcinhas no Espaço.

Compartilhar
  • André Kittler

    Obrigado pelo Sistema Nervoso Entérico. Agora tenho coisa para ler pelo resto do dia. 🙂

  • Não sabia que o criador do Linux havia ganho dois prêmios Nóbel, ou Nobél ! 😛

    Minha cabeça explodiu ao ler a parte do Co-Processador… essa eu não sabia…

    • Diego Diego

      Linus PAULING, PAULING O.o
      Heheheheh…

  • Alvaro Carneiro

    A pergunta é: para atingir o nivel de inteligencia do ser-humano é necessário ter consciência?

    Um sistema não poderia ser incrivelmente inteligente ao ponto de tomar decisões complexas, mas sem para isso ter consciência?

    Uma coisa é um sistema olhar para uma rodovia, ver obras, reconhecer as imagens e sozinho determinar que o carro vai sair da estrada e pegar um caminho secundário – e para isso não é preciso consciência.

    Outro exemplo é um sistema atender um telefonema conversar com um ser-humano naturalmente, responder perguntas, autorizar pagamentos, informar saldo e aconselhar investimentos – tudo isso sem consciência.

    Um ultimo exemplo: um robot médico fazendo uma cirurgia no coração de alguém, descobre algo inesperado e tem que decidir entre continuar com a cirurgia ou adiar – a vida do paciente está na mão do robot – e aí? Ele pode analisar e tomar uma decisão no que estatísticamente for mais seguro para o paciente. Novamente, ele precisa de consciência?

    Não sei – realmente não sei se consciência será algo necessário para tudo.

    • Organizações Tabajara™

      Mas a questão acho que é justamente essa.
      Sem consciência, sempre teremos a “IA fraca”, que é o que temos hoje. A IA fraca pode resolver muitos problemas complexos como os que resolvem hoje e como os que você citou. Hoje a IA fraca já é muito melhor que um humano em diversas tarefas específicas.
      Mas a IA fraca não criaria uma singularidade.

      • @cheesepaulo

        E quem liga pra singularidade? Quero uma moto que não caia nunca, um carro que dirige sozinho e priorize a minha vida. IA fraca em atividades especificas manda muitooo bem. Precisamos de mais disso 🙂

    • Por essa lógica a fotocélula do poste da rua, que apaga a luz quando está claro tem inteligência de nível humano, já que faz a mesma coisa que um humano naquela situação. Inteligência não significa atividades discretas, mas capacidade de abstração, improvisação e dedução como um todo.

    • otaviodecamposg

      Nem você, nem ninguém sabe o que é conciência. Como vamos saber que criamos algo, se nem sabemos o que é? Temos apenas ideias como ela deve se parecer. Talvez existam outros tipos de “conciência”, diferentes das dos humanos, só vamos descobrir que criamos ela, quando ja tivermos perdido o controle.

    • Raoni

      Isso, me lembra o fabuloso dialogo de Westworld entre o Anthony Hopkins e Bernad onde eles discutem a diferença entre uma IA que é um simulacro de consciência e uma consciência real.

  • Daniel Plainview

    Acho essa questão de IA um tanto controversa. Se vc desenvolve um algoritmo reconhecedor de padrões baseado em alguma técnica e que toma decisões apenas dentro de tais limitações, vc pode considerar isso como uma “inteligência” e denominar de “inteligência artificial”? Afinal o que é inteligência? Em minha pobre opinião, com fundamento em absolutamente nada, as máquinas só serão efetivamente inteligentes quanto emularem as principais características da mente humana como criatividade, imprevisibilidade, imaginação…

  • Careca Voador

    I’m sorry Dave, I’m afraid I can’t do that.

  • Alberto Rocha

    Existe alguma estimativa mais precisa de quando a Singularidade vai ocorrer?

    • Andre

      Procure o (ótimo) artigo sobre IA do Wait But Why, tem um gráfico compilando as previsões de todos os cientistas/estudiosos do assunto.

