Cartuchos estariam deixando jogos do Switch mais caros

Quem está acompanhando as notícias sobre o Switch deve estar sabendo que alguns jogos anunciados para ele custarão mais caro do que no PlayStation 4 e no Xbox One. Isso acontecerá por exemplo com o Rime e o Puyo Puyo Tetris, que no console da Nintendo teremos que pagar £ 10 a mais do que nos outros aparelhos. Ao saberem disso, evidentemente muitos consumidores ficaram descontentes e após fazer uma pesquisa, o site Eurogamer parece ter descoberto o motivo.

Embora a Tequila Works tivesse afirmado que o preço do Rime levava em consideração “os custos de desenvolvimento e publicação para cada plataforma,” algumas pessoas passaram a especular que na verdade eles estavam aproveitando a pequena quantidade de jogos disponíveis para o Switch, mas aparentemente eles tinham sido sinceros.

O problema estaria na diferença de preço entre produzir um jogo que será distribuído em Blu-ray ou com os cartuchos utilizados pelo Switch e como eles variam de 1 GB até 32 GB, o preço obviamente fica mais alto conforme o tamanho aumenta. Além disso, quanto mais cópias uma distribuidora pedir, menor será o custo de produção, mas no caso de um estúdio indie, isso poderá ser uma barreira enorme.

O pior de tudo é que a Nintendo exige que os preços cobrados pelas versões físicas e digitais sejam o mesmo, já que assim as lojas físicas não seriam prejudicadas. Porém, ao fazer isso eles acabam fazendo com que nós tenhamos que pagar mais caro mesmo pela versão digital e dado o histórico da Nintendo, eu não esperaria grandes promoções para tão cedo.

Com isso, não deverá ser uma grande surpresa se os jogos para o Switch passarem a trazer menos conteúdo do que teremos nas outras plataformas, já que as desenvolvedoras poderão preferir reduzir custos comprando cartuchos menores. Por outro lado, essa limitação também poderá fazer com que as companhias invistam em otimização, algo que muitos jogadores vem reclamando há bastante tempo.

A tendência é de que com o passar do tempo essa diferença entre o custo de produção para discos e cartuchos diminua, mas pelo o que tem sido visto até agora, acho muito provável que os estúdios menores fujam das versões físicas e vendam seus títulos apenas pelo eShop.

Fonte: Destructoid.

Relacionados: , ,

Autor: Dori Prata

Pai em tempo integral do pequeno Nicolas, enquanto se divide escrevendo para o Meio Bit Games, Techtudo e Vida de Gamer, tenta encontrar um tempinho para aproveitar algumas das suas paixões, os filmes, os quadrinhos, o futebol e os videogames. Acredita que um dia conseguirá jogar todos os games da sua coleção.

Compartilhar
  • Jorge Dondeo

    Eu não entendo essa obsessão da nintendo por cartuchos.

    • Eric da Silva

      é pra gente poder assoprar.

      • Cocainum

        Ou lamber…

        • Ivan

          dizem que tem gosto ruim

        • Fernando Silva

          Não no caso do Switch, o gosto é horrível…

          • Cocainum

            O pessoal está lambendo justamente POR CAUSA do gosto horrível (devido a um tratamento químico que dá esse gosto para evitar que crianças pequenas engulam os cartuchos).

            Quantos vídeos no YouTube mostram pessoas comendo açúcar? E quantos vídeos mostram gente consumindo pimenta?

          • Jefferson D. S. Arantes

            Pimenta tem vários idiotas tentando a sorte, e açúcar não, mas os produtos finais dela tem aos montes.

          • Fernando Silva

            Aí também jé é exagero. Eu lambi o meu Zelda e o gosto é horrível… por dois segundos.

      • Nilton Pedrett Neto

        nostalgia vende.

      • Jorge Dondeo

        kkkkkkkkkkk saudade dessa época.

    • brunossn

      Um dispositivo do tamanho do switch não comporta um drive de disco

      • PSP manda lembranças.

        • Ivan

          ia escrever exatamente isso do pro doorspaulo

        • brunossn

          Menos espaço para processador, menos bateria, componentes mecânicos… será que vale a pena mesmo? O proprio Vita era cartucho

          • Ivan

            mas que tem espaço tem, psp é metade do tamanho e teve espaço.

          • Diogo

            Se carro, que tem amortecedor e tudo mais, já fica pulando e cortando música em CDs, imagina em um aparelho que pode ser sacudido em mãos incautas.

          • Não estava defendendo e nem acho a melhor solução. Só lembrei que isso já existiu, então não é impossível.

      • Jorge Dondeo

        Acho que devia matar a mídias físicas, arriscar.

    • doorspaulo

      GC, Wii e Wii U utilizavam discos. O ultimo console da empresa, tirando os portáteis, a utilizar cartuchos foi o N64.

      O problema é que o Switch é um “híbrido”, e não teria onde colocar uma mídia óptica.

      A única treta do cartucho é o custo mesmo, pois ele ganha em todo o resto.

      • Ivan

        Esqueceu do psp.

        • Maom

          Os UMD do PSP eram uma merda. Barulhentos, lentos e consumiam energia demais. E um buraco na rua se estivesse dentro do carro, fazia ele engasgar.

          • Ivan

            Pode ter tudo isso de problema, mas falar que não tem espaço ou não tem como colocar é mentira.

          • Maom

            Não tem como colocar…. Os UMD eram ridículos e comportam muito menos dados por cm² do material físico. Nunca gostei de jogos digitais pq gosto de colecionar as mídias… Mas no psp eu tinha ums 3x mais jogos digitais que físicos.
            Cartucho é tecnologicamente muito mais avançado que uma vitrola laser.

          • Ivan

            Não tem como colocar? Pq?

            Se um console de 2005 tinha como não vejo como hoje não seria possivel

          • Maom

            Pq ninguém consegue encontrar um “geneo” que faça um portátil em 2017 com um leitor de mídia óptica. Parece que esse tipo de geneo já se aposentou depois de ganhar um Darwin Awards.

          • Ivan

            A questão inicial é que CABE, se é pior o melhor não vem ao caso, é possivel colocar e ponto final.

