Devilman Crybaby, o primeiro anime original produzido pela Netflix

É possível que Go Nagai seja um dos mangakás mais versáteis e importantes para os quadrinhos e animações japonesas, embora seja considerado um autor underground. ele foi um dos primeiros a trabalhar com certos temas e desenvolver conceitos que todo mundo imitou depois, como o dos robôs gigantes pilotados de dentro em Mazinger Z (e foi por isso devidamente homenageado em Pacific Rim) a trabalhos com os pezinhos cravados no erotismo, como Cutie Honey.

No entanto, muitos vêem Devilman como sua obra-prima. Publicado originalmente em 1972, o mangá (que foi várias vezes adaptado para animes e possui até uma versão live-action) é um sangrento e violento conto sobre um jovem possuído por um demônio e que após assumir o controle de seus poderes, entra em guerra com as forças demoníacas, enquanto tenta levar uma vida normal.

Devilman não é nem de longe uma história de amor de amizade. É cruel, grotesco, bizarro e passa ao largo de qualquer expectativa de um final feliz. Por isso mesmo ele inspirou muitos artistas nas décadas seguintes, abrindo caminho para obras mais gráficas e adultas numa mídia que ainda tentava se encontrar na época. Por essas e outras hoje Nagai é bastante respeitado no Japão e Devilman é um dos “heróis” mais populares dos mangás até hoje, embora não seja tão conhecido por aqui.

MyAnimeSamurai – Cyborg 009 Vs. Devilman – New Full Trailer

Cyborg 009 VS Devilman, um excelente crossover entre as obras de Nagai e Shotaro Ishinomori (pai do Kamen Rider e dos Super Sentais). Sim, tem na Netflix.

Mas a Netflix pode ajudar nisso, investindo em mais uma série original. Devilman Crybaby é a primeira investida de cabeça do serviço de streaming em uma animação japonesa (Knights of Sidonia e Ajin: Demi-Human foram produzidos externamente, com a Netflix respondendo pela distribuição), em parceria com o diretor Massaki Yuasa, responsável por obras mais leves (como Ping Pong, Space Dandy e um episódio de Hora de Aventura) mas que também já se envolveu em maluquices: ele dirigiu o insano Mind Game (2004) e a série Kemonozume, que todo mundo conhece por causa desta cena (NSFW).

Logo, Yuasa é uma boa escolha para dirigir uma série sobre demônios invadindo o mundo e uma história macabra e até mesmo profana, que na época da publicação original foi intensamente criticada pelas associações de pais e professores por ver violenta demais para as crianças (como se elas fossem o público-alvo…). O roteiro é de Ichiro Okouchi, responsável pela série Code Geass: Lelouch of the Rebellion.

Netflix Japan –『DEVILMAN crybaby』2018年初春、Netflixで全世界独占配信決定!

A estreia de Devilman Crybaby está prevista para 2018 e a princípio apenas no Japão, mas como a Netflix é a content provider a série não deve ficar restrita ao arquipélago por muito tempo. Lembrando, o CEO Reed Hastings mencionou em 2015 que o serviço de streaming deve investir em outros formatos de mídia e além de animes, não descartou “produções de Bollywood originais“. É esperar para ver.

Fonte: Polygon.

Relacionados: , , , , , , , ,

Autor: Ronaldo Gogoni

Um cara normal até segunda ordem. Além do MeioBit dou meus pitacos eventuais como podcaster do #Scicast, no Portal Deviante.

Compartilhar
  • caio.

    Falando em Bollywood, tem aparecido muita coisa do tipo aqui na seção recém-adicionados… mas não reparei se eram originais Netflix

  • Gustave Dupré

    “Devilman Crybaby, o primeiro anime original produzido pela Netflix”
    Me corrija se estiver errado, mas Knights of Sidonia, os Sete Pecados Capitais, Ajin: Demi-Human e Glitter Force também não são produções originais Netflix? Como Devilman pode ser o primeiro anime produzido pelo Netflix?

    Dei uma olhada na fonte e não vi nenhuma referência a primeiro anime produzido pelo Netflix.

    • Lorena Krauss

      São não, só são distribuidos pelo mundo pela Netflix.

      • Gustave Dupré

        Entendi, faz mais sentido agora. Obrigado.

    • Pedro

      Vc leu a matéria?

      • Gustave Dupré

        Li sim, mas ficou a duvida, por isso o “Me corrija se estiver errado”. Obrigado pelo comentário construtivo.

    • Rodolfo da Silva Carvalho

      A Netflix utiliza o selo “Original Netflix” sempre que tem algum tipo de
      exclusividade sobre a obra. Os animes que você citou ela tem
      exclusividade na distribuição fora do Japão.

    • mr_rune

      Nanatsu No Tai. FODA.

      • Gustave Dupré

        Verdade. Segunda temporada está ai

        • Yago Oliveira

          Quando sai?

          • Gustave Dupré

            Já saiu, aliás, já tem 4 episódios.

          • Yago Oliveira

            Ah, aqueles 4 episódios… Mas aqueles ali para mim nem conta. Quero história nova, ali foi só um DLC da primeira temporada.

          • Gustave Dupré

            Sério? Ia ver esse fds =/ Estou todo desinformado.