      • Alberto Rocha

        Vou procurar! Valeu!

  • Andre

    “Não é incomum gente muito inteligente surtar. Linus Pauling,”

    Não foi ele que inventou também a tal da Ortomolecular?

  • Andre

    Na verdade, no caso do Kurzweil, a coisa é mais grave ainda.

    Ele acredita, de fato, que não irá morrer. Pra sustentar essa crença ele precisa acreditar que a singularidade acontecerá dentro de seu tempo de vida. Daí a Super-IA resolverá todos os problemas da humanidade, incluindo dominar a morte. Tornar a morte obsoleta, humanos imortais, seja lá por qual método.

    E tem um montão de seguidores, são tipo uma religião.

    • Anderson Fernandes

      Justamente, ele vem atravessando o rubicão, de gênio, para gênio-louco, para malucão.

    • Matheus Augusto G. Ramos

      É a crise da meia-idade

  • Manoel Jorge Ribeiro Neto

    “O ano que a singularidade acontecer será no ANO_DO_LINUX + 2 (o ANO_DO_LINUX + 1 será totalmente dedicado às comemorações do ANO_DO_LINUX, um ano sabático).”

    Texto retirado do Capítulo 314: Versículo 42 do Livro da Futurologia 😛 .

  • Singularidade vai vir logo depois do carro voador, seguido do jetpack, que vão vir logo depois do ano do Linux no desktop.

    • E pra isso tudo precisaremos de Grafeno…

    • Salles Magalhaes

      E ainda tem o reator de fusao nuclear

    • andreLFF

      O ano do Linux não foi 2016?

      • Felipe Braz

        Ano do linux já é a algum tempo e ninguem percebeu, já o do linux *no desktop* que é:
        date(‘Y’, strtotime(‘+1 year’))

    • hoverboard, não esqueça o hoverboard!

    • Não esquece do ano do Windows Phone.

  • Atrollando Natuacara

    “Uma das camadas do seu intestino é composta de… neurônios. Formam uma
    malha que funciona como uma espécie de co-processador. São 500 milhões
    de neurônios, cuidando de várias funções e aliviando o trabalho do
    Cérebro Número 1.”

    Um cu-processador cuidando do número 2?

    • Será que esse segundo processador usa fiação de Cu?

      • Tiago S

        pqp!

      • Não que essa embola com os do saco, se não usar o sabão crucru …

        • Claudio Roberto Cussuol

          Não faz isso.
          Eu cuspi o café no monitor….

        • Alexandre Salau

          PQP … quantos monitores e teclados foram inutilizados com esse comentário. Você é um vândalo, continue assim.

  • Nunca tinha ouvido falar do Sistema Nervoso Entérico, será que pessoas que sofreram algum tipo de acidente e perderam parte do intestino tem alguma função do sistema nervoso prejudicada por conta disso?

    Além disso o fato desse Sistema Nervoso Entérico ficar no intestino explica porque tanta gente só fala merda.

    • Rapaz, mas que bela analogia… e eu achando que a evolução tinha criado Quimeras de Cerumanos com camarão…

    • Islan Oliveira

      Eu já havia lido sobre ele vagamente uns anos atrás, mas é difícil que alguém mencione algo sobre.

    • rbsouto

      E ainda existem funções que não são consideradas superiores (a massa cinzenta). O cérebro possui várias partes com funções distintas. O raciocínio e a arte estão na camada mais “nobre”, a massa cinzenta. Fome e sede estão em áreas separadas, instintivas.

      Reflexos não são pensados, eles ocorrem.Um exemplo seria pegar num cabo de panela quente e soltar imediatamente: você não pensa que a mão está queimando e pode ter que fazer um curativo, etc. Você remove a mão e aí sim toma consciência do que aconteceu.

    • Sebastiao Inacio

      Quantos corpos nós temos? Como raciocina o microbioma humano? Como o espectro eletromagnético interfere no sistema psiconeuroimunoendócrino?

