Nokia 6, com Android 7.0 marca o retorno da marca ao mercado de smartphones

E o dia chegou. Foram quase 19 meses entre o anúncio e o primeiro lançamento mas a Nokia está de volta. A companhia finlandesa, outrora sinônimo de celulares de altíssima qualidade apresentou enfim o Nokia 6, seu primeiro smartphone voltado a consumidores intermediários, rodando Android 7.0 Nougat e contendo toda a expertise dos antigos profissionais da empresa.

O problema? Por enquanto o aparelho é só para chinês ver.

O que a Microsoft fez com a Nokia foi vergonhoso, para dizer o mínimo. A compra por US$ 7,2 bilhões em 2013, embora inicialmente celebrada era parte de um plano para desmantelar a companhia completamente, o que foi iniciado com o então CEO e Cavalo de Troia Stephen Elop detonando a empresa por dentro, ao matar o Symbian e o Meego e demitir 40 mil funcionários. O que sobrou foi adquirido pela Microsoft, que absorveu o que pôde para embarcar em seus próprios produtos.

Terminada a fase de absorção a empresa mandou embora quase a totalidade dos antigos funcionários da Nokia, abandonou a marca em prol de sua própria e por fim vendeu a divisão inteira, basicamente o bagaço da laranja para a finlandesa HMD Global Oy, uma subsidiária da FIH Mobile por ridículos US$ 350 milhões. Foi um final vergonhoso para uma companhia outrora tão grande e conceituada.

Só que esse não foi o fim da história. A HMD é formada basicamente por antigos funcionários da divisão mobile da Nokia original, que em sua maioria foram tocar outros projetos. Tanto o CEO Arto Nummela quanto o CMO Pekka Rantala (ex-Rovio) são egressos da falecida fabricante de dispositivos móveis. Isso conferiu um ar de legitimidade à empresa quando ela anunciou seu retorno ao mercado, abraçando o Android e se focando inicialmente em dispositivos intermediários. É compreensível, enquanto consumidores de iPhones e Galaxies S dificilmente consideram outras soluções, quem prefere aparelhos mais baratos dá mais atenção ao combo performance e preço justo.

Mais, muitos desses eram usuários dos aparelhos indestrutíveis da Nokia e é mais fácil atraí-los.

Assim temos o Nokia 6, o primeiro dispositivo da HMD. Ele é um smartphone que conta com um hardware em partes modesto com um SoC Snapdragon 430, octa-core Cortex-A53 com clock de 1,4 GHz e GPU Adreno 505, mas seus 4 GB de memória RAM e 64 GB de espaço de armazenamento (expansível até 128 GB via micro-SD) são bastante generosos. O display de 5,5 polegadas possui resolução Full HD (401 ppi) e é protegido por vidro Gorilla Glass da Corning, embora a versão não tenha sido especificada acredito que seja no mínimo a terceira.

A câmera possui 16 megapixels com abertura ƒ/2,0; autofoco, HDR Flash Dual-Tone e capacidade de filmar em 1080p a 30 fps, o que é o mínimo aceitável; já a câmera selfie é bem decente, com 8 MP e abertura ƒ/2,0. Completam o conjunto A-GPS, GLONASS, Bluetooth, sensor biométrico no botão Home, sistema de som Dolby Atmos, bateria de 3.000 mAh e um Android mais recente e com pouca customização, o que é excelente.

AndroidPure — First look at Nokia 6 Official Video

O único inconveniente é sua disponibilidade limitada. Segundo a HMD ele será comercializado nos próximos meses apenas na China num primeiro momento, pelo equivalente a US$ 245. O mercado chinês será um teste para a HMD principalmente em receptividade, onde diversas companhias pequenas disputam a preferência do consumidor com produtos bons e baratos. Se o Nokia 6 se destacar por lá são grandes as chances do smartphone chegar a outros países, especialmente em desenvolvimento como o Brasil.

No mais, nos resta aguardar a MWC 2017 que será realizada entre os dias 27 de fevereiro e 02 de março em Barcelona, onde eventualmente a HMD revelará mais detalhes e o smartphone poderá ser apreciado de perto.

Fonte: HMD Global.

