Quem diria, Google alfabetizou sua IA com a Coleção Sabrina

sabrina-bianca-julia

Em 1935 a Companhia Editora Nacional começou a publicar no Brasil um ama série de livros de romance açucarados, voltados exclusivamente para o público feminino. as chamadas Coleções Azul, Rosa e Verde foram editados por aqui até 1960, quando o selo da assim chamada “Biblioteca das Moças” (como a Coleção Verde era popularmente conhecida) entrou em declínio. Somente em 1977 a Nova Cultural tentou a sorte de abocanhar esse mercado de leitoras até então desamparado, e lançou nas bancas a primeira edição da Coleção Sabrina. O sucesso foi tanto que nos dois anos seguintes os selos irmãos Júlia e Bianca chegaram ao público emulando o formato das coleções da Editora Nacional.

Assim a série Bianca, que substituiu a Coleção Azul trazia romances recatados de forma mais lírica e poética; o Júlia, que fazia as vezes do Rosa trazendo temas mais calientes (nada pornográfico) e protagonistas decididas era voltado a mulheres mais liberais e por fim o Sabrina, assim como o Verde era focado nos clássicos dramalhões, no melhor estilo das novelas mexicanas. Sem surpresa este era o mais popular, com tiragem de 600 mil exemplares MENSAIS. A mulherada comprava feliz e o jornaleiro contava a grana e agradecia.

A principal característica desses romances de banca era a linha-guia: tanto os publicados aqui quanto no exterior seguem uma estrutura tão rígida e uniforme que mais parece receita de bolo. Os contos sempre tinham finais felizes, sem exceções. Os pontos diferiam muito pouco entre eles, haviam cenas de drama, cenas de amor pra lá de exageradas e no fim, tudo dava certo. Até hoje esses livros seguem tal cartilha.

E esse gênero de literatura imutável se mostrou extremamente útil para o Google.

Andrew Dai, engenheiro de software responsável pelo sistema de inteligência artificial de Mountain View alimentou o algoritmo com quase três mil publicações do tipo nos últimos meses, a fim de tornar sua capacidade de se relacionar com o usuário mais fluída. Como o formato dessas publicações é simples ao extremo, não fugindo do clássico “mulher gosta de homem que gosta de outra mulher” ou trazendo variações mínimas o sistema acabou por construir um vocabulário muito simples e muito relacionado, que lhe permite se expressar de forma mais humana e a entender melhor o interlocutor.

As aplicações são várias, desde tornar o Google Now mais amigável como melhorar o algoritmo das Respostas Automáticas do Inbox. A IA absorveu rapidamente e está aprendendo, a estrutura desses romances é tão simples que ela própria conseguiu formar sentenças próprias de forma bem dinâmica, à semelhança dos livros. Portanto não estranhe se num futuro próximo o Google Now lançar um romance do tipo sobre o amor impossível entre duas inteligências artificiais.

Fonte: BuzzFeed.

Relacionados: , , , , , , , , ,

Autor: Ronaldo Gogoni

Um cara normal até segunda ordem. Além do MeioBit dou meus pitacos eventuais como podcaster do #Scicast, no Portal Deviante.

Compartilhar
  • Tartaruga Mutante

    E se um engraçadinho inserir uma revista “adulta” aí, vai virar outra Tay.

    • Não por que a Tay além de tarada gostaria de BSDM, além de se mostrar uma vadia preconceituosa.

  • Super Suporte

    ufa, finalmente o feed voltou. já estava a mais de uma semana sem passar por aqui

  • Roteirista de novela chegará ao fim, já que aquelas bostas são todas iguais, basta mudar o nome

    Curiosamente, o Isaac Asimov já tinha um conto assim

    • Lucas Linki

      A rede globo já deve usar um gerador de lero-lero pra escrever os roteiros… Esse é o Brasil à frente do mundo…

      • ricms

        O problema é quando a Globo resolve fazer algo mais apurado não dá audiência. Velho chico perde para novela das 6 que segue o tema açucarado. Já tivemos produções memoráveis, mas fazendo até 4 novelas ao mesmo tempo é óbvio que só algumas vão se destacar. Não sejamos tão vira latas.

        • Alberto Prado

          Exatamente. E olha, nem curto a Globo. Mas de vez em quando ela lança coisas decentes. Mas acaba que viram um fracasso de audiência. Culpam a Globo por tudo, mas acho que a sociedade em si também tem uma boa parcela de culpa.
          No final das contas ela é um empresa é quer lucrar. Se povão quer circo, dê circo então…. =T

          • ricms

            .