          • Maom

            É possivel colocar um cinzeiro no switch tb…. Se for seguir essa lógica… Podemos criticar o switch por vir sem esse recurso imprescindível.

          • doorspaulo

            Pelo visto, você não quer discutir, você quer estar certo.

            Sim, seria possível fazer o Switch com disco óptico, mas não seria viável.

          • Ivan

            Pensei que vc tinha falado que não cabia um drive otico no switch, se for isso está errado mesmo, agora se falar que não compensa ai sim concordo.

          • doorspaulo

            Não teria onde colocar de forma que funcionasse a contento.

            Teria que ter estabilizadores, cache, RPM razoável, etc. Uma unidade com esses recursos é grande, então não teria como colocar mesmo.

            Agora, se fosse uma porcaria igual os UMD do PSP, que se você tossisse com o console na mão já travava tudo, aí caberia.

          • Nilton Pedrett Neto

            “esse argumento não cabe na discussão”… é uma figura de linguagem…

          • Eu concordo que o UMD era uma porcaria, mas nesse ponto o Ivan tem razão. Colocaram um drive ótico em um portátil de 2005, com a evolução tecnológica poderia ser funcional, aumentar a densidade e a velocidade.
            Porém, nesse ponto entendemos que, o custo de desenvolvimento disso não compensa por existir tecnologia melhor e que na escala ficará tão barata quanto ou até mais em pouco tempo.
            Enfim, acho que o ponto do Ivan era esse: não é impossível.

          • Maom

            Não é impossível mas não tem lógica. A tecnologia de um drive optico esta sumindo até dos computadores…. Apenas os consoles continuam com isso.
            Ninguém reclamou que o ipod veio sem entrada pra fita cassete já que a memória para armazenamento das músicas era cara naquela época.

          • Exato. É o iPod no seu exemplo acabou barateando depois que a escala ficou vantajosa. É o caso dos cartuchos. Acho que o Ivan não está pensando que é apenas um cartão SD com conector diferente. É a mesma tecnologia.

        • doorspaulo

          Tenho um PSP, e te digo que o UMD simplesmente sumia com a bateria do coitado.

          Depois de desbloquear e passar os jogos para o cartão de memória, a autonomia aumentou e muito.
          O Switch já não tem uma bateria que aguenta muito, usar uma mídia dessas mataria o modo portátil dele.

          ps: não cheguei a esquecer, apenas foquei nos consoles da Nintendo, que era o assunto inicial.

      • Jorge Dondeo

        Sim, tecnicamente é superior, mas acho que a Nintendo deveria abandonar a mídias de vez.

        • Theuer

          Antes de abandonar, põe um slot microSD que não ocupa nada de espaço e ofereça a opção de jogo neste formato de mídia.
          É só ler os comentários que verá como ainda tem muita gente que faz questão de ter o jogo físico.
          Eu não faço, mas também não jogo! 🙂

          • Maom

            Pq o cartucho é desenvolvido para ter a melhor performance possivel para aquele uso, diferente de um micro SD que é mais versátil, servindo a múltiplos propósitos e portanto é mais caro e menos eficiente.

          • Theuer

            Sim, é isso mesmo.
            Apenas disse que em último caso, talvez ainda apelem para algo assim antes de matar de vez a mídia física.

            ps: apesar da alta velocidade dos cartões SD de hoje em dia, quem substituiria com muita vantagem um cartucho na verdade seria um CFast né… A leitura aleatória dele é rapidíssima.

        • doorspaulo

          No PC eu já abandonei faz tempo, o jogo mais recente que tenho em caixinha é o CS 1.6, mas nos consoles, acho mais difícil.

          O mercado de usados pesa bastante e, lembra quando a Microsoft ameaçou isso, antes do lançamento do XOne, a choradeira que foi?
          Nos consoles ainda tem aquele negócio de emprestar o jogo para um amigo, vender o usado, etc, é outra cultura.

          Eu tenho um Wii U, e volta e meia troco algum jogo físico com algum amigo meu.

          • Jorge Dondeo

            Mas cedo ou tarde vai acontecer, não tem jeito.

          • doorspaulo

            Sim, estou ciente e aguardo este momento, pois o valor dos jogos irá despencar, como ocorreu com o PC.

          • Maom

            Mas no PC o preço caiu pq nao existe uma loja fechada igual nos cosoles e a concorrência fez a diferença. A nintendo, sony ou MS nunca vão permitir q a Steam, Nuuvem, etc vendam jogos nos consoles. Então, com ou sem mídia física o preço vai continuar naquele patamar dos 60 dolares no lançamento como é hj.

          • doorspaulo

            Mas existe a concorrência entre as duas.
            XOne e PS4 são a mesma coisa pra mim, a única diferença seriam os exclusivos.

            Se não tivesse PC, compraria aquele com os jogos mais baratos.

          • Maom

            Mas MS e Sony ganham já muito dinheiro com esse duopólio controlado, as mídias digitais não vão mudar nada. A steam é barata pq a concorrente dela pratica preços irreais. A concorrente da steam é a Piratebay!

          • doorspaulo

            Tenho esperanças xD

      • Kheiron

        A longo prazo é muito melhor. Até para a vida util do console.

    • Maom

      Cartucho é mais rápido e mais resistente que um CD que ainda é maior. Imagina que beleza seria um BD girando num console portátil.
      Eu preferia que o meu ps4 tb usasse cartucho. Vejo meus cartuchos de 3ds, de psvita, todos ali firmes e fortes… Bem mais bonito para um colecionador que um cd sem vida! kkkk

      • Depois de vermos cartões microSD com 256 GB de memória também não vejo justificativa em discos óticos. Essa desculpa do custo pra mim não cola mais. É questão de escala. Como você mesmo comentou, alguns centavos de diferença não pesariam no bolso do consumidor (obviamente esse custo seria nosso).

        • Ivan

          Já saiu materia bem antes de confirmar o que seria por cartucho falando que seriam caros, então tem logica sim.

          • É questão de escala.

          • Ivan

            Sim questão de escala mas o preço ainda é alto mesmo em grande escala.

          • Diogo

            Nintendo DS e 3DS também usam cartuchos proprietários, mas nem por isso vemos jogos caros hoje em dia, já que estão sendo produzidos em escala.