Relacionados: , , , , , , , , , , , ,

Autor: Ronaldo Gogoni

Um cara normal até segunda ordem. Além do MeioBit dou meus pitacos eventuais como podcaster do #Scicast, no Portal Deviante.

Compartilhar
  • Gostei, me parece uma boa.

  • Daniel Belini

    Será que demora para aparecer na GearBest e outras lojas do ramo?

  • Mais um aparelho genérico rodando Android? Claro! Era EXATAMENTE o que a gente precisava!

    (Disclaimer: este comentário extrapolou o nível de sarcasmo necessário. Leia com moderação.)

    • Não é foda quando tem de explicar esse tipo de coisa?

    • Daniel Belini

      Quem sabe a Nokia não inclui alguma coisa pra ser REALMENTE diferente dos outros?

      • Você sabe que não…

      • DiMais

        áudio Dolby Atmos já é um bom diferencial quando se trata de aparelhos de entrada.

        • Raphael Aracelli

          Dolby Atmos é software, dá pra instalar em qualquer aparelho com root

      • B4klaudio

        Tipo outro Sistema operacional …… Windows Phone ?

    • Dreadful

      Quem sabe eles colocam giroscópio, uma bateria decente e aparece por menos de 1k!
      10K aparelhos já seriam reduzidos para três, ou quatro. Nenhum no mercado brasileiro.

    • nayara

      Pois é.

  • Hugo Vinícius

    Eu sei que é algo bem improvável de acontecer, senão impossível. No entanto, se a Nokia fizesse aparelhos seguindo um padrão que permitisse a instalação de qualquer sistema operacional, eu compraria na hora. O aparelho nem precisa ser modular, como o falido Project Ara. Bastava sempre utilizar hardware com os drivers disponíveis, que parece ser o caso dos Snapdragon, e ter o bootloader desbloqueado.

    Entendo que este é um nicho de mercado bem específico, mas justamente por isso, a Nokia poderia se diferenciar das inúmeras fabricantes de celular Android.

    • Lucas Timm
      • Hugo Vinícius

        Eu nunca tinha ouvido falar desse FIC Neo1973. Ter o hardware todo open-source é uma coisa muito boa para esse propósito de ter poder instalar o SO que quiser. Só podia ser mais bem aparentado. Que celular feio, hehe!

        • Lucas Timm

          Esse era o OpenMoko.
          Houve quem disse que ia DERRUBAR A APPLE E O SOFTWARE PROPRIETÁRIO!!1onze!!

    • Master Chief

      Usando o SoC e os sensores de empresas conhecidas e que tem um bom market share, como é o caso da Qualcomm e da Sony já tá ótimo!

  • Breno

    Nunca será um Lumia.

    • PPKX XD ✓ᵛᵉʳᶦᶠᶦᵉᵈ

      E isso é ótimo… (parafraseando o G1z)

    • Que bom, então vai ter aplicativos pra ele hahahahahaha

    • Eduardo da Silva

      Já é uma excelente feature!!

    • Dreadful

      Amém

    • Don Ramón

      Grazadeu! Porque com os Lumia a Microsoft matou a Nokia e depois neles se enforcou…

  • Será que existem espertofones “intermediários” melhores do que esse? Eu não me lembro

    • DiMais

      o mais decepcionante foi o Snap 430, acho que ele seria um concorrente do Moto G (que usa um 617).. porém tem bastante RAM e armazenamento interno, além de ser construído totalmente em alumínio.. um bom aparelho.

      • é o único ponto fraco

        • DiMais

          falta poder de barganha na hora de comprar os processadores, provável que a Lenovo pague o mesmo preço no 617 que a HMD no 430, esse era o grande mérito da Nokia nos seus tempos de glória: comprar grandes volumes de componentes em qualquer parte do mundo por custos muito baixos, isso por enquanto a HMD não vai conseguir.

          • Nem pela Nokia? Tão sem moral mesmo ein

          • DiMais

            nome não é tudo, precisam de quantidade!
            e a Nokia mesmo só está alugando o nome dela para a HMD, quem sabe após os 10 anos de licença eles possam tomar as rédeas do negócio se isso for viável.

          • Eu desejo sucesso!

