Quanto você pagaria para ter um conector de cartão SD no novo MacBook Pro?

Vou ser sincero. Abandonei a Apple no quesito computadores há dois anos e não me arrependo. Agora trabalho com PC com potência e qualidade, e que custou menos da metade do que pagaria em um similar Apple. A única vantagem que a empresa da maçã ainda possui em relação aos concorrentes é a ótima qualidade de seus LCDs. Mas, nada que não se resolva com uma tela de 25 polegadas de altíssima qualidade por uma fração do preço.

A última decisão da empresa de retirar a porta de entrada de cartão SD do MacBook Pro gerou muita polêmica no mundo da fotografia. Uma parcela significativa dos fotógrafos utiliza essa mídia de armazenamento e não depender de um leitor externo, ou ter que conectar a câmera no computador, é uma mão na roda que confere agilidade no trabalho. Desde que passeia utilizar cartões SD eu simplesmente guardei o leitor de cartão no armário e nunca mais olhei para ele.

Pensando nesse aspecto bizarro no novo MacBook Pro, quanto você pagaria para ter de volta essa comodidade? E melhor ainda, quanto você pagaria para ter a sua disponibilidade várias opções de conexão em seu computador?

A resposta é que as pessoas estão dispostas a pagar uma razoável quantia por essas comodidades. Foi pensando nisso que o HyperDrive foi lançado no Kickstarter e está fazendo um sucesso estrondoso.

O pequeno acessório, ao contrário dos adaptadores oficiais vendidos pela Apple, não oferece apenas uma porta de conexão. Ele oferece 1 saída HDMI, 1 Thunderbolt 3, 1 USB C, 1 SD, 1 micro-SD, e 2 USB 3.1. Quem contribuir com a campanha pode levar para casa um HyperDrive pela bagatela de US$ 69,00; sendo que o valor normal de venda depois da campanha será de US$ 99,00. A meta de arrecadação para o início da produção era de US$ 100 mil. Mas, hoje, faltando 12 horas para fechar o prazo final de arrecadação, eles já levantaram US$ 1.800.000,00.

Acho que esse é um retrato de como os consumidores querem essas comodidades e a Apple prefere ignorar essas necessidades. Diria que foi um bom tiro no pé.

Relacionados: , , ,

Autor: Gilson Lorenti

Geógrafo de formação e fotógrafo de coração, comecei a fotografar com 18 anos de idade (antes disso nunca tinha pegado uma câmera na mão). Depois de muito estudo veio a carreira profissional que passou por várias modalidades da fotografia até realmente descobrir o que gosto de fazer. Hoje me dedico ao ensino de fotografia, fotografia Fine Art e Books Fotográficos (gestante, moda, sensual). Tomando emprestado as famosas palavras de Ansel Adams "Quando as fotografias não forem mais suficientes, me contentarei com o silêncio".

Compartilhar

Aproveite nossos cupons de desconto:

Cupom de desconto Locaweb, Cupom de desconto HP, Cupom de desconto Descomplica, Cupom de desconto Nuuvem, Cupom de desconto CVC, Cupom de desconto Asus, Cupom de desconto World Tennis