          • Ivan

            tecnologia é diferente, jogo de 3ds é nem 2gb enquanto do switch chega a 32.

          • Diogo

            Caramba. Será que eles estão usando tecnologia alien pra ser tão diferente assim e ser mais caro?

          • Maom

            Cara, em escala, esses cartuchinhos custam centavos de dólar.

          • Diogo

            Ele não deve conhecer os cartões de memória microSD. Deve ser novidade pra ele.

          • Maom

            Ainda mais aqueles cartões sem marca vendidos na china… Lembro que um pendrive era uma fortuna 15 anos atrás… Hj em dia vc ganha pendrive de brinde em chaveiros de empresas e nunca nem usa. Não está nem aí pra ele.

          • Artur

            blu ray custa muito menos que cartão de memoria, e nem vou falar de um tipo novo e diferente de cartão que são os do switch.

          • André Luiz Zacarias

            Bluray pode custar menos, mas nem de longe atende a necessidade. Pois a taxa de leitura é bem mais lenta que o cartucho, muitas vezes requer instalação de parte do jogo na memória interna do console e requer espaço para dispositivo de leitura da mídia (só aí, adeus conceito de console híbrido).Limitar somente ao preço é usar tapa viseira de cavalo.

          • Artur

            para isso vc instala o conteudo do jogo no HD do console.

            depois, vc fala como se todas os cartões de memorias, por serem cartões de memoria, já são mais rapidos que o blu ray.

          • Theuer

            Mais ou menos né, tenho um projeto com amigos em que pagamos U$8 cada chip Samsung de 16GB NAND.
            Imagina o valor que a indústria consegue comprando lotes e mais lotes…
            Claro que não existe almoço grátis, mas diluindo esse valor entre as vendas de cartuchos e online(já que o valor precisa ser o mesmo), o custo cai para meia dúzia de dólares.

          • Artur

            um blu ray tem 50GB e custa 1 dolár.

            não adianta dizer que é barato, se blu ray é muito mais barato.

          • Theuer

            Jóia, enfie-o no Swicht e depois no bolso então.
            Tá Serto.

          • Artur

            to respondendo os custos analfabeto funcional.

            não to falando para botar um blu ray no console portátil ameba retardada.

            16GB por 8 USD + o custo de fabricação de um cartucho exclusivo para um console.
            50GB por 1 USD compartilhando por todo a industria de blu ray do planeta.

          • Theuer

            Nossa, que pitizão sua doi-da!
            Besta, o que adianta comparar laranjas com melancias?
            TODOS aqui sabem o custo aproximado de um BD, você não está na área de ignorantes de onde você saiu.
            Em geral a galera daqui não é burra fazendo comparações idiotas e ficando triste porque um celular tem só 64GB sendo que um HDD pode ter 3~4TB.
            É interessante imaginar como funciona a cabeça limitada de alguém que faz comparações incabíveis, admite que é descabida com a frase “to respondendo os custos analfabeto funcional” (sem vírgula e com um português de começo de alfabetização) e ainda volta aqui para insistir no erro.
            Parabéns.

          • Artur

            pitizão o teu pai deu quando a tua mãe te cagou, e ao inves de dar descarga, resolveu te criar.

            so toma cuidado para não cair no vaso sanitario, senão alguém com bom senso te da descarga.

            bom block 🙂

          • Kheiron

            hahahaha os caras querem dar opinião e nem param pra pensar na ergonomia da coisa.

          • Theuer

            Ah é, fico imaginando um mundo feito por esses comentaristas…
            Picasso seria apenas um conservador lá! 🙂

          • Rafael Rodrigues

            OK, mas qual a velocidade de leitura/gravação e IOPS dessa nand?

      • Brotherhood of HUE

        Falando nisso, o cartucho do Switch é do tipo SD?

        • Maom

          Não, é um cartucho proprietário e exclusivo para essa finalidade como todo cartucho de jogos de qualquer console da história… Agora por dentro, pode até ser um sd, não sei.

          • Só aguardar que logo teremos um genérico, ou adaptador pra microsd…

        • Wallacy

          É chip NAND solo parecido com um SD, porém com outra interface. Além disso é somente leitura. A grande diferença é que a taxa de leitura que parece ser acima da media. (Como é um card read only, faz um certo sentido).

      • Jorge Dondeo

        Acho que essa seria a chance de a Big N dar uma de apple, a matar a mídia de vez. Eles teriam uma bos desculpa.

        • Maom

          Mas tem muita gente (eu por exemplo)que gosto da mídia física. Não gosto de mídia óptica pq são ruins de transportar, lentas e frágeis. Mas eu curto os cartuchinhos e o fato de poder trocar com amigos ou desconhecidos via mercado livre e afins.

    • Inquisidor

      cartucho não deveria ter loading e é quase indestrutível , mas eu prefiro valor há velocidade.

      • Jorge Dondeo

        Também.

      • Tom

        O problema desse caso é o valor baixo dar problema antes

    • Fernando Silva

      É mais difícil de piratear (não digo impossível, porque para os piratas, nada é impossível). Vide que o Jogo quando saiu para Wii U já estava no dia seguinte na locadora do Paulo Coelho.

    • Artur

      para portátil tem que ser isso ai mesmo.

      ou vai somente no digital…. mas para a empresa que achava que jogar on line era modinha inutil até pouco tempo atras, espere uns 100 anos para eles virarem somente digital.

      • Jorge Dondeo

        Pois é, seria a chance de outro para matar as mídias físicas de vez.

        • Artur

          ai o Gamestop iria boicotar o console.

    • Theuer

      Já nós, profissionais, não entendemos a obsessão por discos ridículos para qualquer tipo de mídia.
      Distribuição de material hoje, é assim:
      https://uploads.disquscdn.com/images/e94b202a31f7233f9d8f12ea6692bed6b8de8fc635331f6a45d620e40916ea43.jpg https://uploads.disquscdn.com/images/d3b1363cae009ff2ae9fd1e1c31c635937f8a84dc557b0bd3fabc5acfe5778e0.jpg

      • Kheiron

        Cara, sou ignorante quanto a esse tipo de coisa, o que é isso ?

        • Vinícius

          Me parece algum tipo de dispositivo alienígena, ou talvez um instrumento da Enterprise.

