Namorad… — digo, assistente pessoal holográfica. Sim, Japão.

krieger

É claro que elas (ainda) não são inteligentes de verdade, mas as assistentes digitais, Siri, Cortana e Alexa fazem um bom trabalho em fingir ter personalidade, inclusive a Evan Rachel Wood descobriu que a Siri tem umas respostas bem suspeitas quando questionada sobre Westworld

O que falta a elas é um rosto. Em parte é compreensível, sem uma atriz por trás Cortana ficaria mecânica, caindo fundo no Vale da Estranheza. Só que pra tudo há solução, e o Japão (sempre eles). A solução no caso veio para o Gatebox, assistente de voz que segue a linha do Amazon Echo e sua personalidade, Alexa.

A solução é essa cafeteira aqui.

gatebox_vert1-768x1024

Um projetor gera a ilusão de um holograma de uma personagem chamada Azuma Hikari. Ela tem 20 anos (claaaro, claaaro que tem 20 aninhos perfeitamente legal), 1 m 58 cm, gosta de donuts e assistir animês e seu sonho é se tornar uma heróina para ajudar pessoas que trabalhem muito.

azuma-2

Ela funciona pelo sistema de voz do Gatebox e via app de smartphone. Aos poucos ela ficará mais e mais interativa, e se você acha isso pouco saudável do ponto de vista psicológico, não está muito errado.

Nesta parte eu iria zoar cruelmente os otakus e suas esquisitices mas o vídeo me deixou mal. Sério, o coitado do japa todo feliz dizendo é bom saber que tem alguém me esperando em casa foi triste num grau 2, sendo 5 o Cachorro do Fry.


info vinclu — Gatebox – Virtual Home Robot [PV]_english

A Cafeteira-Com-Japinha terá uma produção inicial de 300 unidades, cada uma custará US$ 2.600,00 e já está na pré-venda. Do jeito que há japas solitários, vai vender rapidinho. Só espero que o vidro seja lavável.

Fonte: Digital Trends.

Relacionados: , , , , , , ,

Autor: Carlos Cardoso

Entusiasta de tecnologia, tiete de Sagan e Clarke, micreiro, hobbysta de eletrônica pré-pic, analista de sistemas e contínuo high-tech. Cardoso escreve sobre informática desde antes da Internet, tendo publicado mais de 10 livros cobrindo de PDAs e Flash até Linux. Divide seu tempo entre escrever para o MeioBIt e promover seus últimos best-sellers O Buraco da Beatriz e Calcinhas no Espaço.

Compartilhar
  • Por que tornamos uma coisa simples (se relacionar com outros humanos) tão complicada?

    • Paulo Ricardo Schwind

      Relacionamento com humanos só é simples quando um dos dois está morto.

    • E pensar que a boa parte do nosso desenvolvimento cerebral foi pra isso. Relacionamentos entre cães são tão simples, cheirou a bunda e logo a magia acontece…

    • Acho que é mais pela cultura japonesa, que valoriza muito a sua imagem exterior (como ser humano), onde você fica a todo momento com medo de ser julgado ou rejeitado pelas pessoas a sua volta.

    • Porque 90% dos humanos são cuzões.

      • Bruno do Acre – (Etevaldo)

        99,9999999999997%

  • Bruno Santos

    Caraca, eu ri…mas to assustado e mt preocupado D:

  • Cocainum

    Aquela troca de mensagens durante o dia e os dois “ansiosos” para se encontrarem a noite. Eu achei triste em um nível 4. Só porque o cachorro do Fry é quase insuperável.

    • Lucas Timm

      Cara, foi o que mais me doeu…
      Porque, afinal, não tem diferença de uma mensagem de um robô e a mensagem de um (ou uma) humano(a). Essas pessoas são muito doentes mesmo, for real.

    • PugOfWar

      O final de gravity Falls fica em que nível?

      • Cocainum

        Não assisti. É bom?

        Meu nível 10 particular até o momento é o filme “A Cor Púrpura”. Suei litros pelos olhos vendo esse filme.

        • PugOfWar

          Recomendo é um desenho muito bom para crianças e adultos

    • Não cara, o cachorro do Fry não é verdade…. isso é….

      • Bruno do Acre – (Etevaldo)

        Mas a vida do Philip foi triste…só não foi tão triste pq no final ele casou com leela..mas o cachorro o esperando por mais de 1000 anos doeu mto.

  • Hemeterio

    Nao deixa de ser muito diferente qnd a primeira coisa q o sujeito faz de manha é checar o Twitter. Nos somos os holograminhas uns dos outros. Triste num nivel… 0,5.

    • Luiz

      A verdade eh que todo humano morre sozinho.

