Elon Musk teeeecnicamente está assustando o Irã com foguetes

retro

Normalmente as transmissões de lançamento terminam quando o satélite é liberado ou a cápsula chega a sua órbita de estacionamento. No caso dos satélites militares secretos, cortam um pouco antes, para atrasar em uns 5 minutos o trabalho dos espiões e entusiastas que estão monitorando tudo.

Depois que as câmeras são desligadas muita coisa ainda acontece, e nem falo do reabastecimento das bases orbitais secretas reptilianas. Há uma série de tarefas de manutenção, todas tentando prevenir o acúmulo de lixo orbital. 

Caso seja um foguete em uma órbita elíptica como as usadas para lançar satélites geoestacionários, a tarefa principal é esvaziar os tanques de combustível e oxidante, ejetando para o espaço a mistura. A idéia é despressurizar os tanques evitando uma explosão, que gera destroços. Isso é ruim.

Se for um foguete em órbita baixa, como o segundo estágio do Falcon 9, ele decairá naturalmente em algumas semanas, mas onde exatamente ele atingirá a Terra, é imprevisível e ninguém quer ser o responsável pela primeira morte causada por um destroço orbital (sorry camponeses chineses, vocês não contam).

358b522f8b208c85585bc1c5ddac8dc2

Dragon and Falcon 9 Second Stage, post Second Stage Separation Event. Courtesy NASA

A solução é simples: depois de o satélite/capsula liberados e a missão cumprida, usam parte do combustível restante para programar um acionamento de motor que colocará o foguete em uma trajetória parabólica em direção a um ponto remoto do oceano. Feito isso, ejetam o combustível para eliminar risco de explosão.

A SpaceX costuma escolher como repouso final de seus foguetes o Oceano Índico, para isso a manobra de acionamento dos motores em posição retrógrada ocorre na região do Oriente Médio. Junte a isso a ejeção de combustível, e temos um belo show.

O último lançamento foi especialmente bom para ser avistado, ocorrendo no finalzinho do dia:

f9-spx-10-ground-track-512x295

Conseguiram inclusive filmar o momento exato em que o combustível é ejetado. E sim, eles levam em conta a direção, pois isso altera a velocidade do foguete:


Freedom Messenger • قاصدان آزادی : شئ نورانی شبیه بشقاب پرنده در آسمان ایران – ۱ اسفند ۱۳۹۵

No YouTube há um monte de vídeos da região, de várias épocas, mostrando como é rotineira essa manobra. Isso não impede os ufeiros de saírem criando fanfics, e quase todos os vídeos já chegam chamando de UFO, claro.

Não é UFO, é a boa e velha tecnologia humana, proporcionando um show grátis no finzinho da tarde.

Fonte: Spaceflight 101.

Relacionados: , , , , ,

Autor: Carlos Cardoso

Entusiasta de tecnologia, tiete de Sagan e Clarke, micreiro, hobbysta de eletrônica pré-pic, analista de sistemas e contínuo high-tech. Cardoso escreve sobre informática desde antes da Internet, tendo publicado mais de 10 livros cobrindo de PDAs e Flash até Linux. Divide seu tempo entre escrever para o MeioBIt e promover seus últimos best-sellers O Buraco da Beatriz, Calcinhas no Espaço e Do Tempo Em Que A Pipa do Vovô Subia.

Compartilhar
  • Marcio Ferreira

    – onde vc recomenda jogar esse lixo?
    – aqui, neste oceano aqui eu indico….

    Sorry 🙁

  • Manobra essa feita sobre os céus tupiniquins renderia uma matéria de uns 15 minutos no Fantástico, inclusive com entrevista ao Urandir Oliveira.

    • bruno miranda

      Segundo estágio de um Falcon 9 cruzando os céus de MS.
      https://www.youtube.com/watch?v=BjKXYEFd9K8

        • Ivan

          gloria deus…. é apocalipse haeuhaeu

          • Andre Nunes

            Não é o apocalipse. Segundo uma das expectadoras “É fogos!”