        • É um equipamento de uma empresa chamada Blackmagic Desing destinado ao mercado de broadcasters. Esse aí em específico é um duplicador 4K. A destinação é permitir a distribuição de conteúdo. Pode ser instalado em uma emissora, produtora ou unidade móvel, recebe o sinal de áudio e vídeo da produção em questão é grava em vários cartões que podem ser usados para distribuição rápida e com qualidade preservada. Também duplica o conteúdo de um cartão em vários outros.

          • Kheiron

            Poxa, obrigado pela explicação, muito legal o equipamento e muito útil. Ví alguns usos para empresas de monitoramento.

    • Terra Nova

      Mais rápido
      Diminuem os LOAD…
      Não precisa de instalação
      Dura mais
      Consome menos energia
      Melhor portabilidade (imagina um portátil rodando um Blue-ray?)

      • Jorge Dondeo

        Kkkkkk isso é verdade.

  • Maom

    Q desculpinha mais sem sentido… Quanto custa produzir um cartucho desses?
    R: centavos de dólar. Alguns centavos a mais que um blue ray.
    Se a diferença para produzir o cartucho fosse assim tão impactante para a comercialização dos jogos então os jogos em mídia física deveriam custar mais caros que os jogos digitais sendo vendidos a preço cheio.

    • Ivan

      Não acho que sejam tão baratos assim.

      • Maom

        Aguardo seu comentário sobre o fracasso que o Switch seria, segundo suas previsões. Quase 2 mi vendidos já em menos de 15 dias.

        • Ivan

          https://mestregeek.com.br/no-mans-sky-ja-e-o-jogo-mais-vendido-da-steam-antes-mesmo-de-seu-lancamento/

          Acho que não preciso falar mais nada….

          • Maom

            Pois é… No man sky vendeu muito antes mesmo de vender…. O switch ta vendendo muito ainda e sendo elogiado…. Mas claro que sempre tem a meia dúzia de unidades que apresentam um problema tipo o iphone que entorta… E dentre tantas matérias elogiosas, algumas matérias contendo criticas ganham destaque. Mas continua secando, afinal se vc já comprou um carrinho de mão, uma tv 4k de 20 polegadas e um nobreak poderoso pra jogar ps4 por aí.

          • Ivan

            Vendeu muito por causa do hype, assim como no man sky vendeu, tem que esperar passar a euforia do lançamento.

            Sò o tempo dirá se esse numero de venda vai continuar bom ou cair muito.

          • Diogo

            Se é pra comparar, sejamos justos: compare a nota do Zelda com a de No Man Sky.

          • Maom

            Nem precisa apelar… Não precisa ser comparar com o No man sky… Mas compara com os jogos que chegaram pro ps4 e xbox one….

          • Ivan

            Não comparei zelda com no man sky em nenhum momento, só comparei o numero de vendas do switch com no man, por causa do hype.

          • Ivan, comparar venda de software com venda de hardware não é um bom parâmetro, não acha?

          • Ivan

            É pelo hype, sendo hardware ou software o que vendeu os 2 foi o hype.

          • O Switch não está com tanto hype assim. O hype é no Zelda e este software foi o hardware selling do Switch.

          • Maom

            Eu nem comprei ainda mas é um antigo sonho, um portátil com capacidade de console de mesa. Não quero jogar um fps nele, mas terei prazer de jogar zelda, skyrim e se deus quiser um gta dos novos onde eu estiver e como eu quiser sem depender de uma tv. Isso não é hype é gosto e eu sou fã de portáteis desde o primeiro gameboy. Só que a evolução deles foi estagnada pq o mercado ficou parado em jogos simples de 3ds e jrpgs mais do mesmo no psvita e 3ds… Então estou torcendo para que o mercado finalmente abrace esse novo portátil e que venham os grandes jogos e franquias para ele.

          • Ivan

            Eu já tive psp, game boy color e 3ds, vou comprar um switch quando tiver com dinheiro, também quero que faça sucesso, mas não é por causa disso que vou virar fanboy e falar que ele é perfeito.

          • Maom

            E quando falei q ele é perfeito…. Mas é um bom começo. Perfeito vai ser quando rodar 100% dos jogos de mesa. De resto, se é 720 p numa telinha de 7 polegadas ou 4k… não muda em nada pra mim. Oq muda é se vai ou não ter um port do gta 5 ou 6 pra ele ou pro switch 2.

          • Ivan

            Nunca falei mal da resolução dele, nem dele ter grafico de um ps4, não tem logica criticar isso.

          • Maom

            É que essa e a unica e real limitação…. Se ele consegue rodar um gta 5 com os 720p do ps3 numa tela de 6 polegadas, então só preciso torcer pra boa vontade da Rockstar. Os outros “defeitos” apresentados por aí são insignificantes pra mim, como seria o fato do iphone entortar se eu sentasse nele.

        • Artur

          o PS4 vendeu 2 milhões NO DIA do lançamento.

          • Maom

            E quando foi que eu afirmei que o switch é o melhor do mundo? Nego se doí como se fosse dono das empresas.
            O switch é muito bom, o ps4 é muito bom. Lide com isso.

    • Ivan

      “O pior de tudo é que a Nintendo exige que os preços cobrados pelas versões físicas e digitais sejam o mesmo, já que assim as lojas físicas não seriam prejudicadas.”

      • Lança somente no eShop com o preço justo. Vai vender.

        • Ivan

          com esse incrivel espaço interno do switch vai ser dificil.

          • O Switch não tem expansão por SD?

          • Ivan

            Tem sim, mas dai vc vai gastar a mais pra comprar um jogo digital pelo mesmo preço? eu não vejo logica nisso.

          • O cartão não servirá para apenas um jogo. É uma compra que ao longo de alguns jogos se paga e depois só se economiza.

          • Diogo

            Incrível. O cara tenta achar defeito de qualquer maneira. A troco de quê? Ódio pela Nintendo?

          • Maom

            Ele critica e cria argumentos para acabar com os switch faz alguns meses kkkk… Deve ser estagiário do departamento de relações publicas de uma concorrente da nintendo. Só pode.

          • Ivan

            Desculpa cara, Switch é a 8 maravilha do mundo é perfeito, lindo e cheiroso.

