Satya estava certo: Surface Hub vendendo como pão quente pro mercado corporativo

whitlock-microsoft-surface-hub-leading-the-way-technology

Nosso indiano favorito já deixou bem claro que seu foco é o mercado corporate, isso significa que suas decisões são muitas vezes estranhas para nós meros consumidores. O Surface Hub foi uma delas. Um PC de Parede, com tela de 84 polegadas no modelo maior, concentrando toda a tecnologia touch, colaborativa e Office que eles possuíam.


Microsoft Surface Hub – Unlock the power of the group

O negócio é bem legal, mas será que o Quadro Branco Glorificado atrairia assim o mercado corporate, notório desconfiado de novas tecnologias? O preço era meio complicado. US$ 6.999,00 pela versão de 55 polegadas e poderosos US$ 19.999,00 pela de 84 polegadas.

Satya não quis saber. Pior ainda, decidiu que era melhor atrasar do que entregar produto pela metade. De setembro de 2015 o lançamento foi adiado para janeiro de 2016, e se não gostou, chora mais. Os preços ficaram US$ 2 mil mais caros. US$ 8.999,00 e US$ 21.999,00 para ser exato.

Resultado?

A estimativa da mídia especializada, de que as empresas comprariam um ou dois para experimentar foi mais furada que previsão de eleições nos EUA.

A média de aparelhos é de 50 por comprador. Em termos de clientes a Microsoft já vendeu o Surface Hub para mais de 2.000 empresas. Uma empresa automobilística comprou 1.500 unidades. Mesmo do mais barato isso dá US$ 13.498.500,00. É troco de pinga pra Microsoft, mas é um produto de nicho, que não deveria vender tão bem.

O motivo do sucesso? Segundo uma pesquisa encomendada pela Microsoft, é mais simples e prático que um projetor: as pessoas interagem mais em vez de ficarem sentadas vendo slides, e economizam entre 15 e 23 minutos por reunião.

23 minutos economizados por reunião em uma empresa com 1.500 Surface Hubs é algo que provavelmente paga o custo de implantação em um dia.

Ou seja: a gente pode até não gostar do que ele está fazendo mas o Satya sabe o que faz.

Fonte: Ars Technica.

Relacionados: , , , , , , , ,

Autor: Carlos Cardoso

Entusiasta de tecnologia, tiete de Sagan e Clarke, micreiro, hobbysta de eletrônica pré-pic, analista de sistemas e contínuo high-tech. Cardoso escreve sobre informática desde antes da Internet, tendo publicado mais de 10 livros cobrindo de PDAs e Flash até Linux. Divide seu tempo entre escrever para o MeioBIt e promover seus últimos best-sellers O Buraco da Beatriz e Calcinhas no Espaço.

Compartilhar
  • Jorge Dondeo

    Como não gostar de um treco maravilhoso desses?!?

  • Alvaro Carneiro

    No final das contas vê-se que o preço afinal não é algo complicado.

  • Atrollando Natuacara

    Droga! que coisa mais linda!

    Se tivesse dinheiro, faria isso… (sad…)

    https://uploads.disquscdn.com/images/25575fa4d0caa51e288d47affa4874409f5fe2ebda22d3545779fb3c33d35d79.gif

  • Rodrigo Primon Savazzi

    Já tem um tempo que a Microsoft tem colecionado mais acertos do que erros. Espero, sinceramente, que isso se repita com um possível Surface Phone. O mercado mobile precisa de um terceiro player de peso.

    • Lucas Timm

      Não precisa.

    • Claro que precisa.

    • Sim precisa

    • Vin Diesel

      Surfeice foni é algo que eu já tenho o dinheiro guardado. Só estou esperando homologar na Anatel e ficar disponível no ponto frio.

      • Raposão do Ártico 🦊

        a pronuncia é “surfaz”, não “surfeice”

        • Vin Diesel

          senão seria o telefone do zuckerberg

        • Sourfez*

        • achsanos

          surface [ˈsɜrfəs]

      • Paulo Ricardo Schwind

        Idem.

  • Satya estava certo: Surface Hub vendendo como pão quente pro mercado corporativo

    Isso mostra que, não importa o quão merda são suas ideias, não se pode errar pra sempre…

  • Theuer

    …e por que alguns me arrebentaram quando eu dizia que não fazia o menor sentido a MS acabar com o suporte do Skype às Smart TVs justamente porque quem mais usava era o mercado corporativo?
    Outra…
    Apple, qual a desculpa/dificuldade para não ter continuado com UMA linha de MacPros descente?! Até a MS tem seus lucrinhos com um novo nicho no mercado corporativo, custava você apenas não chutar a bundas dos seus clientes?