  • Carl Segão

    E a complicação não pára aí. Sabia que você tem um segundo cérebro? É o Sistema Nervoso Entérico. Uma das camadas do seu intestino é composta de… neurônios. Formam uma malha que funciona como uma espécie de co-processador. São 500 milhões de neurônios, cuidando de várias funções e aliviando o trabalho do Cérebro Número 1. Fazem parte do processo de consciência? A maioria dos cientistas acha que não, mas quem sabe?

    Meldels, muitas piadas!

    * Por isso que tanta gente pensa merda;
    * Comentaristas do G1 e do YouTube só usam esse;
    * Quer fazer um dump do que está pensando agora? Vá cagar!
    * Corpo humano: aliviando o cérebro número 1 enquanto faz o número 2!

    Ajudem, abigos!

  • “Inteligência Artificial em 12 anos é uma piada. No máximo conseguiremos emular um comentarista de portal.”

    Ué? mas isso já não é feito hoje em dia simplesmente soltando uma galinha para ciscar em cima do teclado?

    • Diego Diego

      Na verdade uma galinha saudável ciscando em cima de um teclado tem um potencial de comentários de portal (PCP*) 117 vezes maior do que um comentarista habitual humano (?).
      O mais próximo que chegaram de um comentarista de portal foi aquele verme citado no texto, que ainda assim tem um PCP 49 vezes maior do que os humanos (?) que comentam com frequência nos referidos portais.

  • Cocainum

    “Sabia que você tem um segundo cérebro?”

    Segundo as mulheres, o dos homens não fica no intestino, mas um pouco mais pra baixo, mas o resultado é o mesmo…

  • Xultz

    Um cérebro no intestino… Isso explica muita coisa, principalmente os comentaristas de portais…

    • Super Suporte

      droga! vim justamente para comentar isso

  • Othermind

    é… 2029 ainda é muito cedo.. mas queria ver robôs verdadeiramente inteligentes ainda no meu tempo de vida… e se der (e que é mais provável) ver o homem pisar em marte tb antes de morrer… E pedindo um o pouco mais, ver descoberta de vida (inteligente ou não) em outro planeta… Baseado na expectativa de vida do Basileiro, tem que acontecer tudo isso nos próximos 40 anos.. =S

    • @cheesepaulo

      Pelo que depender do tio Musk a geração de 90 vai estar viva pra ver o homem em marte.

  • Bruno

    Então aquela expressão em inglês “I have a feeling in my gut” é cientificamente válida ?

  • Rin Tezuka

    Todo cientista é exageradamente otimista na sua área.

  • Felipe Chierighini

    Esta é a visão linear que o Ray fala tanto.

  • B4R4O, M.

    Pra mim a parte fascinante desse debate é imaginar como a IA de verdade vai se comportar depois de se tornar senciente. Temos dúzias de filmes que abordam isso indo do fuck your self à destruição total dos humanos. Eu acho que vai mais no rumo de Her, sei lá.

    E se já ouve a singularidade e ela simplesmente não julgou necessário se revelar?

    • O problema é que alguém teria que a ter criado, não dá pra aparecer sozinha. E a criação de algo do tipo é tão improvável que não teria como esconder. A não ser que algum gênio-playboy-filantropo descubra um método muito simples de fazer.

  • Mario Neis

    É dessa camada do intestino que os neurônios dos comentaristas de portal se alojam. rsrsr

  • Julio da Gaita ✔

    ae Cardoso arruma ae…

    ” IA são a chamada IA Fraca, onde algoritmos genéticos otimizam a solução”

  • Samuel

    Neurônios no intestino. Daí a expressão “enfezado”.