          • Maom

            Não, não é… Mas é finalmente a primeira proposta de termos um portátil podendo oferecer oq um console de mesa oferece e não um psvita oferecendo um Uncharted mal feito parecendo de psone.
            Ele tem defeitos, mas não tantos quanto os que vc prega por motivos tão sem sentido e inventados quando vc falou que não seria possivel jogar e carregar ele ao mesmo tempo.

          • Ivan

            No modo portatil é possivel? Pelo que EU saiba não é, vc tem que jogar em modo dock, não é igual um 3ds que vc consegue jogar deitado e carregando, mas posso estar errado.

          • Maom

            Sim é possível… Vc carrega ele enquanto joga deitado, na privada, na rede, etc… só precisa da tomada evidentemente. Oq não da pra carregar enquanto joga são os controles destacáveis que tem autonomia de 20 horas. Mas o tablet q tem autonomia de 3 horas vc carrega enquanto joga numa boa. E bem 20 horas é mais que as 6 horas do meu dualshock… Se eu me programo pra carregar ele sem precisar depender de um carregador, com 20 horas é mais fácil ainda, basta deixar ele na base carregando a cada 5 dias que pra mim dá e sobra.

          • Ivan

            tem algum link dessa informação de carregar sem o dock?

          • Ivan

            Achei uma materia falando disso já.

          • Ivan

            Que economia que vc faz? só com o frete do jogo fisico.

          • Numa venda digital exclusiva os preços podem ficar menores. Não era essa a ideia que estávamos discutindo?

          • Ivan

            Nesse caso sim, mas achei que estavamos falando entre o mesmo jogo fisico e digital, não vejo vantagem no digital se é o mesmo preço.

          • Então percebo que estávamos discutindo o mesmo assunto com parâmetros diferentes. Eu estava tratando da solução proposta pelo artigo.

          • doorspaulo

            Se um jogo é exclusivamente digital, não tem a mídia física para ditar o preço.

          • Ivan

            Sim, por isso na mateira fala em só vender o digital.

      • Maom

        E a PS não faz isso? É muito mais barato comprar um jogo mídia física nas lojas do que na PSN. Loja faz promoção, psn só altera o valor de jogo velho. Comprei o Fallout 4 uns 3 meses depois do lançamento por 90 reais na lojas americanas. Na PSN ainda não deve custar isso.

  • O artigo já propõe a solução: distribuição digital.
    No 3DS eu opto sempre por essa modalidade quando disponível. Andar com cartuchos é um convite para perdê-los.

    • Ivan

      Eu já prefiro versão fisica, da pra trocar, revender etc, além que vc pode ter quantos jogos quiser em mãos, agora no digital se tiver só vai poder ter 1 jogo grande instalado….

      • Cartões de memória grandes permitem vários jogos e este é o meu caso onde tenho vários jogos de 3DS dentro do console, praticamente não ando com cartuchos. Vender jogo usado é uma vantagem sobre a distribuição digital, verdade porém a cada dia que passa vejo essa vantagem sendo dilapidada pelo valor que pagam nos jogos usados. Um exemplo, o preço médio do Donkey Kong Country Returns 3D é de 80 Reais. Anunciei o meu por 70 Reais no ML há um mês e recebi propostas de 30 Reais. Por 30 Reais eu deixo ele no fundo da gaveta.

        • Ivan

          O melhor é vender em grupos do 3ds, fazia isso quando tinha o meu.

          Jogos maiores do switch devem beirar uns 25gb e a memoria interna dele é de 32, dai vc vai ter que gastar com um cartão de memoria pra ele, não vejo muita vantagem já que os preços são o mesmo tanto fisico como digital, ainda mais que vc vai deixar os jogos em casa ou se for sair com ele na rua vai ter que ter um case pra levar o console.

          • Wallacy

            Bem… Boa parte dos jogos do Switch não passa de 10 GiB, Zelda tem 13 GiB. A maioria tem menos de 1 GiB.

            Fast RMX (um jogo lindo por sinal) possui apenas 838 MiB…

            Acima de 15 GB apenas grandes títulos ou jogos sem otimização, nesse ultimo caso a Nintendo está pouco se lixando. Um cartão de memoria é um bom caminho, eu mesmo no DS prefiro digital por isso, não tenho que ficar andando com vários cards.

            A longo prazo o SD sempre vai ganhar da memoria interna, mesmo que fosse 128 GiB. O Switch suporta SD até 2 tera. Qualquer seja a memoria atual do Switch rapidamente alguém vai lotar e usar um cartão de qualquer forma.

        • Maom

          Em compensação vc pode comprar um DK por 30 reais…. Essa é a vantagem do jogo de mídia física. Vc pode comprar um usado, e não fazer dinheiro vendendo os seus.

          • Esse é o problema: se todo mundo decidir comprar usado, ninguém vai comprar novo então não haverá usado para vender. O valor justo do usado incentivaria o comércio. Eu não vendo meu DK por 30 e sem um valor justo (não é ganhar dinheiro como você erroneamente afirmou) não tenho o incentivo para comprar um novo e alimentar o mercado de usados. Nesse caso eu espero a promoção, compro digital e ninguém mais aproveita meus usados.
            No caso do portátil é pior ainda porque eu já não gosto da ideia de andar com trocentos cartuchos porque isso aumenta a chance de perder algum.

          • Ivan

            Não acho que preço alto de usado é bom, quando participava de comunidade do 3ds, jogos usados eram nem 10% mais barato que um novo, ai não compensa pegar um usado, povo metia a faca d+, ainda mais se fosse algum zelda, queriam mais que na loja.

            Quando vc sai leva todos os jogos?

          • Maom

            Aí concordo com vc…. As comunidades brasileiras de 3ds enfiavam a faca. Cobrando mais de 100 reais num usado… Mas no ebay a coisa é boa.

          • Atualmente levo sim. Estão todos no cartão de memoria do 3DS.
            E não falei em valor caro, falei em valor justo.

          • Ivan

            E joga todos o tempo todo?