          • Alberto Prado

            Juro que to tentando achar o fio da meada, mas não deu não…

          • Theuer

            Ahahaha, incrível!
            O cara tem delay de umas cinco~oito matérias, o comentário daqui, ele postará na primeira matéria lá de segunda-feira. 🙂

          • ricms

            Kkkkkk falha no engano

          • E. Bicalho

            Oi?

          • Theuer

            Culpam a Globo pelo atraso da sociedade e blá blá blá, e fazem isso com textão de Facebook que é onde passam boa parte do dia TODOS os dias.

          • Rede Globo, uma das coisas que os sofativistas adoram odiar.

        • Theuer

          Cara, teve uma semana que era troca de novelas do “Vale a pena ver de novo” e com isso passavam o final de uma novela junto com o começo da outra, resultado: 2 + Malhação + as 3 da noite + aquela que o Raj comia todo mundo. SETE NOVELAS POR DIA! hehehe
          Realmente algumas TEM que ser ruins e outras melhorzinhas.

  • Lucas Timm

    Um conto lesberótico entre a Siri e a Cortana!

    • AHSOliveira

      Dat codes

  • Carlos Magno GA

    Quanto tempo até criarem a máquina de fazer contos “educativos” de 1984?

  • Maom

    Deveriam ter feito o mesmo com a Siri… As vezes acho ela muito fria. Mal comida, falta romance na vida dela.

    • “Falta romance na vida dela” ASUHSAUHSAUAHSUSAHU

    • Theuer

      Eternamente complexada com seu nome.

  • Maom

    Temos aqui uma dica do Gogoni na hora da conquista. Se vc se encontrar em uma fila do INSS e tiver 3 senhoras igualmente belas, e cada uma delas estiver lendo uma das 3 coleções (Júlia, Bianca e Sabrina). Vai na que estiver de bochechas rubras lendo Júlia. É sucesso! Passem essa dica para seus avôs.

  • Quando eu era moleque cheguei a ler um desses Sabrinas.

    Recentemente, quando tentei ler o tal “50 tons…” não consegui NÂO fazer a relação.

    Tanto que, quando alguém me pergunta sobre o tal livro, sempre respondo: “É um Sabrina sadô-masô, só isso.”

    • Souvlaki

      Também li muitas! Kkkkk

  • Nossa, a IA do Google agora precisa de um reset. Bom pelo menos ainda não virou uma adolescente nazista.

  • Estou melhorando minha habilidade em jogos FPS tendo que desviar da propaganda em milissegundos, quando vou descer o mouse pra barra de tarefas.

    Obrigado MeioBit!

  • Rolando

    Surpreendente.

  • “Andrew Dai, engenheiro de software … alimentou o algoritmo com quase
    três mil publicações do tipo nos últimos meses, a fim de tornar sua
    capacidade de se relacionar com o usuário mais fluída.”

    Se essa I.A. fizer o que eu pedir sem dramas, sem fazer cú doce, e não ficar me contrariando e ameaçando de morte em certa semana todo mês, tô no lucro. =P

  • “não estranhe se num futuro próximo o Google Now lançar um romance do
    tipo sobre o amor impossível entre duas inteligências artificiais.”

    Essa “I.A. no Google Now” e a “Tay da Microsoft” será que daria um BSDM?

  • Claudio Roberto Cussuol

    Quer dizer que quando a skynet vier nos dominar a IA já terá lábia suficiente para enrolar nossas mulheres?

  • poeiradasestrelass

    Jaja escreve fanfic

  • Tiragem de 600 mil edições?!? Não seria “Tiragem de 600 mil exemplares”?

  • Já que está usando a coleção Sabrina, também poderia usar a dissertação de mestrado do Sr. Tedson de Souza.

    É a mesma coisa.

  • Manoel Jorge Ribeiro Neto

    Agora o Google deveria deixar o Twitter como babá de sua IA. Seria interessante ver a IA se tornar uma adolescente nazista que gosta de romances açucarados 😛 !

  • ²He

    Poderiamos dizer que a Alphabet alfabetizou sua IA?

  • Julio Verner

    Foi daí que surgiu o Machismo? Ou foi por ele que chegaram a essas Novelinhas? Bons tempos!

    Agora usam disso pra ensinar as máquinas a prepararem sanduíches…

Aproveite nossos cupons de desconto:

Cupom de desconto Locaweb, Cupom de desconto HP, Cupom de desconto Descomplica, Cupom de desconto Nuuvem, Cupom de desconto CVC, Cupom de desconto Asus, Cupom de desconto World Tennis