    • A diferença é que nossa A.I é um pouco melhorzinhas que as que estão no mercado atualmente…

  • Atrollando Natuacara

    Uma tecnologia que substitui a interação social por uma realidade virtual projetada por uma garrafa e faz o usuário ficar viciado de tal forma que faz preferir no final morar dentro da garrafa?

    Matrix, é você??

    https://uploads.disquscdn.com/images/c28105212e948fc6cb687986b906f5a50d2c04fba695768c0c2ff838a5fc0dd4.gif

  • Hemeterio

    Eu de novo: no ultimo video do Casey tem um gordalho la da California que vai td animado apresentar a namorada dele. é uma real doll. o cara traz a boneca numa cadeira de rodas. triste mas o sujeito parecia feliz. entao ta ok.

    • eu vi um documentário sobre caras que desistiram de procurar namorada e vivem com realdolls. Foi uma das coisas mais tristes que já assisti.

      • A parte boa é que é um suicídio a menos, mas ainda assim é triste.

        • Ivan

          pensei a mesma coisa, muito triste.

        • Bruno do Acre – (Etevaldo)

          Se eles estão felizes então tá ótimo…..melhor ser feliz sozinho dq morrer aos poucos por quem não merece kkkkk

          • Henrique Peres

            Se acha que o cara é realmente feliz tendo uma boneca como namorada? No minimo chora no banho todos os dias! Mas como o Lucas disse ali, é melhor isso do que suicídio!

      • alvaro lordelo

        Companheiros abatidos na friend Zone realmente difícil de recuperar bons soldados.

      • José Carvalho

        Ou uma das coisas mais felizes. A “felicidade enlatada”, assim como outros sentimentos sempre foi uma busca da humanidade, vide aí os entorpecentes, as compensações do entretenimento, carta, radio, TV, internet, etc que sempre tiveram um viés de substituição às interações sociais reais. O não é triste que um indivíduo (ou um grupo relativamente pequeno, isolado, específico) torne-se independente de outros seres humanos para ter sua felicidade e “vida sexual” (mereceu as aspas…) “ativa”. É triste ver uma sociedade inteira que caminha para a autodestruição através da falta de sexualidade crescendo de forma alarmante. O capitalismo em seu estado mais puro em conflito com uma sociedade com regras sociais rígidas que não se adaptaram e nem deixaram as pessoas se adaptarem ao novo mundo trazido pelas mudanças no ambiente Japonês (e mundial) pode levar o Japão a ter sua sociedade extinta no pior dos cenários previstos em uma pesquisa de 2013 que apontava 40% dos homens e 45% das mulheres com menos de 40 anos como assexuados e a taxa de natalidade nipônica. Neste cenário apocalíptico, melhor que ao menos as pessoas sejam felizes e não julguemos como elas chegam já, se elas não ferem ninguém…

    • Reinaldo Matos

      Não vi esses caso dos caras que se relacionam com realdolls, mas vi o caso de mulheres que resolveram criar uma boneca como filha ao invés de ter filhos…

      Era tão estranho que elas iam no fraldario dos shoppings trocar fralda e tudo mais.

  • Cristhian Suematsu

    Como assim, uma cafeteira que só fala e não faz café?! Blasfêmia!/O dia em que a ciência foi longe demais.

  • Daniel

    Imagine quando esse povo começar a customizar, nude mod, Arlequina Mod, Gamora… e por ai vai.

    • O (ex)Datilógrafo da AEB

      Tentáculos mod.

      • Ivan

        esse é dlc.

  • Black Bomberman

    Tá… Mas ela faz café? Meu cachorro quis saber…

    • Marcogro®

      …Com creme.

      • Flávio Simões

        Unrated!

    • Glauber Silva

      se fizer café já apaixonei

  • Theuer

    O vídeo é desolador.
    Se quiserem ficar apenas com o usual bom humor da matéria, apenas leiam o texto e ignorem o vídeo. 🙂

  • Fred Vanelli

    Essa galera tá é precisando de um Tinder

    • Vi uma entrevista com jovens japoneses recentemente, onde a entrevistadora fez a mesma sugestão sobre o Tinder. Eles responderam que até conhecem o app, mas não utilizam pois lá quem usa algo desse tipo é julgado como uma pessoa vulgar, que não se respeita ou até mesmo um desesperado.

      • E estão errados?

        • Alvaro Carneiro

          De forma alguma.

      • Cristhian Suematsu

        Ou seja, morra sozinho forever alone, mas morra com honra.

        • Cocainum

          O código dos samurais.

          Ou dos jogadores de LoL. Não lembro mais…

  • gfg

    Esse clip é tão depre que quase vale a tag NSFL.

  • Bruno do Acre – (Etevaldo)

    Citar o cachorro do Philip J. Fry foi crueldade.