    • Lucas Timm

      É que o jogo virou, a Apple não tá acertando em quase nada nos últimos 3 anos mais ou menos.
      Não que os produtos não sejam bons, longe disso. Mas pra quê gastar 15 mil dólares num MacPro com todas as especificações se tu compra uma workstation HP ou Dell de 5 mil dólares com as mesmas configurações?
      Antes havia a desculpa do software, mas hoje, LightRoom, Photoshop e etc tem versões pra Windows e Mac, e o Windows já não dá mais (tanta) tela azul…

      • Theuer

        “a Apple não tá acertando em quase nada…”
        Sim, mas é isso que eu estou falando mesmo. POR QUE RAIOS a Apple não continuou com meia dúzia de cabeça de bagre atualizando decentemente a linha de MacPro que, além de não precisar ficar reinventando a roda a cada lançamento, tinha um grande público fiel e era de longe, o hardware mais lucrativo(por unidade) da empresa?

        É o que você falou, a Apple não tem acertado quase nada nos últimos anos. E o pior é que Infelizmente nem se coçará para voltar a “acertar”, porque essa safra de geração que habita o atual mundo compra o que está na moda independente de fazer sentido ou não.
        Abraço, boa semana.

      • Vin Diesel

        Cara eu tenho um PC e não uma workstation, mas eu a ultima vez que vi tela azul foi lá no tempo do Windows 7, nem nos 8 que ninguem gostou eu vi… Deve ser por isso que nuca mais vi alguem de mac, a maça foi para o bolso do povo….

        • Rafael Rodrigues

          Pois é. A falta de telas azuis tornou o Ano do Linux (TM) natimorto…

      • DiMais

        uma das maiores hagadas da Apple foi colocar todo o desenvolvimento de produto (software e hardware) nas mãos de uma única pessoa, já faz bastante tempo que o Jobs morreu pra ficar colocando tudo culpa na falta de inspiração dele, então não pode ser apenas uma infeliz coincidência o ‘declínio’ na qualidade dos produtos dela após John Ive assumir a parte de software apesar de Apple afirmar que isso traria maior integração aos seus produtos, não é isso que tem acontecido mais nem em produtos de uma (suposta) mesma geração (iPhone 7 e novos MacBooks, por exemplo).
        do lado da Microsoft, ela continua com uma equipe de software capitaneada pelo Terry Myerson e fez um nome se destacar no mundo da tecnologia com a linha de hardware, o Panos Panay.

      • Luiz Antonio

        Verdade! sem tela azul, agora ele (Win10) “só” congela por alguns segundos 🙁 🙂

      • Gesonel o Mestre dos Disfarces

        Fora que as produtoras de jogos estão correndo do MacOs e seu metal.

  • Mirai Densetsu

    Porra! 23 minutos de reunião economizados por dia é muita coisa mesmo.

    • depende, se forem centenas de reuniões (as vezes ocorrendo simultaneamente) pode ser alguma coisa, principalmente pq não vão mais ficar reféns daqueles slides idiotas

      • Mirai Densetsu

        Sem falar que a própria tela serve como entrada, o que é ótimo para apresentações de projetos e para reuniões de brainstorm.

        Pena ser tão caro.

        • espero que com o tempo ele se torne acessível, pelo menos para pequenas empresas

    • Diogo

      Multiplica isso por 10 funcionários participando da reunião e vê o ganho de produtividade…

      • DiMais

        mais especificamente, multiplica por 10 engenheiros, diretores, gerentes, presidentes e vê o custo/hora de cada uma dessas brincadeiras.

        • Diogo

          Exato…

  • Theuer
    • Rafael Carvalho

      #pqfasissu? 😀

  • O que ta acontecendo que do nada não consigo mais clicar e interagir com o site?

    • André Lima

      O IFrame do anuncio ta em cima da pagina, mesmo quando você fecha ele… alô Produção, vamo resolver isso dai!

      • Dan_Marx

        No meu caso é o banner contra o mosquito que incomoda mais que o próprio mosquito =

    • felipelsp

      Adblo… Não pera!!!

  • Vin Diesel

    Eu trabalhei em um lugar que tinha tanta reunião que eu trabalhava nas reuniões…

    • DiMais

      convocar uma reunião para agendar os assuntos da próxima reunião.

    • André G

      Neste momento estou em uma reunião inútil que não interfere em nada no meu trabalho, aposto que poderia ser resolvida com uma simples troca de e-mails entre duas pessoas, mas tem gente que gosta de fazer reunião para parecer que o assunto é mais sério do que parece.
      Aí quando tem algo que realmente merece uma reunião o assunto não é levado a sério.

      • Gesonel o Mestre dos Disfarces

        Desse jeito mesmo. parece exagero, mas é coisa que em DUAS LINHAS de email tá resolvido. Mas nãaaaaaaao, o povo quer marcar reunião.

  • Pablo Lukan

    Foco é tudo!

  • Giovane

    Eu participo de reiniões que a soma do custo por hora de todos os envolvidos passa de US$ 50.000,00. Economizar 30 min em UMA reunião já pagou o custo do aparelho.

    • Ariadna Grande

      ai q ryka adorei

  • Gesonel o Mestre dos Disfarces

    Quanto às estratégias do indiano, eu fico na minha que ele fica “Nadella”.

Aproveite nossos cupons de desconto:

Cupom de desconto Locaweb, Cupom de desconto HP, Cupom de desconto Descomplica, Cupom de desconto Nuuvem, Cupom de desconto CVC, Cupom de desconto Asus, Cupom de desconto World Tennis