          • Yago Oliveira

            Cara, sério. Ficou foi confuso. É como se os quatro episódios ocorressem antes do final do último da primeira.

    • PugOfWar

      Glitter Force é na verdade a série Precure, acho que nos outros casos acho que só a distribuição era original netflix.

  • O primeiro anime da Netflix não seria o Blame! que estreará em breve?

    • Rodolfo da Silva Carvalho

      Esse anime será distribuido pela Netflix. Ele foi produzido pela Polygon Pictures.

      • Mas a situação do Devilman é exatamente a mesma. O anime é produzido pela Science Saru. A Netflix não tem estúdio de animação, do mesmo modo que não tem um estúdio para produção de séries.

        A diferença destes animes para os outros que existem na Netflix é que ambas as produções são bancadas pela Netflix, produzidas à pedido dela.

        • Rodolfo da Silva Carvalho

          Agora estou em dúvida também.

    • PugOfWar

      sei que o mangá era um dos melhores que já vi, Killy até fez uma ponta em Knights of Sidonia

  • Daniel

    Knights of Sidonia eu gostei assisti as 2 temporadas, ja Ajin assisti 3 ep e desisti.

    • Rodolfo da Silva Carvalho

      Assistir as duas temporadas de Ajin. A primeira é bem fraca, a segunda melhora um pouco, mas é bem dispensável mesmo.

    • Yago Oliveira

      Não consegui terminar o primeiro episódio de Aijin.

  • Magnosama

    Netflix é muito amor, <3

  • Othermind

    #curti

    Cara… A netflix tinha que comprar esportes… e transmitir ao vivo inclusive… ia quebrar a concorrencia (se existe)

    • mr_rune

      É ? Você gosta ? Eu não, por mim se quisessem transmitir esportes devem usar Facebook Live, Twitch e YouTube. Não peça lixo no Netflix, por favor.

      • Othermind

        Sim.. gosto muito de esporte.. Outras pessoas gostam tb… e pra quem nao gosta seria super facil.. só nao assistir…

      • Diego

        Que problema tu tem com esportes? Se o Netflix transmitisse os grandes Tours (Vuelta a España, Giro d’Italia e Tour de France) e as provas clássicas do ciclismo eu ficaria mega feliz. É como o Othermind disse, não gosta, não assiste. Simples.

        • mr_rune

          Não curto e acho que eles não tem que gastar dinheiro com isso. Questão de assistir ou não eu já faço com TV aberta.

          • cquintela

            Realmente, acho que se tu não gosta, não devia existir no mundo. Acho que o que vale mesmo para todos os terráqueos é a sua opinião.

            Inclusive se um dia tiver uma invasão alienígena vou indicar você como líder global sobre todos os assuntos.

          • mr_rune

            Nossa te magoei tanto assim só por não gostar? Fica axim não bb

          • cquintela

            hoje é dia de rock

    • Ed. Blake

      Assino embaixo! Eu recomendo assistir lá o Ultimate BeastMaster. Acabei a primeira temporada ontem e vale muito à pena.

      • Othermind

        Ahhh to assistindo.. to na metade… to achando muito bom.. Apensar que a dupla de comentaristas brasileiros acho que nao combinou muito… Os mais engraçados sao os comentaristas coreanos la…

    • Gaius Baltar

      O problema são os contratos em vigor e a questão da distribuição mundial. Hoje ligas como a inglesa têm um contrato de transmissão por país, então a Netflix teria que negociar com cada detentor de direitos locais para transmitir por streaming, o que seria difícil pois muitas emissoras já transmitem através de apps (Fox Sports, ESPN ou Esporte Interativo) e não teriam interesse em abrir para um concorrente.

    • Tiago Antunes De Souza

      só se o netflix conseguisse disponibilizar todo o campeonato de uma só vez no dia do lançamento

    • paulocesar

      Seria incrível mesmo, porém eles nunca vão conseguir encarar a maior máfia do mundo do entretenimento.

  • PugOfWar

    eu vi esse crossover, primeira vez que vi esse Devilman

  • Marcelo Zibell

    Eu ainda espero a terceira temporada de Knights Of Sidonia.

    • Sidonia, Ajin e até The Seven Deadly Sins. Preciso!

  • Leonan

    Só Berserk nunca vai receber um anime decente.

    • ちゃなめちゃく

      🙁 não sei se chorou ou dou risada , A essas ultimas animação de beserk ficou uma bosta

  • paulocesar

    Eu achei a animação dessa nova meio ruim, não sei se é o framerate ou são as formas distorcidas, mas dá para notar uma queda de qualidade bem grande se comparando com o video anterior de Cyborg 009 VS Devilman, por exemplo.

    Talvez seja por que é só uma pré-produção, mas uma coisa é bem clara para mim, nunca mais consegui ver um anime depois de adulto. Parece que produções de alta qualidade como Cowboy Beebop, Akira, Evangelion que eu gostava quando era novo simplesmente não existem mais.

Aproveite nossos cupons de desconto:

Cupom de desconto Locaweb, Cupom de desconto HP, Cupom de desconto Descomplica, Cupom de desconto Nuuvem, Cupom de desconto CVC, Cupom de desconto Asus, Cupom de desconto World Tennis