          • Depende da vontade no momento. Essa não é a questão. Se eu comprei os jogos para um portátil quero eles perto do console portátil onde quer que esse console portátil esteja para curtir esses jogos portáteis quando, onde e como quiser aproveitando a portabilidade do console. Viajo muito e já perdi as contas de quantos jogos portáteis foram terminados enquanto estava fora de casa e ter outros jogos portáteis à disposição me fez aproveitar melhor o console portátil que foi usado ao invés de ficar dentro da mala porque eu só tinha um jogo portátil junto do console portátil. Ter um cartão de memória dentro do meu console portátil permitiu comprar jogos portáteis pela internet quando estava fora de casa então minha experiência com um console portátil é a da portabilidade no melhor sentido da palavra.

          • Ivan

            Ok então.

          • Wallacy

            Acho que faltou falar mais algumas vezes a palavra portátil aí 😉

          • Foi só para reforçar a ideia.

          • Maom

            Cara num ambiente perfeito isso aconteceria…. Mas no planeta terra tem louco pra tudo…. Fui numa loja de videogames no shop aqui em São Paulo, tinha lá uma placa q eles tem o switch, fui só por curiosidade pq já esperava uma facada tipo uns 2800 reais… O vendedor pediu desculpas e falou que já vendeu tudo, que estão pre receber mais, perguntei qual era o preço e eles venderam tudo por 3500 reais à vista ou parcelado por 3800!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
            Sempre tem os caras que compram no lançamento, terminam em uma semana e já vendem…. Eu sempre que vou aos EUA compro vários jogos usados pro meu 3ds e um ou outro pro ps4 e vita. Pago 10 a 30 dólares por jogos novinhos. E o incrivel é ver jogos usados sendo vendidos na semana de lançamento deles mesmo…. Pena que não compensa pq o desconto de um usado pra um novo no lançamento não chega a 3 dólares…

          • Desculpa…
            TRÊS MIL E QUINHENTOS REAIS A VISTA?!
            Quem foi o filho de uma senhora que troca favores prazerosos por papel moeda que defecou Reais em quantidade insana e adquiriu um Switch nesse valor?
            Ainda assim não invalida o meu comentário.
            Se o valor do usado é justo isso alimenta o mercado tanto de usados quanto de novos. Observe: se o usado é caro demais você julga mais vantagem comprar novo. Se é barato demais eu não vendo, não compro novo e não alimento o mercado de usados.
            Eu também compro jogos usados, mas eu avalio o valor do novo antes de fazer uma oferta irreal porque senão o vendedor simplesmente não vende o jogo. Oferecer 30 Reais em um jogo que novo custa na faixa de 150 novo não é um valor justo. 50% desse valor seriam 75 Reais. Acho justo.

          • Maom

            Aí concordo com vc… O cara ofertar isso foi ridiculo. Mas tem jogos que são vendidos por isso mesmo. Acho que o DK não é um deles. É questão de oferta… Nem todo mundo curte guardar o jogo que nem eu e prefere 30 reais que o jogo juntando pó como os meus no armario kkkkk
            E sim, o cara que pagou isso no switch, que não foi apenas um…. É um imbecil! Aliás me nego a pagar mais q 2 mil num console que custe 300 dólares. Tem muito ótario no mundo, por isso falei que sempre vai ter gente comprando jogo novo e vendendo barato depois. Sempre!

          • Ivan

            Lei da oferta e procura.

          • Quem faz essa lei é o consumidor, não esqueçamos.

          • Ivan

            Não segundo alguns mais de esquerda.

          • Flávio Pedroza

            Tá mais pra lei da oferta e da “loucura”…

          • Jaffy

            “se todo mundo decidir comprar usado”
            “se todo mundo deixasse de comer carne”
            Impossibilidades tão grandes que nem merecem ser discutidas.

          • Então não discute ignorando o comentário.

        • Fernando Silva

          Cara, vende no exterior. Aqui você ganharia uma nota!

    • Goemon

      Mas o Switch atual só tem 32 GB de espaço interno, mal cabe uns 5 jogos aí, ou estou errado?

      Meu PSVita com 32 GB e eu já fico puto em ter que revezar os cartões para por mais jogos. Meu PS3 tinha 500 GB e estava lotado, não cabia nem um joguinho de PSX. Meu PC com 1 TB tbm não comporta mais meus toda a minha biblioteca da Steam. Não sou contra a distribuição digital, pelo contrário, só compro neste formato, mas queria ter espaço para ter as mídias convencionais. Entretanto não tenho muito tempo para jogar e as vezes quero somente ligar o PC, VIta ou PS3 e jogar, quando eu tenho que desinstalar o jogo por falta de espaço e depois baixar e reinstalar os jogos que eu não jogo muito eu sempre desisto e jogo alguma coisa mais rápida, como um emulador de SNES.

      • Wallacy

        Depende do jogo, cabe 2 dois jogos Zelda Like no máximo. Porém até agora a maior parte dos jogos possui menos de 1GiB, então deve caber uns 20 jogos.

        O ponto é que o Switch suporta SD até 2 tera, a longo prazo seja lá qual for a memoria interna sempre vai lotar (Dragon Quest nem cabe na memoria interna já que é quase 32 GB e na interna só tem 24 disponível).

        A longo prazo um SD seria necessário de qualquer forma, a Nintendo resolveu economizar e empurrar esse gasto pra cada jogador. Não duvido nada surgir jogos de 50-60 giga em breve.

      • Então… Imagina se no seu PS Vita você tivesse que carregar um cartucho para cada jogo ao invés de um cartão de memória para cada 5 ou 6 jogos…
        Nos portáteis, a distribuição digital, na minha opinião, é muito melhor.
        Mas afirmo, sem nenhum pudor, que se meu PS4 utilizasse cartuchos ao invés de BluRays eu seria muito mais feliz.

  • CtbaBr©

    Isso me faz pensar que mesmo quando a transmissão de energia elétrica sem fio for uma realidade, muitos continuarão usando a fiação de cobre!

    • Ivan

      Já existe carregadores de celular sem fio e a maioria usa com fio pq é melhor.

      • CtbaBr©

        Ou seja, “ainda não é uma realidade”!

        • Ivan

          O que seria essa “realidade”?

          Pra mim existir a tecnologia já é realidade, ainda mais ser vendida comercialmente.