      • Master Chief

        Acredito ser inferior que o Redmi 3x (que aliás está em um bom preço no ml maldito imposto)

  • DiMais

    na verdade já estavam vazando tantas imagens nos últimos dias que se viram obrigados a lançar logo o aparelho por lá, o negócio é esperar pela MWC pra saber o que realmente a HMD pretende fazer da marca Nokia.
    ainda tem muita água pra correr debaixo dessa ponte até sair um aparelho com toda a expertise finlandesa que o mundo conheceu.

  • PPKX XD ✓ᵛᵉʳᶦᶠᶦᵉᵈ

    Parece um aparelho excelente, eu não gosto de Galaxy S, é um lixo ambulante cheio de trojans da Samsung que vai ficando lento e podre com o tempo. Se esse aparelho se comprometer a lançar atualizações por 18 a 24 meses vai ser ótimo.

  • Nokia 5120 Gourmet

  • Germano

    Saísse aqui por menos de mil faria sucesso.

  • Torço muito pra dar certo, principalmente se eles mantiverem um numero pequeno de telefones e mantiverem um ciclo de atualizações decentes e não encherem de bloatware.

  • Se chegar aqui (um dia), custando um pouco menos de 1 mil reais já será uma briga bacana com outros de mesmo valor com menos hardware. Apesar de não ter inovação nenhuma, exceto o sistema de som. Mas, não dá para cobrar muito de um recomeço.

  • JackChanBiPOLAR

    Se uma empresa lança-se um aparelho em branco mas com opção de colocar tanto android quanto ios, e patenteasse a ideia, ia ser revolução e aposto que o dono seria muito feliz e ryco… Eu compraria, sentaria e observaria o choro das outras empresas reclamando de concorrência desleal e bla bla bla…

    • Rodrigo Eduardo Carvalho

      iOS num dispositivo não-Apple…
      Steve Jobs acaba de dar 3 voltas no túmulo…

    • Nunca, NUNCA aconteceria. A Apple vai a falência muito antes disso.

      • Steve Jobs ressucitaria e pularia de uma ponte antes disso acontecer. Só lembrar que foi das primeiras providências quando voltou à Apple foi matar os Mac Clones.

    • Germano

      Voce passou a ser monitorado pela Apple so por sugerir isso ai…

  • Felipe Braz

    Quanto tempo será que vai levar pra ter algum comentário do tipo “Espero que a bateria dure 1 semana” ?

    • Theuer

      “Espero que comecem estudar baterias melhores.”

  • Mario Junior ✓ᵛᵉʳᶦᶠᶦᵉᵈ

    Se não me falha a memória, a lente utilizada nesse dispositivo são as velhas e boas Carl Zeiss.

  • jack_snowstalker

    Ah, gostei do aparelho, e achei legal a entrada cautelosa da “nokia”, o mercado está meio “saturado”, os usuários não andam muito afim de sair experimentando marcas novas. Mas se ele fizer sucesso, ela vai precisar buscar um diferencial pra criar sua imagem e atrair mais gente.

  • Julio Verner

    O que o Brasil desenvolve pra ser chamado de “em desenvolvimento”? Até hoje não entendo essa viaje… Quero esse Nokia!

    • Cássio Amaral

      Brasil só desenvolve desgosto mesmo, exceto se você for político.

      • Fabricio Costa

        Ahuahuahuahuahuahuahuahu isso me fez rir de verdade aqui…. o que é uma pena também

  • Germano

    Torço pela Nokia. E uma marca que eu consideraria no dia que estiver para aposentar meu Moto X Play, agora que a Motorola nao e mais aquela. Se ate la tiver suporte no hoje incipiente Lineage entao, e esse tambem vingar, melhor ainda.

  • Davi

    Olha… bom hardware, preço justo… Se eles mantiverem o Android limpo e atualizado, acho que a Nokia tem grandes chances de voltar com muita força ao mercado. Eu mesmo compraria fácil esse celular.

  • Quando chegar aqui, ainda estará com Android 7, depois de já estar no Android 10

Aproveite nossos cupons de desconto:

Cupom de desconto Locaweb, Cupom de desconto HP, Cupom de desconto Descomplica, Cupom de desconto Nuuvem, Cupom de desconto CVC, Cupom de desconto Asus, Cupom de desconto World Tennis