  • Inquisidor

    no dia que a A.I. ficar nivel westworld e houver robôs sexuais eu serei o primeiro a pegar uma de cada raça, vou mesmo, mas antes disso não da não bro kkkkk

  • Flávio Simões

    “Isso é muito Black Mirror” – Pronto

  • “Mimimi, isso é triste”

    (corre pra ficar pendurado no Facebook interagindo com pessoas que não conhecem fora da rede e só saem de casa a contragosto)

    • Bruno do Acre – (Etevaldo)

      ODZ A GENTE VÊ POR AQUI.

    • OverlordBR

      Te cutuquei no Facebook, Pryderi!

  • PugOfWar

    Atingimos um novo nível de forever alone, pior que até pode bem ser usada em tratamento de depressão e outras doenças decorrentes de isolamento social.

  • Caipiroto, o Capeta Caipira 😈

    Do jeito que o comercial foi feito parece (só parece) que tudo nessa assistente foi desenvolvido pra suprir a lacuna social da galera forever alone…

  • Eric da Silva

    imagina lançar um assistente pessoal com gíria de funkeiro, que doideira ia ser…
    “Ok Creisson, que horas são?”
    –Coé mermão! tacomcudendopote? sô relógio não!

  • Lucas Timm

    Ali ela aparece em vários lugares diferentes da casa, certo?
    E se numa dessas de transportar a japinha do quarto pro banheiro.. digo, do quarto pra sala, da sala pra cozinha, etc, e ele derruba a coitada do móvel. É violência doméstica? Vale Maria da Penha?

  • DiGamer80
    • Jean Franco

      LEMBREI EXATAMENTE DISSO

  • Cesar Bianeck

    Cópia de um episódio do Black Mirror.

  • Não importa o nível máximo de tristeza, sempre haverá um nível a mais e, neste caso sempre será o cão Hachiko, nem Marley chega aos pés…

  • Alexandre Gomes

    Acho tão fofa a tolerância que o povo tem com os diferentes tipos de cultura.
    Palavras como “doente” e derivadas são as melhores <3

  • Christiano Nascimento Amorim

    ripoff chinês a $9,99 em 30 segundos e contando!

  • Tide “pepe” Hunter
  • rjesus993

    Não achei o vídeo deprimente, eu queria que existisse uma IA do nível do filme HER pra eu ficar conversando o dia inteiro, sei lá, antigamente as pessoas se importavam com as outras, liam coisas para ter assunto, assistiam filmes, hoje em dia, mesmo quando a gente encontra uma pessoa que lê muito, a maioria das vezes é um assunto que a gente não domina e ai não dá pra conversar, fazer amizades, mesmo quando a gente força a barra pra ter assunto a gente vai enjoando de ter que se esforçar pra conversar com a pessoa e acaba desistindo. Para quem têm muitos amigos tudo bem, mas para quem tem poucos e não tem com quem conversar sobre o que gosta, a IA supriria essa necessidade.

    obs.: tudo que falei, falo por minhas experiencias, com outras pessoas pode ser diferente.

    • Murilo Cardoso

      Sinto muito por tudo que você tem passado, cara. (abraço virtual)

  • Goodtimes

    “Só espero que o vidro seja lavável.”
    Cuspi aqui…….. o café!

  • major505

    Haha, quando vi a noticia a primeira coisa que lembrei foi o Dr. Krieger.

  • Mariano Santos

    E assim acaba a era das mulheres na terra.

  • -_-

    Puta merda, assisti o vídeo agora e me arrependi.

    Sendo otimista, pode ajudar pessoas que de outro modo talvez estejam para cometer suicídio..

  • Reinaldo Matos

    Triste… Pode ser, mas a cena mais triste que eu já vi, foi um extra do jogo Valiant Hearts do cachorro que passa em uma mina terrestre… Cara… Aquilo é triste demais, e o extra ainda termina com o “Epitáfio para um cão” de Lord Byron…

  • Zé Carioca

    Quero
    >2600 trumps
    Não quero mais

  • OverlordBR

    Dá para personalizar o holograma e colocar a princesa Leia de biquíni dourado no lugar?

  • Que coisa triste. Estragou meu dia…

  • OPa, só vi agora! Tinha visto a chamada, mas acabei deixando passar. Como vi o vídeo em outro lugar, lembrei dessa matéria. Parece coisa de putanheiro forever-alone, mas dada a forma como a sociedade japonesa se organiza, seus costumes, e o quanto as pessoas CARECEM de afeto, ter algo que minimamente simule uma companheiro TALVEZ seja um pequeno alívio para muitos deles.

Aproveite nossos cupons de desconto:

Cupom de desconto Locaweb, Cupom de desconto HP, Cupom de desconto Descomplica, Cupom de desconto Nuuvem, Cupom de desconto CVC, Cupom de desconto Asus, Cupom de desconto World Tennis