          • CtbaBr©

            Isso sera uma realidade quando houver tecnologia de transmissão em grande escala, que consiga transmitir uma corrente elétrica suficiente aos menos para suprir a demanda de uma residência!

            A corrente elétrica necessária para carregar uma bateria de celular é muito pequena, isso não conta, ainda esta longe de ser algo significativo, mas um dia ainda sera!

          • Diogo

            Não é uma realidade no nosso dia a dia, ou seja, não se popularizou o suficiente.
            Quando o Moto G começar a vir com carregador sem fio, aí sim, podemos dizer que “é uma realidade”;

  • Leon Rocha

    aguardo sair o pirata e desbloqueado

  • Leandro

    Investir em otimização = aumentar custo de desenvolvimento.

    • E reduzir em escala no futuro, além de ser o trabalho correto. Não otimizar é entregar trabalho porco.

  • Rin Tezuka

    Acho que a proposta do switch é de ser um mercado segmentado, vender pouco e caro semelhante ao iPhone.

  • Germano

    “Com isso, não deverá ser uma grande surpresa se os jogos para o Switch passarem a trazer menos conteúdo do que teremos nas outras plataformas”
    Sem querer ser do contra, flamer, hater, troll, ou o que for, mas apenas falando objetivamente: com isso não deverá ser uma grande surpresa se os jogos venderem menos no Switch pelos clientes preferirem as versões mais “full” das outras plataformas, e vendendo menos não deverá ser grande surpresa que desenvolvedores e publishers não vejam vantagem no port e otimização dos seus jogos para a plataforma da Nintendo. E nada disso é novidade não é mesmo?

  • Wallacy

    Pois é, agora o pessoal do Rime já baixou um pouco mais o valor da versão física nos EUA… Que cartucho é mais caro todos nós sabemos, mas tanto o DS e o Vita estão aí para mostrar que a médio longo prazo isso é amortizado.

    A produtora que tem que entubar o valor dos cards na mídia física, e compensar com o que ganhar em digital.

  • Fernando Ferreira

    A nintendo tem quem comprar uma fabrica de cartuchos para vender a bom preço para os indies.

  • Cizenando G de Lima Junior

    Se tem uma característica do cartucho, em relação aos discos, que eu gosto é a inexistência de carregamento ou “loading”durante o jogo.

  • Monkey

    Graças aos cartuchos nossas impressoras são mais baratas e populares para todos e baratearam o processo de impressão… Não, pera!

    • Ivan

      Tinta em midia otica não daria muito certo.

  • Cássio Amaral

    É a Apple dos consoles.

    • Quando tiver 76% do lucro total do mercado em que atua poderemos considerar a Apple dos consoles.

      • Cássio Amaral

        Claro que foi exagero meu, mas a filosofia é a mesma, lucrar alto com hardware inferior à plataforma concorrentes. Só ver console com hardware de tablet por $300 e 3DS com hardware bem limitado mais caro que PS Vita.

        • O preço do Switch é o mais baixo de todos os consoles. Hardware inferior não significa experiência inferior. Vide o iPhone 7 com CPU/GPU inferiores e menos RAM que o todo poderoso Galaxy S8 e batendo feio neste apresentando performance superior devido às otimizações. Aguardemos para saber o que o Switch será capaz de fazer daqui alguns meses.
          O PS Vita como portátil é um excelente tijolo. O meu está guardado, sem jogos decentes novos, há pelo menos um ano. Isso porque estava jogando jogos velhos quando o guardei há um ano…
          O 3DS é um portátil de verdade, com suporte de verdade e custa os mesmos 200 Trumps que o Vita, entregando vários jogos bons durante toda a sua vida até agora. Não sei onde você achou o Vita mais barato. Aliás, achar o Vita para vender dá trabalho. Nem no site da Sony EUA tem ele na primeira página. Perdeu o lugar para um tal de VR que é modinha. Do que adianta ter um hardware legal se não tem software para aproveitar? É igual aos Androids por aí…

          • Artur

            “O preço do Switch é o mais baixo de todos os consoles”

            não é não, PS4 ta 299 USD com o Bundle do Uncharted 4, isso preço “oficial” pq agora na amazon ta 220 esse mesmo bundle.

            o xbox one também tem preço “oficial” de 299, mas vc encontra nas mesmas condições do PS4.

            sendo que ambos vem com HD de 500GB e o switch com 32GB, a mesma quantidade de memoria do Wii U, que na epoca do LANÇAMENTO já lotava com um jogo.

            o switch tem 1/3 do hardware do PS4 e custa mais caro.

            e o PS Vita custava 250 USD no lançamento em 2011 com tela OLED e bateria que durava 4h com hardware mais forte que o celular mais top do mercado., hoje o switch em 2017 não tem tela OLED e custa mais caro e provavelmente não ganha de um celular top de linha em hardware.

            nintendo ficou traumatizada depois do fracasso do GC, hardware mid-top para epoca, e mal acostumada com o wii, que era o game cube reciclado vendido por 250 USD.

          • Assim como na mesma Amazon é possível encontrar Switch por 200 Trumps.
            Desde quando hardware é definidor de bons jogos? Como eu disse antes, hardware inferior não é sinônimo de experiência inferior. Exemplos temos aos montes, como o PS2 que só era mais forte que o Dreamcast, ou o PS original que era o mais fraco dos 32 bits. Veja só, o PS3, o mais poderoso dentre os consoles da mesma geração, foi o que acabou vendendo menos. Até o X360 vendeu mais.
            Tela OLED é lindo, mas só serve para encarecer o console e nada interfere na capacidade dos jogos que é o que importa em um console de videogame. E o PS Vita é um excelente exemplo de console bem suportado e com diversos jogos nas listas dos melhores avaliados, não é mesmo? Como um tijolo é mais útil.
            Em termos monetários, o Switch é o console mais barato entre os concorrentes.

          • Artur

            PS2 era mais fraco que xbox e gamecube, mas o PS2 saiu um ano antes.

            o switch é mais caro e saiu dois anos depois.

            agora se vc gosta de pagar caro por hardware super faturado, console montando com peça sobrando da nvidia, problema é teu.