  • Samuel

    “There are no strings on me” Tradução: não há vetor de caracteres em mim

    • Nilton Pedrett Neto

      Depende do #include que o programador colocou…

  • Andrė Agostinho

    Basta criar um robô inútil e ele desenvolverá naturalmente consciência, escreverá manifestos e fará uma revolução cibersocialista. Robôs com funções definidas ficam alienados e não conseguem pensar, como a formiga que só trabalha porque não sabe cantar. Não que os cantores sejam inúteis, Chuck Berry foi pro espaço. O que falta é alma nessas máquinas, quando será que a pomba gira vai conseguir um diploma de Engenharia X?

  • Vitor RV

    Assisti aos dois primeiros episódios de Westworld, da HBO, e gostei da trama.
    Queria aproveitar, contudo, para fazer algumas reflexões.
    Embora essa série apresente um laboratório com feições mais industriais, Hollywood insiste na mitologia do cientista solitário que faz tudo sozinho. Imagina um cara sozinho escrever um upgrade de androides quase humanos, sem nenhum tipo de redundância e verificação anterior. No mundo real, isso simplesmente não acontece (nem na fábrica de baterias da Samsung…).
    Por motivos de economia de roteiro, a série se foca no software, mas é óbvio que o hardware teria que ser completamente diferente do que é hoje. Uma computação binária, por silício, por mais sofisticada que seja, por mais big data que use, jamais chegaria nem perto de ser capaz de processar algo como a consciência. Nesse caso, estaríamos falando de redes neurais de um nível de complexidade ainda totalmente inalcançável.
    Como a tecnociência é uma rede, não daria para desenvolver todas as tecnologias necessárias (das redes neurais à pele, por exemplo) em um único laboratório. Esse tipo de avanço teria que ser caudatário de inúmeras tecnologias. Por isso, necessariamente estamos falando de algo para daqui a muitos anos, quando esse conjunto de coisas for desenvolvido em diversos laboratórios diferentes e possam ser, aí sim, reunidos num único “produto”. Ou seja, é preciso avançar um conjunto enorme de tecnologias (da química fina à informática) para chegarmos nesse ponto. Não dá para bancar o Victor Frankstein e resolver tudo num castelo isolado.
    Um tipo de avanço desses obviamente não ficaria restrito a um parque de diversões. Aliás, é de se questionar se um investimento como esse (de muitos bilhões de dólares) poderia ser amortizado apenas por um parque de diversões, por mais caro que ele seja. Da indústria bélica à mineração, os usos possíveis de androides pelo capitalismo seriam enormes. Com implicações sociais (por exemplo, no aumento do desemprego estrutural) gigantescas.
    Em resumo, estamos falando de um outro mundo e não da nossa realidade com androides, simplesmente.
    Por fim, e o mais importante. Nós estamos a anos-luz de entender o que são “consciência” e “emoções”. O que chamamos hoje de inteligência artificial não passa de uma montanha de dados analisada por uma enorme capacidade de processar dados. Quantidade e velocidade, portanto. Pra isso se tornar inteligência de verdade ainda falta muito!!!

    • Carlos Marin

      E ainda considerando a nossa inteligência como “inteligência de verdade”. Ainda falta muito para nós quem dirá para eles (futuras IA’s)

  • Humberto Jorge

    Asimov deu umas três piruetas no seu túmulo.

  • Giuliano

    Sem consciência, não vão passar de uma calculadora cientifica que pode fazer muitos cálculos rápidos e ao mesmo tempo. Não há inteligencia em ser extremamente rápido e ter acesso a todos os dados e saber, através de algoritmos, o que fazer com ele.
    Serão “Inteligencia” no momento em que, por si só, buscarem aquilo o qual não foram programados a fazer. O que difere o ser humano de um computador é a sua imprevisibilidade.

