ad

Devilman Crybaby, o primeiro anime original produzido pela Netflix

É possível que Go Nagai seja um dos mangakás mais versáteis e importantes para os quadrinhos e animações japonesas, embora seja considerado um autor underground. ele foi um dos primeiros a trabalhar com certos temas e desenvolver conceitos que todo mundo imitou depois, como o dos robôs gigantes pilotados de dentro em Mazinger Z (e foi por isso devidamente homenageado em Pacific Rim) a trabalhos com os pezinhos cravados no erotismo, como Cutie Honey.

No entanto, muitos vêem Devilman como sua obra-prima. Publicado originalmente em 1972, o mangá (que foi várias vezes adaptado para animes e possui até uma versão live-action) é um sangrento e violento conto sobre um jovem possuído por um demônio e que após assumir o controle de seus poderes, entra em guerra com as forças demoníacas, enquanto tenta levar uma vida normal.

Devilman não é nem de longe uma história de amor de amizade. É cruel, grotesco, bizarro e passa ao largo de qualquer expectativa de um final feliz. Por isso mesmo ele inspirou muitos artistas nas décadas seguintes, abrindo caminho para obras mais gráficas e adultas numa mídia que ainda tentava se encontrar na época. Por essas e outras hoje Nagai é bastante respeitado no Japão e Devilman é um dos “heróis” mais populares dos mangás até hoje, embora não seja tão conhecido por aqui.

MyAnimeSamurai – Cyborg 009 Vs. Devilman – New Full Trailer

Cyborg 009 VS Devilman, um excelente crossover entre as obras de Nagai e Shotaro Ishinomori (pai do Kamen Rider e dos Super Sentais). Sim, tem na Netflix.

Mas a Netflix pode ajudar nisso, investindo em mais uma série original. Devilman Crybaby é a primeira investida de cabeça do serviço de streaming em uma animação japonesa (Knights of Sidonia e Ajin: Demi-Human foram produzidos externamente, com a Netflix respondendo pela distribuição), em parceria com o diretor Massaki Yuasa, responsável por obras mais leves (como Ping Pong, Space Dandy e um episódio de Hora de Aventura) mas que também já se envolveu em maluquices: ele dirigiu o insano Mind Game (2004) e a série Kemonozume, que todo mundo conhece por causa desta cena (NSFW).

Logo, Yuasa é uma boa escolha para dirigir uma série sobre demônios invadindo o mundo e uma história macabra e até mesmo profana, que na época da publicação original foi intensamente criticada pelas associações de pais e professores por ver violenta demais para as crianças (como se elas fossem o público-alvo…). O roteiro é de Ichiro Okouchi, responsável pela série Code Geass: Lelouch of the Rebellion.

Netflix Japan –『DEVILMAN crybaby』2018年初春、Netflixで全世界独占配信決定!

A estreia de Devilman Crybaby está prevista para 2018 e a princípio apenas no Japão, mas como a Netflix é a content provider a série não deve ficar restrita ao arquipélago por muito tempo. Lembrando, o CEO Reed Hastings mencionou em 2015 que o serviço de streaming deve investir em outros formatos de mídia e além de animes, não descartou “produções de Bollywood originais“. É esperar para ver.

Fonte: Polygon.

Relacionados: , , , , , , , ,

Autor: Ronaldo Gogoni

Um cara normal até segunda ordem. Além do MeioBit dou meus pitacos eventuais como podcaster do #Scicast, no Portal Deviante.

Compartilhar

Aproveite nossos cupons de desconto:

Cupom de desconto Locaweb, Cupom de desconto HP, Cupom de desconto Descomplica, Cupom de desconto Nuuvem, Cupom de desconto CVC, Cupom de desconto Asus, Cupom de desconto World Tennis