        • Finn o humano✓ᵛᵉʳᶦᶠᶦᵉᵈ

          Glória a Deus!!!!!!!!!!!!!! Abençoa Senhor!!!!!

        • Luiz

          cretalhada é foda mesmo

        • É bem o tipo de reação que eu esperava hehehe

        • É o Apocalypse zumbi do espaço. Glória Maria

        • Paulo de Tarcio Santos Freiri

          Aquela vergonha alheia básica.
          No comentário a cima tem um cara falando como seria se acontecesse em terras tupiniquins, bom, está ai a resposta kkkkkkk

      • Rodrigo Dias Javornik

        Obrigado por alegrar meu dia 🙂

    • Maom

      Depois que descobrissem que foi uma manobra de retorno de um foguete, aí sim começaria o verdadeiro show no Brasil. Com toda sorte de opiniões de como “esses imperialistas desgraçados” colocam a nossa segurança em risco, etc….

      • E uma galera maior ainda agradecendo a invasão dos Ianques para nos salvar dos comunistas malvados de esquerda que querem transformar o brasil em uma Venezuela.

        • Maom

          Pedindo intervenção militar para matar os caras que são contra o progresso.

          • Tipo isso, tem doido de todos os tipos.

          • Gui

            Efeito Ferradura.

    • Ainda seria melhor que com o Marcos Pontes e sua receita pra cozinhar feijão durante a reentrada… =P

    • DiMais

      ou na Record, pra engrossar o caldo da turma da Grávida de Taubaté, ET Bilu e Motorista Presidencial…

      • Theuer

        Ahahaha
        “Motorista presidencial” foi épico mesmo.

  • Marcogro®

    “OVNIs” cairão em profusão por lá quando eles recomeçarem sua corrida armamentista… Deixa só eles começarem a enriquecer urânio… Vai Aiatolá, vai…

  • Gustavo Rotondo

    Eu ri do titulo do vídeo

  • mafhper

    Desculpem-me a ignorancia, mas por que raios não dar um empurrãozinho e direcionar essas toneladas de tecnologia humana em direção aos confis do universo?

    • Tiago Antunes De Souza

      porque a gravidade esta puxando ele para a terra, vc teria que ter muito combustível para tirar ele da área gravitacional da terra

      • Salles Magalhaes

        Tem um artigo interessante aqui no MB falando sobre a dificuldade de mandar coisas para o sol

        • Theuer

          Coisas não, Trumps! Não era isso? Hehehe

    • Luiz Antonio

      Além do problema do combustível necessário, explicado pelo Tiago Antunes, você ainda quer poluir o universo? 🙂

    • Por que se essas toneladas de metal não voltarem para a Terra em anos de lançamentos o planeta ficará mais leve, e então escapará da atração gravitacional do Sol, e seremos jogados para os confins do universo.

      A parte boa é que nunca mais nos preocuparemos com aquecimento global.

      (sim eu sei, porra)

    • Esse empurrãozinho exige muito mais energia do que o foguete tem disponível. Os foguetes teriam que ser muito maiores, as cargas bem menores e você só adiaria o problema, enchendo o espaço de objetos que arriscariam missões futuras.

    • Recomendo fortemente um mês de “Kerbal Space”. Aí vc. vai entender porque não dá para dar o empurrãozinho.

    • Theuer

      Como disse o @hsramos, no kerbal a galera monta foguetes que com esse empurrãozinho aos confins. Geralmente eles ficam assim: https://uploads.disquscdn.com/images/

      Hehehe
      05d1a219967a571ae1adeb5ae6ba0a606804c2ac833c0fce5ec2d691b843a9c8.jpg

  • Alexandre Salau

    Isso é campanha diversionista, quando o ataque for de verdade nem vão perceber.

  • Allan da Rosa

    E mesmo assim filmaram com uma batata

  • ochateador

    E o fdp ainda filma com o celular na vertical -.-“

Aproveite nossos cupons de desconto:

Cupom de desconto Locaweb, Cupom de desconto HP, Cupom de desconto Descomplica, Cupom de desconto Nuuvem, Cupom de desconto CVC, Cupom de desconto Asus, Cupom de desconto World Tennis