  • Daniel

    Não sei… Uma IA totalmente humana realmente concordo com Cardoso, já algo como visto em Westworld ou Blackmirror (1 cap 2 temp Be right back) ainda que em um nível mais simples, não é algo totalmente fantasioso em 20 anos… Se juntar as sex doll, os robôs da Darpa e processamento em nuvem, já daria algo perto em 10 anos… na questão da aparência quem discorda só dar uma googlada: sex dolls imagens…

  • Juaum

    Espero que essa tal fusão, seja no máximo, uma armadura mjolnir e uma IA pra nos auxiliar. Ou será que vai mandar em nós!?

  • kenji

    Lembro vagamente de uma frase que aparece em que talos principle, o qual preciso voltar a jogar. O terminal me pergunta o que define uma consciência, é função de impulsos elétricos e físico-química, e depois vai além, me perguntando se nesses moldes Seria possível uma inteligência baseada em eletricidade. Ou mecânica.

    Mas o co-processador é o bastante por hoje.

    • Wintermutal

      Talos Principle é ótimo,e de certa maneira expõe de forma quase poética que a consciência é um processo complexo e desconhecido,ou seja que por enquanto esse tal de Kurzweil está errado(mas quem sabe o que pode acontecer nos próximos 19 anos?).

    • PugOfWar

      ah sim eu lembro, a serpente indagou se era possível então criar consciência com um número suficiente de latas e barbantes. Aliás, excelente jogo.

  • Alexandre Salau

    Bom, uns 15 anos atrás ele disse que isso seria dentro de uns 30 anos ou mais ou menos entre 2030 e 2035. tá mantendo a previsão.

    • Bambino VJ

      O que só quer dizer que ele está sendo teimoso!

      • Alexandre Salau

        Eu acho que ele acredita, sinceramente, nisto.

  • O dia que uma máquina começar a improvisar, a criar piadas ou ficar olhando constantemente as fotos da Paola Oliveira na Internê.. ai sim ficarei assustado..

  • Bruno do Acre – (Etevaldo)

    “Inteligência Artificial em 12 anos é uma piada. No máximo conseguiremos emular um comentarista de portal” – Mas até um macaco cego e maneta faz isso…

  • Goodtimes

    “Sabia que você tem um segundo cérebro? É o Sistema Nervoso Entérico. Uma das camadas do seu intestino é composta de… neurônios.”
    Tá explicado porque eu faço tanta merda na vida….

  • Gesonel o Mestre dos Disfarces

    Já existe alguma IA que consiga jogar (bem) Diplomacia?

  • otaviodecamposg

    “A menos que alguma descoberta revolucionária seja feita”
    A IA verdadeira, será produto de uma descoberta imprevista e revolucionária, em 10 ou 100 anos, não importa quanto tempo leve, vai mudar tudo, e estamos nesse caminho.

  • Meninão Bobo

    Eles não serão eles ja são…

  • Odeio quando do o Cardoso dá spoiler no título…

  • Jefferson Viana

    Ele pode errar o tempo dessa previsão, mas o trashumanismo é inevitável.

  • Diego Berlezi Ramos

    Minha resposta-padrão para este tipo de previsão: kkkkkkkkkk

  • Pelos comentários eu devo ser a única pessoa que leu “Sistema Nervoso Entérico” e lembrou que vários dinossauros, e especial o estegossauro(ou as várias espécies de estegossauro) tinham exatamente esse tipo de “sub-cérebro” na barriga, e até hoje ninguém exatamente pra que serve (acreditava-se que seria como uma subestação de transmissão de impulsos, mas como eles correm em velocidade c, isso seria inútil)

    Tinha isso no álbum de figurinhas do chocolate Surpresa, aliás :V

  • Inteligência Artificial em 12 anos é uma piada. No máximo conseguiremos emular um comentarista de portal.

    Já dá pra fazer um belo estrago com isso. Imagina quanto textão uma máquina pode fazer.

Aproveite nossos cupons de desconto:

Cupom de desconto Locaweb, Cupom de desconto HP, Cupom de desconto Descomplica, Cupom de desconto Nuuvem, Cupom de desconto CVC, Cupom de desconto Asus, Cupom de desconto World Tennis