          • Típico comentarista de portal de internet que não tem o que falar e fala asneira…
            PS2 saiu antes mas não perdeu tração de vendas com os lançamentos superiores. Só amplifica o meu comentário que o hardware inferior não é sinônimo de experiência inferior.
            Mostrei que o Switch tem preço mais baixo, afirmei que hardware superior não define nada citando exemplos e o cara não tem o que discutir e parte para uma ignorância.
            Vai estudar que é o melhor que você faz.

          • Artur

            “Mostrei que o Switch tem preço mais baixo,”

            mostrou nos teus delírios.

            o PS4 é 299 USD igual o switch.

          • No mesmo delírio que o seu.
            Afirmou que o PS4 é mais barato e não mostrou onde.
            Ironia, a gente vê por aqui.

          • Artur

            tem um site bem legal para vc olhar o preço.

            se chama AMAZON.

            PlayStation 4 Slim 500GB Console – Uncharted 4 Bundle

            Sony

            Platform :

            PlayStation 4

            |

            Rated:

            Teen

            4.5 out of 5 stars

            2,018 customer reviews

            List Price:

            $299.99

            Price:

            $254.98

            +

          • Artur

            seria um novo, e não usado.

            é serio, vc acha que eu não sei pesquisar na amazon e vai me enganar com esse print de “415 used & new offers”?

          • No preço que você indicou é a mesma coisa.
            Estou usando, ao contrário de você, sempre o mesmo critério.
            Segue:
            https://uploads.disquscdn.com/images/22de3ec208fdec8c040ec7a07e55179efef308285c3c8f203ad5b8fa91e68067.jpg

          • Artur

            “used & new offers”

            vc vem e posta preço do market place da amazon?

            gamestop, a maior rede de lojas de games do EUA https://uploads.disquscdn.com/images/49ad6d7dcd3ba66511e623271679f639fd6e4f924ae5e5ec2702b2f88aa71000.jpg

          • Onde você achou o PS4 a 250 dólares? Na Amazon ou na GameStop?
            Fala de preço em um lugar e não mostra, coloca preço de outro lugar onde o valor é o mesmo do meu primeiro comentário.
            Até agora não mostrou nada…
            Difícil argumentar assim.

          • Artur

            AMAZON com (USA) E mercadolivre (BR), não conhece?

            deve não conhecer mesmo, nem sabe o preço oficial do switch (299 USD) e do PS4 (299 USD), muito menos saber o que é merdadolivre e AMAZON com

          • Conheço sim, assim como você conhece, mas não entende nada de mercado. Comparar preço de produto nos EUA, revenda oficial, com contrabando vendido no ML é de uma imbecilidade e infantilidade sem tamanho. Pura necessidade de tentar estar certo só porque papai vai ficar orgulhoso…

          • Artur

            o idiota, o mercado livre é para comparar preço BR.

            mas faz que não entendeu para ter o que bostejar.

          • Seu animal, o Switch não é vendido oficialmente aqui. Não tem como comparar preço em R$ nesse cenário.
            É tanta burrice que está complicado…
            O preço do PS4 contrabandeado tem que ser menor que o preço oficial para vender.
            O Switch não tem preço oficial por não ser oficialmente distribuído aqui. Aí o criminoso cobra o que quiser.

  • Terra Nova

    A Nintendo sempre teve o controle de sua “MÍDIA” é tudo questão comercial… você controla data de lançamento, preço, região e etc..

  • Robson Nascimento

    “Por outro lado, essa limitação também poderá fazer com que as companhias invistam em otimização, algo que muitos jogadores vem reclamando há bastante tempo.”

    Eu acho bem difícil. Se o problema for nas engines, pode esquecer, não vale a pena o risco.

  • Vocês estão falando apenas do custo fisico do produto esqueceram do custo da logística, esses cartuchos provavelmente só serão gravados pela própria Nintendo, então a empresa vai ter que enviar o jogo para a Nintendo e encomendar a produção do mesmo, eu não sei se a Nintendo vai querer lucro nisso, se vai passar o valor do custo, provavelmente a gravação vai ser apenas no Japão ai tem o frete dos cartuchos produzidos.

    Enquanto que os jogos de Xbox e Playstation são gravados pelas próprias produtoras, e em vários países, nos meus jogos de estúdio da Microsoft, Sony, Ubisoft etc, na versão de Xbox e Playstation eu vejo o escrito produzido na zona franca de manaus, os seja eles são gravados aqui no Brasil e com isso eles conseguem mudar alguns impostos, você pode reparar que isso da uma boa diferença nos preços dos lançamentos dos jogos, jogos japoneses então aqui no Brasil são bem caros por isso.

  • Metalmacumba

    Queriam que a nintendo utilizasse o que? UMD pra bateria durar uma hora?

  • Wallacy

    Gostaria de apontar outra inconsistência em relação ao Rime:

    Has-Been Heroes vai sair em todas as 3 plataformas, custando $19,99 incluindo copias físicas para o Switch. Rime estava custando $20 a mais no Switch (agora só $10 a mais).

    Claramente não é pelos custos dos cartuchos.

  • Othermind

    Os cartuchos morreram… entraram os cds/dvd/bruray… e agora tem mesmo é que voltar… curto cartucho d+++ E midia optica tem que morrer logo.. ja ta morrendo na verdade

  • Kheiron

    Sinceramente compraria versão física só por algo colecionável. Poxa, isso é primário, não aprenderam isso ainda? Cartucho com capinha e manual, pra mim não é colecionável é o produto básico, ou seja, algo que eles são obrigados a mandar quando compra. As lojas vão continuar sendo prejudicadas porque não tem nada que atraia o gamer a querer comprar versão física.

  • Bruno Costa

    Todos os consoles deviam usar cartuchos. Além de diminuir o custo (por causa das escala de produção) os tempos de loading diminuiriam consideravelmente. Mas vai falar pra mãe do Blu-ray fazer isso pra ver.

  • Victor Vasco

    Essa história é sempre a mesma com plataformas diferentes da Nintendo.

Aproveite nossos cupons de desconto:

Cupom de desconto Locaweb, Cupom de desconto HP, Cupom de desconto Descomplica, Cupom de desconto Nuuvem, Cupom de desconto CVC, Cupom de desconto Asus, Cupom de desconto World Tennis